“Escultura da Natureza”.

Enebriado
Meio surrealista
A admirar obra divina
Tamanha beleza
Vestida de verde
Com flores majestosas
A emprestar aos nossos olhos
Tanta realeza
Daquele Santuário
Formado por belas montanhas
Com seus verdes vales
Rios Lagos Cascatas
Energia que emanam
Revigorando nossas almas
Nossa mente nosso corpo
Impiedosos são aqueles
Que destroem a Natureza

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora