A morte de um combatente não para uma revolução, diz Lula em ato no ABC

Lula reuniu milhares de pessoas no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC / Brasil de Fato

Lula reuniu milhares de pessoas no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC - Créditos: Brasil de Fato

do Brasil de Fato

“A morte de um combatente não para uma revolução”, diz Lula em ato no ABC

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva acaba de dizer que irá se apresentar à Polícia Federal neste sábado (7)

Redação

Brasil de Fato | São Paulo (SP)

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva acaba de dizer que irá se entregar à Polícia Federal neste sábado (7). O anúncio do ex-presidente se deu  após um dia da expedição do mandado de prisão concedido pelo juiz Sérgio Moro. Lula teria que ter se entregado até às 17h desta sexta-feira (6). Porém, o que se viu foi uma resistência por parte do ex-presidente somado à diversas mobilizações que ocorrem ao longo de todo o dia desta sexta em todo o Brasil.

“Não adianta tentar evitar que eu ande por esse país, porque tem minhões de Lulas, Boulos, Manuelas e Dilmas caminhando pelo Brasil”, afirmou o ex-presidente durante o ato deste sábado em São Bernado do Campo (SP), no Sindicato dos Metalúrgicos, na missa em homenagem a dona Marisa, ex-mulher de Lula, que completaria 68 anos hoje.

“Eu não sou mais um ser humano, eu sou uma ideia. Todos vão virar Lula e andar por esse país. A morte de um combatente não para uma revolução. Não adianta achar que tudo vai parar. O meu coração baterá pelo coração de vocês e pelos milhões de corações dos brasileiros”, discursou Lula a milhares de pessoas que o acompanhavam em São Bernado.

Leia também:  Guedes diz que se depender do governo, auxílio emergencial não será prorrogado

Após uma fala de cerca de 55 minutos, Lula saiu literalmente carregado nos braços do povo. O ex-presidente se entregará à Polícia Federal às 16h deste sábado. Uma vigília já está sendo preparada em Curitiba (PR) para recepcioná-lo.

Edição: Luiz Felipe Albuquerque

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

17 comentários

  1. JUSTIÇA BRASILEIRA” PROCLAMA A DESOBIDIÊNCIA CIVIL

     

    JUSTIÇA BRASILEIRA” PROCLAMA A DESOBIDIÊNCIA CIVIL

     

    Está .na Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, que apresenta o seguinte texto no seu Art. 2º: “A finalidade de toda associação política é a conservação dos direitos naturais e imprescritíveis do homem. Esses direitos são a liberdade, a propriedade, a segurança e a resistência à opressão”. A declaração vem ratificar os pensamentos de John Locke, o empirista no direito natural e resistência.É claro que a luta pelas vias legais ainda disponíveis no ambiente onde o golpe comandado pelo Judiciário (a condenação do Lula acaba com todas as dúvidas a esse respeito) deve continuar. Agora essa condenação de Lula e a continuação da impunidade de muitos golpistas, especialmente os ligados ao PSDB (os principais, já fartamente acusados de desvios, Aécio Neves, José Serra, Geraldo Alkmin e também Ricardo Azeredo,) mostra que pelas vias legais restantes, e através tão somente de eleições possam os golpistas serem enfrentados, batidos, como poderia ocorrer num ambiente democrático. O Judiciário, que encabeça o golpe, controla as eleições, já que comanda a Justiça Eleitoral, através do quê, sem manipular resultados ou mexer nas urnas, pode impedir candidaturas, afastar candidatos que considerem indesejáveis. É preciso que todos se apercebam que não vale tão somente a Lei, o que está expresso nos diplomas legais, mas a interpretação destorcida dos golpistas do Judiciário. Com o discurso que os golpistas mostram na mídia, desejam que se acredite nesse meio democrático de luta pelo poder, o voto. Mas, na realidade, estão fechados os caminhos da luta política por esse meio, já que também o Parlamento é sócio meeiro do golpe, que ajudou a ser deflagrado, com seus quadros mais corruptos. O caminho está mostrado, é longo e espinhoso, requer coragem e ousadia para ser trilhado. Não está à vista nada que possa suavizar. O golpe ainda não conquistou o povo, que as pesquisas (muitas, precisam que se acredite no caminho do voto, até que consolidem o nome de um outro títere que possa dar continuidade ao governo do traidor, Michel Temer, que posteriormente será descartado) mostram que o povo está tendente a votar na oposição (está, mas pode perfeitamente ser revertido).  Essa possível porta de enfrentamento disponível para as oposições conta com o porteiro golpista, o Judiciário. Só eleições não basta. O poder do golpe nem de longe está ameaçado, estão ganhando só no gogó, prendendo e escrachando adversários (Lula encaminhado coercitivamente para depor, Garotinho preso e agredido na cela onde as câmeras foram desligadas e Sérgio Cabral, este mostrado acorrentado procedimento que não deve ser adotado em pessoas,  no dizer cínico da Polícia Federal, também parte importante do golpe, para defende-lo, de quê, não esclarece) inviabilizando candidatos de oposição, através de interpretações das leis existentes, continuando os golpistas impunes e enriquecendo com empobrecimento do Brasil e seu povo, com o discurso da moralidade e do afastamento dos corruptos. Não dá para acreditar nos golpistas, que até impedem a luta democrática pelo voto, com a caixa de ressonância da mídia a todo vapor, querem afastar a oposição e convencer a população do acerto do combate à corrupção que fingem empreender, desempregando, reduzindo salários e entregando a eles mesmos e seus sócios no golpe de estado o patrimônio público. É urgentemente preciso que o povo e as oposições iniciem procedimentos para mostrar que, inexistindo caminhos lícitos para a luta política e não havendo saída democrática, para que fique para todos claro que o caminho a seguir será lutar pelos direitos de nosso povo, como está dito na Declaração Universal dos Direitos do Homem e do Cidadão. O sinal já está mais do que amarelo, tende ao vermelho. Os militares sabem muito bem: quando não há porta de saída, se está encurralado, não há  como não lutar com o meio possível. É bom todos fazerem as contas para ver o caminho a tomar.

  2. Estive no ato e minha
    Estive no ato e minha impressão foi boa,as pessoas não estavam cabisbaixas, isso foi reflexo da conduta de Lula e lideranças,quase ao final fui a um boteco na mesma rua, estava lotado de pessoas assistindo pela TVT (não ví ninguém comprar uma água)o pessoal estava por dentro do porvir e do plano de Lula insistir até o último minuto na candidatura,isso foi reflexo do q Lula disse e o povo entende, não era um ato de derrotados, experiência boa, Incrível,vaaleu!!

  3. lululá não é mais um ser humano

    Nassif,

    Lulalá não é mais um ser humano.

    De um lado, lulalá preso mas nem tanto, nem mesmo para os do lado de lá. E do outro lado, o lado de lá, eles se sentem livres de verdade ? Impossível, além de também reféns desta vitória de Pirro que os impede de se olhar no espelho.

    Graças à aguçada sensibilidade de um chimpanzé dentro de uma loja de cristais, os do lado de lá resolveram cutucar um mito. Para a CIA tanto faz, mas para os que se sujeitam a cumprir ordens a conversa é outra, pois nem mesmo o inimigo é capaz de ficar indiferente a um mito, e o mito passa a ser um fantasma.

     

    • Não sonha, meu.

      Se sujeitou a velha e corrompida justiça burguesa, como diz o PHA se comportou como o presidente de um sindicato, negociou com o patrão a melhor proposta possível, porém como o patrão era duro, saiu sem nada.

      • Lula vai ao Castelo do Drácula

        Lula vai entrar de gaiato  no Castelo do Drácula. Precisa ser mais claro do que vai acontecer? De lá só sairá morto, ou um morto vivo.

      • eleições, quem sabe

        rdmaestri,

        Só errou, e erro gravíssimo, ao não promover a regulação da mídia.

        Quanto ao resto, basta ver o resultado de lululá através das informações/estatísticas oficiais, um analfabeto que viabilizou mais de 20 universidades federais, transposição do São Francisco, zerou pela primeira vez a dívida com o FMI, 800 mil cisternas, MCMVida, etc.., etc… É verdade mais do que verdadeira, lululá se comportou como um presidente de sindicato, mas qual deles?

        Do lado de cá, diante de um teclado, é bastante fácil ficar colocando vírgulas aqui e ali, já sentado naquele trono a conversa é outra.

        E não pense que sou lulalá pro que der e vier, sempre achei um equívoco ele na presidência em 2019, o tratam como semideus, que é tudo o que o país não precisa, e lulalá teria dificuldades intransponíveis caso voltasse a ser presidente. Agora, se a direitona estúpida resolveu fazer dele um mito, vamos ver o que sai daí, quem sabe ela consegue inventar uma eleição prá daqui a 6 meses.

        Um abraço

      • É Isso Aí, Não Sonha, Meu.

        Não havia massa presente suficiente para intimida-los. Na segunda-feira, de madrugada, mandariam a tropa de choque para dispersar quem lá estivesse e levariam Lula algemado, descabelado e sem camisa, como a todos os líderes e demais presentes que reagissem e fariam, com a mídia golpista, a festa e o discurso que imaginavam (e Lula, com os que lá compareceram, impediram e reverteram com a ‘missio’ no meio do dia) para o desavisado e desinformado povo brasileiro e de quebra teriam um bom motivo para adiarem a eleição.  

        PHA se comportou e se comporta, há tempo, como açodado e insidioso cabo eleitoral de Ciro, “o buscapé”, muita chispa e fôlego curto. 

        Lula preso e candidato com a campanha “Lula Livre”, é nossa única arma real de derrota-los na eleição ou na “não eleição”, não permitindo, em ambas hipóteses, que legalizem o golpe empacado, estabilizem o governo fazendo água e mantenham-se no poder.   

  4. Avisem o Lula As Manchetes já começaram

    Mal Lula anunciou que se entrgará, as manchetss dos jornais e dos blogs da mídia fascista tratam de espinafrá-lo sem dó nem piedade e mostram com isso que só ficarão TALVEZ contentes quando ele for morto. Daí minha teoria que Lula errou achando que se entregando estaria fazendo a coisa certa. O ódio aumentou muito mais após sua dclaração. Dificilmente sairá com vida oeu em sua perfeita saúde das garras de Moro.

    • Isto tudo é lógico e era previsível.

      Lula vai sofrer mais trinta julgamentos e no fim o bondoso judiciário, quando ele estiver tão velho que estará se mijando nas calças vão deixar o mesmo ter uma prisão domiciliar.

      É um fim patético.

    • Justiçar

      Impressionante como podem confiar em um acordo para ele se entregar.

      Não respeitam nada, por que respeitariam a integridade física?

      Será mais uma vez dada resposta aos que querem justiçamento.

      A próxima missa será de sétimo dia.

       

  5. Rdmaestri,
     
    Concordo

    Rdmaestri,

     

    Concordo contigo. Mas permita-me complementar. Mais uma vez o movimento popular ficará de novo orfão de sua liderança? Jango fugiu para o Uruguai, Lula hoje declarou sua aposentadoria,teria sido mais digno fazer como que fez Getúlio? Seja como for fica a lição. Uma revolução só se fez com sague na sarjeta. Olha pra trás e veja a história. 

    Mas, somos todos pequeno burgueses, moramos num país tropical, abençoado por deus e bonito por natureza?…e é como dizia Macunaína, revelando toda a sua apatia e responsabilidade:  Ai! que preguiça..??

     

     

  6. Acabou

    Sem ilusões.

    Essa foi a última oportunidade de parar o projeto fascista/entreguista. 

    Partido de bundas moles. Não pararam o mensalão, não pararam o impeachment, não pararam o final mais que previsível(ou acharam que não seria este?) da lava jato.

    Algumas lideranças me decepcionaram muito. Não houve luta, foi tudo dentro dos conformes.

    Lula não devia ter se entregado. Não havia nenhum motivo para Lula se entregar. O processo, o julgamento, a sentença, os recursos, tudo, uma farsa o tempo todo. E os bundões dizendo que acreditavam nas instituições.

    A farsa jurídica venceu porque não houve luta política, essa é a verdade. 

  7. A comparação que faço. . .

    A comparação que faço da prisão de Lula e comemoração por seus opositores é a dos torcedores de Corinthians, Palmeiras e São Paulo nos anos 60/70, quando Pelé se contundia e não podia enfrentar seus clubes, eles sabiam que sem Pelé tinham mais chances de não perder para o Santos. Agora quem sabe os antipetistas  tenham chance de ver seu candidato a presidente entrar pela porta da frente no Palácio do Planalto e não pela porta dos fundos, como entrou o preposto Temer.

  8.  General Paton dizia, que não

     General Paton dizia, que não se vence uma guerra morrendo ou se sacrificando pelo país. Frases como “Morrer lutando”, “Lutar até a morte” , não faziam parte de seu exercito.

  9. Não se vence uma guerra morrendo.

     General Patton dizia, que não se vence uma guerra morrendo ou se sacrificando pelo país. Frases como “Morrer lutando”, “Lutar até a morte” , não faziam parte de seu exercito.

  10. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome