Trump mandou atirar nas pernas de manifestantes contra racismo, revela ex-secretário de Defesa

A recomendação de Trump ocorreu em 2020, durante os protestos pela morte de George Floyd. O homem negro morreu após uma abordagem policial

Donald Trump, ex-presidente dos Estados Unidos, com o braço erguido

Reportagens dos sites US Today e Axios revelam nesta segunda-feira (2) que o ex-presidente do Estados Unidos, Donald Trump, pediu ao ex-secretário de Defesa, Mark Esper, que manifestantes contra o racismo fossem baleados nas pernas pelas forças de segurança do Estado. O grau de repressão de Trump foi revelado no livro que Esper lançará no dia 10 de maio.

“Você não pode simplesmente atirar neles? Basta atirar nas pernas deles ou algo assim”, teria dito Trump. Segundo as reportagens, há testemunhas que confirmam o pedido de Trump.

A recomendação de Trump ocorreu em 2020, durante os protestos contra a morte de George Floyd. O homem negro morreu asfixiado após uma abordagem policial. As ruas de várias cidades dos Estados Unidos foram tomadas por protestos que denunciavam o racismo institucional. O tema repercutiu em todo o mundo e pauta as eleições americanas, que culminaram na vitória de Joe Biden sobre Trump.

“Foi surreal, sentado em frente à mesa do Resolute, dentro do Salão Oval, com essa ideia pesando no ar, e o presidente com o rosto vermelho e reclamando alto dos protestos em andamento”, escreve Esper no livro “A sacred oath”, ou “um julgamento sagrado”, em tradução livre.

O livro teria sido examinado por militares dos mais “altos níveis do Pentágono”. “Disseram-me que, como parte do processo de liberação, o livro foi revisado no todo ou em parte por quase três dúzias de generais de 4 estrelas, civis seniores e alguns membros do Gabinete.” O ex-ministro travou uma disputa judicial para evitar a censura de trechos do livro, diz o Axios.

Não é a primeira vez que a fúria de Trump contra manifestantes pela justiça racial foi reportada. Michael Bender, atualmente no NY Times, relatou em 2021, em seu livro, “Frankly, We Did Win This Election”, que “Trump pediu que a polícia atirasse em manifestantes durante reuniões acaloradas dentro do Salão Oval”.

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mancini

- 2022-05-02 17:50:10

Este é o Trump de sempre! https://refazenda2010.blogspot.com/

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador