Fracasso anunciado na vacinação faz do Brasil o pior lugar do mundo, por Gustavo Conde

A pandemia já se transformou em mais um capítulo da luta de classes sangrenta no Brasil: morrem mais negros, pobres, indígenas e vulneráveis.

Freepik

Fracasso anunciado na vacinação faz do Brasil o pior lugar do mundo

por Gustavo Conde

O Brasil é único país no mundo em que a vacinação pode piorar a crise sanitária.

Por quê?

Que consequências vocês acham que um protocolo caótico de vacinação pode gerar?

Vacinação em massa exige planejamento, responsabilidade e inteligência. Mas, mais do que isso, exige qualidade de informação.

Muitos brasileiros estão pensando que a vacinação “resolve o problema”, inclusive governadores e prefeitos. Calculem a catástrofe.

Os “vacinados” irão afrouxar os protocolos de segurança – porque “estão vacinados” e farão vir novas ondas pandêmicas.

Eu já ouvi de muita gente a seguinte sentença: “Ah, depois que eu me vacinar eu não preciso mais me preocupar”.

Gente de esquerda. Gente anti-Bolsonaro.

Esse coquetel do horror ‘Bolsonaro + pandemia’ é uma amarga lição para todos nós. A pandemia não vai acabar amanhã. Nem Bolsonaro.

Ambos vieram para ficar.

Nós, aqui no Brasil, poderemos ficar presos à catástrofe sanitária e política por anos a fio. Até porque, ambas interessam ao sistema: coíbem as manifestações de rua e truncam o jogo político da sucessão.

Mais: a pandemia já se transformou em mais um capítulo da luta de classes sangrenta no Brasil: morrem mais negros, pobres, indígenas e vulneráveis.

A elite se salva, como sempre.

Eis a carnificina perfeita para o fascismo se criar por longo período.

Acham que estou pessimista?

Vocês já se perguntaram se alguém aparecesse em 2019 prevendo tudo o que está acontecendo agora? Como essa pessoa seria taxada?

Vocês já imaginaram se alguém aparecesse em 2018 prevendo tudo que aconteceria em 2019?

Vocês já imaginaram se alguém aparecesse em 2017 prevendo tudo que aconteceria em 2018?

Vocês já imaginaram se alguém aparecesse em 2016 prevendo tudo que aconteceria em 2017?

Vocês já imaginaram se alguém aparecesse em 2015 prevendo tudo que aconteceria em 2016?

Pois é. Não seriam nem taxados de pessimistas, seriam taxados de apocalípticos.

Enfrentar a realidade não é ser pessimista, catastrófico ou apocalíptico. É ser apenas responsável.

O Brasil é o desastre mais desastroso do planeta neste momento. Não tem liderança, não tem governo, não tem esquerda, não tem jornalismo, não tem perspectiva.

O mundo está em crise, mas o Brasil está em coma.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome