A prisão do pai do programa nuclear brasileiro

Na operação Eletrobrás, a Lava Jato prendeu o Almirante Othon Luiz Pinheiro da Silva. Seu nome apareceu na delação premiada de Danton Avancini, diretor da Camargo Correia, que lhe teria feito três pagamentos.

Ainda há que se esperar o processo final. Hoje em dia tem-se um grupo de procuradores e delegados avalizados por um juiz e, por um conjunto de circunstâncias históricas, donos do poder absoluto de levantar provas, julgar e condenar sem a possibilidade do contraditório, valendo-se de forma indiscriminada da parceria com grupos jornalísticos.

Em outros momentos, o uso indiscriminado de denúncias por jornais produziu grandes enganos e manipulações.

É possível que Othon seja culpado, é possível que não seja, pouco importa: desde hoje está na cadeia o pai do programa nuclear brasileiro.

O Brasil deve a Othon o maior feito de inovação da sua história moderna: o processo de enriquecimento de urânio através de ultra centrífugas. Foi um trabalho portentoso, que sobreviveu às crises do governo Sarney, ao desmonte da era Collor, aos problemas históricos de escassez de recursos, enfrentando boicotes externos, valendo-se de gambiarras eletrônicas para contornar a falta de acesso a componentes básicos, cuja exportação era vetada por países que já dominavam a tecnologia.

Aqui, um perfil de Othon trazido pelo nosso blogueiro Athos:

Quem é Othon Luiz Pinheiro da Silva? 
 

No dia 14 de Setembro desse ano(artigo de 2011), o Dr. Othon Luiz Pinheiro da Silva recebeu o título de Pesquisador Emérito do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN) durante a comemoração dos 55 anos do instituto (veja o evento nesse link). Chamado até de “lenda viva” na cerimônia, há quem diga que conhecer a carreira de Othon é conhecer a História da energia nuclear no País. 

E você leitor, sabe quem é “esse cara”?

CURRICULUM VITAE

Nascido em 1939 em Sumidouro (RJ), Othon formou-se pela Escola Naval em 1960, iniciando sua carreira na Marinha no quadro de Oficiais do Corpo da Armada. Formou-se em Engenharia Naval pela Escola Politécnica de São Paulo em 1966, atuando como engenheiro naval do Arsenal da Marinha do Rio de Janeiro (AMRJ) entre 1967 e 1974. Em 1978, Othon obteve sua especialização em engenharia nuclear no Massachussetts Institute of Technology (MIT). 

Foi Diretor de Pesquisas de Reatores do IPEN entre 1982 e 1984 e foi fundador e responsável pelo Programa de Desenvolvimento do Ciclo do Combustível Nuclear e da Propulsão Nuclear para Submarinos entre 1979 e 1994. Exerceu o cargo de Diretor da Coordenadoria de Projetos Especiais da Marinha (COPESP), atual Centro Tecnológico da Marinha em São Paulo (CTMSP), de 1986 a 1994. 

É o autor do projeto de concepção de ultracentrífugas para enriquecimento de urânio e da instalação de propulsão nuclear para submarinos. 

Atingiu, na Marinha do Brasil, o mais alto posto para os Engenheiros Navais: o de Vice-Almirante. 

Desde outubro de 2005, exerce a presidência da Eletronuclear – Eletrobrás Termonuclear, empresa sediada no Rio de Janeiro, responsável pela construção e pelo gerenciamento das usinas nucleares brasileiras. 

Já recebeu diversos prêmios, entre os quais a Grã-Cruz da Ordem Nacional do Mérito Científico por serviços prestados à ciência e à tecnologia, prêmio este oferecido em 1994 pelo então presidente da República Itamar Franco.

OTHON E O PROGRAMA NUCLEAR DA MARINHA

“Othon começou o projeto de separação isotópica do Urânio com muita criatividade, liderança e engenharia reversa”, disse o Dr. Spero Penha Morato, ex-superintendente do Ipen, em seu discurso em homenagem ao Dr. Othon, na cerimônia de entrega do título de pesquisador emérito. 

O projeto, que começou em 1979, produziu os primeiros resultados em laboratório já em 1982: a conversão do yellowcake (U3O8) em hexafluoreto de urânio (UF6), etapa que antecede o enriquecimento isotópico. O passo seguinte foi a produção de 24 toneladas de hexafluoreto de Urânio através do financiamento do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Para o enriquecimento isotópico, Othon desenvolvia, paralelamente à conversão e de forma secreta, centrífugas de última geração, com mancais magnéticos que minimizam o atrito. A única forma de entender rapidamente o funcionamento destes mancais naquela época era serrando uma bomba de vácuo com o mesmo tipo de mancais que havia no IPEN. E Othon fez isso, irritando, claro, muitas pessoas no projeto. Mas, foi com lances ousados como este – acrescentou o Dr. Spero Morato – que Othon pôs o seu projeto para frente.

O jornalista Lourival Sant’anna publicou, em 2004, uma reportagem no jornal O Estado de São Paulo revelando alguns fatos interessantes que marcaram o projeto. Reproduzo, abaixo, boa parte dessa matéria.

Em 1974, Othon Luiz Pinheiro da Silva, então um capitão-de-corveta de 35 anos, foi escalado para acompanhar a construção de submarinos brasileiros da classe Tonelero num estaleiro da Inglaterra. O jovem oficial estava indo a contragosto. Um mês antes de sua sombria partida, no entanto, um almirante sugeriu ao então ministro da Marinha, Geraldo Azevedo Henning, que o enviasse para o Massachusetts Institute of Technology, nos EUA, para uma pós-graduação em engenharia nuclear.

O ministro Henning, que havia feito uma viagem da Bahia para o Rio em um submarino nuclear americano e ficara entusiasmado, acatou a sugestão. Até então, o contato mais estreito de Othon com energia nuclear tinha sido uma visita ao reator do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen), em 1967, quando terminava o curso de engenharia naval na Politécnica da USP.

O Brasil já havia comprado em 1972 o reator de Angra 1, da americana Westinghouse, com a promessa de fornecimento de combustível – processado nos EUA – por 30 anos. Mas, em 1974, começou-se a levantar dúvidas sobre as garantias desse fornecimento. No ano seguinte, o general Ernesto Geisel firmava o acordo nuclear com a Alemanha, que incluía não só as centrais, mas também o ciclo de enriquecimento de urânio.

Até a década de 70, o minério era enriquecido por “difusão gasosa”. Um novo método, mais eficiente e econômico, o da ultracentrífuga, vinha sendo desenvolvido, e o primeiro a dominá-lo em escala comercial foi o consórcio Urenco, formado por Inglaterra, Holanda e Alemanha. O Brasil queria essa tecnologia.

Na última hora, no entanto, os alemães informaram que não poderiam incluí-la no pacote, porque a Holanda, por pressão americana, tinha vetado sua venda ao Brasil. Em seu lugar, os alemães ofereceram aos brasileiros o jet nozzle, um método “muito promissor”, segundo eles, de separação do urânio 238 do 235. Enriquecer urânio é aumentar o teor de 235. Na natureza, o urânio 235 representa apenas 0,7% do minério e o 238, os outros 99,3%. “Quem tivesse feito um curso razoável de física no ensino médio já não compraria esse método”, ironiza Othon. O professor Manson Benedict, um papa do MIT em energia nuclear, deu na época uma aula sobre o jet nozzle, concluindo: “Os brasileiros acreditaram e compraram isso”.

Em 1979, quando Othon voltou ao Brasil, a Marinha não sabia o que fazer com ele. Depois de quatro ou cinco dias de hesitações, levaram o recém-promovido capitão-de-fragata até o diretor-geral de Material da Marinha, o almirante Maximiano da Fonseca. “Você, que cursou esse negócio, quais as nossas chances de ter uma produção nuclear aqui no Brasil?”, perguntou-lhe, de chofre, o almirante. Othon pediu três meses para redigir um relatório. O oficial ficou subordinado à Diretoria de Engenharia. Ao se apresentar, ouviu de seu novo chefe: “Evidentemente não pode ficar um oficial por conta só dessas coisas nucleares”. Othon passou a dividir sua carga horária com o cargo de gerente de um projeto de navio de apoio fluvial. Assim começava o programa de pesquisa nuclear brasileiro: com um oficial em meio expediente.

Othon propôs que o Brasil desenvolvesse sua própria tecnologia. Em outubro de 1978, o então contra-almirante Mário César Flores, do Estado-Maior da Marinha, convocou Othon para dar explicações, depois de ouvir especialistas. A caminho de Brasília, Othon se encontrou no aeroporto com o comandante João Maria Didier Barbosa Viana, que também tinha feito engenharia nuclear no MIT. “Segui o seu caminho”, contou-lhe Othon. “Então você deve estar indo a Brasília pelo mesmo motivo que eu”, especulou Didier. “Tem um louco dizendo que é possível desenvolver o ciclo do combustível nuclear no Brasil.”

Othon passou o dia inteiro respondendo às perguntas que um capitão-de-mar-e-guerra pós-graduado em Monterey (Califórnia) formulava, enquanto Flores fingia ler um jornal. O oficial saiu com a sensação de que tinha ido a Brasília à toa. Pouco mais de um mês depois, foi chamado de novo. “Vai ser outra chatice”, pensou. “Este oficial foi escalado para uma das missões mais importantes que um oficial da Marinha já teve no Brasil”, anunciou solenemente o vice-chefe do Estado-Maior da Marinha, Arthur Ricart da Costa, apresentando Othon ao seu chefe, o almirante Carlos Auto de Andrade. “Deus o ilumine.”

Othon veio para São Paulo e começou a “costurar alianças” com instituições como o Ipen, o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e o Centro Técnico Aerospacial (CTA), em São José dos Campos, que estava desenvolvendo um método de enriquecimento de urânio com raio laser. Depois de consultar especialistas, Othon constatou que a opção do laser não seria viável nos próximos 20 anos, e se fixou na ultracentrífuga.

O objetivo último da Marinha era desenvolver reatores e todos os demais equipamentos da propulsão para submarinos movidos a energia nuclear. Se um submarino movido a diesel – como os que o Brasil usa – partir da Baía de Guanabara, em sua velocidade máxima, antes de chegar a Cabo Frio terá de se aproximar da superfície para o snorkel tomar ar, para pôr em funcionamento seu motor e assim recarregar as baterias. Navegando próximo à superfície, pode ser captado com facilidade por sensores infravermelhos. Para ficar no máximo dez dias no fundo, um submarino a diesel tem de se manter praticamente parado. O submarino nuclear projetado pela Marinha trocaria de combustível em dez anos. O limite de permanência no fundo seria de 45 dias.

Entretanto, a Marinha concluiu que em primeiro lugar era preciso viabilizar o ciclo do combustível e adquirir capacidade de enriquecer urânio. “Autonomia é muito importante”, diz Othon, que aos 65 anos tem hoje uma empresa de consultoria na área de energia. “Inspirei-me na solução que eu imaginei que os americanos estavam desenvolvendo na época em que eu era aluno do MIT, mas com a qual nunca tive contato”, conta o almirante. “É óbvio que a centrífuga americana é muito mais espetacular que a nossa.” Mas, segundo ele, a brasileira sai muito mais barato e os materiais importados necessários para sua fabricação não entram no rol dos itens nucleares sensíveis, sujeitos a embargos internacionais.

O programa capacitou indústrias brasileiras a fabricar as válvulas, sensores e medidores das centrífugas. Othon recrutou cientistas e técnicos do Brasil todo. “Onde tivesse alguém que pudesse ajudar, a gente ia conversar.” O sigilo era resguardado por um termo de compromisso. “Foram 14 anos da minha vida, cada dia um desafio”, lembra o hoje almirante da reserva, que dirigiu o programa entre 1979 e 94. Inicialmente, o projeto era secreto e ficou abrigado num departamento fictício, criado para isso, chamado de Coordenação para Projetos Especiais (Copesp), dentro da Comissão Naval de São Paulo.

A primeira dificuldade de Othon foi formar equipe. Quando assumiu, em 1979, o general João Baptista Figueiredo baixou portaria proibindo contratações no setor público. Othon recorreu ao Estado de São Paulo – e a uma artimanha. Fez um memorando à Secretaria de Ciência e Tecnologia, solicitando a contratação de 20 engenheiros e 40 técnicos para trabalhar no Ipen, num “projeto de interesse das Forças Armadas”. Se assinasse sozinho, no entanto, ficaria fácil para a secretaria pedir a análise do Estado-Maior da Marinha, onde o memorando provavelmente pararia. Então Othon pediu a um tenente-coronel da FAB que também assinasse. “Assim, não vão saber para que Força perguntar.” Deu certo.

De posse dessa contratação, Othon, na época capitão-de-fragata, atreveu-se a saltar a hierarquia e procurar o então ministro da Marinha, Maximiano da Fonseca: “Almirante, estou numa situação complicada. O Estado de São Paulo colocou 20 cientistas no projeto, liderado pela Marinha, e ela não colocou nenhum”. No fim, conseguiu convencer o ministro a contratar o dobro de cientistas e técnicos. “Fiquei com um exército de 60 engenheiros e 120 técnicos”, exulta Othon. No seu auge, no início dos anos 90, o programa chegaria a ter 680 engenheiros trabalhando internamente e outros 300 do Departamento de Pesquisa de Reatores do Ipen, do qual Othon era chefe.

Mas nem tudo era ciência: habilidade e jeitinho também contaram. Othon lembra que uma centrífuga antiga, importada na década de 50, utilizada para treinar equipes e dissimular o esforço principal do projeto, havia parado porque tinha um eixo flexível que quebrava com freqüência e tinha de ser trazido da Alemanha. “Eu tinha um técnico, Zequinha, muito habilidoso, que fazia um eixinho novo em três dias. Levei para ele o projeto e fizemos o primeiro juntos”, conta Othon. “No Arsenal de Marinha, não precisava importar. Era só ligar para o Zequinha.” 

Em 1987, num gesto de distensão, o então presidente José Sarney decidiu trazer seu colega argentino, Raúl Alfonsín, para a entrada em operação de um conjunto de 48 centrífugas em Aramar. A inauguração estava marcada para 15 de março. Algumas semanas antes, o indiano naturalizado brasileiro Kesavan Nair, doutor em física de reatores mas também astrólogo, procurou Othon, com uma expressão preocupada: “Quinze de março ‘não bom’”, disse, mostrando uma listagem de computador, na qual uma nuvem negra cobria a data.

Othon ligou para o então ministro da Marinha, almirante Henrique Saboia. “Você acredita nisso?”, perguntou o ministro. “Não”, respondeu Othon. “Eu também não, mas, por via das dúvidas, pergunte quando está bom para inaugurar.” A partir de 28 de março, informou o indiano. Saboia foi falar com Sarney. Mais tarde, ligou para Othon: “Não se preocupe. O presidente é mais supersticioso que nós dois juntos.” A cerimônia ficou para 8 de abril.

Othon guarda até hoje uma planilha de todos os custos do projeto, ano a ano. No total, foram gastos US$ 663 milhões. Aí estão incluídos: o desenvolvimento do ciclo de combustível (projeto Ciclone), da propulsão do submarino (projeto Remo), do submarino propriamente dito, e a infra-estrutura.

“Desafio a me mostrarem no mundo todo um desenvolvimento do ciclo do combustível e da propulsão nuclear com esse custo”, diz ele. Quando deixou o programa, havia quase 700 centrífugas na “colônia”, em Aramar, pelas quais o urânio vai passando e enriquecendo-se gradualmente. A centrífuga americana enriquece bem mais do que a brasileira. A diferença está no custo, que Othon ilustra assim: digamos que sejam necessárias 20 centrífugas brasileiras para produzir o que uma americana produz. Acontece que o custo de 20 brasileiras é menor que o de uma americana.
Em 1994, o Vice-Almirante Dr. Othon Pinheiro da Silva, com 55 anos, teve de deixar o projeto ao completar seu tempo de serviço militar ativo. Os detalhes desse projeto ainda são mantidos a sete chaves, sob pena de prisão pelo vazamento de segredos científicos.

O fato é que o desenvolvimento da tecnologia de ultracentrifugação de urânio é um marco de sucesso na história tecnológica do Brasil e o Dr. Othon teve um papel fundamental nisso guiado pelo lema do CTMSP: “Tecnologia Própria é Independência”.

Uma salva de palmas!

 

http://conhecerparadebater.blogspot.com.br/2011/10/quem-e-othon-luiz-pin…

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

368 comentários

  1. Essa vaza a jato virou um

    Essa vaza a jato virou um inquerito do fim do mundo, não tem limites de jurisdição, de competencia, prisões sem condenação; qual o motivo da prisão da almirante? E de muitos outros?

    • O que parece não ter limites

      O que parece não ter limites é a festa que se estabeleceu nas estatais…Todo mundo roubando…Que beleza! 

      • Entrevista dos Advogados da Odebecht

        Assistam e verão como são reveladores os interesses por detrás desse juiz, há um pano de fundo para quebrar o país, agora por quê? Há um pano de fundo, simplismente, para entregar esse país de mãos beijadas aos interesses internacionais, quem está ganhando com isso? Por que atingir essas empresas e pontos estratégicos? Lula é apenas um fato no caminho  a ser tragado, uma força a ser desconstruidas, mas para tal, precisam acabar com o próprio país para não sair do estado colonial em que viviamos. Eles querem dependências dos Impérios, assim como os judeus que sairam do Egito e reclamavam a Moisés que era melhor comer as migalhas do Faraó, do que buscar algo novo que não vimos.  Esses são os coxinhas daquela época, que são o retrato dos que vivem hoje. Assistam e vejam como age o Faraó do Parará.     

      • Entrevista dos Advogados da Odebecht

        Assistam e verão como são reveladores os interesses por detrás desse juiz, há um pano de fundo para quebrar o país, agora por quê? Há um pano de fundo, simplismente, para entregar esse país de mãos beijadas aos interesses internacionais, quem está ganhando com isso? Por que atingir essas empresas e pontos estratégicos? Lula é apenas um fato no caminho  a ser tragado, uma força a ser desconstruidas, mas para tal, precisam acabar com o próprio país para não sair do estado colonial em que viviamos. Eles querem dependências dos Impérios, assim como os judeus que sairam do Egito e reclamavam a Moisés que era melhor comer as migalhas do Faraó, do que buscar algo novo que não vimos.  Esses são os coxinhas daquela época, que são o retrato dos que vivem hoje. Assistam e vejam como age o Faraó do Parará.     

      • Que eu saiba prisão é

        Que eu saiba prisão é exceção, pra isso tem o devido processo legale a presunção de inocencia, sair prendendo pessoas por depoimentos e antes mesmo de apresentarem defesa é abusivo sim, e ademais, por que muitos politicos que foram citados não estão presos?

      • Todo mundo quem, cara pálida?

        Todo mundo quem, cara pálida? Você também rouba? Se você é adepto da teoria de que quem é investigado, é culpado, então explica como um policial federal que foi exonerado por corrupção e responde a processos criminais, foi reincorporado e agora participa do reality show global?

  2. Há pouco tempo fiquei cismado

    Há pouco tempo fiquei cismado com uma reportagem do fantástico fazendo estardalhaço com material blindado que deveria ser fiscalizado e autorizado pelo exército. Pensei com meus botões: estão querendo emparedar as Forças Armadas, assim com fazem com políticos e empresas? Pois agora, com essa do Almirante, bingo! Será que até os milicos vão se borrar com a globo e o Moro, como o PT e os empresários?

  3. Até onde vai isso? Além de

    Até onde vai isso? Além de atacarem a Odebrecht -que tem um setor ligado à segurança nacional- agora vão atrás do setor nuclear. Vai terminar mal.

  4. Olá a todos.
    Há uma sensação

    Olá a todos.

    Há uma sensação no ar de terror que me lembra os famosos alertas “laranja” e “vermelho” nos EUA nos anos que se seguiram ao ataque de 11/setembro. O clima de terror faz que com todos se sintam acuados, praticamente sem ação ou reação. Pode ser apenas coincidencia ou paranoia minha…. aliás, uma consequencia de tempos de terror é a paranoia.

    • Diga isso para a cunhada do

      Diga isso para a cunhada do Vaccari, ou para o Adarico Negromonte ou para todos os que haviam sido presos pelo Moro e soltos pelo STF. Como foi que o ministro Zavascki se referiu às prisões preventivas eternas do Moro, mesmo? Ah! Lembrei: “medievalescas”

    • Você devia ser preso pra

      Você devia ser preso pra gente saber se é mesmo honesto, até porque os coxinhas costumam ser hipócritas, corruptos e falsos moralistas. Mas não teria problema prendê-lo para depois sabermos se és mesmo bandido ou não, porque quem não deve não teme, não é mesmo?

      Em sã consciência, deixando um pouco de ser teleguiado pela rede globo e  “veja”, você acredita mesmo que isto é justo ou honesto, ou que alguém tenha mesmo autoridade pra isso – de prender alguém por puro abuso, puro arbítrio, por questões de usar a justiça para perseguição política – porque “quem não deve não teme”?

  5. Acima da Lei

    Mesmo sendo uma pessoa , merecedora até de um prêmio nobel, não está acima da lei. Se errou merece ser punido.

  6. Fado Tropical

    Até parece que chegamos ao fim do poço com esse país do desMoronamento, que fica lá pelas bandas do sul do nosso Brasis. Ou alguém toma uma atitute com ess louco ou seremos tragado num império colonial ou num imenso Portugal, como dizia a letra Rui Guerra nos versos do Fado Tropical de Chico Buarque.  “Ai essa terra vai cumprir seu ideal ainda vai tornar-se um império colonial”.   

  7. Prezados Senhores:
    Um

    Prezados Senhores:

    Um curriculum muito bonito e atraente, mais tem que ser apurado, será que o mesmo não levou nenhuma vantagem, não importa quem, não importa titulo, se o povo de baix arenda é cobrado, porque não os de colarios brancos não deve ser cobrados, se realmente errou tem que ser punido.

  8. “Muthooo Bem”!! Engenheiro,


    “Muthooo Bem”!! Engenheiro, técnico, pesquisador de grande mérito, pensador do desenvolmento nuclear, trabalhador no ramo de alta tecnologia, estudioso do que, de fato, importa ao desenvovimento do páis????, Nonada, o que importa é o holofote midiátido dos “dotor procurador”, dos “homi da lei”, dos salvadores da patria, eles tem “deploma de dôtor”, eles “fala bem e certo na TV” , quem é engenheiro nuclear perto dos “dôtor da lei”, “homis adevogados”, muito sabidos, o progresso do Brasil na área tecnológica “num é importamte, o que interessa é que os rico tão indo pra cadeia”, os bacharéis em direito vão nos levar ao mais alto patamar das nações, nos colocará no cume da civilização, foi assim que os EUA, a Rússia, a India, a China se tornaram lançadores de satélites, desenvolveram alta tecnologia do átomo, os “adevogados” fizeram desses países as potências tecnológicas que são hoje em dia, sim, vamos investir cada vez mais no blá-blá-bla dos concursos decorebas para contratar mais e mais “dôtor delegado”, “dôtor procurador”, assim o Brasil será um farol de desenvolvimento no mundo.

    • Meu caro, sejamos sensatos. O

      Meu caro, sejamos sensatos. O riquíssimo curriculum do almirante e a vasta contribução que ele deu ao Brasil no campo tecnólogico nuclear, não lhe concedem o direito de cometer ilicitudes. Vamos aguardar o resultado do inquérito e se for comprovado culpado pague pelos seus atos ilicitos e se for inocente use todos os seus direitos de reparação.

      • Também ao Judiciário, ao MP e

        Também ao Judiciário, ao MP e à PF não cabem cometer ilicitudes. Quem precisa prender primeiro para investigar depois assina atestado de incompetência. Como é que que nem terminam uma investigação e começam outra?

  9. Doa a Quem Doer

    O trabalho do Juiz Moro e dos Procuradores da República é sério e as prisões decretadas são em cima de provas (documetos  e testemunhos/delações). São prisões preventivas, que se encontram no Código de Processo Penal, portanto, são legais. Não é pelo rico currículo, que o pai da pátria deixará de se submeter ao judiciário e pagar por seus crimes.

    • O seu discurso é lindo mas a

      O seu discurso é lindo mas a sanha persucutória da república do paraná nunca alcança nenhum tucano mesmo com delações, fartos depoimentos e documentos.

      Por isso essa operação é uma fraude.

    • Testemunho e delação

      Prezado, testemunho e delação não são provas. Carecem de prova para que possam constituir processo. O Moro fere o direito e a Constituição ao presumir culpado quem ainda não foi julgado. Aliás, com sua atitude ele já transformou os investigados em réus e já os condenou previamente.

  10. Golpistas tentam dividir Forças Armadas e cooptar uma parte

    Golpistas tentam dividir Forças Armadas e cooptar uma parte

    Com a prisão do Almirante Othon Luiz Pereira da Silva. pai do programa nuclear brasileiro, às vésperas de agosto, os golpistas dão sua cartada decisiva, cujo objetivo claro é alvoroçar e dividir as Forças Armadas e, a partir da confusão e divisão, cooptar uma parte delas para dar o golpe na democracia.

  11. Isso é ridículo e
    Isso é ridículo e absurdo!

    Apesar de eu ter opinião que militares nos atrasaram 30 anos no setor nuclear, este é o cara que colocou a mão na massa.

    O Brasil está vendo a realização do trabalho de uma vida no setor nuclear.
    E, por seu trabalho eu sinceramente espero que a Odebrecht pague um por fora para ele. Pague porque ele merece, não porque é corrupto, isso é ridículo.
    Depois de trabalhar por mais dê 30 anos em um projeto, ao se realizar, vc merece um prêmio. Deveria ser pago as claras MAS no Brasil não temos está TRADIÇÃO!

    • Comentário lamentável, Athos

      Comentário lamentável, Athos

      Com ele, você mostra, em primeiro lugar, que é mais rápido que Sergio Moro para condenar as pessoas antes que elas se defendam e sejam julgadas.

      E, em segundo lugar, ao afirmar que espera um pagamento fora da lei nestes casos, a única coisa que você nos mostra é que você é, pelo menos, um corrupto em potencial.

      • E vc não percebeu que seja
        E vc não percebeu que seja qual for a acusação, Dr. Othon é o brasileiro que mais entende sobre um assunto importantíssimo para o Brasil.
        Ele é o que é porque o Brasil investiu nele.

        Não pode ser preso! Não é um corrupto! Seu único interesse é o desenvolvimento de seu país. E se vc não sabe isso, é porque não sabe SUA história.

        • Assino embaixo de todos os seus elogios…

          Assino embaixo de todos os seus elogios…

          … ao Doutor Othon. E conheço razoavelmente a história dele, bem como a do Marechal Casimiro Montenegro, a do Marechal Rondon, a do “tenente” Luiz Carlos Prestes e muitos outros militares nacionalistas, que tanto contribuíram para o Brasil.

          Isto posto, repito: você foi infeliz na forma do seu primeiro comentário. Releia-o.

          • Se refere ao meu

            Se refere ao meu comentário?

            realmente ficou meio estranha e solta a idéia de pgto.

            Mas quanto vale a OPINIÃO deste Dr. sobre o projeto da Odebrecht? Entendeu meu ponto? Seja quanto for o que ele ganhe, ao realizar uma obra de blhões, merece aumentar seus ganhos financeiros PELA realização.

            Ele vale o dinheiro que ganha, sendo caixa 1 , 2 ou ainda 3. Porque a própria Odebrecht NÃO TEM pessoa com esta qualificação e tem mais, NÃO HÁ no mercado pessoa que a Odebrecht POSSA CONTRATAR! Porque este tipo de informação é CONTROLADA.

            Se recebeu um por fora, para mim é irrelevante. Irrelevante mesmo! Porque não foi ele quem escolheu a empresa, o Brasil escolheu.

            Nós escolhemos a Odebrecht democraticamente! Dilma teve nosso voto, foi lá, planejou e escolheu. Tudo baseado em nosso VOTO.

             

            Lava jato saíu dos partido e bateu no Brasil. É oportunidade para o PT VESTIR A CAMISA do Brasil e ir para a ofensiva!!!

        • Athos,

          essa rapaziada não faz a mais rasa idéia de quem é o Almirante Othone e da sua importância. Já estou começando a desconfiar que qualquer hora dessas arrumarão um pretexto qualquer pra prender também o Brigadeiro Sergio Ferolla, figura do mesmo quilate do Almirante Othon.

    • Sou contra a corrupção, mas

      Sou contra a corrupção, mas também acho que alguém que gerou riqueza para o país deveria ser recompensado, às claras, óbvio.

       

  12. Prisão do pai do programa

    Prisão do pai do programa nuclear brasileiro?

    Vixe!!!

    Pelo visto, os chamados conspiracionistas não são assim tão malucos.

    O “bote”, ao que tudo indica, vai além da Petrobrás, do pré sal e do desmonte do setor de construção civil.

    Nossa tecnologia na área nuclear parece que tb está no “pacote”.

     

  13. Pai do projeto do submarino

    Pai do projeto do submarino nuclear que vai proteger o pré sal. Essa prisão atende a que? A ação é para jogar as Forças Armadas contra a presidente e apressar o golpe?

    Que país de frouxos é esse que fica de joelhos perante a República das Bananas do Paraná?

     A República (instituição não a república dos bandidos do Paraná) tem 3 poderes. Se a ocupante do poder executivo é fraca, onde estão os outros 2 poderes? Será que recebendo dinheiro em paraísos fiscais dos que querem aniquilar com o país? Será que o ze da justiça também esta levando “unzinho” pra deixar tudo isso acontecer?

     

     

  14. Vejo muitos aqui descendo a

    Vejo muitos aqui descendo a madeira no Juiz Moro e nos procuradores.Ora ,se estiverem extrapolando de suas funções que sejam punidos.Mas agora ,achar que ha uma perseguição ,isto é papo furado.

    Aconrtece que sempre que algum “Tubarão” é preso sempre tem tb uma cambada de  “Puxa Saco” que fica arrumando confusão.

    Vai me dizer que o Collor não é corrupto,Podem até não provar mas que é isto tenho certeza.Assim como muitos outros.

    O Ze Dirceu não é corrupto..O Jenuino, O Aecio ..Ora falta so provar .Ma sque são ,são.

     

    • Prezao AJC,
      Tu és um

      Prezao AJC,

      Tu és um fundamentalista no sentido mais pejorativo que esse termo possa assumir. O mundo está simplesmente se lixando para o que pensas ou deixa de pensar. Nem sei porque estou perdendo meu tempo em responder a um arrogante da tua espécie. 

      Se não tens como balizar um mínimo sequer as tuas opiniões elas são dispensáveis.

      Parodiando o teu “precioso” raciocínio: “o AJC não é corrupto….o Zé Silva, o Chico Banana…..Ora, falta só provar. Mas que são, são”.

       

    • AJC:
      Sua digressão sobre

      AJC:

      Sua digressão sobre corruptos é muito mais que lamentável.

      Seguindo seu raciocínio, se é que isso pode-se chamar de raciocínio,

      você também é um grande corrupto, só falta provar,como voce mesmo pontua.

    • Realmente não há perseguição

      Realmente não há perseguição e o Brasil é dividido entre os bons e os maus. No PT e na base aliada do governo só tem bandidos e no Psdb só tem santo. Tem até tarja preta pra encobrir os santos do Psdb. E cadeira com fundo para o Moro sentar em cima do processo (que vai caducar) do líder Cassio Cunha Lima do Psdb.

      Se a Lava jato não é um processo político porque foi usada para alterar o resultado da última eleição?

      A Dilma e seu governo precisa acordar. E você também.

       

  15. A prisão do pai do programa nuclear brasileiro

    Agora quero ver: prenderam um homem que ostenta gemadas! Até ontem os “meninos do Moro” só cuidavam de prender “reles empresários” ou “insignificantes engenheiros” ou “notórios doleiros” ou ainda “ilustres ex-excelencias”….agora que “o buraco é mais embaixo” como se dizia nos meus tempos de  de aborrescencia, quero ver como irão reagir os coxinhas da vida, tipo aqueles ensandecidos que pediram a volta dos milicos…..e olhe a atitude dos “meninos do Moro”  CNEN ligaram para a importancia deste almirante no desenvolvimento da tecnologia nuclear no Brasil….como antecipava Sérgio Porto, FEBEAPÁ volta a assolar nossa terrinha….

  16. Virou circo!

    Pessoas como Aécio NEves e Eduardo Cunha, contra os quais existe abundância de provas, estão soltos. Mas prende-se outras pessoas com base em uma única denúncia feita em condições sob as quais pululam suspeitas de intimidação e até adulteração das transcrições.

    A diferença entre um e outro é o interesse pessoal de um juiz e os conchavos que ele faz com a mídia corporativa.

    Os advogados da Odebrecht estão certos ao dizer que essa investigação se tornou um reality show…

    Como eu sou mais caboclo vou no popular: uma palhaçada.

    • “A alegria do palhaço é ver o

      “A alegria do palhaço é ver o circo pegar fogo”. Talvez não só a alegria, como também o objetivo.

    • Reclamações

      Essas reclamações me lembram ” Olha só que maravilha, todo o batalhão está marchando errado, só meu filho está marchando certo…”

      Abundância de provas: Quais?

      Adulterações de transcrições: Onde?

      Conchavo com a mídia corporativa: Explica isso à luz da democracia

      Advogados da Odebrecht estão certos: Explique melhor, mas com seus argumentos, sem acusar a “mídia corporativa”

      No aguardo do “caboclo sabetudo”

       

       

      • Contra Aécio e Cunha

        Provas? Tu tá brincando Iara? Os gasto em dois aeroportos em propriedades da família Aécio? Os gastos nas empresas de comunicação da família Aécio pelo governo de MG? Os 13 bilhões que sumiram da saúde de MG? Os 450 kg de cocaína do popóptero com amiguíssimo do Aécio? Precisa de que para investigar isto? E o Cunha? Tá de gozação?

        • Resposta

          Não, não estou brincando. Deu pra perceber que vc é contra o Aecio. Td bem, aceito. Mas, kd as explicações? Não vale esse tipo “mídia”.

      • Iara França. Quanto ao ítem

        Iara França. Quanto ao ítem que você pergunta: “Conchavo com a mídia corporativa: Explica isso à luz da democracia”, eu posso lhe explicar porque fui um dos que incentivou (mediante carta ao Fernando Henrique Cardoso, quando este era presidente do Brasil) a presidencia e o seu governo a fazer uma aliança com a mídia para atrvés da propaganda paga viabilizar junto a sociedade as modificaçãoes necessárias para reformular o Estado brasileiro. Que exigia o fim dos gastos sem controle, viabilizado por inúmeros bancos dos estados da federação e do tesouro estadual. Eras preciso acabar om os bancos estaduais e criar a lei de responsabilidade fiscal ou coisa parecida. Arrependo-me de ter contribuído para a construção da aliança entre a União e a mídia propagandista de políticas de governo, porque eu tinha a intenção de trazer para o governo o apoio popular para realizar o bem em favor do povo e do Estado brasileiro, mas o que vejo é um monstro midiático a destruir o Brasil por meio da propaganda contra os interesses do povo brasileiro e do Estado e em defesa do poder econômico e poilítico do exterior. É através da democracia que se burla a boa fé das pessoas, tanto para o bem quanto para o mail. Se não tiver satisfeita diga o que não entendeu porque posso esmiuçar esta bandalheira até que vocêr entenda e deixe de ser mais uma inocente a serviço do mal.

      • Provas contra Aécio

        Provas contra Aécio Neves:

        Delação premiada, a mesma “prova” que foi usada para prender o Almirante Othon, mas não foi usada para prender o Aécio:

        MOMENTO DA DELAÇÃO DO YOUSSEF QUE ENTREGA PROPINA PARA AÉCIO NEVES

        [video:https://www.youtube.com/watch?v=Zq9HpVM8Bs%5D

        A lista, já comprovada autêntica por um laudo do Instituto Nacional de Criminalística da Polícia Federal, traz o nome de 156 políticos, entre tucanos e aliados, que teriam recebido dinheiro publico através de um esquema de caixa dois nas eleições de 2002. Sozinho, Aécio Neves teria sido beneficiário de R$ 5,5 milhões, quantia repassada em uma única parcela. No total, o esquema teria desviado R$ 39, 9 milhões

        A lista, o laudo da PF e outras provas documentais foram entregues por deputados mineiros para o PGR Janot, pois o ministério público havia se “esquecido” de incluí-los nos autos:

        Deputados federais Adelmo Carneiro, Pedro Uczai, Fernando Morroni e Padre João e o estadual Rogério Correia se reuniram com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para incluir mais documentos que, segundo eles, provam o envolvimento do senador Aécio Neves (PSDB-MG) no escândalo de Furnas; depois do pedido protocolado no dia 19, os parlamentares reforçaram hoje a solicitação de reabertura de inquérito sobre a ligação do tucano no esquema de corrupção descoberto em 2006

        http://www.jb.com.br/pais/noticias/2015/03/31/escandalo-de-furnas-petistas-entregam-a-janot-provas-de-envolvimento-de-aecio/

        A matéria abaixo fala sobre a denúncia dos advogados da Odebrecht que descobriram que as transcrições dos depoimentos da operação “Vaza a Jato” estão diferentes do que foi dito (comprovados pelos vídeos), o que comprova a adulteração das transcrições.

        http://www.ocafezinho.com/2015/07/10/advogados-da-oas-desmascaram-jogo-sujo-da-lava-jato/

        Explicando para burros e pessoas de má-fé: Por “Cnchavos com a mídia” eu denomino os constantes e seletivos vazamentos das informações dos processos que deveriam ser sigilosas e a sincronização entre prisões espetaculosas das quais a imprensa foi avisada com antecedência para montar um circo meidiático escandalizando a operação.

        Continuando a explicar para pessoas burras e as de má-fé: por “Advogados da Odebrecht estão certos” eu estou concordando com a afirmação desses advogados de que a operação “Vaza a Jato” virou um reality show.

        http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/190585/Defesa-de-Odebrecht-Lava-Jato-virou-%27reality-show%27.htm

        Eu não sou um “sabe-tudo” você que é burra demais para fazer uma simples interpretação de texto. Ou então fez essas perguntas idiotas sobre coisas que estão óbvias no texto por má-fé. Não descarto a possibilidade das duas coisas ocorrerem ao mesmo tempo.

        Da próxima vez faça uma contraargumentação em vez de tentar fazer esse truquezinho de retórica barato fingindo que não entendeu o que foi escrito. Ou, se foi apenas burrice mesmo, peça para alguém minim amente inteligente explicar o texto para você.

  17. Para quem pensava que não

    Para quem pensava que não havia orientação e plano externo, para implementar o golpe, essa notícia tira qualquer dúvida.

  18. Quem irá realmente investigar os corruptos? Tucanos inimputáveis

    Esse presidente é de outros carnavais, vem com o esquema viciado desde os governos militares.

    A partir do momento que direcionaram as investigações para Curitiba, começou a armação da máfia tucana. Após isso, o juiz tucano Moro, que tem estreitas ligações com Álvaro Dias e outros demotucanos, terminou de ser cooptado pela turma de malfeitores, com a premiação da Globo. O que vemos agora é uma perseguição política aos partidos aliados ao atual governo federal e, como sempre aconteceu, a conivência e cumplicidade de órgãos públicos e imprensa com seus aliados, os demotucanos. 

    As empreiteiras envolvidas na Lava-Jato sempre apoiaram e mantiveram relações promíscuas com tucanos e seus aliados, são comparsas. Se enriqueceram por décadas a base de licitações ilícitas e contribuiram para que políticos demotucanos(PDS, PFL, PSDB, PP, PR) fizessem grandes fortunas. Agora, numa jogada de oportunismo barato e de má fé, querem jogar toda a responsabilidade em cima dos adversários. Cansamos de ser enganados! Essa operação é uma grande armação. Os que estão atuando nela trabalham por outros interesses que não os de combater a corrupção. Onde estão os picaretas demotucanos???

     

    P.S.: A advogada dos acusados faz parte também da armação e só serviu para empurrá-los para a delação, fugindo para Miami em seguida.

     

  19. Zé da Justiça: Calma gente,

    Zé da Justiça: Calma gente, tem o Dirceu ainda, e depois o Lula, não se preocupem. A incompetência política de Dilma é uma coisa assustadora – esse ministro da Justiça bancado por ela é um zero a direita.

    • É mais fácil a Polícia

      É mais fácil a Polícia Federal invadir o Palácio do Planalto e prender a Dilma. Certo que vão ter levar a presidente sentada na cadeira.

      O Brasil está derretendo e ninguém faz nada. Mas e o Judiciário? Pra que servem Suas Excelências fantasiados de juizes? Para se submeter a República das Bananas do Paraná e deixar a República Federativa do Brasil, sua Constituição e suas Leis serem jogadas no lixo por um bando de infames? Quem paga o salário deles, a república das bananas ou a República Federativa? Ou ….

      • Quem não faz nada é a

        Quem não faz nada é a Dilma.

        Ela que foi eleita para comandar o País. Votamos todos nela pensando nisso.

        Ninguem votou no Lewandowisk ou no Janot.

        Cabe a ELA articular com o judiciário o fim da lava jato, coisa que a ja deveria ter sido feita há muito tempo. É uma questão de Estado, não é uma coisa menor que um juizinho ou mesmo um Ministro sozinho vai decidir.

  20. Um dos temas que movem de

    Um dos temas que movem de forma avassaladora todo o aparato de inteligencia dos Estados Unidos é a questão nuclear.

    Onde quer que apareça quem possa mesmo remotamente estabelecer um programa de mesmo de leve possa desafiar a capacidade da industria nuclear americana, esse desafiante se torna um ALVO. A audacia do Brasil em querer construir um SUBMARINO NUCLAR, com desenvolvimento de tecnologia domestica torna esse programa um perigo para os EUA.

     Quem o desenvolve?  O Nucleo de Pesquisas da Marinha e quem mais? A Odebrecht Defesa., contratante da Marinha para fazer o casco do submarino nuclear.

    O que fazer?

    Prende-se os chefes dos dois braçaos do Programa, o oficial (Almirante Othon) e o privado (Marcelo Odebrcht).

    Com a prisão dos chefes das duas organizações, desmoraliza-se e desmonta-se todo o projeto.

    Em fevereiro de 2015 o Procurador Geral Janot e os procuradores da Força Tarefa foram a Washington.

    BINGO.

    • Tentando encaixar as

      Tentando encaixar as peças:

      De repente, o governo americano investe contra a corruptíssima FIFA. E porque, se a lavanderia sempre foi nos Estados Unidos, com os paraísos fiscais servindo de meros postos de carimbagem?

      Não há como pegar a FIFA e deixar de mexer com seus sócios na corrupção mundial. Para evitar possíveis chiliques patrióticos de certos donos de TV na maciça campanha que vai bem além de derrubar um governo “hostil”, enquadre-se-lhe! Óbvio, se os filhos de Roberto Marinho continuarem a fazer o dever como manda o manual, nada sofrerão; mas, a cada sinal de titubeio… OLHA O FBI AÍ, GENTE!!!

      No free lunch!

      • Situação nGeográfica

        Cara, a lavanderia era na Suiça. Quando passou pelos EUA, “dançou”. Mapa  Mundi no almoço

    • Meu Santo Inácio,
      André M.

      Meu Santo Inácio,

      André M. Araújo, um costumeiro crítico das recorrentes Conspiratas propaladas pelos santelmos da esquerdolândia de repente, depois da Lava Jato, vira um perspicaz elaborador de Teorias de Conspiração…hehehe

    • Na mosca. O pior é que muitos

      Na mosca. O pior é que muitos dos leitores deste blog ainda procuram justificar a atuação dos que perseguem e prendem tanto os cientistas como os empresários envolvidos nesse projeto estratégico. Não há sòmente o dedo, mas a CIA, a NSA e o departamento de defesa dos EUA por trás disso tudo. O que o PGR foi fazer nois EUA, há poucos meses? De que lado ele está? Quem lhe paga mais? Para fazer o quê?

    • E ………………………..

      AA voce está coberto de razão e os que tentam contradizê-lo não passam também de agentes a soldo do Império, nada mais!!!

      Estas idas e vindas de toda a fôrca tarefa da Vaza Jato aos Estados Unidos, tem o claro proposito, e só não exergam os que anseiam detonar nosso País!! Bando de traidores e idiotas !!!

      Idiotas porque pensam que ajudando nossos adversários, poderão receberem algumas migalhas!!!

      Pobres traidores !!!!!!!!!!!!!!!!! 

  21. NINGUÉM ESTÁ ACIMA DA LEI

    Ora, o que adianta currículo, título, cargo e contribuição se recebeu propina? Pelo contrário, quanto mais cultura e instrução, as penas deveriam ser dobradas, pois sabia que estava cometendo crime, é preciso deixar de lado esse negócio de enaltecer currículo, ninguém está acima da lei, parece até que a matéria está defendendo a famosa “carteirada”, o “Sabe com quem está falando?”, É Almirante, e daí? Para ser preso na Lava-jato é por que existem provas suficientes, os procuradores não estão brincando, estão passando o país a limpo, a corrupção está a arraigada no povo brasileiro, precisamos apoiar o juiz e os procuradores, pois estão limpando o Brasil!

    •  
      Menos, meu caro Amaral.

       

      Menos, meu caro Amaral. Claro que currículo, títulos, diplomas, cargos e compadrios não podem ser usados para livrar FdP nenhum do xilindró.

      Entretanto, basta usar um pouquinho de massa cinzenta para perceber que o juiz Moro e seus celerados procuradores não estão nem ai pra corrupção. Não é esta, a primeira vez que a casa-grande ordena a seus capachos retirarem a mascara da legalidade democrática. Tudo isso faz parte de farsesca montagem criminosa, para reenquadrar o País, trazendo-o de volta ao leito subalterno da “ordem e do progresso democrático,” naturalmente, sem povo, pra não atrapalhar os negócios. 

      Não fosse por isso, os bandidos tucanos que roubam há mais tempo estariam lascados. Quando vaza um nome tucano por algum descuido, logo é protegido por providencial tarja preta. Ainda assim, essa pouca vergonha, é vista por videotas abestados, como se a tal operação vaza a jato, desses merdas, estivessem limpando o Brasil.

      Orlando 

  22. “A prisão do pai do programa

    A prisão do pai do programa nuclear brasileiro

    ué!

    pai também é humano, demasiado humano…

    ou para aqueles fieis crentes e tementes a cristo…

    pai também é filho de deus, na terra dos homens bons.

    pai do programa esteve ali, por anos a fio, na lida radioativa

    quando entusiasmado com sucesso do enriquecimento de urânio

    é, então, nas vis tentações diabólicas no deserto dos tártaros,

    aliciado e corrompido para o enriquecimento othoniano!

  23. Pai do programa nuclear brasileiro

    Que o PSDB é tão corrupto como o PT, isso ninguem com Ki acina de 10 duvida, mas Nassif, achar que o currículo desse cidadão é motivo pra ele não responder por possiveis crimes ( investigado, provado e condenado ) faz sua matéria parecer uma piada !

     

  24. Uma das bandeiras de quem

    Uma das bandeiras de quem votava no pt era que o partido iria diminuir  a corrupção na máquina pública. Porém, fez o contrário quando chegou ao poder: turbinou a corrupção.  A defesa básica que se faz do PT é dizer que só estão descobrindo os roubos do partido, e deixam de fora, encobrem, os do tucano. Isso é verdade. Mas não justifica a razão do pt ir pelo mesmo caminho – e ainda mais sabendo que a mídia nunca seria camarada como até hoje o é pros tucanos. 

  25. Se o critério é esse…

    Então se o Juiz Ségio Moro for denunciado em uma delação premiada, ele também deverá ser preso.

    • Complementando

      *Ao digitar no post acima, não saiu o R de Sérgio.

      É importante ressaltar que a prisão do Almirante Othon é absurda não pelo posto que ele ocupou, nem mesmo pela ENORME contribuição que ele deu para o domínio da tecnologia nuclear pelo Brasil.

      Sua prisão é um absurdo porque se trata de um senhor de mais de 75 anos, com residência fixa conhecida e família no Brasil. Ele ainda não foi julgado, condenado, ou sequer teve a chance de apresentar sua defesa. Tudo que existe contra ele é a palavra de um delator, que para se beneficiar poderia denunciar até a própria mãe.

      Para o Juiz Sérgio Moro, é o que basta.

  26. Justiça, agentes secretos em

    Justiça, agentes secretos em missões especiais, políticos, empresas criando comitês pela libertação desse ou daquele país,assessores financeiros e técnicos em petróleo, são ingredientes e tanto, ainda mais quando retratam fatos que realmente aconteceram. Nunca consegui assistir o filme Syriana completo,com direção do americano Stephen Galghan. É bem complexo o filme, mas deixa a realidade do lava jato a descoberto, se ousarmos comparar algumas falas de personagens da ficção com as falas da republiqueta do Paraná. Ambição, traição, delação ou deduragem, como queiram, é um show de deliquência política, reunião de péssimos carateres, onde tudo se resume a uma só palavra: negócios. Umas poucas frases selecionadas do filme são suficientes para comparar com a situação de caos vividas nesse momento por  nós. Quando o agente da CIA que caiu em desgraça, procura um poderoso num restaurante, ouve o seguinte: “Nessa cidade você é inocente até ser investigado”. Quando um promotor vai atrás de um empresário que está sendo acusado de corrupção, o fulaninho se defende dizendo: ” A corrupção é boa para o mercado, é boa para nós, americanos. É a corrupção que nos faz vencedores.”.Em relação às delações,o promotor exige de um outro empresário mais nomes para investigar, o delator diz: Se você cavar um buraco, você encontra um corpo. Se cavar mais fundo, pode encontrar quatro ou mais corpos.” Quem é dedurado, é descartado, notem só a semelhança. Quase no final, depois de várias tragédias e mortes, no discurso de premiação de um grudo empresário texano sujo até a alma, ligado aos negócios do petróleo, diz triunfal sobre o consumo do petróleo: “O cliente verdadeiro somos nós, o povo americano.”

    Perdi ainda o inicio do filme, vou rever. No filme, a preocupação também é  com o Irã, né mesmo? Energia nuclear é a novidade da lava jato. Tá certo…E a nova capital do Brasil foi transferida para Curitiba, é fato? Positivo operante…

  27. Ditadura da Polícia é pior que Ditadura Militar!

    Acho estranho que um almirante possa ser preso antes do julgamento por uma autoridade policial ou judiciária civil!!!!

    Ou não entendo mais nada de hierarquia militar (tenho carta patente da Marinha de Guerra) ou estamos vivendo dias fora da lei, mais tenebrosos que durante a Ditadura Militar…

    • Prisão

      Não ache estranho. Ele não está mais na Marinha, que aliás não quis se pronunciar uma vez que ele não faz mais parte de seus quadros.

      E, convenhamos, o fato de ele ser vice almirante não o faz acima das leis civis que ele transgrediu. Nem qqr outra pessoa. Privilégios e foro provilegiado é herança da coroa portuguesa.

       

      • Então ta explicado!

        Então ta explicado! aecinho,Fhc,assalto dos metros e trens de São Paulo, arrombo no detran de São paulo.com participação do Secretário dos transportes,mafia do icms,agora o Monotrilho de 10 anos para 3 kilometros de 6 bilhões ,e o “Cemitério” publico de São Paulo sentado encima …..São tudo descendentes da coroa Portuguesa!

        Vai te catar! vem despejar essa besteira hipocritás,achando que aqui só tem alienado….

        2 trouxas de maconha é o suficiente para qualquer pobre ou petista ser preso por trafico…enquanto um helicoptero sobrevoa os ceus com 500 kg de cocaina! devolve-se o helicoptero solta-se os pilotos..enterra tudo no mesmo buraco que enfiaram os nomes tucanos,citados no realit show da globo.

      • Os Ministros da Dilma são uns paspalhos!

        Não existe isso de não ser mais da Marinha! Ele não perde mais a patente. Se trabalhou em projeto militar secreto não pode ser igual aos demais civis. Se existe algum deslize por parte dele, existe a Justiça Militar que cuida destes casos.

        Acho sim estranho, que os Ministros da área Militar não tenham enviado uma Escolta Militar para resgatar das masmorras de Curitiba o Almirante para uma unidade militar.

  28. Lastimável e deprimente essa

    Lastimável e deprimente essa quadra da vida nacional. O que mais me assusta nesse processo que mistura verdades, meias-verdades e inverdades ; o correto, com o semi correto e o incorreto; o admissível com o semi admissível e o inadmissível; a justiça com a semi injustiça e a injustiça; é que ao final por conta dessas ambiguidades e das desconfianças dado os interesses envolvidos, esse processo tenha como resultante não um zero, mas uma aferição negativa. Que as perdas sejam bem maiores que os ganhos. 

    Qual a situação que temos hoje? A criminalização de parte da elite empresarial do país numa das raras áreas que o país reconhecidamente tem expertise respeitada internacionalmente, de um quinhão de técnicos preciosos na área do petróleo, de um naco da elite política e o desgaste na imagem, com prejuízos nas atividades, da maior empresa brasileira. Tudo isso e mais a verberação diária por uma imprensa que menos esclarece e mais agrava o sentimento de desalento e desconfiança da nação. Por fim, agora a prisão desse militar-cientista que certamente abala o establishment científico do país numa área tão fundamental.

    Já se especula para o corrente ano em 1% o declínio do PIB em consequência dessa tragédia. As perdas em termos de competitividade na área externa, em desinvestimentos, de projetos interrompidos(só aqui no Ceará o prejuízo do estado pela suspensão da refinaria programada orça na faixa do meio bilhão de reais), na desestruturação de uma das cadeias produtivas mais importantes e dinâmicas da economia, fora outras, são ou poderão ser irrecuperáveis.  Mas a desgraceira maior é talvez a que menos se realce: o desemprego de milhares de cidadãos e cidadãs. 

    Uma pena, uma lástima, uma tragédia isso. Será que precisaríamos pagar um preço tão alto para valer a Lei e a aplicação da Justiça? Teríamos alternativas menos dolorosas, menos extremas? Por que teria que ser “assim”?

    O que está em jogo é muito maior que a demagógica e ideologicamente suspeita exortação de que pela primeira vez “poderosos estão indo para a cadeia”, “a justiça alcança a plutocracia”, e outros lugares-comuns do gênero, mas a própria estabilidade política, econômica e social de um país ainda em processo de maturação.

    Se os “vencedores” forem aqueles que apostam no vale tudo; que todos os fins justificam os meios; mas, e principalmente, os que se valeram de vitórias pírricas para concretizar projetos políticos ou pessoais, então moralmente alcançaremos,enfim, o fundo poço. Que se puna com rigor os culpados, mas não às custas de 200 milhões de pessoas. 

     

     

     

    • Infelizemente JB, me parece

      Infelizemente JB, me parece que isso tudo é fruto de um Governo sem um mínimo de comando.

      Em qual País, um juiz de primeira instância consegue colocar setores inteiros de joelhos ? Isso não existe e não pode existir.

      Qualquer articulação mínima com o poder judiciário, com o STF (que ela indicou vários ) e o CNJ, serviria para afastar esse juiz do caso e fatiá-lo dentre vários outros magistrados. O problama é que o Governo não se articula minimamente.

      Da forma como as coisas andam talvez o melhor mesmo seja a Dilma cair. Está dificil aventar outras possibilidades.

       

      • Não por sonho aventes isso,

        Não por sonho aventes isso, prezado Daniel Quireza. A presidente Dilma certamente pecou por omissão, e portanto é partícipe nesse desiderato. Faltou-lhe, a meu ver, a capacidade de prever e apreender quais seriam os graves desdobramentos de um evento- Operação lava Jato – envolvendo tão grandes interesses políticos e econômicos(não sei qual.o maior). 
         

        O alheamento, fruto talvez da sua inaptência política e inflexibilidade pessoal(atributo negativo num político), foi também lastimável. 

        Merce de tudo isso, ela foi eleita democraticamente, está fazendo o possível para remediar a situação, não merecendo de forma alguma “cair”. 

        Se não for por estritas cominações legais, qualquer outras razões, mesmo problemas de governança, é, sim, golpe. Uma saída que certamente afrontaria o Estado Democrático de Direito e que acarretaria graves sequelas para a nosso conceito na área internacional.

        Sem falar no inferno que viraria nosso país. 

         

        • Mas a legalidade é sempre

          Mas a legalidade é sempre relativa. Quando é conveniente inventa-se um pretexto e pronto. Não defendo isso, mas é o fato. No caso do Collor foi dessa maneira, o País estava pior economicamente, mas não estava esta balbúrdia de prisões inconstitucionais que está hoje.

          O problema é que o País está virando uma balbúrdia, prende-se sem provas, afeta-se a economia nacional de maneira mortal. E nesse periodo de recessão o que é pior ainda.

          Se a coisa piorar a situação pode ficar insustentável.

          Eu não estou defendendo golpe nenhum, só que tudo tem limite.

          Uma saída seria ela renunciar, o Temer assumir com o compromisso de articular no judiciário a eliminação da lava jato e seguir em frente com o País.

          Dificilmente haverá isso, mas e ai, o que ocorrerá ? Ninguem sabe, essa é a questão, este é o problema.

          • Legalidade não admite

            Legalidade não admite relativização: ou é ou não é, não existe meio termo. Não somos mais uma republiqueta, mas a sétima nação do mundo. O Estado brasileiro se assenta numa Constituição considerada das mais avançadas e abrangentes do mundo e, importante, preconiza para a gestão do mesmo o regime presidencialista não parlamentarista. Neste se admite a “queda” do Chefe de Governo(Primeiro-Ministro) por questões políticas e administrativas. Já naquele, Não! 

            O caso Collor tem pouquíssima similaridade com o atual. O contexto era muito mais periclitante tanto no aspecto político como econômico. O presidente tinha um fraco e claudicante apoio político no Congresso, enfrentava uma hiper inflação com desemprego alto, respondia por denúncia de corrupção(depois derrubada pelo STF)., tomara medidas de uma antipatia assombrosa, a exemplo do bloqueio dos recursos do público depositados no sistema financeiro. Misture tudo isso que o resultado só poderia ser um crescente desgaste até o nível do insuportável. 

            De quebra uma oposição renhida e organicamente articulada representada por uma esquerda totalmente unida, à frente o PT. Diariamente havia manifestações de rua. Greves era dia sim, dia não. 

            O contexto atual não é bom, mas longe, muito longe está de ser desesperador que justifique(mesmo sem a hipótese da ilegalidade) renúncia ou “golpe” paraguaio. 
             

      • A sua adesão ao golpe contra

        A sua adesão ao golpe contra a Dilma/Governo está tão intensa, que está me dando a impressão de ser uma célula adormecida colocada aqui no blog, e que agora está despertando.

      • O problema é depois

        Se ela cair, o que vem depois?

        É uma pergunta difícil de responder, mas, com certeza, haverá um radicalismo maior.

        Por enquanto, há duas possibilidades mais claras: Ou Temer assume, ou Aécio.

        O que a história mostra é que há sempre o golpe no golpe. Sempre houve quem se beneficiou de uma situação dessas para tirar proveito. Vide Carlos Lacerda.

         

         

        • A situação óbvia seria o

          A situação óbvia seria o Temer assumir, é claro.

          E a primeira coisa a se fazer seria acabar com a lava jato e seguir com o País para frente.

          O Aécio nunca, ele perdeu a eleição e não teria legitimidade para isso.

           

          • Esperança

            Você está muito esperançoso achando que o Aécio não entraria agora, ele tem a mídia para dar respaldo.

    • Roteiro do golpe em andamento JB

      Só não vê isso quem não quer mesmo; claro que uma das vertentes de qualquer crise institucional passa necessariamente por uma crise profunda na economia (empresas quebradas, desempregados, desabastecimentos…); o dia da tal lava-jato não deixa dúvidas, desde o início tenta-se emparedar o Governo Federal, emparedar e desrespeitar acima de tudo, tipo dizer “Dilma que se exploda, quem vai dar as cartas somos nós”; quem sobrevoa a área onde a Petrobrás iniciou a construção do CONPERJ, não sendo um zumbi da Veja ou da Globo (faço isso todo mês quando vou chegando ao Rio), sabe muito bem do que você e eu estamos falando, uma imensa área transformada em cemitério de equipamentos valiosos por onde correriam as riquezas do Polo Petroquímico:

      – O MPF, Sérgio Moro e Eduardo Cunha são a trinca que as direitas estão usando para tomarem de assalto o Palácio do Planalto.

  29. Nassif, o País virou uma

    Nassif, o País virou uma balburdia por causa da falta de comando da Dilma sobre corporações que agem de maneira irresponsável e que são braços do executivo.

    Qual a lógica de se prender esse Almirante que era Presidente de uma grande empresa ?

    Ora, se há a delação com a apresentação de provas que se faça uma investigação sigilosa e, ao final, caso seja apurada a sua culpa que ele cumpra a pena da maneira que for, mas só após o devido processo legal transitado em julgado.

    Qual o objetivo dessa prisões espetaculosas ? Serve a quem ?

    • Servem a quem? Ao Brasil e a

      Servem a quem? Ao Brasil e a esmagadora maioria do País é que não servem, mas de imediato servem a quem? Servem para turbinar as manifestações do dia 16 e sempre contando com o siliencio obsequioso de Dilma.

    • Braços do Executivo?
      A PF,

      Braços do Executivo?

      A PF, que só prende sob ordem judicial (ou não?), vá lá (em tese).

      Mas a justiça e o MP também estão sob as rédeas da  Dilma???

      Alguma PEC que o Cunha emplacou às escondidas?

      • A PF e o MP estão

        A PF e o MP estão subordinados ao executivo e são braços deste sim. Quem indica o diretor da PF ? Quem indica o PGR ? Quem pode remover um delegado de cidade a hora que quiser ? É assim que se dá a transmissão de pode ora. Nâo é só pelos manuais.

        O judiciário não e nem eu disse isso. Mas é óbvio que pode haver articulação do Governo com os altos cargos do judiciário afim de se obter o que se deseja.

        • Errado

          MP assim como TCU são órgãos independentes. Dê uma consultada na Constituição.
          Os representantes do MInistério Público são indicados , em lista tríplice pela Classe dos membros CNMP- Conselho Nacional (de Membros) do MInistério Público, e , dentre os três nomes, o Chefe do executivo pode ecolher um.
          Após isso o escolhido se submeterá a uma sabatina e a votação dos membros do Senad Federal.
          Ao longo dos governos do PT, gostesse ou não do Partido, os nomes encaminhads ao senado sempre foram o dos mais votados pela classe (saõ os 1ºs da lista), e que sempte foram aprovados sem ressalvas.

          Veja o caso do Gurgel. Se fosse escolhido pelo Governo, e comprometido com o governo, como seu comentário sugere, teria denunciado Dirceu, Genoíno e outros??
          Confira sua afirmação e corrija.
           

          • Errado é o seu comentário e

            Errado é o seu comentário e quem deve consultar a constituição é voce.

            Essas listas não têm nada de oficial, são para constranger a Presidente a escolher um nome corporativo, e eles tem caido nisso.

            Não são obrigados a assim proceder. Pela constituição qualquer procurador menbro do MP pode ser escolhido PGR.

    • A prisão do Heroi Nacional serve a quem?

      Servem a quem? Ao Brasil e a esmagadora maioria do País é que não servem, mas de imediato servem a quem? Servem para turbinar as manifestações do dia 16 e sempre contando com o siliencio obsequioso de Dilma.

    • Ela nunca vai fazer isso

      Ela nunca vai fazer isso Maestri. Até porque seria o pretexto para o golpe.

      O que ela deveria ter feito, lá atrás, era se articulado minimamente com o judiciário – STF e CNJ – no sentido de retirar o processo de voce sabe quem, fatiar o processo e pronto.

      Era o que ela deveria ter feito. Por ex, será que um aumento de salário não valia isso ? Veja que não é tão díficil assim fazer essa articulação, é preciso apenas ter um mínimo de senso, de noção e de espirito de Estadista coisa que parece que, nem de longe ela tem.

      No fundo, o pensamento da Dilma parece ser o seguinte. Como ela não pegou nada mesmo, o máximo que conseguirão chegar é na campanha dela, Mas campanha a de todo mundo é suja, então não dá nada. Então que se exploda o País.

      Esse parece ser o que pauta a Dilma. É uma posição egoista, de salvar sua própria biografia em detrimento do esfacelamento do Estado.

      • Mas se fizesse…

        Mas se fizesse ganharia de forma definitiva a parcela NACIONALISTA da nação. É uma oportunidade.

         

        Além disto, dividiria as Forças Armadas de tal maneira que determinada corrente de pensamento seria posta no isolamento e, melhor, firmaria fronteiras definitivas no pensamento nacional.

         

        Mas o PT é muito pobre de pensamento…e amarelão!

    • Que é isso?

      Isso sim seria um golpe! Seria a quebra das instituições e do respeito às leis pela própria presidente! Sei que muitos esquerdistas não têm muito amor à legalidade, mas felizmente as instuições estão mais fortes do que eventuais governos, os quais passam, as instituições ficam. Sem o respeito ao Estado de Direito jamais deixaremos de ser um paisinho de segunda categoria!

      Que absurdo!

  30. Nenhuma novidade.A direita

    Nenhuma novidade.

    A direita entreguista vira-lata sempre teve duas ambições:

    1- entregar nosso petróleo aos gringos;

    2- impedir o desenvolvimento da indústria nuclear-militar brasileira.

    Abaixo comprovo minha afirmação:

    “Em 21 de fevereiro <de 1952>,  por proposta de João Neves, Vargas criou a Comissão de Exportação de Materiais Estratégicos (CEME), que, no mesmo dia e sem que os seus membros tivessem sido sequer nomeados, autorizou a remessa de 5.000 toneladas, por ano, de monazita in natura e refinada, para os Estados Unidos. ‘Esta constitui, pela primeira vez no governo de Vossa Excelência, a quebra da política defendida pelo Conselho Nacional de Pesquisa e pelo Conselho de Segurança Nacional, no tocante à exportação de minerais atômicos’ – escreveu a Vargas algum tempo depois o general Aguinaldo Caiado de Castro, secretário-geral do Conselho de Segurança Nacional.” (Presença dos Estados Unidos no Brasil, Luiz Alberto Moniz Bandeira, Civilização Brasileira, Rio de Janeiro, 2007, p. 460).

    Moniz Bandeira sugere que Vargas capitulou por causa da exigência do envio de tropas brasileiras à Coréia feita pelos EUA. Um pouco adiante:

    “A corrida do urânio coincidiu com o avanço sobre o petróleo”. (Presença dos Estados Unidos no Brasil, Luiz Alberto Moniz Bandeira, Civilização Brasileira, Rio de Janeiro, 2007, p. 461).

    No momento em que a Marinha finalmente começou a desenvolver a tecnologia nuclear ambicionada pelos almirantes desde os anos 1950 (indispensável à proteção do litoral, das plataformas da Petrobras e à garantia da soberania brasileira sobre o Pré-Sal), os entreguistas enfraquecem o governo Dilma Rousseff para mudar o regime de exploração do Pré-Sal (projeto de José Serra). Ato contínuo conseguem mandar para a prisão o Almirante Othon Luiz Pereira da Silva, pai do programa nuclear brasileiro. O objetivo da direita vira-lata continua sendo o mesmo. Manter o Brasil desarmado, frágil e impotente, sempre dependente dos EUA e sob as garras da águia imperial norte-americana. 

    Curiosamente ninguém fala em dar um basta final nesta putaria. A Guerra Fria acabou, mas como nos anos 1950 continuamos amedrontados. 

     

  31. Etica

    Senhores, etica não pode ter partido , interesses pessoais , religiosos nem familiares.

    Foi uma surpresa negativa este fato. Mas tem que ser averiguado.

  32. ISSO NÃO É MAIS SIMPLESMENTE COMBATE A CORRUPÇÃO.

    Isso se chama forçar a barra para um golpe militar de verdade, o Moro está atiçando a onça com vara curta. O que fazer numa hora dessas senão rezar. Estão prendendo cabeças que correspondem a verdadeira inteligência  empresárial e tecnólogica do Brasil, tem algo errado nisso tudo, tem algo muito errado. Isso está vindo de fora e quem está sabotando o Brasil quem.

  33. Se alguem ainda tinha dúvida

    Se alguem ainda tinha dúvida que a lava jato é uma operação de ataque ao Brasil, com justificativa/desculpa de combate à corrupção, aí está o recibo passado.

    É possível (e até provável) que tenha ocorrido corrupção. Só que a jurisdição do caso nem de perto deveria estar com a vara de “primeria instância”q ue não tem, qualquer jurisdicionalidade sobre nenhum dos envolvidos, sejam empresas ou indivíduos.

    Por que então atiram-se sobre setores estratégicos país afora? Simples, por que esta é uma conspiração comandada desde fora do país, cuja finalidade principal é quebrar o país e sua principais empresas nacionais e impedi-lo de seguir buscando um desenvolvimento econômico autônomo, assim como de seguir com sua política externa independente – especialmente impedir a consolidação dos BRICS. É um ataque do imperialismo contra o Brasil, que hoje tem na força-tarefa da CIA no Paraná sua ponta-de-lança principal.

    Não se pode esquecer que durante o governo de bush filho e sua camarilha fascista, os EUA tentaram impor sanções ao Brasil por que lhes foi negado acesso à inspecionar a tecnologia nuclear brasileira – não era o uso da energia nuclear que queriam monitorar, queriam acesso à tecnologia, que foi desenvolvida de forma autóctone no Brasil.

     

  34. Nunca ví tanta barbaridade junta nos comentários

    Senhores, muitos comentários estão extrapolando os limites da ficção. A científica já ficou para trás, estamos agora na fantasia, e mais um pouco, iremos para a fantástica. Golpe da mídia? Complô americano contra o programa nuclear brasileiro? Cooptação das FAs para derrubar a presidente?

    Não cabe a mim julgar o Dr. Othon. Não tenho acesso aos autos, nem às delaçòes, e muito menos às provas. E acredito que vocês também não. Sendo assim, não vou inocenta-lo, assim como não o condenarei. Cabe à investigação da PF verificar os indícios e os fatos conforme relatados em delações, e se verificados, levar ao juiz pedidos de indiciamento, ou em caso de mais investigações serem necessárias e o indivíduo investigado ter acesso ou meios para obstruir a obtenção de provas, pedir a prisão preventiva para que essas provas sejam investigadas o mais rapidamente possível.(a prisão preventiva, neste caso de corrupção, só se aplica para proteger a investigação, quando necessária). Sendo assim, se o juiz Moro e a PF decidiram prender o Dr. Othon, é porque ou querem aparecer, ou porque tem coisas relevantes sendo investigadas. Se for o primeiro caso, o processo não resistirá ao contraditório em instância superior.

     

    Quem apresenta currículo para provar inocência age de forma desonesta. Currículo mostra oque uma pessoa faz de melhor, e não a total realidade de quem é, foi, e como agiu aquela pessoa. Há inúmeros casos na história de pessoas com um currículo excepcional, verdadeiros herois científicos, literários ou políticos, mas que não se mostraram igualmente heróicos em outros aspectos da vida. Assim como há aqueles que foram injustamente acusados. Oque conta é oque as provas, legítimas e obtidas legalmente, podem comprovar. Como engenheiro e admirador das FAs e dos esforços de militares e civís para avançar as tecnologias no Brasil, torço para que o Dr. Othon não seja culpado doque lhe acusam. Mas torcida e realidade não a mesma coisa. Não vou julgar e acusar o juiz Moro, ou a PF, ou os procuradores, de realizarem atos funestos, ou de participarem de um complô ou golpe, ou de se venderem à interesses estrangeiros, ou ainda de estarem buscando proteger o governo das investigações.(como aliás já acusam setores da direita em relação ao Eduardo Cunha sendo possívelmente denunciado a mando do Janot) Não tenho prova nenhuma que algo ilegítimo e obscuro tenha sido realizado.

    As delações premiadas são uma forma legítima de se escancarar grupos criminosos, e só ocorrem se houver chance real do delator ir para a prisão.(Senão não haveria prêmio…Não se poderia pagar por uma delação, o prêmio tem de ser um acordo de leniência parcial em troca de informações verdadeiras sobre outros crimes de outros indivíduos) Somente os advogados de defesa atacam o institudo da delação premiada em sí, pois esse é o trabalho deles. Oque deve ser verificado não são as delações, mas sim os fatos e documentos que possam ser verificados, que corroborem ou neguem as delações. A mera acusação de um delator, sem provas que possam corroborar a mesma, não levam à condenação, e vocês sabem disso.  A trilha do dinheiro é que vai nos dizer quem ganhou quanto, e como… O resto é torcida política, paixão ideológica, defesa de um sonho que pode estar virando um pesadelo…

    • Caro Senhor.

      Se o senhor não tem capacidade de antecipar fatos por uma simples progressão dos fatos passados, muitas pessoas aqui o tem. Programas como o programa nuclear brasileiro, como o programa do Submarino Nuclear Brasileiro, e mais outros de modernização das forças armadas brasileiras e outros programas tecnológicos nacionais, são exatamente o objetivo final da Lava a Jato, isto ficou claro para muitos e se procurares em posts de quase seis meses estas previsões já estavam escancaradas, porém na época poder-se-ia falar que era tudo isto uma teoria da conspiração, porém quando as hipóteses começam a se confirmar o que era uma teoria da conspiração deixa de lado a TEORIA e começam a se mostrar claramente como uma CONSPIRAÇÃO.

      Devemos ter respeito com pessoas que já demonstraram sua brasilidade e lutaram pelo Brasil e não ficarmos guiados por delações de criminosos confessos ou elocubrações de uma polícia federal que a partir de uma anotação “Vaca 2,5 milhões”, pensa que é “Vaccari, suborno de 2,5 milhões”, quando é demonstrado por publicações na mídia há alguns tempo que quem anotou isto “comprou uma vaca por 2,5milhões e achou um abvsurdo o preço que um dos seus gerentes pagou”.

      VACA na imensa maioria de vezes é uma VACA, réus confessos são réus confessos, e alguém brasileiro e nacionalista pensa no Brasil e no ESTADO NACIONAL.

      • Que tal um pouco mais de bom senso!

        Esta teoria, sim teoria fantasiosa dos ditos interesses imperialistas sempre existiu. Atualmente subsiste em alguns esquerdistas ideológicos que nela se agarram para dar mais credibilidade ao fracasso da ideologia que defendem.

        Vamos novamente deixar claro aqui: A DELAÇÃO PREMIADA E MERAS FRASES EM UM CELULAR NÃO VÃO LEVAR NINGUÉM À CONDENAÇÃO! SÃO SOMENTE MERAS POSSIBILIDADES QUE SERÃO INVESTIGADAS E NECESSITARÃO DE PROVAS CONTUNDENTES PARA TEREM UTILIDADE!

        Não vamos deturpar as coisas em prol da defesa de uma ideologia própria que acha que tudo vale para se alcançar determinado objetivo que entendem certo ou que seja do interesse pessoal ou do grupo do qual participam. Deixo de lado as paixões dos inocentes úteis que sabe-se lá porque acreditam em contos da carochina.

    • Se todas as pessoas são

      Se todas as pessoas são iguais perante a Lei, para o Brasil, há aqueles especiais, aqueles que tocam SEUS projetos prioritários. Isso não está escrito na LEI mas é como se faz para tocar um país com INTELIGÊNCIA E bom senso.

      Estas pessoas só podem ser presas após a publicidade das acusações e PROVAS mas perceba que NINGUÉM, nem os repórteres, sabe proque Dr. Othon foi preso.

       

       

      Vc é quem está BOIANDO! Ele foi preso porque um delator disse que havia combinado  pagar. Foi preso porque havia previsão de pgto, não porque foi pago.

      Acorda! É armação!

       

       

      • Ele não foi condenado sem provas, aliás, não foi condenado

        O Dr. Othon foi preso preventivamente, com limite de prazo para que tal prisão seja revogada. O advogado dele também pode entrar com um habeas corpus para pedir sua liberdade. A prisão à que está sendo submetido é de um tipo previsto na legislação brasileira, e que não demanda transito em julgado, ou mesmo que já haja processo aberto. Ela existe durante o processo investigativo, quando necessária e justificada. Quem tem de justificar é a polícia ou o MP, e quem decide se prende ou não é o juiz do caso. Não é necessária a publicação das provas ou indícios que justificam o pedido de prisão, ou o seu indeferimento, mas certamente o advogado do preso tem de ter acesso aos mesmos para articular uma resposta adequada.

        Essa idéia de que as prisões da lava-a-jato são tortura para extrair confissões falsas é absurda. A maioria desses indivíduos certamente sobrevive à pressões, e suas prisões não se sustentam sem que haja julgamento. Se estão delatando, é porque seus advogados assim os estão aconselhando, e certamente, não por serem entreguistas. Sabem, em cada caso de delação, que as provas apresentadas são fortes demais, e que o risco de condenação que não possa ser revertida nas instâncias superiores é alto. Há também aqueles que não delatam, pois ou não sabem de nada de valor, ou acreditam que as provas contra eles são fracas. 

        Não há conspiração na Lava a Jato. Ela simplismente revela oque todo o brasileiro já sabia: A política brasileira está enterrada na lama da corrupção. A novidade, para os inocentes, é que o PT também está nesse lamaçal, cavando. Se há parcialidade na operação, talvez seja fruto de 12 anos de governo do PT. É complicado encontrar membros da oposição responsáveis por contratos nos últimos 12 anos do governo federal… E ainda assim, um inimigo do governo também está na alça de mira da mesma operação, o Eduardo Cunha. Me parece que depoimentos e denúncias ainda vão longe, e vão cortar fundo na carne dos partidos. Se expandirem a operação para casos ocorridos nos estados nos últimos 2 mandatos, certamente vão achar gente da oposição ao governo federal enroscada….

         

    • Meu Caro .Eis as SUSPEITAS

      Meu Caro .Eis as SUSPEITAS :

      Desde que A Dilma resolveu adiar o FX2 e tirar a Boeing do projeto (um projeto favorecendo eminentemente  o parque industrial de São Paulo) , a FAB vem dando voos rasantes no Governo Dilma .E os Coronéis e especialmente os Ex Coronéise alguns Brigadeiros da aviação de caça da FAB  (com o possível apoio subliminar da USAF-Navy etc..) vem subliminarmente direcionando as investigações da PF ,no caso Lava Jato (BINFA Operações Especiais) para um efetivo Golpe de Estado Subliminar , através do seu impeachment .Infelizmente esqueçeram que o Governo FHC retirou a soberania dos papéis da dívida externa do Brasil e das Empresas Brasileiras , no Mercado Internacional .O resultado : O impeachment da Dilminha certamente confirmara que o Prejuízo dos acionistas da Petrobrás foi devido a corrupção do Principal Acionista da Empresa , neste caso o Tesouro Nacional ,e não a queda de braço Arábia Saudita versus EUA  que causou a queda do valor do Petróleo de 100 Dólares para 45 !! (Brendt no Mercado Internacional) .E o risco de uma Tungada de 90 bilhões de Dólares , ou congelamento dos ativos brasileiros nos USA!! (Onde aplicamos 70% das nossas  reservas externas )é real e eminente .

    • Até que enfim um comentário sensato!

                  Nem preciso dizer mais nada. Até que enfim um comentário sensato.

             Só queria acrescentar que essas criações fantasiosas citadas acima com certeza procedem de pessoas cuja necessidade de ter paixão por algo (outros por interesse, uma vez que existem muitas pessoas pagas só para ficarem atuando em favor do PT na rede), simplesmente obstrui todo e qualquer recurso à racionalidade e a à isenção.

               Com tantos delatores, com tantos presos, dizer que a corrupção é criação da impresa e de um juiz tresloucado só pode ser brincadeira! Que possam haver equívocos ou até mesmo eventuais excessos é uma coisa, dizer que não existe nada de podre na administração das entidades governamentais é uma piada, ou de pessoas pouco inteligentes, com a razão obstruída por uma paixão doentia e cega ou por interesses pessoais mesmo. Vamos deixar as instituições agirem conforme a lei, o resto é conversa fiada.

      • Então você, especialista,

        Então você, especialista, explique porque o juiz ignorou a delação contra Aécio e sua irmã, alegando que Furnas não era Petrobras? O que foi que mudou na cabeçca do juiz? Eletronuclear é Petrobras? Por que, além do juiz, o Procurador não denunciou Aécio?

        Ninguém está dizendo que o juiz inventou a corrupção, o juiz é quem diz que a corrupção foi inventada em 2003, porque ele não se interessou em investigar nada antes disso, mesmo com delações proferidas pelas mesmas bocas. Você pode até achar que o juiz está investigando, mas afirmar que ele é imparcial, nem Jesus vai poder fazer mais isso.

        • Prescrição

          Você já fez as contas sobre quando prescrevem os crimes de corrupção cometidos em 2002 ou antes? Não adianta delações sobre o governo federal tucano, se elas levarem a um processo que, necessariamente, será encerrado pela prescrição dos crimes. Seria bom saber sobre elas para informação política e para a história, mas penalmente, é inútil…

          Claro que isso não protege os tucanos de eventuais crimes cometidos em governos estaduais e municipais em anos mais recentes. Resta aponta-los.

           

    • Comentario inquestionavel.

      Itamaraty em Chamas, talvez seja o seu, o unico comentário inteligente que foi postado neste forum, até a materia do Nassif é condenavel pela insinuaçao que faz, e pela relativizacao que faz a respeito da culpa que caberia ao Sr. Othon, em virtude do brilhante curriculum que este possui.

      Assim como voce, concordo que nao se deve condenar o Sr. Othon, até o seu julgamento ser concluido. Contudo, o Sr. Nassif se esquece que todos somos iguais perante a lei, e o curriculo do Sr Othon nao o inocenta de nada, alias, isso nao tem nada a ver com o caso.

      Vale lembrar que ate aqui, todas as prisoes decretadas pelo Sr. Moro, seguiram um procedimento baseado em cruzamento de informaçoes, que partiram das delacoes e posteriormente verificados atraves de cruzamento de informaçoes financeiras, colhidas no Brasil e no exterior.

      O resto, é como voce diz, tudo uma grande baboseira e teorias de conspiracoes absurdas. Acho que a ideia é desviar o foco.

       

    • Uranio

      Somente para lembrar, um Juiz não manda prender sem provas. A delação é somente um caminho para conseguir as provas e as provas já estão comprovadas. 

  35. Conte nossa história corretamente!

    No máximo PADRASTO!

    Só uma coisa Nassif, me incomoda vc chamar o Dr. Othon de pai do programa nuclear brasileiro.

    Incomoda porque os militares acabaram com nosso programa nuclear SÓ PORQUE queriam a bomba. Além  disto, não poderiam deixar o setor na mão de subversivos nas universidades.  Todas as pessoas do setor foram NÃO utilizadas. Foram para o exterior a fim de não serem presas. Estou falando de nossos físicos.

    Ao acabar com nosso programa nuclear, eles não tinham UMA pessoa qualificada para assumir. E aí entrou Othon que na época não tinha qualquer qualificação ou interesse. 

    Por isso nosso acordo nuclear, com os EUA, foi uma bosta. Tão ruim que há aqueles que dizem termos sido ENGANADOS. Talvez mas o fato é que  foi feito por gente não qualificada E inexperiente, Othon JUNTO!

    Então, a interrupção de nosso programa nuclear fez um gap em nosso conhecimento. Por isso apenas no SÉCULO 21 conseguimos(ainda não mas está quase) realizar ALGUMA COISA no setor.

    Se vc analisar a cronologia de nosso campo nuclear, perceberá com facilidade que os militares nos atrasaram 30 anos. Basta olhar!

    Dito isso, se o programa nuclear brasileiro tem um pai, ele é Lattes e NINGUÉM mais.

    Após Lattes, ainda teria o Almirante àlvaro Alberto. Depois….Othon! então Othon não é nem a segunda pessoa mais importante na história nacional do setor.

    Por isso vejo um texto o chamando de Pai como uma ofença a nossa história!

    E não é nenhum demérito ao almirante Othon não ser o Pai. Continua sendo HOJE a pessoa mais importante viva de nosso programa.

    • Importante informação.

      Muito relevante e esclarecedora toda a informacao referente aos verdadeiros fatos do programa nuclear brasileiro. Isto deve calar a boca de um monte de idiotas que comentaram aqui, com base a teorias conspiratorias, para lá de inverossimeis.

  36. O Americano Edward Snowden

    O Americano Edward Snowden avisou que o serviço secreto Americano NSA espiona o governo Brasileiro e toda industria nacional de importância, o resultado ai esta. É um golpe com a mesma finaldade do de 1964, com a imprensa golpista e traidores alinhados e a uma mudança significativa é a não partiçipação aparente dos militares devido a força maiór da mídia que controla melhor as maças e no contesto atual a força é imprópria e desnecessária.

  37. Do defesanet

    Prezados Leitores,
     

    Nesta madrugada (28 Jul 15) foi deflagrada a 16ª fase da Operação Lava Jato pela Polícia Federal (PF), em Brasília, Rio de Janeiro, Niterói (RJ), São Paulo e Barueri (SP). São cumpridos dois mandados de prisão temporária, além de 23 mandados de busca e apreensão e cinco de condução coercitiva, quando a pessoa é obrigada a prestar depoimento. A operação foi batizada de “Radioatividade”.

    Um dos presos é o diretor-presidente licenciado da Eletronuclear, subsidiária da Eletrobras, Vice-Almirante R1 Dr Othon Luiz Pinheiro da Silva, que foi detido no Rio de Janeiro. Ele foi afastado em abril deste ano.

    A prisão temporária tem prazo de cinco dias e pode ser prorrogada pelo mesmo período ou convertida em preventiva, que é quando o investigado fica preso à disposição da Justiça sem prazo pré-determinado. Os presos serão levados para a Superintendência da PF em Curitiba.

    O foco das investigações desta fase, segundo a PF, são contratos firmados por empresas já mencionadas na Operação Lava Jato com a Eletronuclear, cujo controle acionário é da União. A empresa foi criada em 1997 para operar e construir usinas termonucleares e responde hoje pela geração de cerca de 3% da energia elétrica consumida no país.

    DefesaNet dá o seu apoio ao Vice-Almirante R1 Dr. Othon Pinheiro da Silva, apresentando o sue currículo Vitae, que fala por sí.

    O Editor

    (segue currículo do Vice-Almirante)

    http://www.defesanet.com.br/nuclear/noticia/19882/CV-Vice-Almirante-R1-Dr-Othon-Luiz-Pinheiro-da-Silva/

     

  38. Agora a coisa ficou clara: a

    Agora a coisa ficou clara: a Lava Jato está dominada pelos interesses dos Estados Unidos que não querem ver o Brasil crescer e, junto com a Venezuela, Argentina e os demais BRICs, ser um contraponto à força bruta imperialista. Essa história de corrupção é fajuta.

  39. O que é isso, se não ativismo

    O que é isso, se não ativismo político? Não é só a expressão de onipotência, narcisismo ou mesmo concedendo a maior das dúvidas, evocação cívica. Essa parte do Ministério Público brasileiro, esta instituição tão importante para o país, se auto concedeu o papel de restaurador da República. Será sensato fazer uma convocação desse tipo e em termos tão emocionais, se não mesmo demagógicos, numa conjuntura tão instável como a atual? 

    O Procurador Geral da República  pode apresentar Projetos de Lei junto ao Congresso(art. 61, da CF. Por que, então, esse pedido de 1,5 milhões de assinaturas, necessárias para a apresentação de projetos de iniciativa popular(art. 61, § 2º) através dessa convocação midiática?

    É há realmente algo de podre no reino da Dinamarca. 

    [video:https://youtu.be/4K6–jduP6c align:left]
     

  40. A quem ache que os grampos

    A quem ache que os grampos americanos na Petrobrás foi só para ouvir umas fofoquinhas.

    Viagem sinistra a do MP brasileiro para Whashington,até hoje não ficou explicado.receberam instruções e um cronograma.de quando foi essa delação do Avancini?

  41. Blog do Nascif

    Quanto aos comentários com relação ao desdobramento da operação “LAVA-JATO”, lamentável verificar o ataque ao Juiz Moro, ao MPF e à Polícia Federal. O que querem?: que a roubalheira continuasse e que os elementos envolvidos fossem parabenizados pela destruição dos patrimônios brasileiros? Tivemos o Mensalão amenizado pelo STF; em seguida a queda da Petrobrás; agora e Eletronuclear. Falta ainda fazer uma investida em outros setores: que tal a construção dos estádios para a Copa do Mundo?. Onde digo estádio quero dizer estádio mesmo e, não, esta aberração consentida de transformá-los em arenas.

    • Cara, é brabo ser preso só

      Cara, é brabo ser preso só porque alguém o delatou, ainda mais com um currículo desses.

  42. Não sei se é possível, mas…

    Não sei se é possível, mas talvez a Presidente Dilma poderia reenquadrar o Almirante como membro da ativa e mandar as forças da Marinha recuperá-lo por estar em atividade.

    • Nem precisa! Só mandar

      Nem precisa! Só mandar soltar!

      E pronto!

       

      Arranje um dcto quanquer e depois coloque uns fuzileiros na porta de sua casa. se aparecer um PF, já que O Governo não manda em mais nada, que mande este agente conversar lá no Comando Militar do Leste. Ele que vá lá explicar o que quer fazer!

  43. Opinião

    Não sou Militar, nem filho de , não tenho interesse ou procuração para defender o  Almirante Othon,  nem condições de dizer se ele realmente está envolvido nessa história.
    Acho que caso não esteja Moro em  breve conhecerá a fúria militar sobre seus ombros.
    Porque penso dessa Forma?
    Lembro que nos anos 80, ainda vigia a Ditadura,  perguntei ao Sogro de um Amigo, que era Militar e sócio da Avibrás:
    Porque os Militares não se filiam legalmenge a um Partido e disputam o poder através do Voto, defendendo seus pontos de vista?
    Resposta direta do Coronel:
    Militar não pode ter cargo Político; militar, por conta de sua formação , não reconhece adversários. Os outros, para um militar, são aliados ou inimigos.

    Aguardo os próximos passos mas acho que o Gato do Bial do Paraná, como na velha piada, subiu no telhado.

     

        • Você sabe dos projetos

          Você sabe dos projetos secretos militares norte-americanos e como eles são encobertos aos olhos da burocracia oficial? Não duvido nada que este dinheiro tenha sido usado para contrabandear componentes sensíveis, tipo detetores por ex, que os gringos nos impedem de comprar legalmente lá fora. O moro vai ajudar os americanos a saber os caminhos da entrada desses ítens… Essa é sua verdadeira missão nesse caso. Porque deixou de lado Furnas e sua ligação com a-é-sim? Está cada vez mais claro que o real objetivo dessa lava jato o c_ da mãe é a sabotagem da nação! 

          • neste caso, o cabra não tá errado não…

            Devido ao artifício do foro privilegiado, quem deveria apresentar a denúncia contra o Aécio no caso Furnas  é o Janot  e  não o  Moro..

            Que esse cabra  é parcial e  midiástico, isto qualquer um sabe….Mas, que o procurador tá tendo um ataque de brindeirite aguda, isto  ele está !!!

  44. Uma dúvida:

    Quando apareceu Furnas na Lava Jato, o Sr. Juiz descartou porque disse que a operação era sobre a Petrobrás.

    Agora a Eletronuclear pode?

  45. Bem o Almirante é gente

    Bem o Almirante é gente competente no que fez porem a acusação se da no ambito de sua condição de gestor na empresa né?

    Não tem relação com sua gloriosa contribui~ção aos esforços tecnologicos nacionais.

    Como ja bem colocou um colega, postar o curriculo de alguem para através disso relativisar eventual esclarecimentos que sejam necessarios não é nada razoavel.

    Se a prisão se provar arbitraria que as autoridades sejam acionadas pela defesa de cada uma das partes.

  46. Será que vão começar a
    Será que vão começar a prender os facínoras do PSDB, DEM, PSB. ..etc.?
    O que a gente nota é um vetor direcionado à destruição de nosso parque industrial: primeiro petróleo. ..agora, tecnologia nuclear. Esse juiz ou é muito bom no que faz…ou está cumprindo algum script pré determinado. Alguém está entregando a “rapadura” pra os gringos.

  47. Contra o Brasil, a serviço dos EUA

    Moro enajulou um militar de alta patente para depois torturá-lo, como vem fazendo com outros que prendeu.

    Sabe quando as Forças Armadas apoiarão golpe de Estado de direita no Brasil? Sabe quando obedecerão o comando de um golpista no poder?

    • Um ponto de atenção neste caso!

      Assombração sabe para quem aparece.

      Estes que tramam na escuridão têm informação que não temos, mas esculachar uma figura como este senhor é passar dos limites e eles vão pagar. Muito caro!

  48. Fica cada vez mais claro…

    O que atrapalha o Brasil é esse Estado caro e ineficiente.

    Vejam, o cara tem um currículo impecável, conhecimentos técnicos absurdos – e recebendo ordens de generais que mal devem saber soletrar a palavra “exceção”. Bom, nada diferente da república sindical de hoje, cujo mandante anterior só lia relatórios se viessem em quadrinhos ou a mandante atual cujos discursos falam por eles mesmos.

    Essa é a turma que diz fazer a Pátria Educadora – na verdade, mais um estelionato que está rifando o futuro de mais uma geração de brasileiros. Dinheiro falta para a escola, mas não falta para as sessões da Dilma no Celso Kamura…

    • Você esqueceu de um mandante

      O que governou o país entre 1995 e 2002.

      Uma verdadeira marionete que agia de acordo com os cordões que o movimentavam.

      Então se Lula lia relatórios em quadrinhos e Dilma faz discursos é muito melhor do que ser conduzido por pauzinhos e cordões.

      Enfim.

      Cada um com seus ídolos.

      O que atrapalha o Brasil é a falta de sentimento de pátria de alguns brasileiros.

  49. Caros,
     
    Logo abaixo, às

    Caros,

     

    Logo abaixo, às 13:22 h, o comentador GalileuGalilei transcreveu um comunicado do blog “Defesanet”, onde aparece:

     

    GalileoGalilei

     

    Do defesanet

    ter, 28/07/2015 – 13:22

    Prezados Leitores,…

    Um dos presos é o diretor-presidente licenciado da Eletronuclear, subsidiária da Eletrobras, Vice-Almirante R1 Dr Othon Luiz Pinheiro da Silva, que foi detido no Rio de Janeiro. Ele foi afastado em abril deste ano.

    “Ele foi afastado em abril deste ano.”

    Por que razão foi afastado, alguém pode dizer?

    Grato.

    • Talvez Engevix, Andrade

      Talvez Engevix, Andrade Gutierrez, Odebrecht, Camargo Corrêa, UTC, Queiroz Galvão, EBE e Techint possam explicar este ponto

      • Bom , querido. Se não forem

        Bom , querido. Se não forem estas empresas, quem faria? A Halliburton?

        Vc citou simplesmente TODAS!

        Entendeu?

        O Brasil escolheu!!! Não foi preço, não foi concorrência, foi escolha. Portanto, não HÁ a menor possibilidade de corrupção porque as empresas participantes foram escolhidas 30 anos atrás!

         

        • eu citei a denûncia
          do

          eu citei a denûncia

          do UOL

          Quatro empresas de fachada, de acordo com a PF, funcionavam como operadoras do esquema, repassando valores à empresa Aratec, de propriedade do ex-presidente da estatal. São elas: CG Consultoria, JNobre Engenharia e Consultoria, Link Projetos e Participações e Deustchebras Comercial e Engenharia, todas são sediadas no Brasil.

          “No caso mais claro, foi constatado que a empresa CG Consultoria recebeu entre 2009 e 2012 R$ 2.930.000,00 da Construtura Andrade Gutierrez e transferiu, entre 2009 a 2014, R$ 2.699.730,00 para a Aratec. A CG Consultoria não tem qualquer empregado e na prática, descontados os custos tributários, repassou o recebido pela Andrade Gutierrez à Aratec, empresa controlada por Othon Luiz”, escreveu o juiz Sergio Moro no despacho que autorizou a prisão do presidente afastado da Eletronuclear.

          PS: Aratec = Consultoria de Araque ? será ?

          • Nossa e propina paga

            Nossa e propina paga imposto?

            Faça um esforço, CEMIG, furnas, trensalao…citadas por delatores e abafadas .

            O delator foi preso no âmbito das investigações da Petrobras, derrepente ele entrega a eletronuclear?

            Quem o “lnduziu” a citação da do setor nuclear?

            Pois se o esquema vinha desde 1997 na Petrobrás gente para delatar na Petrobras, não o falltaria, o. Por que a eletronuclear?

          • O problema é que não pára por

            O problema é que não pára por aí…na delação feita também foram citadas as obras das Hidroelétricas Belo Monte,…

            Coisa do BIG WOLF

  50. Crime é crime.

    “Quando não se tem ideias, as palavras são inúteis e até nocivas; melhor calar-se do que falar só para confundir”. A. Ganivet  – Entendam uma coisa: “Ninguém é culpado ou inocente até que as provas sejam definitivamente apresentadas e julgadas”. O que não se pode é usar o passado corrido como prova de inocência. Assim o fosse então teríamos a maioridade penal aumentada para 100 anos. Crime é crime, não tem idade, não tem passado, não tem presente e não poderá influir no futuro do acusado. 

  51. Quem  esta governando o País

    Quem  esta governando o País é a Globo, pq se não  houvesse o espetáculo midiático, mesmo pq a Globo sabe a hora e o momento da prisão    e o que diz  nos autos..È uma  dobradinha Moro-Globo.Quem  quer mesmo faxina  no País, começa do passado, ex  Furnas, telefonia, Banestado etc   nunca ganharam propinas esses do passado?  só estão dando risadas   do espetáculo da mídia e  fazendo  coro, orquestram a derrubada da Dilma!A  PF que  é intima da Globo, já disseram que vão chegar na  Belo Monte!!!!Entenderam ou não?????

  52. A PRISÃO DO PAI …
    Assim como outros brasileiros ilustres, o seu prêmio final é esse.
    Agora aqueles brasileiros que só envergonham a nação, roubando, esses ficam ricos e impunes!

    • Eu não confiaria muito nisso, não..

      Eu duvido que 100%  dos  brasileiros patriotas, que dão duro prá sobreviver diante das agruras de nossa economia terceiro-mundista,  ficarão eternamente felizes ao observar figuras como Paulo Roberto Costa e Alberto Youssef  desfilando por  aí rindo de  nossas  caras   e  o país   entregue  às  moscas !!

      Se  eu fosse eles, embarcava na próxima viagem prá marte  e  me escondia por lá !!!

      Quem avisa, mui amigo é !!!

  53. Lava jato
    Veja VC Nassif, com um curriculum desse porte na idade dele, com uma denuncia de outro comparsa, só posso acreditar que essa figura acredita na soberba , e o que é pior, na ” eternidade”.

  54. Defesa da soberania brasileira

    Como Brasleiro e ex funcionário deste período ,sempre tive muito respeito e admiraçâo por este pesquisador , que  com sua liderança  juntamente com  os coaboradores civis  colocou  o Brasil no grupo dos paizes que dominaram o processo do enriquecimento e domínio  do  Ciclo Nucliar , isso não é pouca coisa . 

    Este Pesquisador  Emérito que tem o reconhecimento de todos os brasileiros , esta sendo execrado de forma inrresponsável pela mídia que vive de factoides , e esta fazendo o jogo dos paízes dominantes , que investem contra esta naçâo que ja  demonstrou que tem capacidade de avançar no campo da ciência , pesquisa e tecnologia em todas as áreas que apresente desafios rumo a independencia e soberania de seu povo .

    Primeiro se prova depois acusa , todos tem direitos a  defesa ( porque não usar o dispositivo de segredo de justiça) a quem intereça jogar a imagem do Brasil no lixo??

    Não sou contra, se fazer justiça contra os corruptos , que tiram dinheiro da educaçâo , saúde publica , entre outras necessidades que devem ser destinadas a solucionar a desiguades siciais .

    Agora , temos que pereservar os nossos patrimonios científico e Oton nâo é so  isso , pra mim é um” Icone da nossa capacidade de se tonar -mos independente e autonomos” , neste mundo  onde  os desafios e  desenvolvimento de um país como o Brasil , icomoda paízes dominante , que querem que sejamos eternamente  dependente dos exploradores internecionais .

    AvanteBrasil.!!!

  55. CORRUPÇÃO

    Não podemos permitir que sejamos usados como massa de manobra para atender aos interesses dos políticos e seus partidos.

    É preciso que se tenha muito cuidado com tudo que aparece na imprensa.

    A quem interessa e quem está por trás de tudo isso?.

    Se o PSDB é um partido tão limpo como querem se fazer crer, por que não fazem a CPI das privatizações.

    A onde foi parar  o bilhões da privatização da EMBRATEL e outras TELES do SISTEMA TELEBRÁS feita pelo Governo Fernando Henrique Cardoso?

    • PSDB

            Após anos lendo milhares de artigos na internet e revistas, uma coisa eu aprendi, a turma do psdb nunca vai preso(pelo menos os figurões!), eles nunca dão a mão a palmatória, vide o mensalão, porque a investigação só foi até onde o PT começou?

      • Mensalão

        Eu acho que foi porque o Procurador Geral da República,  o Ministro Relator do Processo e os dez outros Ministros da bancada do STF, atuantes no caso do Mensalão, foram todos indicados/nomeados por políticos do PSDB. Eu acho, eu acho, …

  56. Será que aproveitou para se enriquecer além do urânio?

    Palmas para seus feitos, e se forem confirmadas as denúncias, cadeia para seus malfeitos, simples assim!!!

    • Será que aproveitou para se enriquecer além do urânio?

      E se não forem comprovadas as denúncias, quem irá restituir a honra ofendida. Ouvi piada com o nome deste senhor na band, no programa do Zé Simão. Ninguém vai preso e depois averigua se é culpado. Estes delatores atualmente são as pessoas mais poderosas do Brasil. Podem colocar qualquer cidadão na cadeia.

  57. Othon

    Realmente é muiiito estranho esta prisão. O que o autor do artigo quis dizer com a apresentação do curriculum do Othon é que ele não tem histórico de corrupto e sim de alguém realmente comprometido com seu trabalho e em prol do progresso técnico/Científico do pais. Esta prisão portanto é muito estranha, nos faz pensar se não há interesses estrangeiros pressionando estes promotores em assassinar reputações aqui para terminar de destruir qualquer possíbilidade de progresso nesta área. Aliás ele é um dos poucos quadros que sobrou com competência suficiente para atuar na área. E os militares sabem que os EUA sempre sabotaram nosso progresso nesta área. Procurem no google uma exposição de um oficial da aeronáutica sobre a modernização dos caças f5, que foi sabotada com peças alteradas propositadamente para apresentar desempenho insuficiente e/ou falhar nos momentos mais critícos!

    • Se não há interesses

      Se não há interesses externos? Só tem! A quem interessa que uns cucarachas dominem o ciclo atômico? Provavelmente não interessa pra quem já tem essa tecnologia e para os moleques de recados aqui residentes.

      E aí, Marinha? Vai deixar barato?

  58. Editorial do DefesaNet
    28 de Julho, 2015 – 15:40 ( Brasília )

    Editorial

    Editorial DefesaNet – A Geopolítca na Lava Jato

      A A A 

    A prisão do Vice-Almirante R1 Dr Othon Luiz Pinheiro da Silva, na 16ª fase da Operação Lava Jato, batizada de “Radioatividade”, tem uma repercussão internacional.

    Sendo o diretor-presidente licenciado da Eletronuclear, subsidiária da Eletrobras, foi acusado de ter recebido valores das empreiteiras responsáveis pelo Projeto Angra 3.

    A prisão do VA Othon, como falamos, tem repercussão internacional, não pelo efeito policial, mas pela importância estratégica e dos feitos na área nuclear, que obteve, sendo hoje o espírito redivivo do Almirante Álvaro Alberto.

    DefesaNet recebeu comentários de leitores estranhando, que estaríamos apoiando o VA Othon, mesmo com a possibilidade de contravenções, que o mesmo possa ter cometido.

    Sim, apoiamos ! Sim, apoiamos e endossamos, o espírito empreendedor, nacionalista e a sua coragem.

    Empreendedor, de burlar a burocracia militar e governamental em levar à frente o projeto de enriquecimento de Urânio.

    Nacionalista, de enviar seus técnicos, nos anos 80 e 90 para Alemanha Oriental e União Soviética em busca do conhecimento bloqueados no Ocidente.

    Coragem, em não ter medo de ter sua visita restringida em vários países ocidentais.

    Ações que levaram à própria Inteligência da Marinha do Brasil a investigá-lo na década de 90. E nada descobrindo.

    Muitos, talvez dentro da própria Marinha do Brasil, alguns comemorem o seu atual momento.

    Porém, muitos tim-tim de taças borbulhantes de champanhe são  sorvidas em algumas embaixadas, em Brasília.

    DefesaNet espera que o VA Almirante R1 Dr Othon Luiz Pinheiro da Silva, que não conhecemos pessoalmente, supere e prove cabalmente a sua inocência.

    E que não sirva este fato para incentivar o ataque ao único projeto Estratégico Brasileiro, que realmente eleva a Nação a um patamar vários níveis acima.

     

    • Mensagem cifrada?

      Levantaram a atenção os seguintes parágrafos:

      “Muitos, talvez dentro da própria Marinha do Brasil, alguns comemorem o seu atual momento.

      Porém, muitos tim-tim de taças borbulhantes de champanhe são  sorvidas em algumas embaixadas, em Brasília.”

      Quem seriam os “muitos” na Marinha, os “muitos” brindando em algumas embaixadas e quais seriam as “algumas embaixadas”?

       

  59. Nem Santo é santo…

    Realmente um CV impressionante.

    Mas ele está acima da lei?
    Está acima da condição de ser humano, com todos seus defeitos e vícios?

    Acima da ganância e avareza que habitam a alma do ser humano?

    Será que esse CV seria suficiente para livrar o Almirante Othon Luiz Pinheiro da Silva do Inferno Cristão?

    Concordo que uma pessoa formidável, com um histórico impecável.

    Mas ninguém está a salvo de cometer um erro. Não estou afirmando que o cometeu.

    Mas lei serve pro ingênuo,  serve (ou deveria servir) para o ignorante, e também para o culto.

      • Fora da lei

        Tu queres dizer então,  que o ministro do STF; ‘nomeado’ pela presidentA Dilma, que está dando seu aval para esta ‘operação’  Lava/vaza Jato; está agindo fora de uma lei que esta mesma presidentA sansionou? Puxa!  Este é o maior Golpe de Estado que este país está presenciando desde a Proclamação da República. Esse tal de juizeco de primeira instância, apoiado pelo PIG, é mesmo muito poderoso.    

    • Só não serve mesmo é pra

      Só não serve mesmo é pra meliantes tucanos e pra gangsters da mídia, e pra magistrados q recebem propina gorda..

  60. Independente do que ele foi

    Independente do que ele foi ou representa, se tiver culpa tem que pagar sim. Não se pode passar a mão na cabeça de uma pessoa que usa um cargo público para ficar rico, ganhar dinheiro fácil, se lambuzar na corrupção. A corrupção no Brasil precisa ser passada a limpo.

  61. Agora eu também quero que chamem os militares , basta Dr Moro

    Publicado em 28/07/2015

    Moro tem mira 
    certa: Petrobras 
    e programa nuclear!

    O Moro vai chamar o embaixador americano para assistir à “delação” do Almirante Othon?

    COMPARTILHEVOTE  (+2) IMPRIMIR 

    É isso o que a penca de traidores quer entregar: a base de submarinos em Itaguaí

     

    Um juizeco de primeira instância, meia dúzia de policiais valentões de uma PF sediciosa e uns procuradores exibicionistas que ainda não fizeram a primeira comunhão decidiram entrar no âmago do Estado brasileiro e de seus mecanismos estratégicos centrais – e destrui-lo, em nome de uma suposta MORAL.

    Pra isso, resolveram destruir a Petrobras.

    E agora o programa nuclear brasileiro.

    O Almirante Othon Silva não um brasileirinho qualquer. 

    Não é o ladrazinho baiano de meia tigela, mancumunado com o Cunha.

    O Almirante Othon não pode ser grampeado no mictório!

    Não pode ser vitima de um tri-delator ou de ladrões confessos.

    Não pode ser moralmente torturado até confessar !

    Confessar como funciona o sistema brasileiro de enriquecimento de urânio!

    Othon Silva não é como, diz o Globo – traidor supremo – responsável pelo programa nuclear “paralelo”.

    Othon Silva é responsável por um dos mais importantes – e abertos, transparentes – programas de beneficiamento de urânio do mundo!

    Submetido à AIEA, agência da ONU para energia nuclear !

    Em Israel, o Almirante Othon seria um herói !

    Nos Estados Unidos, na França, na Inglaterra, no Paquistão, no Irã.

    Aqui, é tratado como um punguista !

    É porque o Brasil é um dos poucos países do mundo que tem urânio e sabe enriquecê-lo.

    E isso não interessa a essa penca de traidores que está aí com a bandeira da ÉTICA na mão !

    Othon Silva foi quem desenvolveu o programa nacional de beneficiamento de urânio, DEPOIS de, aluno bolsista no MIT, fazer a critica do programa nuclear alemão, o do Geisel.

    Portanto, ao contrario do que dizem os trairas do Globo, ele não fez o programa “paralelo”.

    Othon desmontou o que pudesse existir de paralelo.

    Othon é um herói da Independência do Brasil !

    Para prende-lo ou coloca-lo sob suspeita nesse tribunal de Nuremberg que se instalou no PiG, é preciso tomar muito cuidado.

    Tem que ficar muito bem provado.

    Com provas.

    E delação não é prova !

    Não se pode submete-lo a uma delação qualquer, sob o chicote desses esbirros da Vara de Guantanamo.

    Muito cuidado com o Almirante Othon, Moro !

    Essa Vara está muito perto da fogueira.

    Só no Brasil, Moro, você faria essa violência com um programa nuclear !

    E deve ser por isso que o Moro vaza para o PiG os segredos empresariais da Odebrecht.

    Porque a Odebcrecht é a empresa privada BRASILEIRA mais ligada ao programa nuclear BRASILEIRO.

    A Odebrecht tem cinco mil homens em Itaguai, para construir o submarino a propulsão nuclear, o que só é possível porque o Almirante Othon soube desenvolver um sistema made in Brazil.

    O Juiz Moro e esses coroinhas de Guatanamo vão fazer o que mais queria a Quarta Esquadra americana, estacionada em cima do pré-sal.

    Quebrar a Petrobras, entrega-la à Chevron do Cerra  – e, de troco, fechar Itaguaí !

    O PiG e essa Vara de Curitiba não sossegam enquanto nao desmontarem o Estado.

    E o Estado brasileiro, no momento, está entregue a agentes inanimados, desvertebrados, impotentes por decisão própria, que contemplam essa desmontagem como fosse uma etapa indispensável à purificação dos costumes !

    O Estado brasileiro está sendo desconstruído nas barbas dos brasileiros.

    Por meia dúzia de irresponsáveis.

    Os que estão fora do Estado – e dentro !

    O Moro não sabia quem é o Almirante Othon ?

    Vai querer obriga-lo a uma confissão ?

    Vai chamar o embaixador americano, como se fazia no DOPS, em São Paulo, nos bons tempos do Dr Boilensen ?

    Quando o cônsul americano assistia às atividades da “pianola” ?

    Vai abrir os e-mails do Almirante Othon com o Estado Maior da Armada ?

    This is an esculhambation !

    Paulo Henrique Amorim

     

    • Que Suposta Moral

      Wsobrinho, não podemos acusar um processo legal, que segue todos os ritos exigidos (daí o fato dos advogados de defesa terem a esmagadora maioria de seus pedidos de relaxamento de prisão e habeas corpus negados pelas instâncias superiores), de estar trabalhando por uma “suposta moral”. Nem podemos admitir que nossos tributos sejam expoliados por QUEM QUER QUE SEJA! E usar para defender a esses larápios, o argumento de que se está atacando a nação, trabalhando-se contra o Brasil. O conceito do país é feito de uma substância imaterial, e do conjunto de seus cidadãos cumpridores da LEI. Não são os políticos eleitos ou não, os construtores de nossa nação. Antes sim, seu povo, que trabalha produzindo a riqueza que paga os salários dos governantes e políticos. Se quem está no poder saí, por qualquer razão que seja, alguém o substituirá, e o país continuará a existir e crescer, APESAR de nossos políticos.

      Não podemos compactuar com a corrupção em qualquer nível, seja ela exercida por PTistas, Tucanos, PMDBistas ou outros quaisquer da fauna política. Defender mau uso de nossos recursos, é inadimissível, HOJE e SEMPRE!!! 

      • Artur…

        no dos outros é verdade, não é mesmo?

        Você pensa que aqui somos um bando de lobotomizados globais ou vejais e que não prestamos atenção num fato notório:

        – Nenhum, repito… nenhum!!!, tucano está sendo sequer citado por Moro e muito menos pela mídia bandida; você deve ser parte dos tais 68% (segundo a folha) que têm certeza que só existem malfeitores no PT.

        Não me enganas, és da turminha paga pelo Aécio e cia pra, sob o manto da “indignação” (seletiva… claro), espinafrar o governo federal.