Websérie aborda histórias reais para refletir protagonismo jovem nos dias atuais

Fragmentos de Nós Dois está com estreia marcada para 28 de outubro. Com formato pensando no "mobile", a série será transmitida via Instagram

Foto: Divulgação/JeanSalustiano

Jornal GGN – Histórias reais de amor vividas por jovens de todo o país dão vida às cenas da websérie “Fragmentos de Nós Dois”, com estreia marcada para 28 de outubro. Com formato pensando no mobile, a série será  transmitida via Instagram.

A Companhia dos Solilóquios realizou uma convocatória em agosto e colheu diversos relatos que deram início ao processo criativo, roteirizado pela dramaturga, atriz e roteirista Bruna Vilaça. A produção é da Recicla Filmes e a realização do Centro Cultural São Paulo.

As histórias de amor reais se transformaram em seis capítulos de “Fragmentos de Nós Dois”, que ganhou o formato de tela vertical 9:16, pensando justamente para a ferramenta de vídeos do Instagram, o IGTV. “Pretendemos fazer com que a série dê ao jovem a sensação de segurar cada história em suas mãos”, disse o grupo em nota.

“Através do celular muitos jovens nos enviaram seus relatos de amor e desamores. E entendemos que para eles isso foi o mais próximo que uma carta de amor pôde chegar nesses tempos de privação que vivemos. Agora, também através do celular, queremos devolver essas histórias transformadas em arte. Uma espécie de acolhimento em tempos de tanta privação e uma forma de estar perto”, comentaram Weslley Nascimento e Bruna Vilaça, da Companhia dos Solilóquios.

A websérie é um dos resultados do projeto de mesmo nome, que mescla diferentes linguagens artísticas como teatro, cinema, artes visuais e literatura para valorizar o protagonismo dos jovens em cena.

“Fragmentos de Nós Dois é um convite a adentrar neste universo e compreender que a juventude tem muito mais a nos dizer do que os formatos caricatos que como praxe são utilizados para retratar essa fase da vida”, completou o grupo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora