As jogadas anti-clientes da Gol e da Latam

Ao cancelar vários voos e concentrar todos os passageiros em um único voo, elas perdem a receita de todos os voos cancelados

É curiosa a estratégia da Gol e da Latam para enfrentar a crise. Simplesmente estão cancelando todos os voos que não estão lotados e enfiando os passageiros em outros vôos.

Olha a lógica besta desse pessoal:

  1. Um voo lotado é mais rentável que um vôo semi-lotado.
  2. Mas um voo semi-lotado também é rentável.
  3. Ao cancelar vários voos e concentrar todos os passageiros em um único voo, elas perdem a receita de todos os voos cancelados. Além de arruinar a imagem com seus clientes habituais.

Mais que isso. Fui a Brasília com passagens da Cofecon (Conselho Federal de Economia), para uma premiação. Na volta, a agência me enfiou uma passagem da Latam para as 18 horas. Não era o horário que pedi. Provavelmente devido ao fato  da companhia ter cancelado voos, lotado os voos disponíveis e jogado a sobra para os últimos horários.

Tentei mudar o horário e não havia a menor condição. Quem chegou no aeroporto também não conseguiu voos para São Paulo – e, presumo, para outros aeroportos – pela Latam e pela Gol. O que fiz? Comprei uma passagem da Azul. E, nas próximas viagens, escolherei a Azul.

Mas é curioso que uma concessão pública não seja fiscalizada nem regulada pela ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil). É uma boa tarefa para a Secretaria de Defesa do Consumidor do Ministério da Justiça.

Leia também:

Luis Nassif

31 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Não se iluda com a AZUL. Fizeram a MESMA COISA comigo agora no início de janeiro. Um vôo que comprei para mim e para meus filhos, que duraria 6 horas – com uma escala, se transformou em um vôo lotado de 2 escalas e que durou quase 18 horas. Os três vôos que peguei estavam completamente lotados, de madrugada, mostrando como virou o padrão das empresas de aviaçao… não havia outros vôos na azul e nem em outras companhias. Me ofereceram um “voucher de R$400,00”, mas que teria que ser usado na Azul em 90 dias.
    Eu não tenho como viajar com meus filhos em 90 dias para lugar nenhum, eles estarão em aula.
    Irei entrar nas pequenas causas contra a empresa, pois sequer fui avisado da mudança de vôo e de horário.
    É um procedimento padrão que estão fazendo, que totalmente prejudicada os consumidores e só traz algum benefício para as empresas.

    1. Aconteceu a mesma coisa comigo em julho do ano passado.
      Peguei um vôo da Azul em Congonhas SP, com escala em Confins pra Salvador Bahia. O vôo de SP atrasou, segundo eles e eu perdi o vôo de confins pra Salvador. Houve um atraso de mais de 5 horas e eles me deram um voucher pra almoçar um ” belisco” e outro de 500,00. Chegando em Salvador recebi outro de 200,00. Mas perdi o táxi que me levaria para o interior, não tinha mais ônibus e eu tive que dormir em Salvador e viajar de ônibus dia seguinte.
      Perdi os voucher por não ter tempo de viajar no prazo que eles deram.
      Somos tratados nessa hora como “palhaços”.
      Eu já tive a triste sorte de viajar pela BRA de São Paulo a Bahia e no retorno encontrar a empresa falida e daí amargar numa passagem de última hora pra não faltar ao trabalho.

  2. Essas companhias abusam do consumidor brasileiro há anos. E desde a pandemia, juntaram aos abusos os assaltos à mão armada dos preços. Com isso, está havendo uma fuga em massa dos aviões para os ônibus. É essa fuga a responsável por essa estratégia suicida e desesperada narrada por você, Nassif.

  3. Esta matéria está direcionada para favorecer a Azul, que nos últimos anos está deixando a desejar. Em contrapartida a Latam melhorou muito suas ofertas de voos. A Gol sempre é o que sempre foi.

  4. Nesse país desgovernado e sem rumo tudo de ruim é possível. Não espero mais nada e sim exploração e indecência generalizada. Enfim, o mal apoderou-se da Terra de Santa Cruz. E fica por isso mesmo.

  5. A azul está fazendo a mesma coisa, inclusive em voos internacionais. Voos lotam de uma hora para a outra enquanto outros aparecem esgotados do dia para a noite

  6. Então, monte uma empresa de aviação e faça voos vazios para ver o que acontece. Mesmo assim, todas as maiores estão em recuperação judicial. Detesto gente que só reclama!!!minha opinião!!

  7. Então, monte uma empresa de aviação e faça voos vazios para ver o que acontece. Mesmo assim, todas as maiores estão em recuperação judicial. Detesto gente que só reclama!!!minha opinião!! E mais, não entendo quando tem gente que fica nervosinho quando se cancela vôos por mau tempo. E a segurança aonde fica? Me poupe!!! Cliente perdeu a noção do que é direito. Louco quem investe nesse país.

  8. Quem teve seu vôo alterado pode ingressar com ação judicial requerendo a condenação da empresa por danos morais.
    Sou advogado e posso passar mais informações sem custo
    81 999599489

  9. Poderiam falar em mil e uma maneiras de desburocratizar a aviação no Brasil, mas não, se processa as cias e se cria cada vez mais regras e um país continental vai ficar sem nem uma cia aérea!

  10. São todas horríveis, Nassif. A ANAC é peça de ficção científica. Bonita na teoria mas falha na prática. Como todas as Agências, cooptada (não digo nem financeiramente, mas ideologicamente, pois só adotam teses que favorecem as empresas). Não fiscaliza. Não tem papel de defesa do consumidor. Regular mercado é acomodar interesses conflitantes com vistas a justiça social e desenvolvimento. Nem matar a empresa nem também permitir condutas abusivas e sem sentido. A ANAC nunca regulou claramente – e sequer cobra a regulação existente – quanto a desrespeito de regras relacionadas a atrasos e cancelamentos de vôos. Urge ver se a Secretaria de Defesa do Consumidor do MJ quer ocupar espaço. Até hoje parece que é uma lenda urbana também.

  11. A falta de respeito não é exclusiva de brasileiros, mas de um mundo mal caráter, que vem se apresentando cada vez mais desumanização. Invasões de países, morricinios, venda de armas, apoia bélicos, fome, desabastecimento, lucro,capitalismo selvagem, o mercado tiranico, consumo desenfreado, impostos absurdos, todos caminhando para lugar algum. As elites estão vendo o resultado de suas atitudes e comportamentos por meio de passagens de aviões, e de cias inescrupulosas

  12. Aos que impressionantemente criticam quem está reclamando, ou gosta de sofrer ou nunca passou pela situação desastrosa de um cancelamento. Vivi isso recentemente em 28/01 com a Latam, e percebi que haviam passageiros de outro vôo no meu retorno em 01/02.
    Em 28/01, meu vôo das 10h35 foi cancelado. Motivo? Manutenção não programada.
    Basicamente recebi essa informação a caminho do aeroporto. E tinha 2 opções: tentar remarcar ou solicitar o reembolso.
    Ninguém está andando na rua, passando em frente a um aeroporto e resolve entrar e pegar um avião aleatoriamente. Via de regra, as viagens são antecipadamente programadas, com conexões em algumas situações, horários acordados profissionalmente, hotéis e passeios já contratados, etc.
    Então receber uma notícia de um cancelamento de vôo sempre será uma informação fora de aceitação, a não ser que seja um problema generalizado.
    A empresa que respeita o cliente precisa estar preparada para imprevistos, pois é muito fácil transferir para o cliente o problema.
    Pior de tudo isso é que me senti privilegiado de ter o meu vôo transferido para às 12h10, pois lá no aeroporto nos deparamos com pessoas que tiveram os vôos transferidos para às 17h00, 22h00 e até ao dia seguinte às 07h00.
    Uma pessoa que estava na fila para pegar um voucher, fila que certamente levaria uns 40 minutos ou mais, descobriu sobre o cancelamento no momento do desembarque, pois vinha de Porto Alegre e iria fazer conexão em Guarulhos. Esta foi referente ao vôo das 22h.
    E do senhor que estava com crianças e teria que ficar até às 17h?
    É lamentável ver gente ainda criticando as reclamações!
    As empresas fazem isso porque nada acontece, não existe punição exemplar.
    Quem quer fornecer serviço, que forneça com qualidade e principalmente respeito.
    Mesmo se o serviço fosse gratuito ou se estivessem fazendo algum tipo de favor, ainda assim deveria ter qualidade, respeito e profissionalismo.
    Imagina se não devemos exigir o mínimo necessário para serviços com preços fora da realidade da maioria dos brasileiros?
    Jamais aceitarei tal situação e se a empresa não está preparada para servir com qualidade, que deixe de fazê-lo.
    Não podemos aceitar a passar por desrespeito só porque todos estão agindo da mesma forma!
    Alguma solução deverá ser encontrada! Ela só nunca existirá enquanto houver complacência!

  13. Um vôo saindo de Guarulhos para Portugal é mais barato do que o mesmo vôo saindo de Fortaleza, embora Fortaleza seja bem mais próxima da Europa. A explicação das Cia é que o preço adicional cobrado em Fortaleza é em razão da comodidade de se pegar um vôo mais curto. Isso faz algum sentido?

  14. Cia aerea não dá muito. Lucro, voar com aviões metade de ocupação, da muito prejuizo no Brasil onde existem impostos altíssimos e taxas aeroportuarias bizarras
    Certinho cancelar os voos em excesso pro mesmo destino e concentrar os passageiros em menos vôos….

  15. Não se iluda: meu voo pra Campinas (terra da Azul) foi trocado 5x… Eles chegaram ao ponto de trocar um voo com check in feito…
    O voo original era em torno de 21h e fui parar em voo que saia 5 e pouco da manha…
    Eu cheguei a fazer o check in no voo das 09h20 da manhã às 17h do dia anterior e às 19h30 recebi a informação que o voo estava cancelado e que eu precisava trocar novamente… Enfim, é complicado pq a gente se organiza: garagem no aeroporto de origem, aluguel de carro no destino, hotel etc… e cia muda em cima do laço sem nenhuma explicação…

  16. Isso não é uma matéria jornalística, apesar de ter sido escrita por um jornalista. É apenas uma opinião de um consumidor ressentido que não teve uma boa experiência de vôo com a companhia.Todo mundo tem direito a sua opinião,não é mesmo!

  17. Concordo plenamente. Superlotam o aeroporto em alguns horários. Colocam, voos em SP, para serem pagos na pista com tempo de fechamento do portão anterior ao estipulado para se dizerem pontuais. A gol vem sim sacrificando os clientes já faz algum tempo.

  18. Os donos dessas empresas deviam jogar a toalha, pois não são capazes de atuar no segmento da aviação de transporte de passageiros. Que tal vender coco na praia?

  19. As empresas aéreas brasileiras e do resto do mundo, estão em péssimas situação financeira… estão tentando se recuperar a todo custo…na Europa e EUA também estão trabalhando assim.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador