Governo acusa Glenn Greenwald de cometer um crime que não existe no Brasil

Na tentativa de defender posicionamento de Bolsonaro, porta-voz da Presidência, Otávio Rego Barros, também não soube especificar o suposto crime cometido pelo jornalista

Porta voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros | Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Jornal GGN – O inciso XIV do art. 5º da Constituição Federal garante o sigilo da fonte jornalística. Portanto, a luz das leis brasileiras, mesmo que tenham sido obtidas por hacker, o editor-chefe do The Intercept Brasil, Glenn Greenwald não cometeu crime algum ao divulgar as mensagens dos procurador da Lava Jato, envolvendo o então juiz Sergio Moro.

Apesar desse fato, o presidente Jair Bolsonaro declarou nesta segunda-feira (29), que Greenwald infringiu as leis. “No meu entender, ele [Glenn] cometeu um crime. Em qualquer outro país, ele estaria já em uma outra situação. Espere que a Polícia Federal chegue realmente, ligue os pontos todos”, disse sem definir o crime.

No mesmo dia, durante uma coletiva à imprensa, o porta-voz da Presidência, Otávio Rego Barros, voltou a afirmar que o editor do Intercept cometeu um crime.

Ao ser questionado por repórteres do UOL, Folha de S.Paulo e O Globo, qual seria o crime de Glenn, o general não soube especificar. Ele responde em tom autoritário, questionando aos ouvintes: “Há alguma dúvida de do crime?”. “Por parte do presidente” não havia”, completou.

Depois de um curto período de silêncio, um jornalista voltou a perguntar qual seria o crime. Rego Barros foi taxativo:”Repito: há alguma dúvida que houve cometimento de crime? Próxima pergunta”.

Não satisfeito, o repórter pediu para que o general especificasse o crime, foi quando Rego Barros pegou uma folha para reler as palavras de Bolsonaro – que também não especificou o crime – concluindo que a invasão de celulares é “crime e ponto final”.

“O presidente não colocou em xeque, sequer, em momento algum a liberdade de imprensa”, insistiu Rego Barros. Quando o jornalista perguntou, então, se a acusação do governo era que Glenn havia atuado como hacker, o general respondeu: “No todo. Vocês têm que entender o contexto no todo”.

O porta-voz da presidência, general Otávio Rêgo Barros, é mais retardado do que o próprio presidente.

Posted by Fernando Andrade on Tuesday, July 30, 2019

15 comentários

  1. He!He! Vergonha se passa com amaciante e ferro quente.
    O porta-voz do bozo, o indigno, deveria saber disso.
    Se o bozo disse que houve crime, é porque houve crime.
    Se não há lei que o defina, não importa, a vontade dele é a lei do momento.
    Qual parte esses jornalistas não entendem?

  2. Alguém diga para este sujeito que todos nós “entendemos no todo” desde o dia que fake Bolsonaro foi eleito presidente.

    2
    1
  3. O presidente acéfalo dirigiu ofensas perversas ao presidente da OAB, unicamente porque entende que o sigilo telefônico de um advogado não deve ser respeitado.
    Então o acéfalo presidente deveria pedir para quebrar também o sigilo do telefone do advogado do Flávio Bolsonaro e do Queiroz. Que tal?

    2
    1
    • Acéfalo é quem esconde a verdade transparecendo uma imensa insanidade doentia, o presidente da OAB chama uma advogada de PUTA pelas redes, chama o ministro moro de chefe de quadrilha e dai quer pagar de vítima, quem fala o que quer ouve o que não quer seu acéfafo esquerdopata!

      1
      2
      • Então pode quebrar o sigilo telefônico do advogado do Bozo 01 ?
        Acho que os milicianos não permitirão isso… Mais fácil eles assassinarem o advogado do Adélio.

      • Está ficando cada vez mais difícil passar pano na lama em que o Marreco e o Bozo se enterraram, né Rudiber?
        Não esquenta a cabeça, estou vendendo lenços e lhe passo o telefone caso tenha interesse.
        Os coxinhas, bozoloides e direitopatas estão tendo um trabalhão.

  4. Se um caea trabalha das 4 à meia-noite, deixa a mulher na mão?
    Alguém tem q “comparecer”.
    O Queiróz ?
    VAI PRA CASA PADILHA !!

  5. Diria que esse porta voz é a cara de Bolsonaro se não fosse a mente. Está mais para um estafeta do que para um general e mais para um menino de recados do que um porta-voz da presidência.

  6. Acéfalo é quem esconde a verdade transparecendo uma imensa insanidade doentia, o presidente da OAB chama uma advogada de PUTA pelas redes, chama o ministro moro de chefe de quadrilha e dai quer pagar de vítima, quem fala o que quer ouve o que não quer seu acéfafo esquerdopata!

    • Então pode quebrar o sigilo telefônico do advogado do Bozo 01 ?
      Acho que os milicianos não permitirão isso… hahahahah…

  7. Diz o presidente:”No meu entender, ele [Glenn] cometeu um crime. Em qualquer outro país, ele estaria já em uma outra situação.” Verdade, na Venezuela ele já estaria preso, ou em Cuba. Acho que o presidente só vai ficar feliz quando o Brasil virar a Venezuela!

  8. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome