#Panelaço18M: população adere massivamente a panelaço, confira

Antes das 20h30, horário marcado para ter início o #panelaço18M, o som já repercutia pelas janelas das casas e edifícios de todas as regiões do país

Foto: Reprodução redes

Jornal GGN – Antes das 20h30, horário marcado para ter início o #panelaço18M, o som já repercutia pelas janelas das casas e edifícios de todas as regiões do país, incluindo os bairros nobres e redutos eleitorais de Jair Bolsonaro, pedindo a saída do mandatário da Presidência da República.

Uma iniciativa dos movimentos sociais, sindicatos e partidos de oposição, os panelaços foram aderidos pela população, incluindo os que votaram em Jair Bolsonaro nas últimas eleições, tomando proporções massivas nesta quarta-feira (18). Confira abaixo algumas publicações nas redes sociais:

 

 

Leia também:  Os bancos públicos no enfrentamento aos impactos da covid-19, por Rafael da Silva Barbosa e Daniel Pereira Sampaio

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

12 comentários

  1. Sou contra o impeachment. FICA BOLSONARO! Povo brasileiro escolheu o suicídio…. E, segundo o filme “Constantine” o suicídio é imperdoável perante os olhos de Deus…..
    Não acredito em Deus. Mas acredito no filme….

  2. Os chamados antes da crise do coronavírus por, melhores lugares para viver. Ilhas da alta qualidade de vida estão passando por provações. Estão muitos deles no topo da lista de locais com mais infectados:
    Suíça 3.077 casos com 33 óbitos
    Holanda 2.056 casos com 58 óbitos
    Áustria 1.646 com 4 óbitos
    Noruega 1.591 casos com 6 óbitos
    Bélgica, Suécia e Dinamarca completam o quadro. Um tanto, suponho sejam de mais idosos e é torcer para que os que se recuperem tenham também restabelecidas suas capacidades pulmonares.

    O site da revista Visão (Portugal) fez matéria sobre o caso da Noruega:

    – A Noruega é um exemplo na qualidade de vida, mas está a ser um desastre com o coronavírus
    O país elogiado por ter a melhor qualidade de vida do mundo já é o segundo pior em número de casos per capita com Covid-19 – devido ao “crescimento exponencial” da epidemia. Pior só mesmo a Itália

    Quem quiser procurar um exemplo do que é a “fase de crescimento exponencial da epidemia” do novo coronavírus, anunciado pela ministra da Saúde, Marta Temido, só precisa de olhar para o que se passou na Noruega na última semana: com 173 casos ativos registados a 8 de março (semelhantes aos 169 que Portugal tem, atualmente), o país escandinavo saltou para os 1086 infetados, no sábado, 14, acrescentando ainda a contagem de três mortos. Foi uma subida vertiginosa em apenas sete dias e que trouxe outro recorde negativo: a Noruega é hoje o segundo país em que maior percentagem da população está contaminada. As contas são claras: são 200 casos por cada milhão de habitantes (numa população de cerca de 5,3 milhões de pessoas), um valor muito superior ao registado em países como o Irão…

    https://visao.sapo.pt/visaosaude/2020-03-15-a-noruega-e-um-exemplo-na-qualidade-de-vida-mas-esta-a-ser-um-desastre-com-o-coronavirus/

  3. Um caso preocupante agora é o dos EUA. Até ontem era o 8º em número de casos e passado algumas horas já está ocupando a 6ª posição na lista. E no ritmo presente em poucos dias ultrapassa a Alemanha e Espanha, ficando próximo do Irã. Pelo que se tem colocado, dentro de poucas semanas deve ultrapassar até a China. Como está ocorrendo isto?
    Em 22/jan enquanto a China iria começar a impor a quarentena a uma população de 11 milhões de pessoas, os EUA tinham o primeiro caso e o presidente Trump dizia que estava sob controle.
    – disse no New York Times o colunista David Leonhardt, referindo-se às piores estimativas do CDC para os Estados Unidos: até 215 milhões de pessoas infectadas e quase dois milhões de mortos. “A cada momento, o Presidente ignorou os conselhos dos especialistas e insistiu que ‘tudo se ia resolver’”, criticou Leonhardt.
    – E em finais de Fevereiro, quando a OMS registava mais de 85 mil casos em 55 países, Trump garantia que, nos Estados Unidos, o número de casos estava “a descer de forma substancial”, e que haveria uma vacina disponível “muito em breve”.
    – 12 de Março, 48 horas antes da declaração de emergência nacional nos Estados Unidos: “Isto vai desaparecer. Por causa do que eu fiz, e por causa do que a Administração fez em conjunto com a China, temos 32 mortes nesta altura. Em comparação com o que vemos noutros países, isto é extraordinário”, disse Trump na Casa Branca ao lado do primeiro-ministro da Irlanda.
    – 13 de março são 1.678 casos positivos e o de mortos já são 41
    – 16 de março são 3.737 casos confirmados em 49 dos 50 estados do país, e 69 mortes
    – 18 de março são 9.415 casos com 150 mortos

    Parece já ter entrado na fase do aumento exponencial – mais que dobrando, a cada dois dias o que faria em 3 dias já ultrapassar o Irã e em até uma semana, até mesmo a Itália. Para temor mundial, a previsão do CDC de 2 milhões de mortes e até o que preveniu ontem o professor Átila Iamarino em sua live no YT, que é possível que esta epidemia devaste os EUA com 2,5 milhões de mortes, parece mesmo possível.

    • Ainda sobre os EUA, algo problemático para o pessoal da saúde estadunidense lidar, é a respeito destes três focos que estão se espalhando a partir das três (regiões/cepas) entradas diferentes:
      – do Irã na região de NY
      – da Europa na região de WDC
      – da China/Ásia na região da Califórnia

      o que tem provocado é que dos atuais 9.415 casos positivos no país, com 150 mortos, são assim divididos:
      – região de NY (do Irã) com 3.083 casos com 20 mortos
      – região de Washington (Europa) com 1.186 casos com 68 mortos
      – região da Califórnia (Ásia/China) com 870 casos e 16 mortos.

      Dá para supor, sem base científica que a cepa européia em WDC é mais letal que a da CA (China)

    • Venda de armas dispara nos EUA(sem trocadilho).
      Tá no El Pais.

      Walking dead.

      Só falta o bozo pedir a liberação do porte aqui.

  4. É isso mesmo?

    Até quando vamos ficar reféns das panelas dos filhas das putas da classe média?

    Ahhhh…eles acham que o comunismo vem com Jango…derrubam Jango.

    Quando os filhinhos e filhinhas começam a se fuder na tortura aí correm para pedir democracia.

    Mas antes rezavam no altar do “milagre econômico”.

    Agora o demo era o PT, Lula e Dilma.

    Derruba. Bate panela.

    Agora o corona e tudo mais(desemprego estrutural de 13% ou mais !!!!!!!) tá comendo o rabo das madama….bate panela, sinhá.

    Tenham paciência..
    Tenham sacrossanta paciência.

    Os filhos da puta da classe média batwm panelas pela incompetência do bozo mas enchem as ruas e as praias.

    Eita hipocrisia.

    Morte à classe média primeiro. Depois conversamos.

  5. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome