Temer tem dados sobre como PCC e CV vão dominar mercado internacional

Jornal GGN – O jornalista Tales Farias publicou em sua coluna no portal Poder 360 que o presidente Michel Temer foi informado pelas agências de inteligência do governo sobre a expansão internacional do Comando Vermelho (CV) e do PCC (Primeiro Comando da Capital), abrindo caminho para uma guerra com facções que lideram o tráfico de drogas em países vizinhos.

Segundo Tales Farias, Temer, contudo, sente que nada pode fazer diante do aviso, principalmente por conta da falta de recursos do governo para encampar ações que, de fato, evitem o crescimento das facções. Por isso, o governo, em estado de “desalento”, preferiu anunciar medidas pontuais para combater o crime no Plano Nacional de Segurança.

Ontem, o chefe da secretaria de cooperação internacional do Ministério Público Federal, Vladimir Aras, apontou, em entrevista à Folha, que outro fator não controlável pelo governo brasileiro pode fortalecer as facções nacionais. Trata-se do acordo de paz entre a Colômbia e as Farc. Com o desmembramento, ex-guerrilheiros poderão ser aliciados pelo PCC, CV e outras facções brasileiras com representatividade no Norte e nas fronteiras do País. Leia mais aqui.

Por Tales Farias

PCC e CV estão prestes a se tornar cartéis internacionais do tráfico

Em Poder 360

Órgãos de informação do governo não falam em público, mas reuniram informações assustadoras. As facções do tráfico que se digladiam nos presídios –Primeiro Comando da Capital (PCC) e Comando Vermelho (CV)– trabalham de maneira orgânica para se tornarem dos mais expressivos cartéis de drogas do planeta.

Leia também:  Os efeitos drásticos da pandemia em Manaus: falta de oxigênio, pacientes transferidos e toque de recolher

PCC e CV já deram o primeiro passo: se nacionalizaram. E o Brasil é um dos maiores consumidores de cocaína e derivados do mundo. Além disso, o país é uma das mais importantes rotas de distribuição da droga para outros continentes.

Os 2 grupos agora guerreiam por um objetivo maior: disputam o domínio do tráfico nos países vizinhos. Assim, passariam a ter o controle de enormes mercados consumidores, distribuidores e produtores, o que caracteriza um cartel.

Paraguai, Equador, Peru, Colômbia e Venezuela são os maiores produtores da América do Sul e ligados à rota global de drogas.

PCC e CV, segundo os órgãos de informação apuraram, já disputam contra grupos locais desses países o controle da produção.

Se conseguirem, será praticamente impossível impedir o trânsito pelos 16.886 km de fronteiras que o Brasil tem com os países do continente.

O presidente Michel Temer já foi informado de que os traficantes brasileiros estão prestes a se tornar verdadeiros carteis do tráfico internacional. Mas na atual situação econômica do país, não há recursos suficientes.

É de desalento o clima interno no governo em relação ao assunto.

A solução paliativa tem sido adotar medidas pontuais, como as anunciadas pelo ministro da Justiça, Alexandre de Moraes. Mas são medidas incapazes de solucionar o problema enquanto as organizações criminosas e o narcotráfico continuarem em expansão no país.

O jeito é prender a respiração e torcer por tempos melhores.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

12 comentários

  1. SOMENTE UM ESGOTO QUE

    SOMENTE UM ESGOTO QUE ENRIQUECEU ANUNCIANDO VENDAS DE ESCRAVOS PARA CONSIDERAR GUERRILHEIROS DAS FARCs BANDIDOS .

    • Bandido, traficante,

      Bandido, traficante, terrorista, ladrão, comunista, é todo aquele que apenas reluta em dançar conforme a música vinda lá de cima.

  2. O PCC toma a fronteira Ponta Porã-Pedro Juan Caballero

    A fronteira Ponta Porã-Paraguay, que por mais de 40 anos pertenceu ao Fahd (Fuad) Jamil Georges, estava – estava – nas mãos de Jorge Rafaat Toumani, filho da terra, até junho passado, quando o PCC tomou o controle, no melhor estilo Quentin Tarantino: 

    uma SUV adaptada/customizada, transformada em tanque de guerra com uma ponto 50 adaptada 

    carro blindado onde Jorginho Toumani estava 

  3. Aberração

    A situação é surreal.

    O Ministro da Justiça advogou para uma das facções (PCC) e agora controla o sistema de repressão ao crime organizado em todo o país. É saudável suspeitar que ainda seja um operador dessa facção operando em um degrau abaixo da Presidência da República.

    É inadmissível que ocupe o cargo que ocupa. A ideia do General Etchegoyen era ter um repressor linha dura (contra os movimentos sociais, principalmente) no comando da Justiça, mas a presença de Moraes no governo torna o Executivo suspeito de cumplicidade com o crime organizado. Um governo a serviço do crime.

    • estamos sendo liderados por uma quadrilha organizada??

      Porque será que o governo está desistimulando o combate ao narcotráfico? porque será que o crime organizado tá sempre beirando os tres poderes? se ilçudam não estamos camionhando para um caos. o próximo passo será a eleição de  um narco-presidente e a formação de um partido  político do crime organizado , quem sabe usando a sigla PCC.

      Esse alexandre de moraes não engana ninguém. o Temer não engana ninguém, é tão sujo que está nomeando pra ministro pessoas que ele sabe que podem até vir a ser presos. Desmoralizando o país internacionalmente. Já não basta o que já foi feito nos últimos 15 anos? to vendo a hoa o poste fazer xixi no cachorro e a banana resolver comer o macaco. Onde estão os homens sérios desse país? Alguém tem que fazer alguma coisa.

  4. E está levando quanto pra

    E está levando quanto pra deixar o pais das Forças Armadas (Kkkk), Polícia Federal (Kkkk), Globo e da presidenta Carmén Lúcia se transformar num entreposto de drogas? Ministro da Justiça do PCC esse inominável já tem. Cheiradores apoiadores no Senado também. 

  5. sobram recursos , está faltando é coragem e administrração …

    A simples alegação de falta de recursos é uma falácia, o que acontece é que não se está dando a atenção devida ao caso, isso não aconteceu da noite pro dia , o governo sempre foi informado sobre tudo isso, se olharmos no site do SIAFE veremos que o governo sequer gastou o dinheiro que estava destinado a combater o narcotráfico, e a reforma e  manutensão do sistema penitenciário. Simples assim  O govewrno está baixando a guarda pro crime organizado se fortalecer. A pergunta que faço é : PORQUE ISSO ESTÁ ACONTECENDO?  QUEM ESTÁ POR TRÁS DESSE DESMONTE?PORQUE TEM TANTA GENTE LIGADA AO CRIME ORGANIZADO EM POSIÇÃO DE DESTAQUE NOS TRES PODERES? PORQUE O ESTADO NÃO DECLARA GUERRA AO CRIME ORGANIZADO? PORQUE ESTÃO SEMPRE EM CIMA DO MURO? NEM FALAM SOBRE O ASSUNTO. a inercia do Estado é adequada á necessidade do crime organizado. Alguém deliberadamente está facilitando oas coisas  pra eles. Esse alguém não é uma só pessoa, mas um conjunto de pessoas que estão agindo coletiva ou individualmente , ou simplesmente deixando de agir, se omitindo nas suas funçoes. Se o PCC e o CV estão asim , não é só pór mérito deles,e é também  ,eu acredito que muito mais foi feito pelo Estado  (ou deixado de fazer). Enquanto quem pode fazer algua coisa  e não está fazendo, não mudar de atitude de querer achar que nada disso vai acontecer teremos a escalada dessas facções rumo ao estrelato Hollywoodiana , transformados em  verdadeiros cartéis, pois já agem como tal, até ameçando  de morte presidente de outros países. E quem poderá nos socorrer? OChapolim Colorado já está morto e nem conseguiu salvar o próprio país dos Cartéis da Droga.

  6. Legalizar, solução efetiva e

    Legalizar, solução efetiva e barata para tirar o dinheiro das drogas do crime organizado. O problema principal é a oposição dos traficantes que usam helicópteros, e do governo autoritário que deseja transformar o Brasil em um novo México.

  7. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome