Alckmin declara respeito ao resultado e Marina promete estudar apoio no 2º turno

 
Jornal GGN – O presidenciável Geraldo Alckmin, quarto colocado no primeiro turno, realizado neste domingo (7), fez uma declaração pública reconhecendo o resultado das urnas, mas não antecipou qual será a posição do PSDB nacional em relação ao duelo entre Fernando Haddad e Jair Bolsonaro. “Nosso absoluto respeito ao resultado das urnas”, disse Alckmin.
 
O ex-governador de São Paulo, com a maior coligação entre os candidatos à Presidência e um dois maiores fundos para financiamento, terminou o primeiro turno no patamar dos 4% dos votos válidos, atrás de Ciro Gomes, com 12%, Haddad, com 29% e Bolsonaro, 46%.
 
Alckmin disse que reconhece a derrota com “serenidade, como democrata que somos.” Em 2014, Aécio Neves não digeriu a vitória de Dilma Rousseff (PT) e levou o partido a encampar uma luta pelo processo de impeachment. Somente neste ano, Tasso Jereissati reconheceu que os tucanos erraram em apoiar o golpe na ex-presidenta, em questionar sua reeleição, entre outros pontos.
 
MARINA SILVA
 
Marina Silva, da Rede, terminou a eleição atrás de candidatos lanternas e nanicos como Henrique Meirelles, Cabo Daciolo e João Amoêdo.
 
Com apenas 1% dos votos válidos, Marina avaliou que foi vítima do chamado voto útil. “Nossos eleitores são conscientes e fizeram suas escolhas diante do que acharam mais interessante. 
Infelizmente uma boa parte acabou se distribuindo mais uma vez para os polos.”
 
Marina, que apoiou Aécio em 2014, afirmou que vai discutir se a Rede apoiará algum candidato no segundo turno. Ela disse que é preciso reconhecer que a democracia é prejudicada tanto pelo “autoritarismo” quanto pela corrupção e, independente da decisão que vier a ser tomada por seu grupo político, ela pretende fazer oposição ao governo eleito para 2019, porque essa é a “única forma de quebrar o ciclo vicioso da polarização.”
 
 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora