Caso Daniel Silveira será analisado no Conselho de Ética na terça-feira

Votação na última sexta-feira reforçou prognóstico de cassação do mandato de deputado bolsonarista

Foto: Reprodução

Jornal GGN – O caso do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) será debatido no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados na próxima terça-feira (23/02), quando a discussão irá considerar se houve ou não quebra de decoro após a divulgação de um vídeo atacando o Supremo Tribunal Federal (STF) e em defesa do AI-5, o ato mais severo da ditadura militar.

O Conselho será reaberto após sua suspensão devido à pandemia de covid-19, e as reuniões serão híbridas (encontros virtuais e presenciais), e por conta da grande repercussão do caso do deputado bolsonarista.

De acordo com o jornal Correio Braziliense, a Mesa também enviou ao conselho uma representação pedindo a abertura de cassação de mandato contra Silveira. Tal prognóstico foi reforçado após a decisão da Câmara de manter a prisão em flagrante do deputado, por 364 votos contra 130. Segundo o presidente do Conselho de Ética, deputado Juscelino Filho (DEM-MA), a votação de um parecer final sobre o caso deve ocorrer em até 60 dias.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora