newsletter

Luis Nassif Online

Blogs e sites independentes são sufocados por onda de ações judiciais comandada pela velha mídia; por Luis Nassif
125 comentários
O ponto que unifica todas as teses das diferentes correntes internas é a crítica ao ajuste fiscal do governo Dilma
17 comentários
Programa aborda hoje o papel do país asiático como agente indutor de desenvolvimento na América Latina

Inquérito contra Levy Fidelix é arquivado

Enviado por antonio francisco

Jornal GGN - A Justiça eleitoral arquivou investigação contra Levy Fidelix (PRTB) acusado de discurso de ódio à comunidade LGBT durante debate da campanha presidencial de 2014. No documento, o promotor eleitoral Silvio Antonio Marques afirma que “No Brasil, por inércia do legislador federal, o Código Penal e o Código Eleitoral não tratam de crimes contra as minorias ou contra coletividades determinadas. Os crimes contra a honra, dos quais a injúria é espécie, são, por sua vez, espécies dos crimes contra a pessoa, tem como sujeito passivo pessoa determinada.”

Leia o arquivamento na íntegra

Leia mais »

Média: 1.3 (8 votos)

Complexo da Maré no contexto da violência e desigualdade

Enviado por hemat
 
Do Vermelho.org
 
 
 
 
O lugar é estratégico para o Estado, que precisa tirar do controle do tráfico uma população estimada em 129 770 habitantes, pelo censo de 2010 e que vivencia cotidianamente situações de violência que coloca esse bairro no ranking das mais brutais do município do Rio de Janeiro: Foi quase sete vezes maior do que na Rocinha no ano de 2009.

Leia mais »

Média: 2.3 (3 votos)

MP paulista isenta corrompidos e só indicia corruptores

 

Jornal GGN  - O Ministério Público paulista propôs nova ação contra seis executivos acusados de participar de cartel nas licitações das linhas 1 e 3 do Metrô. A denúncia do promotor Marcelo Mendroni envolve diretores das empresas Tejofran, Temoinsa, Alstom e MPE, mas não cita funcionários do Metrô. O valor das licitações sob suspeita superar R$ 1 bilhão e as fraudes teriam ocorrido entre 2008 e 2009, no mandato do então governador José Serra. 

Da Folha

 
DE SÃO PAULO - O Ministério Público de São Paulo ofereceu denúncia contra seis executivos acusados de operar um cartel para fraudar licitações das linhas 1 e 3 do Metrô.
 
Os crimes teriam ocorrido entre 2008 e 2009, quando o senador José Serra (PSDB-SP) era o governador do Estado. O valor das licitações sob suspeita de fraude é de R$ 1,75 bilhão.

Leia mais »

Média: 2.7 (7 votos)

A obra de Délcio Carvalho

Por João

Délcio Carvalho (Campos dos Goytacazes, 9 de março de 1939) é um cantor e compositor brasileiro, notório por sua parceria de longa data com Dona Ivone Lara. Leia mais »

Vídeos

Veja o vídeo
Veja o vídeo
Veja o vídeo
Veja o vídeo
Média: 5 (1 voto)

Evaldo Cabral de Mello, O Casmurro

Enviado por Photios Andreas Assimakopoulos

Da Revista Piauí

O Casmurro

Rafael Cariello

“O enigma brasileiro está aí a olhos vistos; não há enigma nenhum”, disse, com ênfase. “Esses explicadores do Brasil estão ficando irrelevantes. Porque o Brasil está se tornando uma sociedade de massas. Já havia essa tradição, em outros países. O Brasil herdou essa mania da Espanha e de Portugal, que, como a Rússia, foram sempre países periféricos em relação ao capitalismo. Eram países que não davam certo – que não deram certo no século XIX – e viviam se perguntando qual era o problema com eles. Era um problema de autoanálise, de autoajuda até.”

A América Latina, disse Evaldo, herdou essa tradição da periferia da Europa – e por razões idênticas. “É uma forma de narcisismo coletivo. Você fica se perguntando: ‘Por que é que eu sou assim?’ Não tem enigma nenhum, pô. A gente sabe o que é. Corrupção, incompetência, falta de caráter. A gente sabe perfeitamente o que é o enigma brasileiro, não precisa ficar procurando. O Brasil é metade falta de caráter – corrupção –, metade incompetência. Você pode explicar quase tudo o que acontece no Brasil por uma dessas duas metades do mesmo fenômeno.”

Leia mais »

Imagens

Média: 2 (9 votos)

Um Guaraná Jesus com Mecca-Cola, please

Por Fábio de Oliveira Ribeiro

Topei hoje no Facebook com uma crítica ácida ao mercantilismo evangélico. A usuária da rede social faz referência ao perfume com cheiro de Cristo, às vassouras ungidas vendidas a mil reais, esperma de deus, loteamento no céu, etc… e ao Guaraná Jesus. Ela sugere o seguinte link: http://notificaja.blogspot.com.br/2015/03/guarana-jesus-vende-mais-que-coca-cola.html . Leia mais »

Média: 3.6 (12 votos)

Um Maio Para Ouvir

Enviado por Antonio Ateu

O MEU MÊS DE MAIO

quando chega maio

eu  descanso e caio

quando chega maio. 

Leia mais »

Média: 5 (3 votos)

O perfume lucrativo da fé

Por Charles Leonel Bakalarczyk

Sem pretender desrespeitar as pessoas que depositam sua fé em uma crença religiosa - a liberdade de crença e de culto é um direito constitucional, nunca é demais assinalar - mas não há como ignorar o mercantilismo que se consolidou em grande parcela das associações religiosas.

Muitas igrejas agem como empresa e gerenciam um negócio lucrativo, o rito religioso tem papel secundário, primeiro vem a "fatura" mediante a oferta de produtos no mercado da fé...

Bispa Sônia Hernandez lança perfume com cheiro de Jesus.

A Bispa Sônia Hernandez, lançou no último sábado (15) uma linha de cosméticos de  nome “De bem com a vida” no valor de R$ 79. O perfume “exala o bom cheiro de Cristo”, afirmou Fernanda, filha da Bispa.

Leia mais »
Média: 2.3 (3 votos)

JK, Chateaubriand e Zé Maria Alkmin divagam sobre a construção de Brasília

Por Sebastiao Nunes

Setembro de 1952. Fim de tarde na Cinelândia. Numa mesa do Amarelinho, três homens bebericam chope. Percebe-se que são pessoas importantes, de terno e gravata, perfumados, contrastando com os fregueses habituais.

            – Conhecem a última do Benedito Valadares? – perguntou Zé Maria, deputado federal, conhecido pela língua afiada.

            – Conta aí, Zé – respondeu o mais espigado deles, Juscelino, então governador de Minas, sorriso preparando-se para virar gargalhada.

            “– Benedito chegou a Juiz de Fora e perguntou ao correligionário: – Que bom te ver, Fulano. E seu pai, tem passado bem? – Meu pai morreu, doutor Benedito. – Morreu para você, filho ingrato. Mas está bem vivo no meu coração!”

            Riram tão alto que atraíram a atenção das mesas vizinhas.

O NEGÓCIO É O SEGUINTE

            JK viera ao Rio para reivindicar recursos federais. Depois de visitar Getúlio no Catete e Horácio Lafer no ministério da Fazenda, passara pelo Senado e pela Câmara. A mesma ladainha de sempre: Minas estava à mingua, desse jeito não haveria progresso, impossível governar sem dinheiro, metade das obras paralisadas etc. Encerrada a missão e certo de ter feito bom trabalho, decidira aproveitar o fim de tarde calmamente. Ligara para Chateaubriand e, Zé Maria a tiracolo, mandara-se para o Amarelinho. Mal haviam pedido chope quando chegou, esbaforido, o jornalista, dispensando o motorista.

Leia mais »

Imagens

Média: 4 (3 votos)

O primeiro filme falado do cinema

Enviado por Jota A. Botelho

Comentários sobre o post de Laura Macedo: O cinema falado nasceu cantando


Multidão na porta do cinema, na estreia de O Cantor de Jazz

1927, Estreia O Primeiro Filme Falado



A sétima arte nunca esteve tão moderna. Hoje em dia existem salas de exibição com tecnologia 4D – isso mesmo, não basta mais assistir em três dimensões, o espectador agora pode ter a sensação de estar dentro do filme, com direito a fumaça, movimento, chuva e até cheiro. Quem olha assim – sobretudo os mais jovens – nem se dá conta de que em um passado não tão distante o cinema se resumia a imagens em movimento – sem som e muito menos qualidade de imagem HD.

Pois há quase 88 anos o mundo entrava em êxtase com a integração de algo que hoje é tão simples e imprescindível: o som. Foi o início de uma nova era, a do cinema falado. Aconteceu no dia 6 de outubro de 1927 com a exibição de "O Cantor de Jazz" (The Jazz Singer), de Alan Crosland, em Nova York. O filme foi o primeiro a ter passagens faladas e cantadas e a usar um sistema sonoro eficaz, conhecido como Vitaphone, lançado um ano antes, em 1926, pela Warner Bros.
Leia mais »

Média: 5 (3 votos)

Cena paulistana: a história dos Arcos do Bixiga

Enviado por Adir Tavares

Do São Paulo Antiga

Os Arcos do Bixiga antes do Jânio

Por 

A Praça dos Artesãos Calebreses, apelidada pelos paulistanos de “Arcos do Jânio” esteve na pauta de discussão no início de 2015 com a polêmica decisão da Prefeitura de São Paulo de permitir a grafitagem neste patrimônio histórico paulistano.

Decisão acertada ou não – já falamos sobre isso aqui – o fato é que poucos sabem ou se lembram de como era a região das ruas da Assembleia e Jandaia antes da redescoberta dos arcos.

Divulgação

Valendo-se dos poucos dados oficiais disponíveis, estima-se que os arcos foram construídos entre 1875 e 1877 após chuvas torrenciais que atingiram a cidade em 1873 terem provocados grandes deslizamentos de terra entre as ruas Jandaia e Assembleia, esta última na época chamada de Travessa Santa Cruz.

Para evitar uma tragédia como o deslizamento da rua Jandaia foi decidido erguer ali um muro de arrimo. E para tal foram chamados alguns imigrantes italianos que viviam na região, que optaram por usar em sua construção as técnicas que já dominavam em seus países de origem. Foram usadas pedras italianas para a obra do arco, uma vez que não havia naquela época essas pedras por aqui.

Com a construção do muro de arrimo tudo se acalmou e aquela região voltou a seu cotidiano normal, tendo a cidade também seguindo seu curso normal de desenvolvimento. A obra na época não era vista como um patrimônio histórico, mas como uma obra pública comum.

Leia mais »

Média: 5 (5 votos)

Últimas do caso Telexfree

Enviado por antonio francisco

11 de maio de 2015:

Várias empresas do setor são acusadas de operar pirâmides, o que é considerado crime contra a economia popular. Dirigentes da Bbom e da TelexFree já tiveram seus bens bloqueados pela Justiça e estão sob investigação da Polícia Federal. Cerca de 30 empresas estão sendo investigadas.

http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/ECONOMIA/487660-COMISSAO-ARQUIVA-INVESTIGACAO-SOBRE-EMPRESAS-DE-MARKETING-MULTINIVEL.html

2 de maio de 2015:

Ernest Young produz novo laudo sobre caso Telexfree no Acre:

http://www.conjur.com.br/2015-mai-02/ernst-young-produz-laudo-telexfree-acre

7 de abril de 2015:

Juíza do caso Telexfree dá prazo de 30 dias para manifestação sobre laudo

http://g1.globo.com/ac/acre/noticia/2015/04/juiza-do-caso-telexfree-da-prazo-de-30-dias-para-manifestacao-sobre-laudo.html

Leia mais »

Média: 4.8 (5 votos)

Movimentos de rua e o barulho de panelas no Brasil, hoje

Enviado por Webster Franklin

Autoria do amigo Oscar Sales da Cruz

MOVIMENTOS DE RUA E BARULHO DE PANELAS NO BRASIL, HOJE.

Oscar Sales da Cruz

Malgrados os ingentes esforços da aliança PSDB/DEMO/GRANDE MÍDIA, partidos hoje fundidos num só,  o PT sagrou-se vencedor em quatro pleitos para a Presidência da República: LULA 2002/2006, DILMA 2010/2014. Essa Aliança tinha suas baterias voltadas para o PT desde antes quando LULA se lançou candidato pela primeira vez em 1989. Era favorito, mas foi derrotado graças a um “golpe baixíssimo” que a Globo tomou pra si a missão de aplicar dando a vitória ao candidato das elites Fernando Collor de Melo. Este, superestimando seus poderes de presidente, tantas e tantas aprontou que resultou apeado do poder pela força do povo. Assumiu o vice Itamar Franco. Pelos seus ares nacionalistas, Itamar logo desagradou às oligarquias que, juntamente com seus parceiros, Mídia à frente, encetaram uma campanha, sórdida como de praxe, para desqualificá-lo perante a Nação. Foram muitas as iniquidades cometidas contra ele e a todas resistiu com altruísmo. Não obstante, pouco antes de morrer fez um desabafo sobre um fato que o magoou profundamente: - “... De repente, até parece que foi o doutor Cardoso [FHC] que assinou a medida provisória [do Plano Real]”. “... FHC deixou o governo em março e o Plano Real foi em julho de 1994. Ele tinha assinado a cédula [como ministro da Fazenda] e eu errei deixando que assinasse. Constitucionalmente, não podia”, lamentou Itamar, afirmando, ainda, que. - “Para mim, Ricúpero [Rubens, ministro da Fazenda] é o principal sacerdote do Plano Real. Mais tarde tivemos ajuda, e grande, do ministro Ciro Gomes. Naquele momento, isso é o que o povo brasileiro não sabe se for ler a história do real […],”
O ex-presidente finalizou o depoimento com uma frase perturbadora para FHC: “Ele entende de economia tanto quanto eu. Talvez eu entenda mais”. (Confira o artigo original no Portal Metrópole : http://www.portalmetropole.com/2015/02/em-video-antes-de-morrer-itamar-franco.html#ixzz3ZIa75v2X).

Leia mais »

Média: 4.5 (8 votos)

Operação da PF combate pornografia infantil

Enviado por antonio francisco

Da Polícia Federal
 
 
Natal/RN – A Polícia Federal deflagrou hoje (20/5) a operação Araceli, destinada a repressão de crimes de divulgação de pornografia infantil através da internet, no Rio Grande do Norte, no Ceará, no Acre, em Alagoas, no Amazonas, em Goiás, em Pernambuco, no Rio Grande do Sul, em Roraima, em Santa Catarina e no Distrito Federal.
 
No Rio Grande do Norte, participam da operação cerca de 60 policiais federais que desde às primeiras horas da manhã cumprem 29 mandados de busca e apreensão  nos dez estados e no DF. Em Juazeiro do Norte/CE e em Fortaleza/CE, dois suspeito foram presos em flagrante por compartilhar e armazenar pornografia infantil.
Leia mais »
Média: 5 (3 votos)

Reflexões sobre o tempo

Por Miguel M

Comentário ao post "O tempo é uma ilusão?"

De passagem, por aqui, achei o post instigante e resolvi fazer algumas reflexões sobre esta entidade simultaneamente simples e complexa que conhecemos como tempo.
 
Segue, abaixo, o resultado dessa reflexão que, não pode ser muito elaborada e precisa devido à pressa. Agradeceria, portanto, comentários construtivos:
 
O tempo é uma abstração concebida pelos seres humanos, embora tanto animais, inclusive humanos, como plantas possuam relógios biológicos naturais.
 
Ao contrário dos humanos, cujo conceito de tempo é elaborado pelo seu sistema neuronal, os relógios biológicos de animais e de vegetais dispensam esse processo, normalmente identificado com a atividade cerebral.
 
O tempo, como abstração universalmente conhecida, só pode existir em um universo dinâmico. Em um universo estático nem mesmo a existência da vida seria possível.

Leia mais »

Média: 5 (3 votos)