Bolsonaro pede que agricultores não exportem tanto: “bagunça o preço do óleo de soja”

De acordo com o presidente, excesso de exportação “bagunça” o preço do óleo de soja no país.

Alan Santos – PR

Jornal GGN – O presidente Jair Bolsonaro vai em apoio do mercado interno e pede aos agricultores que não exportem tudo, deixem um pouco da produção no Brasil. De acordo com o presidente, excesso de exportação “bagunça” o preço do óleo de soja no país.

O pedido foi feito a um pequeno grupo de apoiadores, da parte do agronegócio. Na conversa, um homem se identificou como sendo do setor de armazenagem de grãos e outro como produtor.  Bolsonaro então explicou que a venda de estoques para fora faz aumentar o preço interno do óleo.

Daí quando ficou sabendo que um dos apoiadores armazenava milho, soja e arroz, e que o ano de 2020 tinha sido o melhor para o setor, o presidente perguntou se ele exportava tudo ou deixava um pouco da produção no Brasil.

E aconselhou? “Tem que ficar um pouco aqui. O preço tá bom também, né? Tem que ficar senão bagunça o preço do nosso óleo de soja”.

Com informações do Metrópole.

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Bo Sahl

- 2020-10-27 21:12:57

Este despresidente adolinquente pensa que está numa roda de praia batendo papo sobre amenidades. Fazer algo de relevante, não faz, mas fala pelo menos umas 3 a 6 bobagens por dia, distraindo-nos da tragédia braZileira que estamos vivendo com ele (e olha que o futuro em destruição ainda nem chegou, hein!). Não sabe quase nada, mas tem aquela "velha opinião formada" sobre quase tudo (®Raul Seixas).

Lúcio Vieira

- 2020-10-27 15:43:43

O presidente que sofre a ascendência dos filhos malcriados, dos perfis seguidores de seu perfil, acha que estoque regulador é o "livre mercado" quem organiza. Não dá para saber de verdade se é maldade (ao iludir o povo de que presidir significa, pedir e ser atendido), ignorância (por não saber primariamente, como o mundo econômico funciona de fato) ou ingenuidade (por achar que sua bic azul, tem valor).

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador