Presidente da Apeosp questiona visita dos Arautos do Evangelho em escola estadual

Jornal GGN – Maria Izabel Noronha, presidente do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo, questiona a visita de representantes dos Arautos do Evangelho, seita religiosa conservadora, à Escola Estadual Fernão Dias Paes, em São Paulo, na última quinta (2). Noronha diz que, ao mesmo tempo em que os professores que “ousam pensar e debater” temas que contribuem para formação dos estudantes são criminalizados, setores conservadores do Estado brasileiro “acolhem e apoiam organizações conservadoras e seitas religiosas que nada tem a fazer no interior de uma escola pública”.

Ela relembra que o Estado brasileiro é laico e questiona se os Arautos do Evangelho “estariam realizando doutrinação religiosa num espaço pertencente público de educação, sob responsabilidade do Governo do Estado de São Paulo”.

Segundo matéria da Revista Época, os Arautos do Evangelho são uma dissidência da Sociedade Brasileira de Defesa da Tradição, Família e Propriedade, a TFP, com uma estratégia de divulgação que inclui apresentações de peças teatrais e concertos musicais em colégios públicos. Leia mais abaixo:

Da Apeosp

O QUE FAZIA UMA SEITA RELIGIOSA EM UMA ESCOLA ESTADUAL PAULISTA?

É alarmante o que vem acontecendo na educação pública brasileira. Vejam o vídeo anexo (especialmente a partir de 0:56″). O que faziam integrantes de uma seita religiosa conservadora em uma escola estadual paulista?

Temos alertado para o grande espaço que uma visão extremamente conservadora de sociedade e de educação tem obtido junto ao governo ilegítimo do senhor Michel Temer.

Leia também:  A universidade federal na visão de uma professora

Recentemente, para indignação geral dos brasileiros, o ilegítimo Ministro da Educação recebeu em seu gabinete no MEC o ator pornô Alexandre Frota e outros defensores do movimento denominado “escola sem partido”. Sob o pretexto de combater uma suposta “doutrinação de esquerda” nas escolas, este movimento pretende amordaçar os professores e professoras, impedindo-os de debater com seus estudantes a pluralidade de ideias e concepções existentes na sociedade sobre política, gênero, ética, moral e outros assuntos.

A onda conservadora que estamos vivendo fez com que fossem retirados de diversos planos estaduais e municipais de educação referências às questões de gênero, questões étnicas, referências a opções sexuais e outros assuntos incômodos aos conservadores. Também tem sido apresentados projetos de lei nas assembleias legislativas, câmaras municipais e no Congresso Nacional que preveem até mesmo penas de prisão a professores/as que tratem destes assuntos em sala de aula ou quaisquer outros espaços nas escolas.

Ao mesmo tempo em que são criminalizados os professores que ousam pensar e debater com os estudantes temas que contribuem para a sua formação integral como cidadãos e cidadãs conscientes, setores conservadores encastelados no Estado brasileiro acolhem e apoiam organizações conservadoras e seitas religiosas que nada tem a fazer no interior de uma escola pública.

As imagens  mostram integrantes da seita Arautos do Evangelho em visita à Escola Estadual Fernão Dias Paes, na tarde da quinta-feira, 2 de junho.

O Estado brasileiro é laico. O que faziam, então, essas pessoas em uma escola pública? Qual seria a finalidade desta visita? Estariam realizando doutrinação religiosa num espaço pertencente público de educação, sob responsabilidade do Governo do Estado de São Paulo?

Nosso sindicato, que representa profissionais da educação, tem enfrentado recorrentes problemas para ingressar em unidades da rede estadual de ensino. Durante nossa greve de 92 dias, em 2015, fomos proibidos de ingressar nas escolas para conversar com os professores e professoras. Por que, então, uma entidade religiosa, sem qualquer ligação com a educação pública estadual, é facilmente admitida no interior de uma escola da rede? Com a palavra, a Secretaria Estadual da Educação.

Leia também:  A universidade federal na visão de uma professora

São muitas perguntas a serem respondidas. Os fatos se sucedem. A sociedade tem que estar alerta e se posicionar contra a apropriação do Estado brasileiro por grupos conservadores radicais de direita que estão tentando destruir os avanços conquistados pelos educadores, estudantes, pais e a sociedade nas últimas décadas.

Maria Izabel Azevedo Noronha
Presidenta da APEOESP

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

37 comentários

  1. HORROR!

    Estamos voltando às trevas, esse palhaços travestidos de “religiosos” que não chegem perto de um filho meu! Não há Conselho de Pais nessa escola?

    1
    2
    • Homem irracional que acha que pensa !
      Saiba que isso é discriminação religiosa e que você pode ir parar no xadrez. Além do mais julgo que certamente eles se vestem melhor que você! Pois usam roupas descendentes e de ser humano! Quanto às trevas que você diz concordo plenamente pois seu caso é um exemplo de homem pseudo-racional que não pensa antes de falar ou melhor no caso de escrever!
      Saiba também que eles ‘arautos’ pegam gente que pensa (que se for de família ) é o contrário de seus filhos!

      1
      2
      • Associações de valores é o que ainda salvam nossos filhos.

        Zero a esquerda e pobre de redação é o articulista e os que não gostam de música erudita, valores de excelente moral, como ofereceram os arautos nessa escola.

        3
        1
    • Então o direito de ir e vir é somente para os adeptos da seita petista, que segue cegamente o traidor da pátria Lula da Silva?! Não resta dúvida de que quem decide o destino dos filhos são os pais, e muitos preferem que sejam doutrinados pela Globolixo do que por uma Ordem Religiosa aprovada por São João Paulo II, responsável por uma educação de altíssimo nível aos jovens que dela participam!

  2. A era das máquinas que

    A era das máquinas que assistimos em filmes como o Exterminador do futuro chegou… Mas não serão maquinas robóticas… Serão os próprios humanos transformados em robôs para que possam se adequar a um estado fascista sobre o comando de poucos… Lembra muito o filme THX 1138 do George Lucas… https://www.youtube.com/watch?v=4hLXOVCZr-8

    Quem não andar na linha será considerado terrorista e sofrerá repressão… Não é atoa a repressão em sindicatos em São Paulo… É uma tentativa de começar com isso para ver a reação da população… Mas tanto aqui em São Paulo como na França não surtiram efeitos… Esperavam que com os ataques terroristas o povo se tranficaria em casa e apoiaria toda e qualquer repressão contra movimentações pela policia… MAs não foi isso que aconteceu… Muito pelo contrário. É uma vitória da vida e da liberdade… Ainda há as pessoas que apoiam esta repressão pois estão no topo da pirâmide ou por tem mentalidades mais “adequadas” para com a sociedade repressora. Mas devemos aos libertadores que a sociedade ainda não está dominada pelas grandes corporações e nunca serão dominadas pelas grandes corporações.

    1
    1
  3. São Paulo primeiro virou o

    São Paulo primeiro virou o Tucanistão e agora vai se transformando em um estado teocrático fundamentalista, de locomotiva do Brasil para Loucomotivados alucinados.

    1
    1
  4. Parecem os arautos da

    Parecem os arautos da Inquisição. A EE Fernão Dias foi importante durante as ocupações, contra Geraldo Opus Dei. Tomara que esses seres medievais (sem desmerecer o que houve de bom na Idade Média) topem com muitas cenas assim:

     

    1
    1
  5. Enquanto rola um impeachment

    Enquanto rola um impeachment no Congresso, as forças de direita extremista também rolam. Elas pipocam aqui e ali, ora com um grupo de uma ceita, ora com outro grupo, tudo de mãos dadas com Bolsonaro e outros fascistas. Nasce uma nova ordem política brasileira com a união da bancada da bala com a bancada da biblia. 

    Li um artigo de ume ex-deputado questionando isso, que parece ser um um monstro a sair das trevas. 

    1
    1
  6. É ! pois é !

    Devagar eles vão chegando, como quem não quer nada e vão fazendo a cabeça das pessoas, para que aceitamos, sem reagir, a volta da Colônia Brasil.

    Estão me impressionando o aumento do nº de maçons, das igrejas evangélicas e de conservadores no Brasil. Farão parte do Golpe ?

    1
    1
  7. nem tudo o que conseguiram com o golpe…

    permanecerá escondido……………………………

    melhor deixar para se espantar realmente quando instalarem pequenos tribunais nas escolas

    juízes estudantes julgando segredos dos colegas

    já viram alguém ser condenado e punido pelos seus segredos? verão

    na ditadura era função dos psicólogos

    com Temer poderá ser até do Frota

  8. Estava eu, meses atrás, em
    Estava eu, meses atrás, em uma missa em Pouso Alegre-MG, qua do noto umas figuras vestidas como esses da foto.

    Eu, nada religioso, não pude perder a oportunidade de cutucar minhas esposa religiosa e perguntei se eram agentes da inquisição. Ela riu, mas depois disse não ter a remota idéia do que eram eles.

    Passou batido e eis que deparo com.esse tipo de coisa aqui.
    Considerando que a aparentemente esse pessoal está se infiltrado em tudo quanto é canto, me pergunto se não vivemos hoje o fim dos tempos.

    Bizarro e assustador.

  9. Anos ’70

        Ontem escrevi que tinhamos entrado em uma maquina do tempo, regredindo cada vez mais para o obscurantismo, e hoje lendo esta noticia, recordei de minha adolescencia, pois :

         Sempre estudei em escola publica, e nos anos de 1971 a 1974 ( ditadura civil – militar ), tinhamos aulas de ‘Educação Moral & Civica” ministradas por professores engajados ao regime, e aulas de  ” religião ” – obrigatórias – sendo que na Zona Oeste de São Paulo, que inclui o Fernão, GEL, Romeu, Anhnaguera ( onde estudei ), quem ministrava estas aulas de religião era o pessoal da TFP , da sub-sede da Lapa ( City Lapa – uma bela casa travessa da Bgd. Gavião Peixoto ).

         Em “aulas de religião”, dentro do colégio, que assisti filmes sobre a “Revolta da Hungria 1956 ” , ” O Homem que não vendeu sua alma ” , até um Documentario sobre os bravos caminhoneiros chilenos, assim como o esforço de cooptação da TFP em relação a adolescentes, que incluia aulas de artes marciais minstradas de gratis em sua sede da Rua Maranhão.

          Estas pessoas podem até parecer “circenses”, “deslocados no tempo e espaço”, mas são perigosas, como sempre foram.

    • Morei em São Paulo no começo

      Morei em São Paulo no começo dos anos 70. Lembro desse pessoal da TFP todos paramentados e com suas capas andando pelo centro da cidade, lembro também que vários deles andavam em cima do parapeito do viaduto do Chá com suas capas balançando ao vento. Lembro também que não gostava deles, eles me inspiravam medo não sei porque. Dentro de mim ficou um sentimento que nada de bom poderia vir deles. Agora depois de tantos anos quando vi esses Arautos e me lembrei imediatamente da TFP, o mesmo sentimento ruim.

  10. O que tem no DNA paulista?

    Eu fico me perguntando, sempre que vejo imagens que chegam a ser hilárias como esta, destes senhores se trajando como se fossem cavaleiros templários ou algo semelhante a desfilar pelas cidades e agora, até nas escolas públicas paulistas. De onde surgem estas figuras? Uma coisa me intriga, mas não deixa a pergunta que me faço de ser relevante: por que elas sempre têm início na cidade de São Paulo? Diz o texto acima que estes senhores e senhoras advêm da antiga TFP, do ultra direitista Plínio Corrêa de Oliveira, figura paulistana do século XX, de alto relevo e de altas rodas da elite daquele estado. Por que sempre de São Paulo saem estas coisas grotescas, para não dizer hilárias de um nonsense extremo. O que tem esta cidade em seu DNA? O que faz esta cidade capitanear os arroubos golpistas de extrema direita desde a revolução dita por sua elite de “constitucionalista” de 32, feita pelas elites cafeicultoras a perpetrarem sobre o Brasil sua ideologia fascista sendo seguidas pelos seus pares de menor significância dos outros Estados da Federação? Por que São Paulo, uma cidade composta em sua esmagadora maioria por trabalhadores, permite que nela surjam e prosperem entidades grotescas como esta? Por que São Paulo, através de seus cidadãos se permite ser subjugada por gente desta estirpe? Alguém que entenda um pouco de psicologia de massas poderia me dar uma resposta? Por que esta cidade proporciona o surgimento de entidades e pessoas desta baixeza de caráter e pequenez de alma? Ou será que estou sendo por demais radical e injusto com a Paulicéia de Mário, de Oswald, de Tarsila, de Malfatti e de tantos outros paulistas, paulistanos ou não, que aderiram ao movimento modernista de 22? Vejam: o movimento integralista surgiu onde? Quem o iniciou? Plínio Salgado, do Estado de São Paulo. O golpe de 64, quem o apoiou com dinheiro para comprar o Gal. Amaury Cruel, então comandante do II Exército, para que aderisse o golpe? A FIESP. O golpe de 2016 quem o apoiou incondicionalmente? Novamente a FIESP, o que não é segredo para ninguém. O que há com você São Paulo?        

  11. Comecem a limpeza já!

    O brasileiro precisa entender que ficar fingindo que nada está acontecendo não é solução. Desde FHC permitiu-se pela democracia que os evangêlicos instalassem a ditadura deles, já digo isso há anos, e agora estamos colhendo os frutos. Com seu expoente máximo em Eduardo Cunha, que representa bem a sociedade brasileira, temo do que vai vir. Só que acho que já é tarde demais. As seitas já dominaram as mentes, e não duvido muito que em poucos anos teremos uma reedição da inquisição. Hoje temo pelo futuro mais do que nunca, pois realmente não vejo nada de bom pela frente vivendo em um país onde a religião irá definir o que um indivíduo pode fazer. Não tenho que ser tolerante com quem não é comigo. Alguém precisa ajudar a dar um basta no demônio que despertaram. Não se trata de direita ou esquerda, trata-se de direito, o que hoje não temos mais, que é um estado de direito. Temos um judiciário politizado e uma classe corrupta enraigada nas seitas que se espalham pelo país. Dessa forma garantiram a eleição de seus expoentes e através do judiciário vão solidificar o pior dos mundos. Ou o brasileiro começa a limitar a sociedade hipócrita e extremista ou será o fim da esperança para qualquer cidadão do bem. Quando o bem se cala o mal prevalece. 

  12. E já estão invadindo outros estados. . .

    E já estão invadindo outros estados. Outro dia me deparei com um bando deles em uma papelaria em Maringá-PR, pensei em lhes perguntar quem os patrocina já que a Igreja Católica não vem tendo dinheiro nem para pagar água, luz e os padres, mas como minha esposa estava junto e ela é católica de ir várias vezes por semana à missa, achei melhor ficar quieto.

  13. Oportunos e excelentes questionamentos

    Oportunos e excelentes os seus questionamentos sobre o dna paulista que há muito deseja fazê-los mas faltavam-me pedigree nativo para captá-los com essa profundidade.

    Por tudo isso seu comentário merece um post pra maior amplificação do  conteúdo.

    PS – É em resposta ao Gersão, mas vai aqui porque não consegui postar no seu comentário

  14. Vocês estão vendo fantasmas
    Conheço os Arautos do Evangelho, e portanto estou em vantagem sobre os demais comentaristas que falam sem conhecer. Esses caras não são seita. São uma organização da Igreja Católica assim como franciscanos, beneditinos, etc, apenas com um cerimonial militarizado que a meu ver não tem nada de mais. Eles já deram ajuda financeira para um asilo onde moro. E sobre serem paulistanos, me desculpem, mas numa cidade com uma fauna humana de todos os tipos, onde brotam milhares de punks de línguas e orelhas rasgadas por pregos e piercings eu considero os arautos até bem normais. E embora tenham se originado na TFP, até onde sei eles não tem absolutamente nenhum ativismo político ou partidário. Não sei o que fazem em escolas, mas certamente não é missa nem pregação política (e não teria problema nenhum se fosse, pois o Estado é laico, mas o ambiente público é aberto a TODOS)

    1
    1
  15. Caso de Polícia!
    Sinceramente falando, o pessoal dos Arautos são seres humanos normais prefiro muito mais que eles façam apresentações culturais (já assisti e vi que não tem nada de mais ) para colocar essa juventude num caminho do bem . Ou será melhor uma palestra de um desses nossos políticos, ou quem sabe se não será também melhor uma palestra de satanismo ?
    Além do mais pesquisei sobre eles e vi que foram aprovados pelo Papa João Paulo II e que a partir da aprovação crescerão enormemente e estão em muitos países pelo mundo afora. Também pesquisei sobre esuas apresentações e descobri que é um projeto chamado “Futuro e Vida ” eles fazem isso no mundo todo! Acho que antes de qualquer um de nós antes de julgar alguém, deve primeiro tomar conhecimento a respeito do assunto, e no meu caso eu antes de pesquisar achava uma coisa … já agora penso diferente. Recomendo a quem for falar qualquer coisa desse ‘Arautos do Evangelho ‘ que antes procurem conhecer realmente o trabalho que fazem! No meu caso foi pesquisando na net. Pesquisem no Google mesmo e verão que o trabalho parece ser realmente sério e muito importante para os tempos atuais em que se vê tantos jovens indo para o mal caminho !

    2
    1
    • Verdadeira Fé

      Parabéns Humberto!

      Os Arautos é bem por ai do que disse. Porém seu trabalho é muito maior!  Hoje vivemos em uma sociedade que somos obrigados a conviver com todas as diferenças e quando essa diferença vem de Deus, pois a jornalista afima que o estado é laico, incomoda. Então vejo como uma grande falta de informação e talvez até boa vontade, se procurar saber o que é, como são e como vivem Os Arautos do Evangelho. Criticar sem saber é fácil, porém ridículo. Essas matérias me deixam triste porque não existe a verdadeira informação. Fala-se qualquer coisa e não tem o menor senso de jornalismo sério, comprometido. Onde estão os códigos de ética dessa profissão?

      Para quem gostaria e interessa saber, Os Arautos do Evangelho é uma Associação Internacional de Direito Pontíficio, concedido nada mais e nada a menos pelo Santo Papa João Paulo II, uma ser iluminado que nos trouxe muitas propostas sobre a paz mundial.

      E mais uma vez a pessoa que fez essa matéria não entende sobre isso. Porque promover uma materia que incita que o que esta sendo feito é errado é absolutamente inaceitavel. Se falar de Deus é errado, porque o seu estado é laico, mesmo assim não é proibido se mostrar o que se pode ser. Então posso aceitar todas as diferenças de genero, raça, classe social, mas não posso aceitar que as pessoas acreditam em Deus e querem levar a Deus para quem quer ouvir.

      Pelo que sei, nunca Os Arautos do Evangelho impuseram uma presença em qualquer lugar que fosse. Na verdade muitas das vezes são convidados a estar nesses locais.

      Então fica aqui registrado minha tristeza por saber que quanto mais vivemos, mais vemos a intolerancia das pessoas com a opção das outras. Esse mundo está longe de ser um lugar onde as pessoas consigam procuram entender e realmente respeitar a opinião e opção de cada um, para fazer uma materia justa e correta. Eu prefero viver acreditando em um Deus de amor. E não nessas pessoas que escrevem materias sem fundamento e na verdade só convencem pessoas mal esclarecidas sobre o assunto como a propria escritora.

      Atacar nunca é o melhor caminho, mas se não existe outra opção para essas pessoas que atacam sem saber o real fundamento, o que podemos fazer por elas é rezar e pedir a Deus misericordia.

      2
      1
  16. Doutrinação “vermelha” pode?

    Sou professor e leciono a Disciplina de História. Ao contrário de muitos dos meus colegas de profissão, não sou comunista nem mesmo simpatizante. Acho estranho que a APEOSP critique tão veementemente a mera apresentação de um movimento religioso em um espaço público que deve se pautar pela convivência harmônica de ideias e de representações de Mundo. A Escola não pertence a “partidos”, a seus sectários trasvestidos de professores que insistem em transformar suas “aulas” em minicomícios ou a seguidores de cultos de orientação afro que parecem não sofrer tanta oposição por parte de certos “movimentos” quando se apresentam nas Escolas…

    Não vejo problema algum que uma entidade religiosa como os Arautos do Evangelho se apresentem em uma Escola. 

    1
    1
    • Concordo!! A educação no Brasil precisa dos Arautos do Evangelho

      Esse artigo é uma evidente perseguição religiosa contra a Igreja Católica. O que os Arautos do Evangelho realizaram nessa escola foi um projeto cultural, com música clássica infantil de qualidade. Calam as bocas daqueles que favorecem a integração da ideologia de gênero nas escolas entre outros escandalos da presidente da (…) que em breve vão estourar nas midias, pois mentira tem perna curta. Os arautos são uma associação pontifícia reconhecida e aprovada pelo Vaticano e estão em 73 países. Além do mais, eles, potentes como são, oferecem tudo de graça e com qualidade de primeiro mundo!!!

      Aos arautos, muito obrigado por fazerem o que fazem por nossas crianças!

      Que Deus e a Virgem Maria sempre os abençoem!

  17. Conheci os arautos através da escola. Eles fizeram uma apresentação musical e fizeram um sorteio para levar alguns alunos para conhecer algumas atividades, como por exemplo, o teatro, flauta, canto e outras atividades. Não vejo mal algum. É apenas uma maneira de ocupar o fim de semana com algo mais produtivo do que a TV.

  18. Ensino Público? Como podem usar a palavra ensino junto com publico? A pessoa que completa o 3° ano do “ensino” médio está apta ao que? Não é capacitada nem para trabalhar em um caixa de padaria pois não sabe fazer as quatro operações de matemática, passa 7 anos no verbo to be, e ao final não sabe conjugar tal verbo, tem aula de música mas não é capaz de fazer DUAS notas na flauta doce, os livros de história parece que foi feito pelos iluministas no sec. XVIII de tão desatualizado que é. A maior parte dos usuários de drogas que conheço aprendeu a enrolar o baseado na escola pública. Educação? estamos em Março e muitas escolas nem aula tem.

  19. Os Arautos do Evangelho não é uma seita e sim uma associação católica de direito pontifício. Faz parte do seu trabalho de evangelização e apostolado levar aos jovens a mensagem do Evangelho através da devoção a Nossa Senhora, conforme mandado de São João Paulo Ii que os aprovou. Sou professor, católico, e vejo com bons olhos esse trabalho, pois é muito importante para os jovens, a maioria batizados, receberem esse tipo de orientação, afinal, faz parte de uma formação integral, conhecimentos da religião católica, importante na nossa cultura.

  20. Então o direito de ir e vir é somente para os adeptos da seita petista, que segue cegamente o traidor da pátria Lula da Silva?! Não resta dúvida de que quem decide o destino dos filhos são os pais, e muitos preferem que sejam doutrinados pela Globolixo do que por uma Ordem Religiosa aprovada por São João Paulo II, responsável por uma educação de altíssimo nível aos jovens que dela participam!

  21. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome