National Public Radio analisa posição brasileira sobre abrigar Snowden

Jornal GGN – A rádio norte-americana National Public divulgou nesta quarta-feira (8) uma análise sobre um possível asilo político do Brasil a Edward Snowden, como os brasileiros veem essa recepção e qual a posição dos críticos à medida.

Sob o título “Mesmo com relação amigável entre Brasil e Snowden, asilo pode estar ainda muito distante”, a reportagem entrevistou populares, que se dividem, e especialistas, que enxergam poucas chances de o Brasil conceder asilo.

A rádio afirma que um grupo de senadores brasileiros se posicionou favorável à recepção e que, inclusive, o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Luis Roberto Barroso, defendeu a medida.

O diretor do Instituto Brasileiro Wilson Center, Paulo Sotero, interpreta o caso com maior prudência, justificando que, mesmo que Dilma Rousseff já tenha mostrado insatisfação em visita aos EUA (Estados Unidos), a presidente valoriza as relações internacionais que tem com o país e, por isso, não defenderia a medida.

O mesmo pensa Julia Sweig, diretora dos estudos para o Conselho de Relações Externas, afirmando que os brasileiros não irão querer comprar essa grande briga.

Ao buscar a opinião de jornalistas, a National Public colocou, de um lado, Hélio Schwartsman, da Folha de S. Paulo, que defende que Edward Snowden prestou um serviço ao mundo e aos cidadãos norte-americanos, e que, se pedir asilo ao Brasil, poderá conseguir. De outro, a opinião de Reinaldo Azevedo, da Veja: “Snowden é um traidor do seu próprio país. O que o Brasil ganha dando-lhe abrigo?”.

Ouça a reportagem completa no site da National Public.

1 comentário

  1. O que esperar do Reinaldo Azevedo da VEJA

    Não a nada a comentar, quando a base pesquizada por um jornal americano é o Reinaldo azevedo da Oia. Reacionário fanático, puxa saco dos ricos, falsário da verdade, apoiado por grupos ultra de direira, só pode ser contra qualquer coisa não favorável ao governo dos USA (não digo do povo). Não pesquizaram mais nada, portanto opinião não vale NADA!

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome