CPI da Covid: Renan quer Bolsonaro indiciado por prevaricação

O relatório foi elaborado por Renan com contribuições de senadores e do grupo de estudos que o auxilia coordenado pelo ex-ministro da Justiça, Miguel Reale Jr.

Jornal GGN – O senador Renan Calheiros, relator da CPI da Covid, pretende culpar o presidente Jair Bolsonaro por não ter pedido investigação sobre o caso de compra indevida da vacina Covaxin. O relator pretende apresentar o relatório final do inquérito com responsabilização de Bolsonaro por prevaricação, ao ter tomado conhecimento de irregularidades na compra da Covaxin mas não ter informado a nenhuma autoridade para investigar.

Renan quer ler o parecer aos integrantes da CPI até sexta-feira, mas pode aguardar mais algumas semanas se o colegiado resolver ouvir, de novo, o ministro da Saúde Marcelo Queiroga. O pedido de convocação será votado nesta terça, 21.

O relatório foi elaborado por Renan com contribuições de senadores e do grupo de estudos que o auxilia coordenado pelo ex-ministro da Justiça, Miguel Reale Jr.

A teimosia de Bolsonaro contra o isolamento e seu incentivo ao uso de remédios sem eficácia comprovada e com graves efeitos colaterais, no lugar de adoção de medidas eficazes, evidencia descaso com a saúde dos brasileiros e fuga de suas responsabilidades em adotar medidas de precaução.

São crimes comuns também evidenciados, como crime de responsabilidade, crime contra a vida e contra a humanidade, mas o relator garante que tudo será feito com responsabilidade, com coerência, para que seja mais efetivo.

O presidente da CPI, Omar Aziz, comunga com o relator na expectativa de um relatório com consistência e bem embasado em provas e fatos.

Renan Calheiros espera que o relatório final possa servir de base para um pedido de impeachment contra Bolsonaro. Mas é preciso que a lei sobre o tema seja atualizada com a inserção de prazo para que os pedidos sejam apreciados.

Com informações do Correio Braziliense.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome