Petrobras supera média mensal de 1 milhão de barris por dia no pré-sal

Jornal GGN – A produção da Petrobras na camada do pré-sal teve um aumento de 6% no mês de julho na comparação com o mês anterior. O volume total foi de 1 milhão, 320 mil barris de óleo equivalente por dia (boed).

Em 8 de julho, o navio plataforma FPSO Cidade de Saquarema entrou em produção no sistema de Lula Central,  o que foi decisivo para o aumento de produção no pré-sal. Além disso, os poços interligados ao FPSO Cidade Maricá e ao FPSO Cidade de Itaguaí também registraram crescimento na produção.

Excluindo o gás natural da equação, a produção de petróleo operada pela Petrobras na camada do pré-sal, contando o volume que pertence aos parceiros, também bateu recorde em julho. A média foi de 1,06 milhão de barris de petróleo por dia (bpd).

É a primeira vez que a marca mensal de 1 milhão de bpd é superada. Além disso, em 20 de julho um nove recorde diário foi estabelecido: 1,11 milhão de barris.

A produção de gás natural no país, excluído o volume liquefeito, foi de 79,4 milhões m³/dia, 0,7% acima do mês anterior (78,8 milhões m³/dia), atingindo um novo recorde mensal. A produção média de gás natural no exterior foi de 16 milhões m³/d, 7% abaixo dos 17,2.

Mesmo assim, a produção total de petróleo e gás natural em julho se manteve apenas estável, com 2,89 milhões de boed.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

3 comentários

  1. Já falei várias vezes aqui ….

    O PRÉ-SAL PODE SER UM DEPÓSITO EQUIVALENTE A ARÁBIA SAUDITA (isto não é ainda confirmado, mas tudo diz que se dirige neste sentido.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome