Nininha, por Alda Verona, em gravação de 1930

Alda Verona (Celeste Coelho Brandão) interpreta NININHA de Valdemar de Oliveira. Resgate de Luciano Hortencio.

Resgate de Luciano Hortencio

Alda Verona (Celeste Coelho Brandão) interpreta NININHA de Valdemar de Oliveira

Quem te fez formosa
Bela como a rosa
Nunca pode pensar
Nem imaginar
Que te tornaria
Flor morena, humana
Dentre as outras, soberana

Nininha, tuas mãos são ideais
Nininha, os olhos teus são divinais
O Deus
Que poeta e sonhador te fez
Depois sorriu
E quebrou o cinzel
E artista conheceu, surgiu

Nininha, teus cabelos são fatais
Nininha, e os gestos teus são divinais
Nininha, és de todas as mulheres
Rainha
Linda Nininha

Alda Verona (Celeste Coelho Brandão) – NININHA – Valdemar de Oliveira.
Disco Odeon 10.631-A.
Julho de 1930.
Arquivo Nirez.
Coisas que o tempo levou.
luciano hortencio.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  A Viola de Samba e o Samba de Viola do Recôncavo da Bahia no acervo de Waddey, por Josias Pires