newsletter

Pular para o conteúdo principal

Luis Nassif Online

Lula concedia ao mercado para implantar políticas sociais; a Rede concede às políticas sociais, para garantir o mercado
54 comentários
A “nova política”: menos eleições, partidos mais fracos, voto distrital, candidato avulso e empresas pagando campanhas
37 comentários
Menos de 24 horas da divulgação de seu programa, Marina Silva retifica o que se propôs em relação aos direitos LGBT
163 comentários

Fora de Pauta

O espaço para os temas livres e variados.

Média: 3 (2 votos)

Multimídia do dia

As imagens e os vídeos selecionados.

Média: 3 (2 votos)

PROTESTE iniciou a luta pelo prazo de dois anos da garantia legal no Brasil!

Você sabia que a garantia legal dos produtos – aquela assegurada no Código de Defesa do Consumidor – é de apenas três meses, enquanto em quase todo o Reino Unido é de seis anos e no restante da Europa é de dois anos?

A PROTESTE Associação de Consumidores comprovou com uma pesquisa o quanto o consumidor brasileiro perde com isso, pois os defeitos começam a surgir logo depois de a garantia terminar.

E a maior parte dos consumidores brasileiros (59%) troca os produtos após apresentar defeitos por considerar não compensar a relação custo benefício de um conserto.

Esta situação demonstra que se a garantia fosse mais longa, os fabricantes tenderiam a investir em produtos mais duradouros. E os consumidores ficariam mais tempo com os equipamentos. Dessa forma, ganhariam todos: os consumidores e o meio ambiente, com menos descartes.

Vamos todos pressionar o Congresso para mudar a lei, estabelecendo o prazo de dois anos para a garantia legal.

A sua participação é importante nessa mobilização aderindo a esta petição, para mudar a lei.

Contamos com você nesta luta!

Assine a petição e distribua para os seus amigos! 

Leia mais »

Média: 4.2 (10 votos)

Santander é condenado em R$ 400 mil por assédio moral

Gerência utilizava termos como “cabeças vão rolar” e “peças vão ser trocadas”, como ameaça à quem não cumpria metas.

Do IG Leia mais »

Média: 5 (5 votos)

O programa de Marina Silva é arrasa-quarteirão

Atualizado às 20:20
 
Vamos entender primeiro: programa no papel é uma coisa; governo implementando programas é outra. Depende de uma articulação política que, continuo achando, vai muito além das condições de Marina Silva.
 
Posto isso, não há como deixar de reconhecer: o programa de Marina Silva é uma explosão de modernidade. Leia mais »
Média: 2.2 (32 votos)

Programa de Marina defende casamento gay e criminalização da homofobia

Do Programa de Marina Silva
 
Não podemos mais permitir que os direitos humanos e a dignidade das minorias sexuais continuem sendo violados em nome do preconceito.O direito de vivenciar a sexualidade e o direito às oportunidadesdevem ser garantidos a todos, indistintamente.Ainda  que  tenhamos  dificuldade  para  admitir, vivemos em uma sociedade sexista, heteronormativa e excludente em relação às 
diferenças.  Os  direitos  humanos  e  a  dignidade das pessoas são constantemente violados  e  guiados,  sobretudo,  pela  cultura  hegemônica de grupos majoritários (brancos, 
heterossexuais, homens etc.). Uma sociedade em que somente a maioria – seus valores, 
tabus  e  interesses  –  é  atendida  pelo  poder político, enquanto as minorias sociais e sexuais  silenciam,  não  pode  ser  considerada democrática.
Leia mais »
Média: 3 (12 votos)

A História da Lendária Gravadora Stax

Enviado por Jns

O 'REVOLVER' ESTAVA ARMADO NA STAX RECORDS

Além da extraordinária Janis Joplin, The Monkees e Elton John gravaram na Stax.

O álbum Revolver, com canções repletas de referência ao Soul, seria gravado em Memphis.

 

A ascensão da Stax Records, o rótulo lendário que ele ajudou a construir, e o conto trágico de Redding

ROBERT GORDON / 18/01/2014

"O meu cabelo levantou cerca de três centímetros e eu não podia acreditar que aquele cara tinha aquela voz."

Leia mais »

Média: 5 (2 votos)

O plano de governo de Marina e o capital privado

Atualizado às 19:00
 
Em períodos eleitorais, a ideologia é má conselheira.
 
Hoje foram divulgados alguns pontos do programa de Marina Silva. Um deles é o de permitir o aumento da participação dos bancos privados no financiamento da economia.
Imediatamente Marina foi acusada de liberalismo exacerbado e de pretender privatizar toda a economia.
 
Devagar com o andor! O grande desafio atual - do governo Dilma ou de quem vier pela frente - será criar as condições para o capital privado sair da renda fixa e ajudar no financiamento da economia, reduzindo o peso em cima dos bancos públicos.
 
Sozinho, o setor público não terá condições de dar conta das necessidades futuras de investimento. O papel dos bancos públicos é entrar no jogo mas, fundamentalmente, induzir a adesão do capital privado.

Do mesmo modo, o fato de defender o etanol nao o torna automaticamente adversária do pré-sal.. Pelo contrário. A defesa do etanol consiste no governo parar se segurar o preço da gasolina. Leia mais »

Média: 2.5 (27 votos)

O carro do futuro: comparando políticas de incentivos – Japão, França e Estados Unidos

Do Blog Infopetro

Por Michelle Hallack e Eduardo Guimarães (*)

Na busca por um carro/combustível do futuro o carro elétrico certamente é uma das grandes apostas. Dentre os pontos positivos do carro elétrico vale ressaltar as questões relacionadas à emissão de CO(obviamente, se o parque gerador de eletricidade for baseado em fontes não, ou pouco, poluentes). Ademais, esta tecnologia não está atrelada a um recurso energético específico, podendo se basear em matriz heterogênea de acordo com as especificidades de cada país.  Atualmente, apesar do estoque de carros elétricos ainda ser pouco representativo o crescimento das vendas e multiplicação recente de políticas de incentivos apontam para uma crescente importância do carro elétrico.

Leia mais »

Média: 5 (1 voto)

Coligação de Dilma teve três propagandas suspensas

Jornal GGN – A coligação de Dilma Rousseff terá três propagandas de televisão suspensas. O feito teve origem em ações da coligação “Muda Brasil”, de Aécio Neves, ao Tribunal Superior Eleitoral, indicando irregularidades nas inserções.

A coligação de Aécio alega que a propaganda da presidente Dilma tem “o objetivo de confundir o eleitor quanto à sua natureza eleitoral”. Os argumentos utilizados por Muda Brasil foram: utilização de recursos de computação gráfica, de efeito especial de som através de trilha sonora, utilização de imagens externas, e inserção do nome da candidata a reeleição "Dilma" em tamanho dez vezes maior que o do candidato a vice "Michel Temer".

Leia mais »

Média: 1.7 (6 votos)

Para a criança que há em cada um de nós!

Uma das poucas coisa boas da terceira idade é o desprendimento que ela nos traz. Pelo menos comigo funciona assim. Eu, que nunca fui muito chegado a formalismos, agora é que não quero mesmo saber de prosopopéias e rapapés. Estou deixando tudo por menos, preocupando-me menos e vivendo mais. Como diria meu pai, eu quero é viver na maciota, esperando que chegeu pouco a pouco o tempo em que voltarei a ser criança. Tomara que seja tão bom quanto...

Hoje passei toda a manhã e parte da tarde entre consultórios médicos e salas de exames. Nunca vi tanta coisa a fazer e tanto a esperar. A fim de passar o tempo fui relembrando os personagens que povoaram minha infância. Encontrei tantos que ficaria enfadondo nominá-los. Lembrei-os com muito carinho porque lembrei também de meu saudoso pai, que os trazia em formas de revistinhas de quadrinhos, à época chamadas gibis. Aprendi a ler através delas. Meu pai colocava-me na beiradinha de sua enorme rede avarandada e lia pacientemente em voz alta para mim. Aqui e acolá ensinando-me, sem que eu sequer percebesse, a ler. Jamais esquecerei disso.

Não nominarei os personagens de minha infância. Trago porém algumas imagens e composições que a eles fazem referência. Se você conseguiu chegar até aqui, ajude-me a relembrar nossos maravilhosos personagens infantis, quer através de imagens, quer através de vídeos musicais ou de desenhos animados... Será legal, tenho certeza!

luciano

Leia mais »

Imagens

Vídeos

Veja o vídeo
Veja o vídeo
Veja o vídeo
Veja o vídeo
Média: 5 (5 votos)

Campanha de Marina diz que vídeo com Lula é tosco e fraudulento

Jornal GGN - A assessoria da presidenciável Marina Silva (PSB) emitiu uma nota à imprensa, na tarde desta sexta (29), classificando como "tosco e fraudulento" o vídeo no qual o ex-presidente Lula aparece apoiando a campanha da ex-ministra ao Palácio do Planalto. Um programa com Lula pedindo votos para Marina Sant'Anna ao Senado (PT-GO) foi adulterado.

"Para coibir a fraude, a coligação requererá ao Ministério Público e ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a abertura de inquérito e das demais providências necessárias visando à identificação da origem e do responsável pela montagem e veiculação", dia a nota. Ainda de acordo com o grupo pessebista, a coligação "repudia o uso indevido da imagem de sua candidata e da marca da aliança." 

Leia mais »

Média: 2.5 (6 votos)

Presidente do PT paulista diz que polarização com PSDB vai durar mais anos

Jornal GGN - O presidente do PT em São Paulo e coordenador geral da campanha de Alexandre Padilha diz que a polarização com o PSDB deve perdurar ao longo dos próximos anos. Isso porque, na visão de Emídio de Souza, não há hoje uma terceira via consolidada, nem no país, nem no Estado. Além disso, o PSDB detém o controle do Palácio dos Bandeirantes há mais de duas décadas. "Acho que chegou a nossa vez [de governar]", declarou, em entrevista exclusiva.

Na avaliação do dirigente, Padilha, que registra 5% das intenções de voto no Estado, deve começar a decolar nas pesquisas de opinião a partir da segunda quinzena de setembro. Emídio lembra que a campanha do PT na disputa pela Capital paulista, em 2012, enfrentou a mesma dificuldade: Fernando Haddad, ex-ministro da Educação, não era conhecido pela população, mas acabou vencendo o pleito. "Isso vai mudar com o início do horário eleitoral, com a campanha de rua e com a entrada de Lula", pontuou.

Confrontado sobre a possibilidade de não ver o PT chegar ao segundo turno contra Geraldo Alckmin (PSDB), que soma mais de 50% das intenções de voto, Emídio afirmou que esse cenário está internamente descartado. Segundo ele, o PT conta, desde 2002, com 30% do eleitorado paulista. Não, há portanto, motivos para acreditar que Padilha não ascenderá.

O presidente petista ainda afirmou que espera obter apoio de Paulo Skaf (PMDB), que tem 20% no último Ibope, no segundo turno. "No momento adequado, Skaf vai se render à lógica de que não existe candidatura avulsa em São Paulo."

 

Leia mais »

Média: 4.9 (8 votos)

Os problemas com o avião de Aécio e de Campos

A queda do avião de Eduardo Campos trouxe à tona um imbróglio político-jurídico-eleitoral complicado e que, de quebra, atinge a campanha de Aécio Neves.

O artigo 22 da Lei Eleitoral é claro. As campanhas precisam declarar tudo o que tenha valor aferível e recebido a qualquer título, inclusive através de cessão temporária de uso.

Se um avião é cedido para uma campanha política, é o comitê de campanha que precisa pagar. Se o dono do avião banca as despesas, configura-se doação. E, como tal, precisam ser registradas.

Até agora não se sabe quem pagou o combustível e os pilotos do Cessna que caiu. Não sabem porque não procuraram.

A ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) tem regras próprias para registro de bem móvel. Aliás, bastante parecidas com o Cartório de Registro de Imóveis. Leia mais »

Média: 4.8 (20 votos)

Inflação na zona do euro cai para 0,3%

Jornal GGN - A inflação na zona do euro apresentou novo recorde de mínima em cinco anos, o que deve gerar alguma cautela por parte do Banco Central Europeu (BCE): os preços ao consumidor medido nos 18 países que usam o euro avançaram 0,3% em agosto na comparação anual, o menor aumento desde outubro de 2009, segundo informações da Eurostat, a agência de estatísticas da União Europeia.     

A variação dos preços, que havia caído 0,4% em julho, encontra-se no patamar que o presidente da autoridade monetária, Mario Draghi, denomina de "zona de perigo" abaixo de 1% desde outubro do ano passado.

De acordo com informações da agência de notícias Reuters, o quadro inflacionário ruim é considerado um problema para o BCE no momento em que a entidade tenta resolver o problema da estagnação do processo de recuperação econômica, com novos obstáculos devido às sanções impostas contra a Rússia em julho devido a seu envolvimento no aprofundamento do conflito na Ucrânia.

A entidade deve se reunir no próximo dia 04, e não se espera alguma ação imediata da autoridade quanto a mudanças nas medidas econômicas, embora tal hipótese não seja descartada pelos economistas.

Em dados separados, a Eurostat informou ainda que a taxa de desemprego na zona do euro ficou, como esperado, inalterada em 11,5% pelo segundo mês seguido em julho, deixando 18,4 milhões de pessoas sem empregos.

Leia mais »

Média: 3 (4 votos)