Xadrez da estratégia Lula para as eleições, por Luis Nassif

A estratégia da direita consiste em jogar vários candidatos no ventilador e apostar no que tiver a melhor largada. Confiam que a Justiça e o Ministério Público impeçam a corrida dos adversários.

Já a estratégia do PT é complicada pois tem que levar em conta diversos fatores.

Fator 1 – mídia e Judiciário

Basta se mencionar um candidato do PT, para o Ministério Público e a Polícia Federal sacarem do supermercado das delações premiadas uma delação qualquer, induzida ou espontânea, mas em geral apenas declaratória, para fuzilar o atrevimento.

Provavelmente foi o principal fator a definir a estratégia de Lula, de postergar ao máximo o anúncio da chapa do PT.

Lula sai candidato com Fernando Haddad de vice e Manoela D’Ávila de regra três. A tática política da mídia-Judiciário já se desgastou. E Lula continuou crescendo. Agora, terá que atirar em dois, Lula e Haddad. Até agora, foram disparados apenas balas de festim contra Haddad, sem nenhum significado jurídico e político maior.

Fator 2 – as coligações

A postergação da escolha, mais a prisão de Lula, afetaram as coligações. Mas o acordo firmado com o PSB comprovou que a candidatura Lula não seria apenas simbólica. A popularidade avassaladora de Lula no Nordeste facilitou os acordos e o alinhamento dos governadores em torno de seu nome.

Fator 3 – a transferência de votos

Faltava definir o ungido. O perfil do candidato, segundo a executiva do partido, deveria ser de alguém que fosse leal e suficientemente maduro para que a candidatura não subisse à cabeça.

Dentro do PT, dois nomes eram evidentes: o ex-governador da Bahia Jacques Wagner e o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad.

De Wagner, dizia-se da vantagem de trazer consigo o eleitorado nordestino e a facilidade em falar para as classes mais humildes, com seu jeito paternal.

De Haddad, o fato de representar a modernidade do partido.

Deu Haddad.

Tempos atrás, o próprio Haddad andou divulgando uma proposta de dobradinha com Ciro Gomes – que não teria sido aceita por Ciro. À luz dos últimos fatos, não se sabe o que havia de real ou de manobra do PT para não expor seu candidato às feras midiáticas.

Leia também:  O quase desastre financeiro produzido por Guedes e Mansueto, por Luis Nassif

Fator 4 – riscos e possibilidade de Haddad

Não fosse petista, Fernando Haddad simbolizaria todas as virtudes que a direita definiu para a política e que não encontra em nenhum dos seus candidatos. É um filho direto da Universidade de São Paulo, formado em filosofia, economia e direito.

Suas gestões– no Ministério e prefeitura- significaram o reencontro das políticas públicas com diagnósticos modernos e resultados efetivos, um banho de inovação inédito, uma tentativa de ir às raízes dos problemas que só tem paralelo nos anos 60, com as reformas de base de Jango e com as reformas institucionais do período Castelo Branco.

Por exemplo, a boa gestão sugere formas de recompensar a eficiência. O orçamento da educação impedia essas sofisticações. Haddad então criou fundos para beneficiar projetos, gestores que apresentassem resultados concretos.

Espalhados por todo o país, os vestibulares eram um desafio para a própria inclusão dos alunos. Transformou o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) em um vestibular nacional, vencendo desafios tecnológicos e o boicote sistemático da mídia, disposta a escandalizar qualquer problema normal na implantação de grandes sistemas.

Havia enorme desafio para a educação inclusiva, o maior dos quais a resistência da indústria das APAEs (Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais) e das sociedades ditas beneficentes. Haddad criou um modelo pelo qual as APAEs seriam remuneradas por cada aluno que apoiassem nas escolas regulares – onde se dá a inclusão. O programa passou a atender um número crescente de alunos com deficiência, chegando aos 900 mil. Cada escola que aderiu ao sistema passou a contar com uma retaguarda de ferramentas tecnológicas do MEC para atender os alunos.

Leia também:  A saída é reciclar a indústria brasileira para produzir equipamentos de saúde

Trata-se, provavelmente, do maior feito público anônimo da história moderna do país. Tão anônimo que nem a presidente Dilma Rousseff tinha informações sobre o programa. A ponto de atender às pressões das APAEs para mudar a Meta 4 do Plano Nacional de Educação, que versava sobre o tema.

Reside nesse antipopulismo e pudor em mostrar o que faz a maior virtude e a maior vulnerabilidade de Haddad.

Fator 5 – o técnico e o político

Contra ele pesa a derrota acachapante na campanha de reeleição da prefeitura de São Paulo. No fundo, a derrota foi o antipetismo, que tem seu epicentro em São Paulo, com praticamente toda a mídia em ataques diários contra ele e com a Lava Jato do Paraná se incumbindo do trabalho sujo para João Dória Jr.

Por outro lado, sua falta de gana política – inversamente proporcional ao seu pique de gestor – impediu em diversos momentos que assumisse o protagonismo político em São Paulo.

Em dois episódios essa postura ficou nítida.

O primeiro, nas passeatas de 2013, em que ficou praticamente a reboque do governador Geraldo Alckmin. Não entendeu que a rapaziada que iniciou as passeatas poderia ser sua grande aliada.

O segundo, na crise da Cantareira. Alckmin literalmente travou em momento crucial para o Estado. Ficou catatônico enquanto a desgraça se aproximava. Era hora de Haddad juntar os prefeitos da Grande São Paulo e comandar a reação contra a seca.

Limitou-se a aconselhar Alckmin, a sugerir saídas, mas comportando-se com excesso de pruridos e de cavalheirismo, em um momento que poderia ter assumido a liderança política inconteste do estado.

De qualquer modo, dentro do PT Haddad representa a antítese dos estereótipos do petista tradicional, traçados pela mídia e pelo arco do golpe. O lado mais moderno do empresariado e das Organizações Sociais sempre teve portas abertas na Prefeitura.  E complicou-se com o PT municipal por não ceder às demandas de vereadores e lideranças.

Leia também:  Coluna Econômica: O grande pacto nacional se dará com o afastamento de Bolsonaro

Sem arroubos retóricos, comuns nos políticos tradicionais, jamais recuou em suas posições ou na lealdade a Lula.

Tem as opiniões fortes de Ciro Gomes, mas sem os escorregões retóricos que comprometem a carreira do primeiro.

Depois que deixou a Prefeitura, sua ida para o Insper, a universidade que concentra mais do que qualquer outra o chamado pensamento liberal, foi uma maneira de se aproximar dos liberais paulistas.

Enfim, jamais deixou de buscar espaços de mediação em um país contaminado pelos vídios da radicalização.

Fator 6 – a grande aposta

Nas próximas semanas se terá uma ideia melhor da estratégia Lula e do fator Haddad.

Até que ponto conseguirá diluir o antilulismo? Até que ponto conseguira galvanizar setores modernos para suas bandeiras civilizatórias? Até que ponto recriará espaços de mediação essenciais para interromper a marcha da insensatez no país?

E como os adversários irão se comportar?

A direita já iniciou seu festival de extravagâncias, com Alckmin e Bolsonaro disputando quem radicaliza mais o discurso. A indicação da deplorável Ana Amélia para vice de Alckmin demonstra que não há o menor risco de arejamento das ideias do ex-governador.

Por outro lado, Haddad disputará espaço com Ciro Gomes em setores social-democratas insatisfeitos com as alternativas atuais.

Enfim, é um movimento em que Lula radicaliza o discurso para as massas, mas acena para o lado moderno com a socialdemocracia de resultados de Haddad.

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

113 comentários

  1. HADDAD E MANUELA

    EU PENSO QUE O HADDAD SE SAIRÁ BEM COMO PRESIDENTE JUNTO COM MANUELA. HADDAD É EQULIBRADO, INTELIGENTE E NINGUÉM CONSEGUE DOBRÁ-LO NEM MESMO A MÍDA. A MANUELA TRAZ A JUVENTUDE PARA LADO DA PRESIDÊNCIA , SE FIZEREM BOAS ESCOLHAS PARA MINISTROS ELES FARÃO UM BOM GOVERNO. ELES PRECISAM TER UMA EQUIPE FORTE DE TRABALHO E JAMAIS DEIXAR SE SEGUIR OS CONSELHOS DE LULA.

  2. Esse nome ja era previsível.

    Esse nome ja era previsível. Não havia outro dentro do PT. 

    Se vai dar certo é outra questão. 

    Ciro errou. Deveria ter cortejado Lula e o PT para ter a chance do apoio ou mesmo ter sido vice de Haddad. 

    Sozinho, não vai a lugar algum. Sem o apoio de Lula, Ciro nunca teve ou terá chances reais, não sei como não percebeu isso. 

    Voltemos a Haddad. 

    A caminhada não será fácil. E por enquanto não vejo nele a gana necessária para uma eleição, tem que melhorar isso daí. 

    Não duvidemos, a eleição será uma guerra.

    Haverão ataques de todos os lados.

    Da Globo, diariamente. Criticando ele e o PT, causando atritos na esquerda, causando intrigas e desinformações. Não podemos duvidar de nada. 

    Da Lava jato, com operações e delações multiplas até lá. 

    De outros candidatos, por ex, Alvaro Botox, E Meirelles, que não duvido nada que tentará se colocar como o candidato do Lula auxiliado pela desinformação da mídia. 

    Enfim, mídia e judiciário farão de tudo para eleger Alckmim. E não duvidemos nada de tentarem mexer inclusive nas urnas. 

    Caso Haddad consiga ir ao segundo turno contra Bolsonaro ele tem chances e essa, a meu ver, é a única possibilidade. Se for contra Alckmim, está perdido. 

    Não entendi o fator Manuela. Nada contra ela, mas ela não agrega em nada, talvez até atrapalhe a chapa. Ela poderia ser uma ótima puxadora de votos á camara ou mesmo ao senado gaucho. Boulos a mesma coisa. Deveria ser candidato a deputado federal. 

     

     

     

     

  3. Eleições

    Ciro Gomes não é carta fora do baralho como alguns querem apregoar. Tem boa retórica, bom discurso e sabe o que fala. Vai ser um,a boa disputa. Mas acredito que a adversária maior para o campo progressista seerá Marina Silva a candidata ainda herda muitos votos de Lula. 

    • Sim. Mas o problema é que o

      Sim. Mas o problema é que o Ciro possui uma certa “invisibilidade” ou “visibilidade negativa” nos meios de comunicação tradicionais. Estamos há dois meses do pleito e ele não possui uma estratégia de inserção digital digna desse nome e capaz de furar a bolha. Não possui nenhum canal direto de interação com o eleitor. Está longe daquilo que se faz de melhor nesse aspecto mundo afora (B. Sanders, Jean-Luc Mélenchon, Alexandria Ocasio-Cortez). Falta inteligência digital e trabalho de campo. É uma pena! Abraços

       

      • Pois é. Deçois de umas três
        Pois é. Deçois de umas três decadas de internet politicos que se acham modernos continuam presos a idéia de que somente a “lábia” leva voto.

        Uns acham que devem “falar bonito”, outros que devem “falar grosso”; outros mais que devem “falar simples” como o povo, e por aí vai…

        Muda isso, muda aquilo e nao percebem que a maioria acha que todos falam a mesma coisa….

        Daí pra achar que marketing faz milagre é um pulo, pois o marqueteiro é “o cara” que vai encontrar a maneira certa de falar com o povao…

        Depois de tanto bla bla bla acerca de redes sociais e internet é inadmissivel que às vésperas das eleiçoes nao se saiba nada do que os candidatos pensam.

        …E ainda se surpreendem com os 20% do Boçalnaro: o que ele “pensa” esta aí nao é de hoje; é o antipetismo, é o cu, é a Cuba, é matar bandido, etc.

  4. Haddad é herdeiro do “Republicanismo suicida” do PT

    Haddad tem um enorme desafio pela frente: MUDAR O PERFIL “REPUBLICANISMO SUICIDA” QUE TANTO DESTRUIU O PT.

    É impossível não lembrar da entrevista de Haddad na Jovem Pan, onde o Vila partiu para agressão frontal e explícita enquanto Haddad ficava tentando se desculpar.

    A direita brasileira se radicalizou totalmente… esse perfil “Paz e Amor” adotado por Haddad simplesmente não tem mais lugar nos debates e entrevistas.

    Até uma pessoa de inteligência limitada como Bolsonaro se sai relativamente bem nos debates atuais exatamente por fazer algo que NINGUÉM do PT jamais fez: ATACAR DE VOLTA!!! ENFRENTAR A MÍDIA!

    É ridículo que uma simples entrevista de Bolsonaro tenha conseguido fazer a Globo passar pelo vexame de colocar Mírian Leitão se desculpando pelo apoio à ditadura… enquanto dezenas de candidatos do PT poderiam ter feito o mesmo décadas atrás!!! 

    Como esquecer da Dilma sendo atacada pelo Aécio Neves… chamando o PT de corrupto. Qualquer pessoa minimamente envolvida com política sabia das 3 overdoses de Aécio, das contas em paraísos fiscais, da Rádio Arco-Íris… até Dilma sabia pois mandava indiretas sobre o “plano de Aécio para combater as drogas”… mas nada de atacar frontalmente o bandido do PSDB.

    Haddad tem que se preparar para atacar os jornalistas da Globo e da Jovem Pan…ATACAR MESMO… CITAR OS NOMES DOS PATRÕES… CIFRAS DE VERBAS PUBLICITÁRIAS… QUESTIONAR O APOIO DA MÍDIA AO PSDB!!!

    Pelo que vimos nas entrevistas no Roda Viva e na Globo News, os jornalistas só sabem bater… mas quando são confrontados se acovardam… se o nome dos patrões for trazido para entrevista então… 

  5. Gente, sejamos sinceros

    Alguém imagina o Haddad e “sua falta de gana política” (palavras do Nassif) chegando ao poder e fazendo o que precisa ser feito? (enquadrando a justiça, revertendo PEC do Teto, reforma trabalhista, venda do Pre-Sal, EMBRAER…)

    Pois é. Se o Lula conseguir tudo o que quer, emplacar o seu pupilo, ele morre na cadeia. Se o Haddad se aventurar a indultá-lo e renunciar para haver eleições, o Bolsonaro vai ser pouca tragédia para nós.

    Nassif, estou certo que nos seus rascunhos você tem um tópico só sobre os riscos suicidas da estratégia do Lula mas que você o suprimiu por algum motivo, possivelmente para não atrapalhar nesta hora crucial de alinhamento das tropas. Estou curioso. rsrsrs

  6. Prevejo omelete com ana maria
    Prevejo omelete com ana maria braga e novo impeachment. Prevejo também mais uns Barrosos no STF. O PT sendo PT, esquerda até o dia da eleição e centrao depois de eleito. Não desgrudam nunca do poder, mesmo com candidato inferior.

  7. OULULAOUNADA!!!
    NÃOHÁPLANOB!!

    OULULAOUNADA!!!

    NÃOHÁPLANOB!!!

    LULALIVRE!!!

    15 de agosto já não estarei mais em brasília

    Estava indo para juntar energias  para o Lula, não pra encher a bola da chapa sulsudestina, branca e classe média indicada pelo dedazo lulista

    Um, não conseguiu se reeleger, mesmo tendo realizado excelente administração; outra não se elegeu pra nada, em termos executivos.

    Nem um nem outra tem a força, a vivência e a sensibilidade do Lula.

    Nem um nem outra tem a capacidade, se eleitos, de lidar com congresso radicalmente oposicionista e conservador.

    Claro que Lula opera milagres e pode fazer tudo dar certo lá do canto de sua caverna.

    Minha esperança é muito pequena.

    Com o Lula já será difícil …

    mas

    ELEIÇÃOSEMLULAÉFRAUDE!!!

    ELEIÇÃOSEMLULAÉGOLPE!!!

    Mesmo que nem o Lula concorde com isso …

     

     

  8. As rusgas deixadas pelas
    As rusgas deixadas pelas manobras de Lula serão fortíssima para a esquerda e ele (Haddad) talvez seja alvo desse rancor bem motivado. A despeito de entender do maquiavelismo da arte da política, como pernambucano sinto-me ofendido com a manobra de Lula sobre marilia arraes. Manobrou o PSB para isolar Ciro e não hesitou em cortar A cabeça Marilia…sem dúvida uma esperança para minha terra. não lembrou -se do grandioso Arraes que não o abandonou quando em 1998 a sua campanha fazia água. O homem que foi levado para os cárceres de Fernando de Noronha nunca usaria de transações tão ttenebrosas com seus aliados. E vale lançar a pergunta: se Lula manobra com os destinos de um eleitorado que já deu quase 80% de sua preferência como um mero joguete…imaginem o grau de subordinacoes que Haddad terá na presidência. Ademais, caso eleito qualquer movimento dele será objeto de perseguição…Dilma caiu com um mero pretexto. Imaginem o que pode fazer com Haddad. Ele merecia mais respeito e não o papel de poste.

    • Escolhas dificieis e, em certas circunstâncias, inevitaveis

      Mas sera que [Lula] não hesitou em “cortar a cabeça” de Marilia Arraes? Lula não é um homem frio e em minha opinião, e porque também participo do nucleo do PT na minha cidade, é de que foi uma escolha “cornelienne” (Corneille, dramaturgo francês do século XVII). Ou seja uma escolha entre dois valores de igual importância, em que existe o dever ou mais logico de um lado e o amor ou querer do outro. Não estou querendo com isto justificar essa decisão, mas apenas tentando entender os motivos.

  9. Lá vem a Ave Saltiteira

    Lá vem a Ave Saltiteira dar Pitacos. Quando li o Balaio do Kotosho saudando Manuela e Haddad como o Regra Três e depois criticando Lula pela demora da “Grande Escolha”, primeiro,  pulei! Segundo, a demora. E me enfureci.  Aí lembrei de ti nos áureos tempos em que o circo começou a pegar fogo e você dizia para termos calma, porque Lula sabia o que fazia. Lembrei do seu Xadrez e assisti Kotosho ser bombardeado pelas críticas que fez ao seu amigo. KCt , pensei, esse país não aguenta mais esse joguinhoooooo, que ao final deu no que deu:  Encarceirado, ele está!. Com a parcimônia das alturas em que me encontro, aguardei A Decisão, pragmática, inteligente e o seu Xadrez. Concordo em seu perfil do Meninno Haddad. A qual acrescento a Ética. Ele é ético, do kct de bom. Na Educação Inovou. Seria meu voto sem pensar, se quando no Caso Cantareira tivesse Gritado e  se não tivesse emergido do Caos e Ruptura esse furacão chamado Manuela!. E aí meu caro, Mouro, senti falta nesse seu xadrez o “lugar de fala” de Manu. A relevância Dela nessa porra toda. Sem contar na Arraes que pqp! Tá difícil mas entendivel e enguli.  Eu, na minha paixão que me movimenta, Menino H seria o regra Três por tudo o que você não escreveu: Fúria! E Ela tem sangue na voz, coração e calmaria nos olhos. Ela é foda! Ela merece como  Rainha, a Única, um Xeque Mate de primeira. Assim penso (Obs: Não jogo Xadrez, mas Damas) ….Não merecia essa jogatina do fim de semana. Mas entendi…Nossas cartas já foram apresentadas. Haddad Presidente e Manu Vice.

    PS: Pra ninguém ficar p. da vida! No Brasil de Hoje é uma questão de Combinação e Probabilidades Matemáticas com grande poder de voto para as “Jurídicas”, afinal estamos vivendo a Tirania da Toga:

    Lula Livre e Lula Presidente.

    Lula Livre ou Lula Presidente.

    A partir daí todas as combinações possiveis…

    Ele já escolheu!

  10. Vamos lá…ponto a ponto.
    Fator 1 – mídia e Judiciário “Basta se mencionar um candidato do PT, para o Ministério Público e a Polícia Federal sacarem do supermercado das delações premiadas uma delação qualquer” Até pq o PT doou munição munição à lote ne? “foram disparados apenas balas de festim contra Haddad”Pq ainda não tentaram Dilma 2.0 no rapaz. “Mas o acordo firmado com o PSB”Não foi aliança, foi “desaliança”  pra dividir mais a esquerda. majoritariamente PSB, PC do B, e politicos do PT como Jackes Wagner, Walington Dias, Camilo, Pimentel defenderam a uniãod a esquerda no nome do Ciro. Fator 3 – a transferência de votos “Trata-se, provavelmente, do maior feito público anônimo da história moderna do país. Tão anônimo que nem a presidente Dilma Rousseff tinha informações sobre o programa. A ponto de atender às pressões das APAEs para mudar a Meta 4 do Plano Nacional de Educação…bla bla bla” E como ele vai convvencer o Congresso, Ciro não so fez tudo isso como teria o Congresso?” Fator 5 – o técnico e o político “Contra ele pesa a derrota acachapante na campanha de reeleição da prefeitura de São Paulo. No fundo, a derrota foi o antipetismo”Trago ainda mais más notícias senhores. as condições que o Haddad pegara o país são infinitamente piores que a Dilma, Dilma tinha toda a popularidade do Lula, a economia estava ótima, o PT tinha moral, tinha apoio no Congresso,  em 2010 não existia Lava Jato, não existia esse neofascismo, e mesmo assim aconteceu o que aconteceu com ela e com a economia. O Haddad não terá nada disso e começará atrás no grid de largada com um agravante, herdará as trajedias acumuladas  do governo Dilma e Temner, e mais, não terá experiencia de lidar com os politicos, o debate no país será o flaflu e ninguém se preocupara com a economia e debates importantes será ofuscado pelo ódio ao PT.  Fator 6 – a grande aposta Nas próximas semanas se terá uma ideia melhor da estratégia Lula e do fator Haddad…E como os adversários irão se comportar?”  Digo-lhes como vão se comportar, vão pregar a imagem de uma Dilma 2.0, perguntar-lhe “pq será melhor q a Dilma?”..ele não vai saber responder pois a Dilma recebeu o governo do Lula e deu no que deu, terá que responder por toda a trajedia atual do país direta (governo Dilma) e indireta (Vice Temer), como ele não tem a retorica aspera necessaria para contra atacar. A grande aposta? Graças a nós da esquerda, o proximo presidente será do campo aposto…Parabéns parea nós

  11. Uma escolha estratégica

    Em 2016 Fernando Haddad(PT) obteve 16,7%  e Marta Suplicy(PMDB)10,14% dos votos válidos, juntos obtiveram mais de 1,5 milhões de votos na capital de São Paulo.

    No atual cenário em São Paulo temos agora os desiludidos com o golpe e desiludidos com Dória, o que aumenta significativamente o potencial de um candidato do PT em São Paulo.

    Lula aposta que além disso, Fernando Haddad como representante do PT e de Lula terá uma votação expressiva no Norte e Nordeste, e em Minas Gerais onde temos o Governador Fernando Damata Pimentel e Dilma Vana Rousseff (Belo Horizonte, 14 de dezembro de 1947) na disputa eleitoral.

    anexo:

    Brasil tem 147,3 milhões de eleitores aptos a votar nas Eleições 2018

    Eleitorado cresceu cerca de 3% em relação a 2014

     

    TSE—01.08.2018

    http://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2018/Agosto/brasil-tem-147-3-milhoes-de-eleitores-aptos-a-votar-nas-eleicoes-2018

    PERFIL DO ELEITORADO BRASILEIRO—Eleições 2018(TSE)–pg.3

    http://www.justicaeleitoral.jus.br/arquivos/perfil-do-eleitorado-brasileiro-2018

  12. Outros aspectos a considerar

    Nestas eleições a maior parte da grande mídia, que apóia o candidato do PSDB, não poderá turbinar os demais candidatos para tentar diminuir os votos do PT, com vinha fazendo nas eleições anteriores.

    A maior parte da grande mídia terá que fazer um esforço enorme para melhorar as condições do candidato do PSDB, mesmo assim ele não deve passar dos 10%.

    A luta contra a reforma trabalhista, contra Lei da Terceirização, e contra a reforma da previdência aumenta significativamente o potencial de votos do PT nestas eleições.

     

    • Toda essa ciência exata

      Toda essa ciência exata …

      Toda essa ciência exata elegeu Lula e Dilma …

      um preso, outra impichada …

      E o petróleo indo embora …

      e a embraer …

      e a pesquisa, a ciência

      e o brasil entre os países com menor número de políticas mulheres no mundo (posição 152, eu acho)

      e as “esquerdas” nunca farão maioria no congresso …

      e o alquimistas, os bolsonaristas, os marinistas, os evangelistas e os psbistas eleitos (nossos companheiros) … todos já aprenderam como derrubar um governo progressista …

      e aprenderam que se conseguiram com Lula, com haddad, manu será brincadeira de criança

      e agora já sabem que nós aceitamos o golpe, caímos e aí fazemos concessões, convenções, “acordos” e dois anos depois voltamos pro jogo exatamente como antes

      vamos ouvir os “planos de governo”, a fgv vai “ouvir” os economistas dos candidatos repetirem a lenga-lenga de sempre

      e o haddad quer participar dos “debates”, provavelmente para argumentar “tecnicamente”, não para xingar os outros de golpistas, canalhas, para mostrar que é o melhor aluno …

      e se o haddad não ganhar, não haverá mais que se falar em golpe, legitimaremos os caras

      enfim, mais do mesmo mesmo

       

      só eleição do Lula seria um solavanco, só ela seria demonstração de algo

      ou um expressivo voto nulo

       

      só lula é um plano de governo em si mesmo, um debate em si mesmo, uma argumentação em si mesmo

       

      mas são apenas reflexões, dúvidas

      podem ficar com suas certezas

      eu fico com a minha

      OULULAOUNADA!!!

      • Vamos ter tudo de volta e muito mais….

        O principal foi a inclusão social com a ampliação das politicas sociais, do emprego formal e da expansão do crédito.

        Um candidato do PT nestas eleições, terá 60% dos votos do Norte e Nordeste, 20% em São Paulo, 30% em Minas Gerais, 15% no Rio de janeiro. mais de 35 milhões de votos no primeiro turno, quase 30% dos votos válidos.

        Dependendo do desempenho nas demais regiões o PT pode vencer já no primeiro turno.

         

         

    • Diminuir votos do PT…

      estas eleições a maior parte da grande mídia, que apóia o candidato do PSDB, não poderá turbinar os demais candidatos para tentar diminuir os votos do PT, com vinha fazendo nas eleições anteriores.

      Essa tarefa é executada agora pelos robozinhos infiltrados nos blogs progressistas. Todo cuidado é pouco.

  13. Qualidades de sobra, ótimas para um cargo de ministro…

    “sua falta de gana política”

    “Não entendeu que a rapaziada que iniciou as passeatas poderia ser seu grande aliado.”

    “Ficou catatônico enquanto a desgraça se aproximava. Era hora de Haddad juntar os prefeitos da Grande São Paulo e comandar a reação contra a seca.”

    “Limitou-se a aconselhar Alckmin, a sugerir saídas, mas comportando-se com excesso de pruridos e de cavalheirismo, em um momento que poderia ter assumido a liderança política inconteste do estado.”

    “E complicou-se com o PT municipal por não ceder às demandas de vereadores e lideranças.”

    O Nassif parece conhecer bem o Haddad: suas qualidades de alto-funcionário público e seus defeitos de político sem a picardia para lidar com os atores sociais e políticos nos momentos de tensão. Se for isso mesmo, ele não tem condições de exercer um mandato de presidente da República, quiçá de vice-presidente. Ele parece perfeito para ocupar um posto de ministro num ministério mais técnico, mas não no comando do executivo. Ou seja, mesmo que a chapa ganhe e seja investida, ele não irá governar. Sinceramente, depois do que aconteceu com a Dilma e com o Lula preso, tenho dificuldades para entender o senso de responsabilidade e de compromisso do PT com o Brasil. O país (e a América do Sul) não suporta mais quatro anos de retrocesso. O caos reinará.

    Abraços pra você, Nassif.

     

    • Comentarios lúcidos

      Comentários lúcidos como esse é que me resgatam aesperança…complementando:

       

      Dilma assumiu o governo sucedendo o brilhante governo Lula,  economia ótima, força no Congresso, sem Lava Jato, sem crise economica, sem neo fascistas bolsiminios..mesmo assim deu no que de….Imagine o Haddad.
      Nessa eleição está claro que só teremos dois caminhos, Um governo do PSDB, ou um governo Dilma 2.0

       

    • espero que alguém leia..

      o buraco é muito mais embaixo, o problema não é “Haddad vice”, isso aí seria totalmente contornável, acho até que o Haddad poderia ajudar muito..

      .. o problema é outro..

      .. estão dando um balão no povo para tirar Lula da jogada e colocar Haddad com presidente..

      .. isso seria uma tragédia, um presidente tutelado, aprovado pela globo e pelo general..

      .. nesse caso, a vice, é um ícone do facebook, e só..

      .. mas é pior.. porque não vai ganhar a eleição..

      .. Haddad não ganhou nem do dória.. Manu perdeu pra um filhote da ditadura, e não foi resultado de anti-petismo não, é porque ela é muito fraquinha mesmo..

      .. e no final teremos aceitado tudo, Dilma se elege senadora, portanto reconhece formalmente que não houve golpe.

      Acabou.

      Abrimos mão do governo LEGÍTIMO da Dilma, da liberdade do Lula e agora nos propõem abrir mão da sua candidatura. Se aceitarmos a tutela, NÃO HAVERÁ MAIS NAÇÃO, quem tem filho hoje, não se faça de besta: não haverá um país para o seu filho. Não tem projeto para 200 milhões.

       

  14. Plano Lula
    Gostei. Não pelo moderamento de H mas por ser ético e por manter a coerência entre o pensamento/fala e atitudes. A Manuela é firme sem ser agressiva e tem aquele olhar doce que lembra o olhar de Lula!

  15. Palatável
    Meu pai é fã de Jose Serra e odeia Lula mas me confidenciou dias atrás que Fernando Haddad é uma boa opção e que votaria nele, se ainda votasse (tem 78 anos). Um voto a menos pra Alckmin e os golpistas pra mim já é vantagem, independente do candidato

    • Eu vejo isso com preocupação

      Se um fã de JS Tarja Preta, o maior dos ladrões segundo PHA, considera Haddad uma boa opção e odeia Lula é porque há completa desintonia entre o “gestor moderno uspiano” e o Ex-Presidente Operário. 

      Não assino embaixo de tudo que PHA diz e publica, mas em relação a José Serra ele tem alta dose de razão. Como prefeito de São Paulo, governador de SP, deputado federal e senador, José Serra é um dos mais deletériios políticos do Brasil. Js age como preposto das petroleiras estadunidenses, que redigiram o PLS-131/2015, depois transformado em Lei, que revogou a Lei da Partilha e permitiu a entrega das reservas do Pré-Sal às petrolíferas estrangeiras. Há documentos publicados pelo wikileaks, em que Serra se compromete com executivos da Chevron a revogara a Lei da Partilha.

      Pelo seu relato a respeito da opinião de seu pai, temos mais uma prova de que Haddad é uma versão tropical de Emanuel Macron, o homem da finança e do neoliberalismo plantado na Esquerda Francesa para destruí-la. 

  16. Moro numa região periférica

    Moro numa região periférica de Sampa que é uma das regiões que percentualmente mais dão votos a candidatos do PT desde  fim da gestão Marta, em 2004. Em 2016 isso não se repetiu, dando Marta, do PMDB, em primeiro. Motivo = o tão aguardado hospital da minha região não foi entregue. E faltava apenas 20 por cento pra finalizá-lo. Aqui é um caso em que Haddad agiu como o técnico: viu que não havia dinheiro e não quis dar um jeito, uma gambiarra no orçamento. O que é um erro. Tinha que ver como político e aí  ele iria concluir que não finalizar um hospital iria lhe custar uma quebra de promessa que se traduziria em não votos e a chance do próximo prefeito concluir a obra e chamá-la de sua, o que o Dória fez e ainda ladrou que não fez o que queria porque Hadad lhe entregou uma prefeitura quebrada ( o que não é verdade ) . Duvido que se fosse Lula prefeito que ele daria esse gostinho pro Doria. Ele mandava todos os vereadores do PT de Sampa fazerem uma vaquinha pra com a grana arrecada terminar o hospital(rs)

  17. Golpe 3.0

    O mais impressionante é que ciro, em sua “carta aos brasileiros” avisou: “eles não vão aceitar Lula”..

    .. caraca, velho, nós somos um povinho muito vagabundo mesmo..

    .. vamos votar nos candidatos aprovados pela globo,,

    .. só naqueles que o general permitiu..

    Em qualquer lugar do mundo, a pessoas de bem, via de regra esquerdistas, diriam, em situação semelhante à nossa: “não aceitamos participar de eleições enquanto não houver normalidade jurídica”..

    .. aqui não, aqui os políticos estão mais felizes do que pinto no lixo, uma festa.. como se não tivesse golpe..

    Uma vergonha.

    Não existe uma “esquerda” no Brasil..

    .. o que vemos aí é um grupinho muito animado, co ótimas perspectivas de amealhar uns cargos públicos, e o povo, literalmente, que se foda.

    É isso.

    • pau

      Responda de pronto: Você tem coragem de colar no seu carro um LULA2018 ?

      Pois eu lhe digo: Aqui em Santos, SP eu não tenho. A meu prejuizo ele será vandalizado pelo exército da globo. Aqui o do Alkimin seria de bom gosto, Boçalnaro é o da moda, mas Lula? Você corre risco de perder a vida!

      Um dia vai haver enfrentamento, o pau vai quebrar. Lula impedido nos aproxima do que ninguém de bom senso quer e a esquerda evita com todas as forças.

      “A propaganda é a alma do negócio!”

      plimplim.

      • eu SEMPRE considero a

        eu SEMPRE considero a presunção de inocência quando avalio pessoas, nesse caso, suponho que vc está sendo enganado..

        Abrimos mão do governo LEGÍTIMO da Dilma, da liberdade do Lula e agora nos propõem abrir mão da sua candidatura. Se aceitarmos a tutela, NÃO HAVERÁ MAIS NAÇÃO, quem tem filho hoje, não se faça de besta: não haverá um país para o seu filho. Não tem projeto para 200 milhões.

        Não há depois.. conversa prá boi dormir..

        • concordamos, mas…

          Enganado? aonde, como, por quem?

          …Qual é a parte do meu comentário que o sr. não entendeu?

          “Abrimos mão do governo LEGÍTIMO da Dilma, da liberdade do Lula e agora nos propõem abrir mão da sua candidatura. Se aceitarmos a tutela, NÃO HAVERÁ MAIS NAÇÃO, quem tem filho hoje, não se faça de besta: não haverá um país para o seu filho. Não tem projeto para 200 milhões.”  ………………100 %!  Essa é uma parte com a qual concordamos.

      • Santos

        Cidade que já foi considerada  reduto da esquerda!

        Mas hoje, com um dos maiores números de aposentados por metro quadrado de Pindorama, esta mais para uma spa “nelson rodrigues”.

  18. Politica

    O sentimento é de que parte da militância e de simpatizantes do PT não absolveu a estratégia que seguiu o partido até este anuncio da chapa petista com Haddad-Manuela D’Avila. Estava subentendido que os slogans Lula ou nada, eleição sem Lula é fraude e outros eram para conscientização da população brasileira de que Lula é preso politico. Mas todos sabiam que muito dicifilmente o judiciario liberaria Lula para concorrer nesta eleição, logo a saida é uma chapa em que o cabeça represente o PT e Lula e que trave uma batalha politica-juridica até o fim das eleições.

    Gosto dessa chapa; ela é moderna, em fase com o atual momento e progressista. Não sei bem como a Manuela é vista pelas classes médias, mas acho que o Haddad, como explicita Nassif, não fosse petista, seria o candidato da classe média em todo Brasil. Se vai ganhar ou perder, num post ontem sobre “votar para que, para quem” de Pedro Augusto Pinho, ele destrincha o jogo nas manipulações entre a dita banca, Mercado, Judiciario e a politica. Dificilmente teremos eleições sem fraude, em todo os sentidos, este ano. 

  19. Aviões militares ianques,

    Aviões militares ianques, como aqueles que pousaram em Manaus e Goiânia, já estão pousando também em outros aeroportos? Os ianques sabem que não podem perder o brazil após tanto trabalho para “retoma-lo”. Sem controle pleno sobre o Bananistão, a concretização de suas pretensões imperialistas ficará comprometidas.

  20. briga

    Nesse jogo de xadrez, de um lado o povo pobre, patriota, operário.

    Do outro os ricos, os que dispõe de recursos para controlar a informação, que não se comovem se o Brasil está sendo saqueado, se nas ruas moram milhares de brasileiros despossuidos, se o Brasil se transforma em pária internacional. Respeitam a hierarquia meritocrática adquirida no berço. Gente subalterna ao “primeiro mundo” que aproveita a oportunidade para vender o que não lhes pertence em troca de módica comissão. Grupo que manteve os ideais do imigrante europeu de fazer dinheiro a qualquer custo e voltar “por cima” para a origem.

    Quem decidirá a parada será os que pertencendo ao primeiro grupo julgam-se a fina flor do segundo. Manada arrebanhada pela globo. Paneleiros imbecis que contra a corrupção tiraram os honestos para no seu lugar colocar notórios ladrões! Não importa a eles se o filho que estudou está desempregado, o plano de saude abandonado por falta de dinheiro e o seguro do carro que não paga mais, afinal ninguem está vendo. Hipnotizados foram pelo seu desconhecimento da história e são aliados a outros idiotas iguais, fundamentados em preconceitos discricionários. São filhotes do PLIMPIG, que se aliam aos ricos enquanto rejeitam o outro grupo ao qual pertencem e de onde jamais sairão.

  21. Olhando o Haddad de longe é

    Olhando o Haddad de longe é bem essa a impressão que tenho: sobra competência no burocrata, mas falta muito tino político….

     

  22. Bom, deixo-os em paz
    Vou

    Bom, deixo-os em paz

    Vou procurar espaços que continuem denunciando o golpe, que não normalizem essas “eleições”, que combatam a ditadura judicial

    Peço que não me confundam com os robôs ciristas

    Sou lulista mesmo, repito, que pense diferentemente do próprio Lula em relação à estratégia para essas “eleições”.

    LULALIVRE!!!

    ELEIÇÃOSEMLULAÉFRAUDE!!!

     

    Ah, e parece que deu chabu aqui em minas pro esperto pimentel; o “acordo” com o psb pode trazer problemas pra própria eleição da dilma

    Até 2019!

    OULULAOUNADA!!!

    • Xadrez da estratégia Lula para as eleições

      para sergio ferreira:

      -> se Lula estiver na urna meus votos serão: LULA, Candidata(o) do PSOL ao governo MG, DILMA,

      Candidata(o) do PSOL ao senado, Candidato do PSOL a deputado federal (pela primeira vez deixo de votar no querido Patrus), Candidato do PSOL a deputado estadual

      se Lula não estiver: nulo, nulo, nulo, nulo, nulo, nulo,

      respeitando todas as opiniões, parecidas ou não com as minhas …

      uma das posições mais justas e sensatas que já li nesta área de comentários sobre as Eleições de 2018.

      .

  23. Os Golpistas dariam tudo prá ver o Nassif do lado deles

    Nassa eu sou seu fã e isso aumenta ainda mais o seu currículo.

    Cara, eu tenho orgulho de você.

  24. A ANALISE feita pelo

    A ANALISE feita pelo missivista da passagem de HADDAD como prefeito de SP é um DESASTRE, delírio ..das piores e MAIS DESCOLADAS da realidade que eu já o vi escrever  ..já no Ministério da Educação, sim, HADDAD (sob a batuta dum programa de governo, contando com uma equipe de 1a e um líder como LULA, revolucionou)

    Terá sido a análise fruto do distanciamento do autor p/ c/a periferia da cidade ?

    HADDAD não foi vítima de antipetismo COISA NENHUMA  ..afinal, se assim, o “antipetismo” não o teria conduzido, assim como com Marta e ERUNDINA

    HADDAD como alcaide foi AUTORITÁRIO  ..NÂO inovou, importou e forçou soluções POPULISTAS européias pra esta cidade caótica tropical, carente de tudo.

    A IMENSA maioria das medidas experimentalistas não funcionou, nem aqueles que atenderiam a pseudo políticas sociais voltadas a minorias.

    Como não é momento de bater (mesmo pq seus adversários são verdadeiros CÉRBEROS do submundo IMORAL) , mas sim de nos DEDICARMOS a LIBERTAÇÃO e a eleição de LULA da SILVA, vou ficar por aqui, mas atento a estas matérias que já tratam de nos preparar pra um conformismo que NÂO é, pelos meus valores, a prioridade e RAZÃO ética que devemos nos desbruçar neste pleito.

    O MOMENTO é de transição, pra LUZ, ou pra escuridão ..Na boa, FOD?-se HADDAD, manuela ou ciro !!!!

    Eu estou preocupado mesmo é c/a INJUSTIÇA que tomou o BRASIL como refém  ..c/os que vendem nosso futuro como NAÇÂO, por centavos  ..c/esta sucia ordinária justicialista  ..c/a liberade de LULA (que representa hoje o POVO aprisionado) ..c/o reconhecimento da sua inocência, e dos crimes que togados MAFIOSOS cometem contra este lider popular 

    ..me preocupam a DEMOCRACIA que a NOSSA GERAÇÃO não soube cuidar, a isonomia e a cidadania do BRASILEIRO que foram jogadas no lixo por uma duzia de BANDIDOS que nos dominam partidos das mais altas cortes palacianas e empresariais, isso sim

    ELEIÇÂO SEM LULA é FRAUDE  ..é o GOLPE em andamento, c/as ditas forças progressistas se entrengando a interesses menores e pequenos !!!!!

    SEM LULA na urna, NÂO TEM o porque de ser !!!!!

     

     

  25. Car@s,
    Como diz o bom e velho

    Car@s,

    Como diz o bom e velho Juarez Soares “o jogo é jogado e o lambari é pescado”!  Quer gostemos, quer não; quer tenhamos elogios ou críticas; quer consideremos um ‘se’ ou um ´talvez’ aqui ou acolá, as condições estão postas, as cartas – quase todas – estão na mesa e é isso, é o que temos.

    Cada um de nós vai ter que decidir o que fazer a respeito, porque a banda de lá, a mando do petit comitée, cruzou a tal da ´ponte para o futuro’ e ateou fogo. O Brasil teve sua guerra civil declarada no já longinquo 2015 e vai continuar nela por muito tempo. Portanto, esta eleição, diferentemente de outras, é apenas uma batalha dentro de um contexto mais amplo e intrincado. 

    Tempos duros adiante. Daqui pra frente, quer ganhemos ou percamos nas urnas, a coisa vai seguir braba, não vai haver espaço para conciliação fria, no mínimo, algum armistício temporário levantado à ferro e fogo; também não há mais nenhum Dom Sebastião disponível e quem quer que seja presidente da banda progressista vai ter ser sustentado no poder por uma ampla coalizão de forças coletivas que, por sua vez, dependerá da ação individual, cada um a seu jeito, para seguir na base da pressão popular mesmo, senão sucumbirá. Nem o próprio Lula consegue.

    A ideia foi lançada naquele fatídico dia de abril. Resta escolher. Ou acolher.

     

     

  26. Xadrez da estratégia Lula para as eleições

    como já se sabia desde muito, o novo poste sem alça de Lula é Haddad, este expoente da luta pela restauração da Democracia com seu destemido e inspirador lema: “golpe é uma palavra um pouco dura”.

    como só é surpresa para os mais fanáticos seguidores da seita do Lulismo, Haddad sempre foi o mimado boa pinta predileto de Lula para sucedê-lo, assim como antes ocorrera com Dilma.

    jogados ao lixo o “Lula ou Nada!”, “Eleição sem Lula é Fraude!” e “Lula de A a Z”, mais uma vez o Lulismo provou sua incapacidade de sair do terreno de luta meramente eleitoral/institucional, com profundo desprezo e desrespeito por suas bases sociais de apoio, as quais nunca deixou de tratar como meros currais eleitorais puxados pelo cabresto.

    a busca por hegemonia sempre foi o único programa do Lulismo, inclusive dentro do PT, sob sua ampla e densa sombra nada pode germinar, a não ser seguidores completamente afáveis e submissos ao Poderoso Chefão.

    a falta de carisma de Haddad Paz e Amor talvez só seja superada por Dilma Mãe do PAC e Pai dos Empresários Companheiros,  e sua capacidade de empatia com os pobres quase tão insossa quanto o chuchu Alckmin.

    como todo político paulista, Haddad tem um futuro promissor de nenhuma viabilidade nacional, pois concebe o Brasil por SP, em SP e para SP.

    a maior vocação de Haddad é sua absoluta desenvoltura para encontros com a FEBRABAN, grandes empresários e comandantes militares. como quase reconheceu FHC, Haddad seria um excelente candidato… para o PSDB.

    BolsoNazi e a crise de representação agradecem.

    vagamos desorientados no bojo da maior de todas as crises de nossa História. nenhum de nós será poupado. não restará pedra sobre pedra. que Deus NÃO tenha misericórdia desta Nação.

    .

    • Não posso dizer, EM ABSOLUTO,

      Não posso dizer, EM ABSOLUTO, que discordo de vc  ..mas

      Vc se preocupado muito com o homem LULA  ..enquanto NAÇÃO, preocupa-nos muito mais o personagem, o simbolismo, as idéias que ele representa

      só isso… 

      • Xadrez da estratégia Lula para as eleições

        -> Vc se preocupado muito com o homem LULA 

        ledo engano. já escrevi aqui inúmeras vzs qual exatamente minhas críticas a Lula:

        em 21/04/2017:

        a iminente prisão de Lula exige total clareza para distinguir 3 pontos: o político Lula, o mito do Lulismo e o que Lula simboliza no processo de construção nacional.

        apesar de seus erros e traições, o político Lula precisa ser determinadamente defendido da caçada implacável que a Lava Jato o submete.

        porém o mito do Lulismo deve ser destruído. esta falida concepção de se tentar atender algumas poucas necessidades da maioria às custas de se render a quase todas as exigências de uma minoria. como se fosse possível através da conciliação permanente com uma plutocracia predatória, viabilizar um projeto de sucessivas mudanças pequenas e graduais, mas ainda assim sustentáveis no longo prazo. o golpe do impeachment enterra definitivamente esta vã e amarga ilusão.

        o que deve ser preservado e fortalecido é aquilo que Lula simboliza: a ascensão do trabalhador brasileiro ao protagonismo social e político que lhe cabe. sem o qual o Brasil já não se viabiliza como Estado, tampouco se constrói como Nação.

        .

        • isso é o MITO
          “…o que deve

          isso é o MITO

          “…o que deve ser preservado e fortalecido é aquilo que Lula simboliza: a ascensão do trabalhador brasileiro ao protagonismo social e político que lhe cabe. sem o qual o Brasil já não se viabiliza como Estado, tampouco se constrói como Nação…”

           

          em tempo:

          mito : relato fantástico de tradição oral, ger. protagonizado por seres que encarnam as forças da natureza e os aspectos gerais da condição humana; lenda.  …narrativa acerca dos tempos heroicos, que ger. guarda um fundo de verdade.

           

    • Telegramas de Pasárgada.

      Tá difícil, caro amigo, tá quase impossível.

      Sinceramente, resumo meu tempo e meus tico e teco ao máximo.

      Faz tempo que ler Nassif deixou de ser interessante, olha a frase final, mas que dá moldura ao que ele pensa:

       

      “(…)Enfim, é um movimento em que Lula radicaliza o discurso para as massas, mas acena para o lado moderno com a socialdemocracia de resultados de Haddad.(…)”

      O grifo é meu.

      Socialdemocracia é moderna onde? Na Alemanha de 1923?

      Na Itália pós suicídio do PCI?

      Mas o pior de tudo, o pior mesmo não é Nassif expressar esse tipo de pensamento, afinal, ele nunca enganou ninguém nem reivindicou ideias socialistas ou revolucionárias, muiiiiiito ao contrário.

      O pior mesmo é que ele pode ter razão.

       

      • Xadrez da estratégia Lula para as eleições

        -> Tá difícil, caro amigo, tá quase impossível.

        ah! vc! era contigo mesmo que eu queria falar.

        finalmente assisti uns episódios de uma série recomendada: “Unabomber – Manhunt”.

        logo na caracterização preliminar do agente do FBI responsável pela identificação e captura de Ted Kaczysnki, fica evidente que um dos pontos fortes da série seria enfatizar a identificação deste com seu alvo.

        assim como colocar análise de perfil e a linguística como principais instrumentos da investigação.

        séries, também games e participar de áreas de comentário em blogs, são um tanto perigosos.

        mesmo sendo algumas vezes gratificantes, sugam nossa energia. por isto mesmo minha única exceção prossegue sendo este Blog do Nassif.

        uma análise de perfil pode ser bastante abrangente. incluindo desde a análise propriamente psicológica, como cenários eleitorais, políticos, econômicos ou mesmo de mercado financeiro.

        como há dialetos e idioletos em tudo, no fim das contas análise de perfil é também análise linguística.

        para quem se dispõe a ouvir e a ler, tudo fala e tudo é texto.

        quanto a situação atual no Brasil, nada mais há o que se fazer.

        as apostas foram feitas. os dados ainda estão rolando. mas o jogo já está decidido. como se sabe, a banca sempre vence. muito embora alguns teimem em achar que não e continuem com esperanças vãs.

        o desespero a gente até aguenta, mas é a esperança que deveria nos apavorar.

        só que a banca também se ilude com esperanças vãs. acham que nunca chegará o dia em que viraremos a mesa, para cobrar sem misericórdia tudo o que nos devem…

        enquanto isto, frente a tragédia do momento, cabe dar um, dois, três passos atrás. simplesmente aguardar cautelosamente o desenlace anunciado. então…

        p.s.: espero estar equivocado, mas aumentaram muito as chances de Bolsopata vencer as Eleições de 2018.

        .

        .

  27. Já vivemos sob uma ditadura…

    Já vivemos sob uma ditadura. Os “doutos” do juidiciário fazem o que bem entendem das leis, através de personagens “brilhantes” como Delton Dalagnol. E nós discutindo eleições como se vivessemos na plenitude democrática. É bom lembrar que o congresso aprovou uma lei para que os votos fossem impressos paralelamente à votação eletrônica, e o STF a cancelou sob a alegação esdrúxula de que se estaria ameaçando o voto secreto. Independente da opinião previa de cada um sobre a impressão do voto, esta atitude do STF me coloca de alerta. Vejam bem, uma  decisão de quem é eleito pelo povo é cancelada pelo judiciário sob uma alegação que ainda não havia ainda sido colocada em pauta no debate político. Só este fato coloca o resultado das eleições sob suspeita. Não estamos tratando da escolha do melhor substituto. Lula candidato abala o regime Temer, catalisa a mobilização das massas. Tratar com normalidade a exclusão de Lula das eleições equivale a aceitar o suicídio de Getúlio como fato corriqueiro.

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    • perfeito  ..todo cuidado é

      perfeito  ..todo cuidado é pouco com os ORDINÀRIOS que, SEM voto nem sendo parentes, já querem se tornar herdeiros e se colocarem na partilha pra satisfazerem seus insaciáveis interesses

  28. O maior estrategista do PT

    O maior estrategista do PT não é o Lula, Nassif, é o Temer! O Brasileiro está tão f… que não tem como forçá-lo a votar na situação. A oposição (viável) é Lula/candidato dele, a situação é Temer/Alkimin.

    Veja bem, estamos falando do pior governo de todos os tempos. Pior avaliados que os dois governos que foram impixados no auge de suas impopularidades. Consegue estar atrás de Dilma e Collor. 

    Para descolar o Alkmin dessa cloaca aí, tem que ser praticamente um mágico. Colocar o Meireles de bode expiatório vai colar? Nesse tempo todo de TV que o Xuxu vai ter como vai convencer que não tem nada a ver com essa m. que está aí, sendo que os tucanos estavam na linha de frente para derrubar a Dilma para botar o vampirão no lugar? E ocupam um monte de cargos no governo?

    Será o eleitor tão otário? Como será o marquitingue de campanha que operará esse milagre? Tem que resgatar da lama o Joao Santan e o Duda Mendonça e botar os dois para bolar a campanha mais genial de todos os tempos.

    Todos estão dizendo que o Alkimin vai estar no segundo turno. Ok, eu devo estar errado então. Mais só se for por eliminação. Eliminando o Bolsonaro, o Haddad, a Marina, o Ciro e até o Alvaro Dias. Todos eles para mim tem mais chances. Eliminando fisicamente, ou prendendo, ou proibindo de falar, sei lá.

    Gostaria de que alguém me explicasse como vão convencer 20% dos eleitores, que é o que dizem ser preciso para passar para o segundo turno, a votar no Xuxu, “parça” do Temer

    • Ontem eu lembrava aqui da

      Ontem eu lembrava aqui da possibilidade da fadinha pangaré

      SEM LULA o NE vai sumir, se abster em MASSA

      HADDAD não soma UM VOTO no S-SE e C ..o 3o lugar esta em aberto  ..a transferência de LULA pro soro fisiológico do Haddad é duvidosa (ainda mais c/PT dando ares de “naturalidade”, de legalidade e oficializando no golpe das urnas)

      em resumo, ainda acho que o jogo esta muito difícil  ..afinal, 60% dos brasileiros não se mostravam convictos, não é isso ?

       

  29. Aguardando liberação de comentário crítico

    Hoje de madrugada postei um comentário crítico, mas não ofensivo, muito menos difamatório ou calunioso. Espero que o GGN o libere da censura interna, para que outros leitores possam refletir e discutir sobre o assunto e críticas nele contidas.

  30. Ainda temos na minha casa
    Ainda temos na minha casa condições de pagar uma faxineira que trabalha um dia na semana. Há 3 anos, ela conversou conosco e mudou para 1x só porque tinha sido contratada por uma família cujo sustento vinha da PB. Negociamos e ela passou a vir 1x por semana somente. Há 2 anos foi demitida de um serviço que prestava num consultório. Esta semana, foi demitida por aquela família que lhe disse com todas as letras: “não podemos mais te pagar.” “Nossos filhos, todos, estão desempregados, estamos tentando ajudar e acabo de ser dispensado também…”. Minha casa é agora a única fonte de recursos – e os bolos de pote que começou a fazer para vender – dessa mulher que tem dois filhos adolescentes e cujos pais dos meninos já se aumentaram. É de chorar…

    São mmmuuuiiitttoooo mais do que 13 milhões de desempregados. Há muitos que desistiram de procurar.

    O governo e a mídia, maldosamente, vendem essa história de que o brasileiro é um “empreendedor nato”. Empreender exige mais do que vontade e “anseios por liberdade”. Todos os dias as histórias de “garra e superação” inundam as casas de pessoas que sao solapadas pelo sentimento de que “não são boas o suficiente”, já que as pessoas “vencem” se decidirem “Tomar a vida em suas mãos.” Isso é criminoso!!!

    Quando o Centrão e sua capilaridade e diversidade começar a “prometer”, só prometer!!!!, empregos, “colocações”, oportunidades naquele projeto, negócio, obra, qualquer coisa, VAI CHOVER VOTO!! É triste, mas é verdade.

    Quando um desempregado consegue de alguma forma reingressar, ou um aposentado que hoje sustenta a sua e muitas outras famílias consegue ampliar seus ganhos com um “projeto”, o alívio vai além do indivíduo. Como uma onda formada no lago pela pedra, tem efeito ressonante. Sabe aquele primo da cunhada que conhece alguém que sabe de uma vaga e que vai te arranjar um trabalho que mais 5000 pessoas matariam para ter para poder colocar as contas da casa em dia em 3 meses? Pois é.

    O estrago feito por este governo foi tão grande que a régua da consciência e do bom senso foi posta de lado.

    Importa sobreviver, dar de comer aos afetos e ajudar os amigos. O resto é assunto para mais tarde.

    Li ainda há pouco um texto muito bom que dizia “vamos nos mexer?”. Sensacional. Mas quem tá com fome ou tem que escolher se esse mês vai pagar a luz OU o gás, não vai perder tempo. Quem der a chance de sobreviver até que comece a melhorar – tipo 2022 – leva!

    Não sei. Pode ser sombrio, sem esperança. É é… Mas não estou vendo saída.

    O PSDB vai assumir e ficar por aí por 20 anos. Vou morrer olhando para a terra arrasada…

    • Terra arrasada

      Há duas maneiras de aferir o desempenho da Economia de um país. Uma, é debruçar-se sobre gráficos e planilhas produzidas pelo Departamento de Economia da Academia, ler o Valor Econômico (evite a GloboNews!), etc. A outra, é sair ´pra rua de olhos abertos e ouvidos atentos, observar atentamente o nosso entorno, que chamo de observação direta da realidade. O subconsumo de alimentos, por exemplo, verificável nos supermercados (a fome que voltou é resultado de quê?). Melhor que gráficos e planilhas, e essa realidade está explodindo por todo lado.

      Quanto ao nível de pessimismo em relação ao futuro, empatamos, terra arrasada. O governo Sarney, da hiperinflação e caos na Economia, trouxe de volta uma palavra havia muito em desuso, a “carestia”. A situação atual é pior, muito pior. 

      • Alguém mencionou a questão da
        Alguém mencionou a questão da saúde. Uma notícia deu conta do cancelamento de 3 milhões de clientes de planos de saúde, algo assim.. Não é muito da “classe média” AINDA… São os planos bem baratinhos, básicos, de pessoas que ascenderam um tico e começaram a pagar para ter acesso a um hemograma, uma ultra, etc… Não é só o emprego que precariza. A saúde vira luxo, as pessoas comem pior, não tem para o plano, medicamentos, etc. A população envelhece.

        O prognóstico é desolador.

        É quem teve o gostinho, adoraria regressar ao tempo bom. Mas até para voltar ao que é bom, é preciso estar vivo AMANHÃ.

        Esse é o ponto. E tem quem se desiluda com a falta de combatividade do povo! Quem é pelo povo? De verdade?

  31. Sério que não aprendemos nada

    Sério que não aprendemos nada com o desastre Dilma? Vamos insistir na canoa furada de um novo poste? Nassif acompanho a quase dez anos o blog e respeit muito suas opiniões, mas lembro em 2010 o contorcionismo em qualificar a Dilma como uma boa escolha, foi um grande erro previsível, zero de experiência política e deu no que deu. O Haddad não é tão ruim, mas tá longe demais do perfil que o país necessita nesse momento dramático de sua história, insistirems no erro, só que agora a tragédia tende a ser maior ainda. Lamentável.

  32. acredito

    Haddad formado em filosofia economia e direito e é o currículo do Marchionne aquele CEO da FCA que tirou um grupo semifalido para o sexto produtor de veículos, o começo é dos melhores.

    Afirmava Marchionne ser a filosofia um dos suportes a sustenta-lo nas decisões mais importantes.

    A seguir a síntese em entrevista a um jornal da bota:

    Marchionne, il generale senza paura da 1 miliardo di profitti l’anno

    I numeri sono rotondi ma descrivono solo in parte il Marchionne manager poiché rappresentano la sintesi fredda di un lavoro di ben più ampio respiro. Marchionne, ne è convinto chi lo segue da tempo, ha un approccio manageriale sostanzialmente deduttivo, elabora processi logici: immagina lo scenario e adegua la strategia al quadro che muta. Un’attitudine frutto, probabilmente, degli studi filosofici, la prima delle tre lauree messe a curriculum (le altre sono Economia e Giurisprudenza più un Mba).

    «Non so se la filosofia mi abbia reso un avvocato migliore o un amministratore delegato migliore, ma mi ha aperto gli occhi. Ha aperto la mia mente ad altro». Sotto la sua guida Fiat ha cambiato almeno quattro volte pelle adattandosi al mondo che cambiava. Ha smesso di essere conglomerata, ha allargato i confini fino a diventare player chiave in Sud America, si è spostata negli Stati Uniti con Chrysler quando il manager ha capito che servivano ancora più geografie al servizio del bilancio, riuscendo anche a proteggersi dal rigore calvinista dell’Europa a trazione tedesca, e infine ha trasformato lo storico Dna: non più mass market ma maggiore impegno verso il premium. Ora ha messo la firma su quella che sarà l’ultima metamorfosi che porterà il suo timbro: l’identificazione di Fca con Jeep. 

  33. Trabalho com administradora

    Trabalho com administradora de condomínios e estou recebendo curriculos de pessoas com ensino superior completo, inclusive engenheiros com 10 anos de experiência, para trabalhar de porteiro, para receber um salário mínimo.

    A candidatura que apresentar a melhor proposta para solucinar o problema do desemprego leva a parada. A maioria dos eleitores indecisos não estão dispostos a embarcar em uma aventura, querem emprego e pagar suas dívidas. O PT precisa ir direto ao ponto: como gerar emprego e renda para a população. É isso que os brasileiros querem ouvir.

    Aquela história do Bolsonaro de ficar distribuindo armas para a população só atinge os os coxinhas mimados, que vivem às custas do papai e tiveram tudo fácil na vida. Os brasileiros de verdade, o povão, estão muito preocupados com seu futuro e de sua família.

    • respeito teu pensamento  ..é

      respeito teu pensamento  ..é válido sim  ..mas acho que a coisa não é tão simples assim

      O contingente de desempregados ainda é menor que os empregados por exemplo  . menor ainda dos que tem, já tiveram, ou temem o tema saúde e violência

      a coisa é complexa

      https://noticias.r7.com/brasil/saude-e-violencia-sao-as-principais-preocupacoes-dos-brasileiros-24072018

      em tempo – tema como NAÇÃO, o sonho de querer ser, orgulho do BRASIL e do Nacional, solidariedade e respieto aos pobres, a AUTO ESTIMA (que a escumalha da direita insiste em desconstruir a todo momento e por todos os meios), ou, como “o que fomos e aonde chegamos”, como sempre explora LUIZ INACIO, é o que cativa mais corações  ..engloba todo tipo de fraustração

      • Nada a ver, Romanelli. Porque

        Nada a ver, Romanelli. Porque um desempregado na família já serve de alerta e solidariedade para os que trabalham. Por ora o Haddad precisa ir para o segundo turno. Depois uma campanha de esclarecimento do programa opositor fará parte do eleitorado entender qual programa de governo é melhor pra ele e para o seu bolso. E Alckmin ou Bolsonaro são escarros do programa do Temer.

        • vera  ..respeito  ..mas eu

          vera  ..respeito  ..mas eu sou LULA (LIVRE, respeitado, reconhecido, conduzido pelo POVO, com direitos restaurados e com pedidos de desculpas ETERNAS pela nossa covardia ao ve-lo aprisionado em Curitiba) 

          ..sou pela democracia, pela isonomia dos homens e pela cidadania, pelo respeito a Constituição, pela CIVILIZAÇÃO

          Por enquanto, essa de Haddad presidente não me garante nada, nem me convence como cidadão, apenas, no máximo, me satisfaria, em parte, uma conveniência política momentânea  ..e o BRASIL de hoje (e do futuro) requer MUITO mais que isso

          Há que irmos pra rua e exigirmos PACIFICAMENTE (mas com a determinação dos caminhoneiros)  o fim dessa palhaçada e o restabelecimento da democracia

          ou isso ou eles que façam o que bem entenderem com o BRASIL convulsionado, já que nós teremos abdicado dos nossos direitos mais elementares e igualitários

          Chega dessa de passarinho dizendo que não passam  ..eles PASSARAM e PASSARÃO se nada mudar

           

           

  34. Tô com Mano Brown.

    Pra mim esse papo de Lula ou Nada significa desprezo pelo processo eleitoral. 

    Desprezo pela soberania popular. Desprezo pela democracia.

    As eleições estão longe de resolver todos os problemas, mas sem eleições será tudo muito pior.

    Penso que o golpe do impeachment só ocorreu porque Lula, Dilma e o PT permitiram.

    Foram fracos, incapazes de fazer valer a soberania popular.

    Acredito que Lula só está preso porque o PT no poder formou um STF de direita.

    Ao invés de chorar o golpe derramado vamos todos trabalhar para que os brasileiros tenham educação cidadã, conheçam o básico da Constituição e aprofundem a luta em defesa dos seus direitos e seus interesses. 

    O cenário ideal seria uma chapa de centro-esquerda no primeiro turno. 

    Os interesses particulares dos líderes partidários inviabilizaram isso.

    Vamos ter que trabalhar para eleger o menos pior na atual circunstância. 

    Para mim o menos pior elegível neste momento é o Haddad. 

    Tô com Mano Brown: 

    https://soundcloud.com/josias-pires/mano-brown-lula-haddad 

    • Humm… Como a opção não pode

      Humm… Como a opção não pode ser do PT tem que ser do PDT? O PDT do Ciro que dia sim dia também, despreza o meu posicionamento político deixando bem claro que ele não se junta “aos negros malandros e indios preguiçosos” do Broncão.

      Então tá.

    • pra mim, HOJE, participar do

      pra mim, HOJE, participar do processo SEM LULA na chapa é ceder e compactuar com a FARSA  ..chega !!!

      Não se trata “só” do HOMEM, do GIGANTE LULA  ..mas do mito, do símbolo  ..NOSSOS direitos estão suspensos ..a constituição pisoteada , a NAÇÂO humilhada e dominada ..e há que lutarmos e gritarmos contra isso  ..mas não como judeus partindo pro martírio, paSSivos

      Leia o texto, A ARMAÇÂO esta sendo preparada pra depois de 2018, os GOLPISTAS pensam lá na frente (assim como o golpe vem sendo montado desde 2010) ..a idéia é manter LULA preso, assim como os EUA fez com Dirceu  (ou o risco da sucia assumir EM VIDA o golpe do Supremo é grande pro pescoço deles) ..

      https://www.conjur.com.br/2018-mar-12/barroso-define-quais-presos-proibidos-receber-indulto

      • Pois é, Romanelli. Só que

        Pois é, Romanelli. Só que assim como na perseguição ao PT e na prisão do Lula faltou combinar com os russos. E os russos somos nós que resistimos junto com o Lula e o PT.  

        Eu, por exemplo, votaria na boa no Boulos nessa eleição porque é uma nova liderança da esquerda que precisa ser prestigiada.  Assim como votaria no Jean Wylis se morasse no Rio. Meu voto vai para o PT e pro Lula ou pra quem ele indicar porque é o único jeito de mostrar para Carmém Lucia/Moro/ judiciário/imprensa/setubals e lemanns que eles tem muito poder mas não mandam na minha consciência. Poder e dinheiro nenhum conseguirá destruir o que aprendi vivendo e lendo sobre humanismo, solidariedade e injustiça. Assim como a minha identidade com esse país. 

         

        • é difícil o que vc me pede 

          é difícil o que vc me pede  ..que direito há a exercer, se eles me subtrairam ARBITRARIAMENTE a opção ?

          OS GOLPISTAS estão montando um cenário pra legalizar o ato

          QQ eleito será um fantoche do GOLPE ..a legislação esta sendo emendata por um JUDICIÁRIO (isso é um ABSURDO) ..um FAZ DE CONTAS pra rainha da Inglaterra insensar

          Não há pq esperarmos pelo que já deveria estar ocorrendo  ..o POVO com seus sindicatos (petroleiros, metalurgicos, professores, codutores de onibus, metro, dos aeroportos e portos, os CAMINHONEIROS) precisam ser esclarecidos e  convocados pelas forças democráticas pra porem fim a este CIRCO, a este pesadelo

           

          • sindicaros pelegos

            Durante os 13 anos de Lulismo os sindicatos viraram instituições pelegas, não esqueça disso.

            Não há sindicatos hoje capazes de mobilizar a greve geral ou outras mobilizações de peso.

            Estamos pagando pelos erros da cultura política capitaneada pelo PT, cujos dirigentes saíram das ruas e foram para os gabinetes.

            O tamanho do buraco é muito grande e o povo está desarmado dos instrumentos adequados para enfrentar o dragão da maldade.

            Neste momento só temos as eleições.

            A outra opção é apostar no quanto pior melhor, na ilusão de que Alckmin sendo eleito a barbárie nos levará a um lugar melhor.

            Acredito que a violência é muito boa para destruir o velho, mas a violência é incapaz de construir o novo.

            Ou garantimos o caminho da democracia ou o caos se aprofundará. 

        • A grande sacada

          Como de costume, Vera Lúcia faz observações certeiras, em poucas linhas.

          Cortadas as cabeças de José Dirceu, José Genoíno, Jaques Wagner, Gleisi Hoffmann, não sobrou nos quadros do PT nenhum nome que pudesse ser o herdeiro de Lula, que tenha alguma semelhança com ele em liderar movimento sindical ou social, demonstrando autenticidade e credibilidade. O PT jurídico ou judicial, a que pertencem Fernando Haddad, Paulo Teixeira, Wadih Damous, José Eduardo Cardozo, Greenhalgh, Rui Falcão e muitos outros mais é que corroeu e está matando, por dentro, o partido que um dia foi de base operária, de comunidades eclesiais de base, de professores, intelectuais, pensadores, acadêmicos jornalistas e analistas políticos e sociais focados no Estado Social, provedor de oportunidades, inclusivo e centrado no bem-estar das pessoas.

          Com formação universitária e liderando um movimento social (o MTST), considero Guilherme Boulos um Lula mais jovem, contemporâneo, que teve acesso á universidade. Boulos tem formação e vivência sólidas à frente do movimento social; ele domina com raro talento as técnicas do discurso, da argumentação, do raciocínio rápido e capaz de emparedar adversários que o subestimem. O picolé de chuchu percebeu isso há muito tempo e colocou o aparelho repressor atrás do MTST e do seu líder, que chegou a ser preso no início de 2017, numa ocupação dos sem-teto na ZL paulistana. Quem já viu Boulos discursar ao lado de Lula e o carinho com que o Ex-Presidente o trata, percebe claramente que Lula vê no líder do MTST o sucessor natural. Boulos tem demonstrado muito mais lealdade e coerência para com Lula do que a burocracia do PT, hoje dominada pelo PT judicial que citei. Boulos está no PSOL, mas todos sabemos que ele não pertence a esse partido, uma dissidência do PT que abraçou as causas identitáriase faz parcerias com a Globo e satélites do PIG/PPV não para se fortalecer, mas para enfraquecer o PT.  Presumo que, se dependesse de Lula, Guilherme Boulos já estaria há bastante tempo no PT.

          Uma chapa presidencial com Lula e Boulos seria a mais racional com o campo da Esquerda. Se o PSOL não houvesse seduzido Boulos e/ou o PT judicial vetado o ingresso do líder do MTST no PT, a dobradinha Lula/Boulos inviabilizaria qualquer manobra ou trama da ORCRIM judiciária visando inabilitar o ex-Presidente Lula para a eleição presidencial. Até o início deste domingo que passou, eu ainda tinha essa expectativa; creio que se Lula não estivese trancafiado numa solitária e estivesse coordenando as articulações políticas, a aliança com Boulos seria hoje uma realidade. Mas o PT judicial, parceiro no golpe, trabalhou contra Lula e contra as bases do partido. Do plano inicial, Lula só conseguiu implementar a primeira parte, conter uma dissidência que poderia prejudicá-lo nessa disputa inglória para restabelecer a democracia e soberania brasileiras.

          Antes do desfecho – que foi contrário ao planejado – eu não podia expor essa possibilidade em comentário público neste blog. A essa altura não declaro em quem votarei. Mas não caio nessa arapuca de “votar no PT ou em quem Lula indicar”, pois Lula está preso político sem crime, incomunicável, sem poder exercer seus direitos civis e políticos. Como São Tomé, não acredito nesses porta-vozes do PT jurídico-judicial, dizendo que Lula disse alguma coisa. Até mesmo as cartas que dizem provir o Ex-Presidente não podem ser consideradas como fonte fidedgna, pois alguém mantido trancado numa solitária por mais de 4 meses, privado convívio social e com a família, quando já está com mais de 70 anos de idade, tem prejudicados o discernimento e a capacidade de articular pensamentos e idéias, quanto mais de coordenar articulações políticas.

           

      • Vamos lá. 
        Os traíras aliados

        Vamos lá. 

        Os traíras aliados do PT construíram maioria no Congresso, deram o golpe do impeachment e impuseram ao país a agenda regressiva neoliberal pura. Como derrotá-los? 

        Se tivessemos um exercito revolucionário talvez o caminho seria a guerra civil, mas estamos a anos-luz de distância dessa possibilidade.

        Fora das eleições não há outra possibilidade no horizonte. Ou há?

        Se todos os nossos direitos tivessem cassados não teríamos eleições. 

        Lula está preso graças ao STF de direita formado pelo PT. Logo, o PT é um dos responsáveis diretos pela prisão de Lula. Esquecer este fato é hipocrisia.

        Lula está preso mas indicou um cadidato.

        Para que seu candidato vença as eleições teremos que votar nele. Não há outra possibildade – ou há?

        A Constituição está sendo pisoteada e o povo não vai para a rua defendê-la porque a imensa maioria da população sequer sabe o que é Constituição. Outro dia o irmão de Lula, Frei Chico, disse exatamente isso: um dos erros da esquerda e dos democratas foi deixar de levar os artigos fundamentais da CF de 1988 para o conhecimento do povo. Desde a escola primária as pessoas deveriam conhecer os artigos fundamentais da CF. Só assim seria capazes de defendê-la.  

         

         

         

         

      • Romanelli,
        sinto ter tirado o

        Romanelli,

        sinto ter tirado o time de campo e caído na clandestinidade no momento em que seus comentários pululam por aqui.

        se permitir, faço minhas suas palavras em todos esses comentários nessa discussão.

        abraços

        Sérgio

    • Os mano e as mina.

      Mano Brown é du carai.

      Gosto muito dele, mas sua percepção política é, como a de todos nós, filtrada por sua vivências e por suas leituras.

      Mano Brown tem sérios problemas (pelo menos no início da carreira) com a questão da mulher, por exemplo, onde suas letras exaram (ou exaravam) misogina explícita, relativizada pela esquerda por causa do apelo geral de sua mensagem e do significado político de da imagem dele.

      Eu mesmo relativizei, e toirci o nariz para continuar a escutar coisas como Diário de um detento.

      Nessa questão política ele faz uma misturada incrível, que não está mais para Embolada que para RAP.

      Afinal, que cazto é soberania popular?

      Ele por acaso sugere que o mandato (modalidade de representação em democracia indireta) confere a quem o detém o condão de impor a vontade da maioria sem as formalidades institucionais, como se democracia direta fosse?

      Como Lula e Dilma imporiam a chamada “soberania popular”?

      É…complicado.

      Tem filósofo e cientista político quebrando a mufa desde a Grécia antiga e não deu conta.

      Outra questão:

      Então, vamos para as eleições (elas que não resolvem tudo, e que no raciocício “racional” de Brown, não possibilitam o uso da soberania popular) por que não temos nada melhor?

      Abdicamos da luta contra o golpe usando justamente um instrumento que possibilita que novos golpes sejam dados (eleições)?

      E aí vamos com o que temos, haddad?

      É isso?

      Sugiro ao Mano que continue a fazer música.

       

      • O que é soberania popular? 
        O

        O que é soberania popular? 

        O que diz a nossa Constituição em seu Artigo 1:

        Art. 1º A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:

        I – a soberania;

        II – a cidadania

        III – a dignidade da pessoa humana;

        IV – os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa;

        V – o pluralismo político.

        Parágrafo único. Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição.

        Isto é soberania popular: Todo o poder emana do povo. Em 2014 o povo elegeu Dilma e o Congresso Nacional. Eles receberam o Mandato do povo. Tinham a obrigação de fazer valer este mandato. O que fezeram Dilma, Lula e o PT para fazer valer e respeitar a Soberania Popular? Foram fracos, ineptos e pusilânimes e incapazes de defenderem o Mandato que o povo os conferiu. Diante da ameaça de bandidos do porte de Cunha deveriam ter ido às ruas mobilizar o povo para defender o Mandato Popular. Foi o que Brizola fez em 1962 para garantir o mandato de Jango.

        Isto seria impor a Soberania popular: garantir a maioria no Congresso com pressão popular nas ruas. 

         

        • Constituição e Soberania Popular
          Ora, segundo a prática a Constituição e o voto foram rasgados com o golpe. De que adianta votar sem a garantia de que se possa desmantelar a rede jurídico-midiática que da sustentação ao golpe. Hoje só um candidato teria cacife pra fazer isso. Espero que o Lula tenha aprendido a dura lição de que a mídia está do lado da grande minúscula elite e não adianta tentar parceria com ela.

  35. Telegramas de Pasárgada.

    Para votar em um tucano com grife petista, prefiro votar no original picolé de chuchu.

    Aliás, periga boa parte do eleitorado fazer o mesmo, como já fizeram em SP com haddad.

    A ter um liberalóide enrustido, aderiram logo ao palhaço 5 estrelas dória.

    Essa dicotomia infantil entre PT moderno (haddad) e outro PT (que nem sei quem representa) é de doer.

    Parece editorial da míriam leitão.

    • Em tudo há posibilidade de

      Em tudo há posibilidade de mudança. O frio fica quente e o quente fica frio. O sujo, limpo e o limpo, sujo. Na Política então a mudança é a essência. Lula perdeu 2 vezes para FHC no 1o. turno. Dá para imaginar como seria hoje ?

  36. Pérolas de Pasárgada

    “(…)Contra ele pesa a derrota acachapante na campanha de reeleição da prefeitura de São Paulo. No fundo, a derrota foi o antipetismo, que tem seu epicentro em São Paulo, com praticamente toda a mídia em ataques diários contra ele e com a Lava Jato do Paraná se incumbindo do trabalho sujo para João Dória Jr.(…)”

     

    Uai, mas que antipetismo é esse?

    O PT e Lula (sim, apesar dos narizes torcidos são coisas simbióticas, embora o PT seja, sim, menor que Lula) ganham até do picolé de chuchu lá na terra da garoa, mesmo depois de anos e anos de inquisição curitibana, e com Lula preso.

    Como falar em antipetismo?

    Ah, sim, haddad perdeu para o antipetismo que ele mesmo representa, aí sim, faz sentido.

    O eleitor preferiu um antipetista original, dória 5 estrelas.

    haddad sofre da síndrome do Eduard Suplicy.

    É isso.

     

    O PT perdeu em SP todas as vezes que tentou ser mais tucano que os tucanos de lá.

    • ARKX usando a tática do MBL no Facebook… lá ele seria punido

      Arkx segue criando uma rede de contas falsas para propagar e reproduzir suas asneiras. São várias contas com comentários 100% provocativos… implorando por alguém que responda e dê visibilidade aos posts.

      COMO JÁ MORDERAM A ISCA,  VALE A PENA REFORÇAR:

      A MELHOR TÁTICA NESSE CASO É IGNORAR… UMA VEZ QUE ARKX PELO JEITO SE INFILTROU DE MANEIRA PERMANENTE NESSE BLOG E NÃO SERÁ MODERADO MESMO QUE SEJA OBVIAMENTE UM PANFLETEIRO DE DIREITA USANDO MÁSCARA DE “ESQUERDISTA”.

       

       

       

      • Arkx não é uma pessoa de má-fé, não é quinta coluna

        O Arkx tem alguns equívocos, um deles, por exemplo, culpar o Lulismo por todas as mazelas do capitalismo/fascismo, mas os seus acertos superam os seus equívocos. Arkx é um Irmão, ele só precisa deixar de tomar a parte pelo todo.

        Não tenho procuração dele para defendê-lo. O faço independentemente de honorários.

    • Antipetismo é o nome disso
      Haddad perdeu para 40% de votos brancos e nulos e para o maior nível de absenteísmo já visto na cidade, de forma uniforme, em todas as seções eleitorais.

      Não foi um fator pessoal. Não havia polarização. Havia pensamento único, burro, que elegeu um picareta, que já picou a mula. Trabalho no centro da cidade. O vagabundo levou embora até o banheiro público de aço inox que plantou ali nos primeiros dias de governo.

      A chapa triplec do amor – Lula, Haddad e Manuela – é a resposta não violenta das esquerdas ao Golpe. Conseguiu reunir experiência política, competência, inovação, visão de futuro, renovação, compromisso com o Estado de Direito, com a Democracia, com o bem, com a paz, com a justiça social.

      E ainda tem Lula, o mais lindo dos brasileiros. Quero #ManuNoJaburu

  37. É óbvio que quando o Nassif

    É óbvio que quando o Nassif monta um xadrez está querendo ver as jogadas dos “pretos” e dos “brancos”. E como ele esconde, às vezes, com maestria, qual é a cor das pedras com que joga, acaba sofrendo combate de ambas as cores. E nem sempre isso chega a algum lugar, tendo em vista que seus opositores são pobres em argumentos. Seriam todos da esquerda (esquerda mesmo ?) magoada como denominou Fernando Horta ? 

  38. antes da tempestade

    Ta todo mundo na trincheira. Por enquanto a brisa ta suave.

    Só que vem chumbo grosso por ai.

    Qdo a artilharia pesada for usada vai sobrar somente escombros e sobreviventes esparsos e combalidos.

  39. A estratégia da direita

    A estratégia da direita consiste em jogar vários candidatos no ventilador e apostar no que tiver a melhor largada.

    Se essa análise tivesse crédito, teria que se falar o mesmo da esquerda. Ou seja, que existe uma entidade única chamada “esquerda” que joga candidatos para ver qual vinga e não que isso é resultado da independência entre pessoas e partidos.

    Se devo acreditar em uma organização central (e sabemos quem seria) é mais crível que ela usa a mesma estratégia feita na França e nos EUA. Isto é, para viabilizar um candidato impopular (Macrom, Hillary) se infla um anti-candidato (no caso dos EUA o tiro saiu pela culatra, sabemos). Tanto faz sentido que vemos aqui lulistas completamente alienados caindo como patos dizendo que votarão no Alckmin contra Bosonaro.

    Tem as opiniões fortes de Ciro Gomes, mas sem os escorregões retóricos que comprometem a carreira do primeiro.

    Dê exemplos. Porque a impressão que tenho é Haddad ser um “paz e amor” cult.

    Por outro lado, Haddad disputará espaço com Ciro Gomes em setores social-democratas insatisfeitos com as alternativas atuais.

    Certamente votarão em Haddad parcela que vota em Lula e talvez uma parcela mal resolvida que votam em outros candidatos de esquerda excluido Ciro. Já a faixa dos que votam em Ciro tem potencial mais amplo, pois pega setores também a direita. Essa equação é que devia pesar na análise.

     

    • Concordo em termos
      Esquerda jogar candidatos no ventilador…

      PCdB aliou se, Buolos apoia explicitamente Lula e Ciro faz o jogo político mas se diz apoiador do PT no 2o turno. Em que a esquerda está dividida? Podes crer, com o atual alinhamento Bolsonaro será engolido no 2o turno e alckmim irá comer o pão que o diabo amassou pois não terá discurso a altura para neutralizar Temer e Ana Amélia!

    • O Lula por acaso não está vingado, Brasil S/A?

      O Brasil S. A. quer fazer o Ciro decolar no tranco. Ciro saiu errado ao negar a prisão política do Lula, de olho nos votos do PT. O Ciro vacilou. Logo ele, que antes dissera que mandaria chumbo nos jateiros. Recuou e se fu…

      • O Lula por acaso não está

        O Lula por acaso não está vingado, Brasil S/A?

        Não entendi, vingado de quê?

        Ciro saiu errado ao negar a prisão política do Lula

        Eu considero Lula preso político. Mas quem deve assumir isso em primeiro lugar, Ciro ou o PT? Porque se é preso político a ação NÃO é para ser feita por advogados em salas de audiência, mas SIM por políticos nas ruas…

        Foi o próprio PT que boicotou a manifestação no dia do julgamento de Lula no TRF4 para não criar “mal estar” com a justiça. Foram deles a decisão de Lula se entregar ao invés de partir para a desobediência civil. E  o próprio Lula sempre falava  confiar na justiça. Enfim, porque petistas acham que podem cobrar do Ciro que amarre uma corda no pescoço se os próprios burocratas do PT não estão dispostos a isso?

        [video:https://www.youtube.com/watch?v=XYue_yd7w-M%5D

    • XADREZ DA ESTRATÉGIA LULA PARA AS ELEIÇÕES, POR LUIS NASSIF

      Pois é Rafael

      Você deve estar amando o filme Drácula-Temer. Então fique com ele!

  40. Ciro Gomes e Psol
    Ciro não é inimigo, é adversário, embora os ciristas teimem em dizer o contrário. No 2o turno, com Lula ou Ciro na cabeça de chapa, provavelmente, ambos estarão juntos.

    Boulos é até mais articulado que Manuela, expos-se fisicamente para defender Lula inúmeras vezes, mas tem o PSOL, que nunca se sabe pra onde vai.

    Exemplo é o pessoal do PCO que aderiu à chapa do PT, sinalizando que com o imperialismo não se brinca. Espera-se que ciristas e psolistas saiam a tempo do tabuleiro de RPG e venham pro mundo real.

  41. TÁTICA ELEITORAL CARECE DE ESTRATÉGIA AMPLA

    De saída, urge recordar que estratégia é plano de ação resultante de visão holística, capaz de abranger todos os fatores que podem influir nos resultados das iniciativas planejadas, ao passo que as linhas de atuação que não contemplam a totalidade das questões relacionadas são denominadas táticas.

    Na minha humilde opinião, as principais falhas da tática eleitoral do PT têm se tornado cada vez mais patentes, à medida em que se avolumam as evidências de que não existe nenhuma possibilidade real da jostiça permitir a candidatura de Lula nesta eleição, bem como de que a manutenção da candidatura do ex-presidente impede o avanço adequado da pré-campanha e coloca o risco concreto da vitória das forças de esquerda na disputa pela pre4sidência vir a ser invalidada.

    A recente retirada do recurso no STF que pleiteava o deferimento de efeito suspensivo contra a inconstitucional prisão antes do trânsito em julgado da injusta condenação sem provas evidencia, de forma indubitável, que o próprio Lula, bem como seus advogados de defesa, têm absoluta certeza da inexorável impossibilidade de ser revertida a situação com a atual composição tendenciosa do judiciário.

    Por outro lado, as sucessivas denegações dos pedidos de permissão para que Lula possa participar de debates e da propaganda eleitoral, também sem chances reais de reversão nas instâncias superiores, evidenciam que a adequada realização da campanha para a indispensável divulgação das bandeiras políticas da frente de esquerda depende da indicação de candidato a presidente sem impedimentos.

    No mesmo sentido, as notícias de que redes de televisão podem proibir a presença de Haddad como representante de Lula nos debates com candidatos a presidente provam que a tática petista, ao insistir na candidatura do ex-presidente até a última instância, constitui um equívoco óbvio e danoso, pois a garantia legal de que os recursos relativos a candidatura presidencial devem ser decididos até 20 (vinte) dias antes das eleições, nos termos dos artigos 59 e 61 da resolução nº 23.548 do TSE (Lei 9.504/1997, artigo 16, § 1º), não incide nos recursos dirigidos ao STF.

    Nesta medida, a insistência na tentativa de manter a candidatura de Lula sub judice até a última instância permitiria que o STF procrastinasse o julgamento do recurso que venha a ser ajuizado contra provável decisão desfavorável do TSE e, dessa forma, limitasse de maneira prejudicial a campanha da frente de esquerda na disputa pela presidência, além de poder depois invalidar a vitória das forças populares.

    Dado que o eventual indeferimento da candidatura do líder petista após sua vitória nas eleições iria implicar na realização de novo pleito presidencial, conforme disposto no parágrafo 3º do artigo 224 do Código Eleitoral, delongar ao máximo a discussão judicial da candidatura de Lula pode vir a invalidar sua vitória no pleito, e acarretar a realização de novas eleições em condições desfavoráveis.

    Por todos os motivos acima explicitados, é recomendável driblar as inúmeras chicanas judiciais que favoreceriam a direita golpista, através de deliberação de Lula que sustente o registro da candidatura Haddad-Manuela, para que a campanha eleitoral siga no ritmo adequado à conscientização e mobilização dos eleitores.

    Ademais, é preciso lembrar que a pré-campanha eleitoral é agora tão importante quanto a campanha oficial, e que o amplo debate acerca da plataforma política e das propostas concretas para o programa de governo é imprescindível para maximizar a votação dos candidatos de esquerda com vistas à formação de maioria parlamentar sólida, capaz de sustentar a viabilidade e eficácia do próximo mandato.

    O debate efetivo das propostas concretas para o programa de governo a ser promovido pela frente ampla de esquerda é o melhor caminho no rumo da construção de um futuro justo, sustentável e inclusivo, e o início da adequada promoção de tal debate depende, neste momento, de uma decisão magnânima e corajosa de Lula, que pode desativar as manobras da direita golpista através do apoio à chapa Haddad-Manuela.

  42. bom post.

    Nem sempre concordo com Nassif, mas neste post ele está inspirado. Parabéns.

    Se nossa classe média e “zelites” não fossem tão preconceitosas e mediucres estariam apoiando Haddad, mesmo que discretamente. 

    O Bolsonaro não merece a tinta ou os bits que se gastam com ele. 

    O Alkmin á a personalização da mediocridade. Nada mais do que isso.

    Os restantes da direita são insignificantes. Nem vale apena falar deles.

  43. A candidatura Lula não é pessoal, e Haddad é Lula

    Lula é maior do que o PT. Eleitoralmente é maior do que o PT+Ciro+PCdoB+PSB. O lulismo para o eleitor (aqui me referindo ao jeito de governar do governo Lula para prosperidade dos mais pobres, com emprego, renda e educação para quem não tinha) é maior do que a pessoa do Lula, pois o eleitor comum quer esse lulismo de volta e pode ser com outro nome que garanta que será o Lula de novo.

    A liderança pessoal do Lula é a única confiança que o eleitor comum tem da volta do Lulismo (a própria Globo, sem querer, se encarregou de desacreditar todos os outros políticos). Por isso o eleitor quer Lula candidato e presidente. Mas se impedirem o eleitor de votar na pessoa do Lula, votará na “candidatura Lula-13” de qualquer jeito, com Lula sendo o fiador de Haddad. É o que dará confiança ao eleitor quer quer o lulismo de volta. 

    Então é bobagem ficar discutindo se fulano é melhor candidato do que sicrano, se foi bom prefeito (eu acho que foi, tanto que Dória não o atacou na campanha porque sua imagem não era ruim, mas isso nem é relevante na eleição nacional porque cada um acha uma coisa). Nada disso é o que o eleitor de Lula está procurando. Ele procura a pessoa que garante que traga de volta o governo lulista. 

    É por essas qualidades que Haddad foi escolhido. Ele aceita ficar sem mandato se o judiciário piscar e permitir a foto de Lula na urna. Ele aceita fazer campanha para Lula ser candidato. Aceita correr todos os riscos junto a Lula. Defende a inocência e denuncia a injustiça contra Lula incondicionalmente. E se o judiciário impedir Lula, ele aceita ser liderado por Lula e fazer o governo lulista que Lula faria.

    Haddad sempre foi fiel à Lula, nunca o abandonou, nunca foi oportunista (se fosse teria saido do PT em 2015/2016, migrado para o centro e teria se reelegido prefeito). Lula confia em Haddad e vai dizer ao povo que pode confiar porque Haddad é a continuação dele.

    Não podemos tratar essa eleição como escolha de personalidades, como se fosse BBB político para escolha de quem vai ficar com o “grande prêmio do poder”. Até porque quem tem consciência do momento histórico, não há prêmio nenhum em vencer apenas a primeira batalha contra o golpe.

  44. A modernidade atrasada cada vez mais a direita…

    O mais assustador nessas eleições, independente do resultado é que o espectro politico como um todo se volta cada vez mais a direita, o que tem acontecido nos países de capitalismo ‘moderno’ da Europa e nos EUA. Temos agora um candidato abertamente fascista que pontua nas pesquisas eleitorais; um partido que se chama social-democrata (o PSDB) que aderiu ao neoliberalismo e agora virou um partido conservador que flerta abertamente com o fascismo. No campo indefinido e indefinivel da centro-esquerda um candidato que chama para vice a rainha da motoserra que diz que não existe latifundio – o problema segundo ela são os indios – e que o povo tem que comer veneno. E a social-democracia desenvolvimentista nacionalista vem com um candidato da ‘social-democracia’ moderna, o que eu entendo ser a falecida terceira via de Tony Blair e seus assemelhados com seus retumbantes fracassos. Em todos os paises ‘modernos’ onde o espectro politico se encaminhou para a direita, a esquerda começou a perceber que não tinha que ir mais para ‘o centro’ – ou seja, mais para a direita – mais ir mais para a esquerda: E isso que aconteceu com o partido trabalhista ingles e está acontecendo dentro e fora do partido democrata dos EUA com o crescimento dos socialistas democraticos. Nossa ‘moderrnidade’ parece muito atrasada!

  45. É Lula Presidente

    Deu o esperado.

    Agora é preparar para disputar e ganhar as eleições.

    #HaddadNoGovernoLulaNoPoder

  46. Não tem como a direita ganhar
    Não tem como a direita ganhar as eleições a não ser por fraude ou GRANDE DESINFORMAÇÃO DO POVÃO, não pode haver mais incompetência da esquerda,os dados estão aí,os golpistas,todos eles de todas as instituições são uns DESQUALIFICADOS/MEDÍOCRES/SEM CARÁTER e é necessário apontar isso td q tá na cara,por isso fiquei brabo pela simples conversa com o PSB,eles(golpistas)não suportarão a verdade(a verdade vos libertará(biblíco)!)Como trabalha os golpistas?Com a mentira,diversionismo,ilusão! Então não aguentarão a verdade,eles querem aprontar e se esconder fingindo q não aconteceu nada,se com toda esta desgraça não conseguirmos conscientizar o povão,então meus amigos,é chicote nas costas e viva a escravidão e aos arquitetos disso q implantam competentemente isso tudo !!
    Obs:O caminho é desqualificar em voz alta os desqualificados ENTREGUISTAS! Não valem dez centavos!!

  47. BANDEIRA BRANCA

    PELA UNIFICAÇÀO DAS ESQUERDAS (Pouca pretensão é bobagem): 

    -HIPÓTESE 1: Segundo Turno com 2 candidatos da direita – Excluida. Só seria viável se todos os ciristas votarem em 1 deles no primeiro turno ou todos os lulistas fizessem o mesmo. Nem ciristas nem lulistas são loucos.

    -HIPÓTESE 2: Segundo Turno com Lula ou seu Poste e 1 candidato da direita – Viável – Vitória certa de Lula ou seu poste, com os votos dos ciristas, que não são loucos.

    -HIPÓTESE 3: Segundo Turno com Ciro e 1 candidato da direita – Viável – Vitória certa de Ciro, com os votos dos lulistas, que não são loucos. 

    -HIPÓTESE 4: Segundo Turno com Ciro e  Lula ou seu Poste – Viável – Vitória certa dos 2, que tal como as hipóteses viáveis 2 e 3, governarão juntos, porque não são loucos. 

    CONCLUSÃO: Ser otimista não é virtude mas cantar derrota é defeito. Está claro que, ao contrário de alguns, não considero Ciro Gomes tucano nem de direita. Será um aliado importante no segundo turno e principalmente após. 

  48. estratégia

    estratégia é plano de ação resultante de visão holística, capaz de abranger todos os fatores que podem influir nos resultados das iniciativas planejadas, ao passo que as linhas de atuação que não contemplam a totalidade das questões relacionadas são denominadas táticas.

    Talvez seja tarde demais.

    Somente damos conta das mudanças qdo não temos mais tempo de influir nos acontecimentos.

    A estratégia vitoriosa até as eleições sera focar no ufanismo em relação as possibilidades de mudar o rumo da situação caótica da economia que afeta todo o tecido social.

    A tatica vencedora sera aquela que conseguir acender nas pessoas a esperança de retornar a situação pre manifestação de rua de 2013.

    O discurso da vitimização e do derrotismo, pode conseguir muita coisa em termos de popularidade, mas não vitoria em disputa do Poder.

    Ganha o discurso ufanista de grandiosidade e de maior potencial frente ao adversario.

    Mesmo porque vem chumbo grosso mirando os ultimos governos, a tatica sera denegrir o maximo possivel os representantes dos governos. O unico contra ataque razoavel em vez da lamentação é demonstrar o shangila perdido, fruto das qualidades dos governantes atacados.

  49. Delicadeza ….

    O  problema não se resume em ganhar a eleição….quem nos dera !

    O problema será governar e  enfrentar o conluio judiciário- mídia golpista-banca financeira. Sem este enfrentamento, não tem com0 governar.

    E isso não será feito pedindo licença, sil vou plait monsieur….

    A meu ver, uma tarefa que só pode ser levada a cabo com povo na rua. E põe povo nisso…

    Como disse Trostsky : As Revoluções distinguem-se sempre pela falta de delicadeza…

    Tem como ser delicado nessa conjuntura ?

     

     

  50. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome