#19j e perdas por covid-19 na grande imprensa

Protestos contra Bolsonaro e registro de 500 mil vidas perdidas marcaram a primeira página dos principais jornais neste domingo

Jornal GGN – As manifestações deste sábado contra o presidente Jair Bolsonaro e pelas vítimas da covid-19 no país foram mostradas nas primeiras páginas dos principais jornais do país.

Em seu twitter, o jornalista Vilmar Ledesma levantou as capas de alguns dos principais brasileiros neste domingo. Como não poderia deixar de ser, a trágica marca de 500 mil vidas perdidas para uma doença que já possui vacina foi igualmente destacada.

Confira abaixo as capas de alguns dos principais jornais brasileiros neste domingo, 20 de junho.

Folha de São Paulo, 20/06/2021 – Capa
Folha de São Paulo, 20/06/2021 – Contracapa
O Estado de São Paulo, 20/06/2021 – Capa
O Globo, 20/06/2021 – Capa
Correio Braziliense, 20/06/2021 – Capa
Estado de Minas, 20/06/2021 – Capa
Jornal do Commercio (Pernambuco), 20/06/2021 – Capa
O Dia, 20/06/2021 – Capa
Jornal Extra, 20/06/2021 – Capa

Mesmo com a marca de 500 mil mortes e o aumento das manifestações contra Bolsonaro, publicações de alguns estados preferiram tratar de outros temas, como é possível ver nas capas abaixo

A Tarde, 20/06/2021 – Capa
Diário do Amazonas, 20/06/2021 – Capa
Correio do Povo, 20/06/2021 – Capa

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 comentário

  1. Nassif,

    É difícil ter foco. Teremos mais condições em 2022 mas antes é necessário jogar o jogo e ele exige agora pautar o que Rodrigo Maia se recusou: Impeachar o Bozo.
    A regra é clara e até as pedras sabem, por certo Arthur Lira deputado de Alagoas vibra quando o foco da oposição cai nas provocações diárias do noticiário.
    Impossível dizem os céticos.
    Pois nada é impossível aos que crêem.
    Vai começar com Arthur Lira enrolando.
    Depois arquivando um ou outro pedido, pra dizer que está enfim analisando os pedidos.
    Vai achar um para pedir um parecer jurídico, aguardar o prazo e arquivar.
    Assim pensa ele, o ano vira em 2022.
    Há condições de um deputado do Centrão com ele se sensibilizar com milhões de manifestantes nas capitais que não votam nele?
    Não precisa ser muito intelectual para entender a simplicidade do problema.
    Ele é imune a protestos diretamente.
    Ele é imune a editoriais de jornais estrangeiros.
    Portanto termino dizendo que sem foco estamos a secar gelo, se é que o inverno brasileiro vai permitir.
    Senão esquece, não vale o sacrificio no tabuleiro.
    …mas acho que dá sim, não eh impossivel.
    Foco Nassif. É o Lira. Simples assim

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome