Com mais de 40% do total, Alckmin lidera arrecadação de campanha


Foto: Paulo Whitaker/Reuters
 
Jornal GGN – Dez dos 13 candidatos à Presidência da República declararam ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) terem arrecadado, juntos, R$ 109,8 milhões. O tucano Geraldo Alckmin lidera a lista de arrecadação, com uma significativa quantia de 40,8% do total entre os dez. 
 
Apenas o candidato do PSDB anunciou ter recebido R$ 44,8 milhões da direção nacional do partido para fazer sua campanha ao Planalto. Na outra ponta, a menor arrecadação foi registrada pela candidata do PSTU, Vera Lúcia, com apenas R$ 50 mil.
 
Ainda, de acordo com o balanço do TSE divulgado nesta sexta-feira (31), os partidos representam 80,5% dos autores dos repasses declarados. Já a doação direta por pessoas físicas representa 18,8%, tendo o candidato indicado a sucessor do atual mandatário Michel Temer, o ex-ministro e ex-banqueiro Henrique Meirelles, a liderança neste quesito.
 
Meirelles anunciou que doou a si mesmo R$ 20 milhões. Seu patrimônio declarado, por outro lado, é também um dos maiores, com R$ 377,5 milhões, de acordo com o TSE. Acima dele, apenas o candidato João Amoêdo (Novo), que apesar de contar com patrimônio de R$ 425 milhões, não doou nada de seu bolso para sua campanha. Ele recebeu R$ 308 mil de financiamento coletivo.
 
As restrições para o autofinanciamento não existem, ou seja, um mesmo candidato pode financiar até 100% de sua própria campanha eleitoral. Entretanto, qualquer doação, independente se tem como fonte a própria pessoa ou outra, tem um limite de até R$ 70 milhões no primeiro turno e R$ 35 milhões no segundo turno.
 
Jair Bolsonaro (PSL), Cabo Daciolo (Patriota) e Eymael (Democracia Cristã) não declararam suas arrecadações até esta sexta-feira (31).
 
Acompanhe os dados do TSE, com a lista do total arrecadado por cada candidato até sexta-feira (31), divulgados pela Agência Brasil: 
 

Geraldo Alckmin – R$ 44.869.319,41

Leia também:  Que anti vai dar as cartas em 2022? Por Alon Feuerwerker

Lula/Haddad – R$ 20.567.771,26

Henrique Meirelles – R$ 20.000.000,00

Ciro Gomes – R$ 10.053.649,00

Marina Silva – R$ 5.850.630,29

Guilherme Boulos – R$ 4.000.000,00

Álvaro Dias – R$ 3.710.000,00

João Amoêdo – R$ 521.686,63

João Goulart Filho – R$ 201.800,00

Vera Lúcia – R$ 50.000,00

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome