Revista GGN

Assine

Joaquim Silvério dos Reis, o Patrono dos delatores, por Motta Araújo

Por Motta Araújo

JOAQUIM SILVÉRIO DOS REIS,  PATRONO DOS DELATORES - Em 15 de março de 1789, 4 meses antes da Revolução Francesa, o fazendeiro e contratador Joaquim Silverio dos Reis entrega ao Visconde de Barbacena o nome dos Inconfidentes que conhecia porque era ele um dos Inconfidentes.

Em troca, pois era uma delação premiada, a primeira registrada no território, Silvério dos Reis recebeu a promessa de recomepensas, quais seriam, uma certa quantidade de ouro, o perdão das dívidas fiscais, a nomeação para o cargo de Tesoureiro das províncias de Minas Gerais, Goias e Rio de Janeiro, uma mansão para moradia, pensão vitalícia, título de Fidalgo da Casa Real, fardão e hábito da Ordem de Cristo, um encontro em Lisboa com o Príncipe Regente Dom João. Não se sabe se as promessas foram cumpridas.

Silvério dos Reis sofreu atentados no Brasil porque sua fama de traidor correu rápida, com o que fugiu para Lisboa, voltando ao Brasil com a comitiva do Rei Dom João VI em 1815. Foi para o Maranhão, onde sua mulher tinha raízes e lá faleceu em fevereiro de 1819, seu nome ficou para a História como o maior dos traidores,

A delação é um veneno corrosivo que mina a sociedade, destrói a confiança nos negócios, quebra o indispensável clima de boa fé que possibilita empreendimentos, gera custos econômicos, sociais e politicos que se depositam no solo, qual mercúrio em águas de lagoas, é um ato essencialmente mau, do qual nada de bom decorre.

A delação é a base da Operação Lava Jato, cruzada que levará o Brasil à sua maior recessão desde 1929, com desemprego em massa nos estaleiros, nos portos e cidades que atendem à Petrobras, nas demais obras das empreiteiras não relacionadas a petróleo, nos bancos onde as empreiteiras devem 100 bilhões de Reais, faz lembrar das confissões dramáticas que foram extraídas pelo Senador Joseph MacCarthy sob tortura psicológica na Comissão de Atividades Anti-Americanas do Senado, que quase liquidam com a democracia americana, não fosse o Senador desmascarado como um falso moralista, na realidade um carrasco vulgar vingativo e sem escrúpulos.

Se a corrupção é indiscutivelmente um mal a ser combatido com boa governança e  sistemas de controle, a escandalização dessa corrupção destruiu o crédito nacional e internacional da empresa, seu rating, sua imagem, expectativa de futuro, o valor de suas ações e sua capacidade de levantar recursos para investimento.

Os danos que esses venenos trazem ao País superam largamente qualquer suposta vantagem para processar e encarcerar gente,  o malefício do remédio é infinitamente maior que os danos da doença.

Média: 4.3 (32 votos)
58 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de maria helena pereira colnaghi
maria helena pereira colnaghi

Ação deliberada opinião de Artur Marques

Meu Caro,

Não podemos acreditar no pior, espero que reste algo de bom nesta depuração de praticas politicas já ha muito

vigente no pais. Eu sou uma petista otimista. Abcs.

Seu voto: Nenhum
imagem de maria helena pereira colnaghi
maria helena pereira colnaghi

Delaçao premiada - Joaquim Silvério dos Reis

Quem não sabia da Inconfidencia mineira na epoca? 

Mas aquele governo necessitava de um BODE.

Então o mais pobre do bando foi enforcado pra dar exemplo e virar heroi.

Enquanto os outros que eram os fazendeiros donos de ouro e sonegadores de imposto se safaram. 

Moral: O poder economico sempre dominou o BR.

Seu voto: Nenhum
imagem de pedro felix
pedro felix

Silverio dos Reis

Nada como um dia depois do outro. Comunistas adoravam a delação. Em Moscou existia a estátua do menino herói que delatou o seu pai para as autoridades. 

Seu voto: Nenhum
imagem de parto com dor
parto com dor

a delação premiada é a prova

a delação premiada é a prova da incompetencia na iinvestigação

que deveria ser feita pelo  polícia e até pelo mpf....

mas aí juntam-se abomináveis conluios para politizar a questão da corrupção...

os mesmos conluiados que sabem que a corrupção

tb é privada, paradoxalmente,, não querem que seja

aprovado o financiamento público de campanha.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Não por acaso

Não por acaso o ato deles está marcado para este 15 de março, dia de joaquim silvério dos reis, patrono dos traidores

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

imagem de Gerson Alvim Pessoa
Gerson Alvim Pessoa

uma correção histórica

Ótimo artigo. Só uma correção. D.João VI veio com a sua comitiva para o Brasil, fugindo das tropas de Napoleão Bonaparte, em 1808 e não em 1815.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de altamirano
altamirano

O texto é bom, só discordei

O texto é bom, só discordei do " ...destrói a confiança nos negócios, quebra o indispensável clima de boa fé".

Imagino a negociação de dois bandidos fazendo um negócio de boa fé(sem contrato), aí um dele fraqueja e sente uma dúvida: "será que ele vai me entregar?"...ele para, pensa e diz "melhor não fazer negócio"...isto gera desemprego na bandidagem, freia a distribuição de recursos e o pagamento dos impostos de branqueamento, penaliza o doleiro e o banqueiro, acaba com o diretor da empreiteira e gera danos morais aos familiares que não podem mais viajar para Paris sem serem reconhecidos.

O problema gerado pela delação premiada é enorme.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Não discordo, pois dedo duro é dedo duro!

Há uma reação natural contra indivíduos corruptos e ladrões, ninguém gosta de negociar com quem não é confiável, porém uma delação premiada não exime a culpa perante a população em geral, somente os deputados do PSDB na câmara que tiveram a péssima ideia de elogiar o Barusco pela sua "coragem". O cara rouba milhões, é pego com a mão na botija e para não pegar uns trinta anos de cana entrega até a mãe. A noção de indivíduo corajoso que os deputados do PSDB tem é algo fantástico.

Agora voltando ao assunto central, um empresário que se reúne com outro para assuntos legais, mas com o objetivo de, por exemplo, ferrar um outro concorrente, pode olhar para o outro e não confiar muito na capacidade do mesmo em guardar segredo.

O que vai ocorrer é que daqui por diante é que o sigilo em operações fraudulentas vai ser garantido por pactos mafiosos mesmos, e para garantir estes pactos estes carteis vão se tornar organizações realmente mafiosas. Isto é uma questão de tempo, é só acharem "operadores" confiáveis, que até se presos com as armas na mão não entregam. Vai ser a versão 2.0 substituindo a versão 1.0 da corrupção.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O que está se condenando é o

O que está se condenando é o METODO da ""delação premiada"", ninguem está aceitando a CORRUPÇÃO.

Voce pode condenar o terrorismo mas não ACEITAR a prisão de Guantanamo como método para combate-lo.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

É isso.

É isso.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Alcaguetação Premiada só

Alcaguetação Premiada só existe porque nossos investigadores são incompetentes. Alguém já ouviu dizer que, nos EUA ou em qualquer país desenvolvido, a justiça prende para depois investigar e condenar? Quando o sujeito vai para a cadeia é porque já foi investigado, julgado e condenado. Já aconteceu com a Sophia Loren na Itália e com vários ricos e famosos nos EUA. Aqui eles prendem o sujeito para fazer tortura psicológica, daí se ele for um bom alcaguete pode até sair premiado da cadeia, assim como o Joaquim Silvério dos Reis, já aconteceu isso com o Yussef uma vez e está acontecendo outra vez. Incompetência investigatória.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Dos delatores pode ser,

Dos delatores pode ser, André, mas a cultura de traição política por causa de diheiro e de traição aos interesses nacionais, esta vem de muito antes, vem de Pernambuco, de um personagem que deve ter inspirado muitos atuais traidores do PT, inclusive certa elite política pernambucana e acreana, assim como pode nos ajudar a entender a cultura política entreguista da direita. O nome dele: Domingos Fernandes Calabar. Notemos que os delatores e traidores de hoje, tal qual Calabar, ganharam muito dinheiro, prestígio e poder nos governos do PT, para então, das posições estratégicas que ocupam, se aliarem aos inimigos para destruir o partido e o governo. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Calabar era traidor de

Calabar era traidor de quem?... dos portugueses que colonizavam o Brasil... esses "heróis" lutavam contra os holandeses para defender o que?... que eu saiba defendiam a coroa portuguesa... Tiradentes, ao contrário, lutou pela independência do Brasil, contra a coroa portuguesa.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Flics

E o PT deve ser traidor

E o PT deve ser traidor porque não luta para defender a "coroa americana" ...  é isso?

O amigo tem estudado História onde?... na coleção veja, certo?

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Flics

Nenhum Judas na história da

Nenhum Judas na história da humanidade  consegui viver ou sobreviver depois da sua traição.

Vivem sempre correndo e escondendo de um mosntro criado na sua imaginação.

 

Seu voto: Nenhum

Estou de saco cheio por tudo que vem acontecendo no país, e nós democratas, não fazemos nada.

Eu inclusive. Parece que estamos todos anestesiados, que fomos dopados. Mas essa lombra vai passar e vamos acordar.

Eu creio !!!

gAS

imagem de altamirano
altamirano

A idéia é boa, mas a imagem

A idéia é boa, mas a imagem não... Neste caso o Jesus Cristo era ladrão

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Paulo Souza
Paulo Souza

São situações completamente

São situações completamente diferentes.

1) Não existia um país chamado Brasil na época. Existia uma colônia de Portugal;

2) Joaquim Silvério dos Reis era um militar português que vivia aqui e recebia seu soldo da Coroa Portuguesa;

3) Ele foi cooptado para o lado da Revolução Mineira (Inconfidência é um nome que não deveria ser empregado) porque estava devendo os tubos de impostos atrasados. Aliás o problema da maioria era este. 

4) O que quase todos os chamados "Inconfidentes" queriam na verdade era dar um calote. Seus objetivos não eram nobres. Uns poucos queriam fundar uma república à moda da Revolução Americana de 1776. A maioria não desejava sequer abolir a escravatura. Não havia participação popular no movimento.

5) Joaquim Silvério dos Reis nunca foi preso como o Paulo Roberto Costa, o Youssef etc.  Ele era um súdito português que estava prestes a trair Portugal e ou se arrependeu ou se corrompeu. Enquanto ele é considerado um traidor para nós ele deve ter sido um herói para Portugal. 

6) Bezerra da Silva foi um grande sambista mas seu repertório quase todo defende a malandragem e a bandidagem. Ele é um exemplo de como o crime compensa no Brasil...

7) O problema central da Petrobrás é seu gigantismo. Isto a tornou inadministrável e ao mesmo tempo uma vaca gorda onde um sem-número de corruptos ia mamar. A idéia do PSDB (FHC e agora Serra) de desmembrá-la em várias companhias menores é bem interessante. É isto ou privatizar.

 

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Não adianta, voces não

Não adianta, voces não entendem que, se a corrupção é um mal, a super escandalização dela é um mal muito maior para o País.

É muito melhor um País com obras e com corrupção do que sem obras e sem corrupção. Ou todo mundo vai trabalhar no belo e luxuoso prédio da PGR em Brasília ? Infelizmente não.

Com relação a Petrobras seu comentário é totalmente inválido. Existem companhias maiores que operam muito bem. Existem problemas de gestão e governança interna que podem muito bem serem resolvidos. Aliás, quem abriu a porta para tudo isso que ocorreu foi o decreto de FHC possibilitando que a Petro não necessite passar pelos crivos da lei de licitação 8.666.

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de altamirano
altamirano

Melhor seria um pais COM

Melhor seria um pais COM obras e SEM corrupção .

Não sei se é corrupção mas tem um problema sério de gestão na Petrobras.

RNEST - Abreu e LimaAté hoje, na história, nenhuma refinaria de petróleo, independente do combustível que irá produzir, custou tanto dinheiro. O recorde até o momento pertence à refinaria Al Zour, um projeto que ainda não foi tirado da gaveta pela estatal petrolífera do Kuwait (KNP, na sigla em inglês). Pelas estimativas da KNP, a refinaria está avaliada em US$ 19 bilhões. Já a refinaria mais cara já construída é a de Jamnagar, na Índia. Trata-se do maior complexo de refino de petróleo do mundo, com capacidade de processar mais de 1,2 milhão de barris por dia, cinco vezes a capacidade projetada para a Abreu e Lima. Há quem diga, no entanto, que números absolutos não são os melhores indicadores para definir se uma refinaria é cara ou não. Em geral, o mercado usa a relação do custo da refinaria com o número de barris de petróleo que ela é capaz de processar. Usando esse parâmetro, a Abreu e Lima também é recordista. No projeto do Kuwait, o custo de processamento por barril é de US$ 30 mil. Na refinaria indiana, ele cai para US$ 10 mil. Na Abreu e Lima, o custo para se refinar um barril de petróleo já esta na casa dos US$ 75 mil e subindo.

Seu voto: Nenhum

Quem diria que um dia um

Quem diria que um dia um progressista estaria indiretamente endossando o mantra malufista: "rouba, mas faz."

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de altamirano
altamirano

Correção: Rouba mas Pac

Correção: Rouba mas Pac

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Marco a
Marco a

É muito melhor um país com

É muito melhor um país com obras e sem corrupção. Corrupção não é efeito colateral de ter obras mas de falta de caráter de empresários, funcionários e politicos.

Por isso eu defendo a punição dos acionistas e donos das empreiteiras e nãos das empresas, dos políticos e dos funcionários da estatal envolvidos.

Vou mais longe e os diretores de estatais não poderiam ter vinculação partidária, serem de carreira, indicados pelo executivo mas aprovados pelo congresso como os diretores das agências. Por fim, as estatais devem fazer parte da política de estado r não do governo de plantão.

Quanto a menção de fhc isso é  uma bobagem militante. A lei 8666 não está imune a fraudes, veja as centenas de denúncias todos os anos em prefeituras. O cartel ocorreria com ou sem a lei 8666. Note que a lei foi promulgada em 1993. O decreto liberando a estatal é de 1998 e o ex gerente executivo pedro Barusco disse que começou a receber propina, no caso de uma empresa estrangeira a partir de 1997, antes do decreto. Então não foi o decreto que abriu as portas.

Ademais,  o decreto não libera a estatal da lei 8666, mas a libera para adotar o modelo de carta convite, um modelo de concorrência coberto pela 8666 que é mais simples e ágil. A lei 8666 limita o modelo para pequenos valores e impede seu uso para obras complexas de engenharia. Esse foi o objetivo do decreto.

Diga se de passagem as razões para o decreto são as mesmas utilizadas para se criar o sistema rdc que é uma liberalização da lei 8666 Fortemente defendida pelo governo para as obras da copa. Note que curiosamente as empresas que venceram esses processos são em boa parte as mesmas citadas na lava jato.

Seu voto: Nenhum
imagem de Paulo Souza
Paulo Souza

O país com obras e sem

O país com obras e sem corrupção existe. É o setor privado... se a Graça Foster e o Gabrielli confessaram que mesmo tendo presidido a Petrobrás não conseguiram combater a corrupção é que a coisa está feia, não é?

Mas o que eu queria mesmo destacar é que os caos Joaquim Silvério dos Reis e Paulo Roberto Costa são completamente diferentes. E que eu sou a favor da delação premiada. Até porque se for tudo mentira o preso perde qualquer direito. A delação premiada existe em vários países e é uma maneira de se facilitar investigações. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Infelizmente não

Infelizmente não existe. 

Esse é o problema de voces, vivem na fantasia, na teoria, nao conhecem o mundo real. 

A corrupção tem que ser combatida com métodos de governança e ações de controle e não com ações espetaculosas da policia e da mídia, que ai o remédio mata o paciente. Acoes da policia devem ser pontuais e sigilosas, tudo que esta nao está sendo. 

Seu voto: Nenhum

A delação não é garantia de

A delação não é garantia de que o delator está falando a verdade, mesmo que se depois restar provado que o delator mentiu, a vida do delatado já foi pro brejo por conta de uma imprensa safada que adora um delator e propaga aos quatro ventos coisas ainda não provadas. Aliás, antigamente delator tinha outros nomes: Dedo-duro, alcaguete...

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de altamirano
altamirano

Barusco omitiu Barusco omitiu

Barusco omitiu

Barusco omitiu das autoridades que ele ganhou a Mega Sena 18 vezes e resolveu doar os prêmios acumulados (182 milhões) ao povo brasileiro.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Malu o que está ocorrendo é

Malu o que está ocorrendo é um absurdo, é a delação por indícios. Ou seja, os delatores estão dando indícios, não provas e, a partir dai, é que a investigação supostamente vai encontrar ou  não, as provas. O problema é essa caminhada, até encontrar as provas, que está devassando tudo.

Imaginemos um seguinte caso de delação, muito mais simples: Um médico (longe de mim querer dizerm que médicos façam isso, mas falemos em tese) combina com um paciente, um procedimento por um preço mais baixo, sem recibo. Muito bem, os dois o fazem de comum acordo, o paciente ganha por pagar menos e o médico por recolher menos impostos, ok. Quando chega á época da declaração o paciente resolve mudar de ideia e denuncia o médico por sonegação e diz que quer entrar em "delação premiada" e conta tudo o que ocorreu, mostrando as provas que o procedimento médico foi efetivamente realizado, foi pago, mas não houve recolhimento de impostos. Vai além, diz que OUVIU DIZER que isso ocorria com vários outros clientes. Tudo bem. Imaginemos que tudo isso seja noticiado pela TV, dia sim, dia não, mostrando inclusive o consultório e o rosto do médico. A partir daí a politica, autorizada pela justiça, iria verificar, um por um todos os precedimentos realizados por ele, todos os pacientes, etc...O que ocorreria ? A carreira dele estaria seriamente comprometida, independente se fosse bom médico ou não.  É o caso clássico em que o remédio é exagerado e mata o paciente. Se o caso ficasse restrito a um só específico, aonde havia provas, não haveria problemas, o médico pagaria o imposto devido com multas e fim de papo.

É exatamente isso que está ocorrendo com a Petrobras, e toda a cadeia produtiva que a envolve, inclusive grandes obras de infra estrutura.

A questão do dijnheiro de campanha tem que ser tratada sem hipocrisias no País. Em niveis federal, estadual e municipal sempre funcionou dessa forma, provaveis sobre preços financiam os partidos, TODOS os partidos. É ilegal ? É. Mas então tem que mudar na base, na estrutura e tentar efetivamente resolver o problema. E não querer usar isso, seletivamente, para atacar um grupo político apenas.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Daniel, tem algo pior!

Por acaso ouviste no depoimento de Barusco como as empreiteiras se beneficiavam?

Ele não entregou o "modus operandi", que é o mapa da mina, logo a delação premiada não serve em nada para impedir novas falcatruas.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Daniel, sobre o seu exemplo,

Daniel, sobre o seu exemplo, sem falar que o alcaguete ainda teria sua sonegação perdoada e outras vantagens nesta terra de silvérios.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

No caso das delações de Costa

No caso das delações de Costa e Youssef há contradições entre o que eles dizem. Ora, se é assim, a delação de pelo menos um dos dois teria que ser cancelada e o seu benefício teria que ser extinto, é o mínimo. Nâo tem lógica o delator puder falar o que quiser, misturar verdade com mentiras e apresentar poucas provas.

 

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Exato.

Sem falar nas "omissões premiadas"... Não posso crer, por exemplo, que Álvaro Dias saia limpinho e cheiroso da vara do dr. Moro lá no Tucanistão do Sul...

Seu voto: Nenhum (6 votos)

"O opressor não seria tão forte se não tivesse cúmplices entre os próprios oprimidos". (Simone de Beauvoir).

 

Pois creia, há grande

Pois creia, há grande possibilidade do Álvaro Dias sair "limpinho e cheiroso", esqueceu que tucano é inimputável nesta terra?

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Sem dúvida, ele é da mesma

Sem dúvida, ele é da mesma cidade do Youssef.....

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de altamirano
altamirano

Não sabia, Youssef também

Não sabia, Youssef também nasceu em Quatá-SP ?

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Você esta certo, André

Você esta certo, André Araujo. Mas e agora, quem conseguira deter esse trem governado de forma a arrebentar com as estruturas democraticas do Pais? Como você lembrou, o macarthysmo não passou de um moralismo vingativo contra comunistas e tudo que cheirasse a comunismo nos Estados Unidos naquela época. Pois hoje estamos vivenciando algo parecido, a caça ao petismo!

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de Andre W.
Andre W.

Menos, né?

Se esse fosse um blog da máfia,  esse post seria aceitável.

Não misture a avidez das autoridades por exposição na mídia com a urgente necessidade de uma atuação exemplar sobre esquemas de corrupção.

Outra coisa, o que um bandido fala depende de apuração, se ele virou mais verossimil que o Papa Francisco isso não é problema dele.

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Ramalho123
Ramalho123

Mais, muito mais

Menos, não; mais. Fala-se no desaparecimento de 1.000.000 (um milhão) de empregos, isto para começar. É disto que se trata. São cerca de 4.000.000 (quatro milhões) de pessoas ao Deus dará, e sem perspectivas de recolocação por anos. Então, é mais, não menos. Há muito mais nessa Lava Jato do que Baruscos, Costas e Moros. Há muito mais do que endeusamento de caguetes.

Você fala em máfia. Máfia? Que máfia? Empresas nada têm a ver com organizações mafiosas. Empresas pagam impostos, atendem, com produtos e serviços, necessidades da Sociedade; geram empregos e criam mercado para fornecedores e prestadores de serviços. Organizações mafiosas, ao contrário, têm por propósito obter dinheiro por meios ilícitos. As empresas investigadas na Lava Jato nada tem a ver com máfia.

Combater a institucionalização da caguetagem é estar do lado oposto ao das máfias. A caguetagem está entre as deformações morais mais vis. Caguetagem é manifestação de descompromisso com os pares, covardia, traição, falta de princípios, características morais de mafiosos, não de gente de bem.

O que essa excrescência legal midiática chamada delação premiada está a produzir é mau, péssimo exemplo. A Lava Jato dá ares de nobreza a comportamento abjeto, ensinando à população que trair os seus é bom, merece aplauso. Veja bem, caguetar é coisa de mafioso, e não de gente de bem. Pessoas honradas não são caguetes. Caguetar é coisa de gente sem honra.

No passado recente, houve herói que morreu sob tortura (olhos vazados, unhas arrancadas, orelhas mutiladas, ossos partidos)  e que não caguetou companheiros. A caguetagem é a porta aberta por onde entram quintas-colunas traidores da pátria.

Pois é, Andre W, você está completamente equivocado. As deformações morais da Lava Jato propaladas por Moro e procuradores como coisa boa já estão a afetar você.

Seu voto: Nenhum
imagem de André W.
André W.

A incompetência e apatia do

A incompetência e apatia do governo federal ao lidar com a crise e seus desdobramentos na Petrobras está propiciando resultados mais permanentes e danosos aos processos gerenciais da empresa em uma fase delicada, onde investimentos mais pesados já vistos na história econômica deste país ainda não foram concluídos e não dão retornos capazes de equilibrar o caixa. Tal incompetência em reagir rapidamente a crises não é privilégio dos governos de esquerda. Pelo contrário Lula se saía muito bem dessas situações, parece até que era quando ele atuava melhor. Já FHC propunha soluções que pioravam o problema, por diagnosticá-los errado. Dilma vem-se mostrando fraca nessas horas. O momento do soco não sei se foi calculado, mas pegou na boca do estômago. Só que este estômago já estava com uma úlcera perfurada de tantos esquemas criminosos profissionais, assim classificados pelo Jornalista Luis Nassif em outras postagens. Apuração de crime é desse jeito, entendo um pouquinho disso. Aperta um, esse entrega uma parte, vai-se completando o quebra -cabeças. Esse papinho de "caguete tem que morrer" é oriundo da cultura do crime. Pessoas honestas não tem nada a esconder ou a proteger seus pares. Se ser honesto e desejar justiça é deformação moral você precisa rever seus valores. Se você é da turma do "rouba mas faz", então mude-se para São Paulo, a passeata está forte lá. 

Seu voto: Nenhum
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Voce está enganado, não

Voce está enganado, não depende de apuração. Até agora, só contou a palavra deles e já causou muito alvoroço, muitos problemas a muita gente, inclusive perdas de empregos e redução de investimentos. E se algo do que ele disse não for provado, como é que fica ? O prejuizo já está causado, é isso que voce não entende ou não quer entender.

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de agincourt
agincourt

omertà

“A delação é um veneno corrosivo que mina a sociedade, destrói a confiança nos negócios, quebra o indispensável clima de boa fé que possibilita empreendimentos, gera custos econômicos, sociais e politicos que se depositam no solo, qual mercúrio em águas de lagoas, é um ato essencialmente mau, do qual nada de bom decorre.”

É o Motta Araújo abertamente defendendo a omertà mafiosa como suprema garantia do modo de produção capitalista...

(Bons tempos aqueles da corrupção artesanal e algo folclórica de um Ademar de Barros. Pois é, é o avanço da forças produtivas.)

E tome Guy Debord: “Quando se tenta explicar algo, é um engano opor a máfia ao Estado: nunca são rivais. A teoria verifica com facilidade o que todos os boatos da vida prática haviam demonstrado. A máfia não é estranha nesse meio; sente-se nele perfeitamente em casa. No momento do espetacular integrado, ela reina como modelo de todas as empresas comerciais avançadas.”

...

Ameaça capônica: “Silvério dos Reis sofreu atentados no Brasil porque sua fama de traidor correu rápida”.

...

Curiosamente, até já apareceu aqui no Nassífico um artigo, escrito por um causídico , desqualificando antecipadamente o futuro julgamento resultante das investigações da Lavajato (Recomendo esta grafia. Se “engraxa-te” virou “engraxate”, por que não nos adiantarmos e grafarmos “Lavajato”?), tendo por referência teórica a Teoria do Espetáculo, do supramencionado Debord!

O nível intelectual do Nassífico está nas alturas. Outro dia foi o Estadista do Ortega y Gasset.

Daqui há pouco aparece alguém lançando mão do Übermensch nietzscheano (Lula, é claro.).

Mas como ficaria a pobre Dilma?

Traduzida para o alemão, acho que seria qualquer coisa parecida com ”Rippeübermensch” (Em alemão, me diz o dicionário, “Rippe” é “costela”.).

Me perdoem os que falam alemão - não é o meu caso - qualquer impropriedade na construção. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Só a "Haupt" vazia do nosso

Só a "Haupt" vazia do nosso amigo pode entender que o AA esteja defendendo a tal de omertá... leia com atenção e pense - se consequir, é claro movimentar o(s) neurônio(s), é claro - antes de teclar.

Aposto que o seu nick é uma homenagem aos franceses.. que levaram uma surra na batalha de Agincourt.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Flics

Ou seja...

Ou seja, já que delatar a roubalheira prejudica a economia, o certo é deixar roubar, né? Francamente, este foi um dos mais cândidos pretextos para justificar a corrupção que eu já ouvi na minha vida...

"Os danos que esses venenos trazem ao Pais superam largamente qualquer suposta vantagem para processar e encarcerar gente, o maleficio do remédio é infinitamente maior que os danos da doença."

A aplicação da justiça não visa vantagens comparativas, mas o cumprimento da lei. De resto, processar e encarcerar gente sempre prejudica terceiros. O tráfico de drogas injeta dinheiro nas favelas, a prisão de traficantes causa prejuízos, então não se deve prender mais traficantes, certo? Se um sujeito matou 10, mas tem família, então ele não deve ser preso porque vai prejudicar o sustento da família dele, é isso?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

A Camargo Correia é igual a

A Camargo Correia é igual a tráfico de drogas?...

Não, Pedrinho, se o sujeito matou 10 vai para a cadeia, mas não podemos mandar a família junto, certo?

Pedrinho, esquecestes de citar hitler?... entraria bem no teu recioncínio...

... esses coxinhas e seus argumentinhos...

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Flics

imagem de Edson Victor
Edson Victor

Causa, efeito, intenção e solução

Concordo 100% que os efeitos desta investigação são imensamente mais danosos ao Brasil e aos brasileiros do que a corrupção envolvida, que em doses e denominações variadas, existe em todo o mundo, desenvolvido ou não.

Mas vislumbro no colega que ele ignora ou não percebe que:

1) Este prejuízo não é acidental, mas proposital. É um objetivo político do processo. Basta verificar que seus promotores fazem questão pública e explícita de não separar os criminosos das empresas, inviabilizando-as (não empresas, mas um setor inteiro que responde por boa parte do PIB, do know-how e da competitividade nacional).

2) Este processo investigatório não é uma questão de escolha entre corrupção OU continuidade dos negócios de interesse estratégico para o país. Se tivesse sido bem conduzida, com responsabilidade e interesse legítimo em melhorar o país, jamais teria sido tão parcial e escandalosamente conduzido, mas ocorreria com a devida discrição e confidencialidade, até em busca de sua máxima eficácia. Sobram evidências de que o objetivo maior é político.

3) Resumindo (2) acima, pode-se tranquilamente combater a corrupção (e outros crimes)  sem causar danos maiores que ela própria. O problema é que querem acabar com a corrupção "dos outros", de quem está "atrapalhando" a própria corrupção. Isto evidentemente é a hipocrisia do cinismo da cretinice bandida, que mantém este potencialissímo país num atraso de 5+ séculos. Querem aumentá-lo ao invés de reduzí-lo.

3) A delação, embora seja um processo que nos dá um certo "asco", por ser implicitamente um processo de traição aos seus, é uma traição entre criminosos que afinal pode beneficiar a sociedade. Deveria chamar-se de acordos de delação, o que é fartamente utilizado em outros países (inclusive EUA) até em crimes comuns (assassinato, etc).

4) O que jamais pode se aceitar é que o delator seja "premiado", pois o máximo que deve acontecer é uma redução de suas punições, sem jamais deixar de aplicá-las. Não parece ser o caso, pois já dá para vislumbrar que (o reincidente) Youseff (já "premiado" no Banestado) é quase "amigo" na investigação, assim como o ("enojado") Paulo Costa, um triplo traidor: da ótima empresa em que trabalhava, do país e de seus comparsas.

Portanto, elogio (e me uno à) sua campanha em alertar que os prejuízos (já) causados ao país serão gigantescos, mas (a) eles poderiam ser evitados sem abrir mão do combate ao crime e (b) não estão sendo evitados porque está evidenciado que o propósito político é maior do que "acabar com a corrupção", que até a mosca da minha sopa sabe que é uma farsa.

Ou seja, nem prejuízo ao país nem leniência com criminosos.

A parte mais privilegiada de nossa sociedade parece que preferirá somar os prejuízos (com aplausos!) e a seleção de criminosos à punir.

Os outros.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Glaucia Wagner
Glaucia Wagner

Esse excelente comentario

Esse excelente comentario deveria virar post.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Marco a
Marco a

Nunca vi tanta mistificação e

Nunca vi tanta mistificação e bobagens juntas em um só artigo.

Joaquim silverio foi pago entre outros benesses para trair o grupo de inconfidentes que estavam lutando para implantar uma república em Minas. 

Os delatores da lava jato, delataram a si mesmos e seus esquemas e os seus parceiros. Não estavam lutando por um sistema melhor, estavam roubando dinheiro público sugando a estatal, que não a única sendo parasitada. Os acordos de delação incluem devolução de valores entre outros ressarcimentos.

A delação premiada foi vital para botar na cadeia mafiosos na Itália e nos EUA. Sem a delação premiada, valia a lei do silêncio e eliminação de testemunhas. Quem delatou era tão culpado quanto os delatados, mas sem eles só uma meia dúzia de peixes pequenos seriam pegos.

A delação premiada só tem validade se aprovada pela justiça e se os fatos afirmados puderem ser confirmados através de provas e indícios fortes.

Os delatores não são heróis. No caso em questão são bandidos que vão ter penas diminuídas em troca da colaboração.

Trata - los como heróis é um insulto aos cidadãos honestos que dizem não a participação em ilícitos. Elogia - los porque delataram e delataram não porque se arrependeram mas porque foram pegos é uma atitude ridícula e deve ser criticada sempre que ocorrer.

Mas menosprezar o instrumento da delação premiada, comparando - os com o traidor dos inconfidentes, logo tratando políticos e partidos como heróis (jjá que os delatores são os doleiros , funcionários e empresarios), é um insulto a inteligencia dos demais, e quando digo demais, refiro - me aos seres bípedes não emplumados do gênero homo sapiens que pensam por si próprios. 

A publicidade que o autor considera tão danosa só existe porque a estatal parasitada é uma das maiores empresas do mundo com ações negociadas fora do país com leis que exigem excelente governança corporativa e se descobriu que ela não funcionou. Empresas gigantes no exterior também foram pegas em igual situação,  com uma diferença enorme. Aqui a grande estatal serviu para partidos que venceram as eleições 3 vezes consecutivas é que governam o estado que é o acionista maior, roubaram dinheiro através de repasses e contribuições legais e ilegais para uso pessoal e político. 

O pior é a quase certeza de saber que estaria lendo o oposto se o governo fosse dos malvados tucanos...ahhh, eu li sim, no caso Alstom.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

É surreal ler pessoas que se

É surreal ler pessoas que se dizem de esquerda defender criminosos confessos...

Incrível como a ideologia deixa as pessoas cegas.

Seu voto: Nenhum (9 votos)

-------------------------------------------------- CIRO 2018 --------------------------------------------------

imagem de Elias de Souza Almeida
Elias de Souza Almeida

Um traço de sensatez nos

Um traço de sensatez nos comentários.

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de altamirano
altamirano

Foi FHC que criou este

Foi FHC que criou este negócio...

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Caguete merece cacete ─ ditado popular.

Bezerra da Silva "homenageia" os caguetes:

Defunto Caguete



Na garganta do mudo tinha um gravador



Ele cagueta com o dedão do pé



Sapo Caguete

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Pão ☭ Paz ✮ Terra ☀

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.