Países voltam à restrição, após nova onda de contágios

Após diversos países transitaram a um começo de normalidade, autoridades vêm impondo novos restrições e isolamentos sociais

Professionais de saúde aumentam esforços para controlar o novo coronavírus - Foto: Divulgação

Jornal GGN – Após diversos países transitarem a um começo de normalidade, autoridades vêm impondo novas restrições e isolamentos sociais para tentar conter a segunda onda de contágios por coronavírus pelo mundo.

Atingindo nesta terça-feira (28) mais de 16 milhões de infectados e mais de 650 mil mortes, países como Reino Unido, Alemanha, Bélgica, França, China, entre outros, tiveram que retomar as medidas de distanciamento social.

Algumas regiões dos Estados Unidos, como Washington, determinaram o isolamento social obrigatório de duas semanas para aqueles que chegarem de outros 27 estados do país com alta prevalência de Covid-19.

O Reino Unido determinou a quarentena para aqueles que chegarem da Espanha, destino que parecia ter superado a pandemia, mas voltou a ter um aumento dos casos nos últimos dias. A Alemanha ampliou esta restrição: todos aqueles que vierem de países ou áreas de risco, devem fazer exames de coronavírus.

Na França, praias voltaram a ter toques de recolher. A Bélgica, que teve a maior taxa de mortalidade do mundo até agora e que sofreu um aumento de 70% no números dos casos, voltou atrás nas fases de restrição, que permitia a reunião de 15 pessoas fora do círculo familiar, reduzindo para 5 pessoas.

Apesar de inicialmente ter contido o avanço, até a China voltou a determinar o uso obrigatório de máscaras em Hong Kong, após o país ter o maior número de casos dos últimos três meses.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  A dolorosa verdade sobre Covid e economia: Trump é o culpado

1 comentário

  1. Esse pessoal tem que vir para sumpaulo……..aqui seguem a “siensia” , depois da abertura não houve aumento, mesmo com o povaréu amontoado nas ruas, feiras, lojas, transporte publico……venham aprender com esses milagrosos gestores….ele seguem a “siensia”……a rede golpe sumiu com a covid do noticiario, só foi falar da doença depois de quase uma hora de jornal local, e muito pouco……o que não se faz para vender pacotes de futebol ruim…….

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome