Angela Merkel coloca acordo Mercosul-UE em xeque

Chanceler alemã diz ter ‘sérias dúvidas’ sobre acordo com bloco latino-americano; Brasil acumula sucessivas rejeições entre países europeus

Angela Merkel, chanceler da Alemanha. Foto: Reprodução

Jornal GGN – A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, colocou o acordo de livre comércio entre Mercosul e a União Europeia em dúvida por conta do aumento das queimadas e do desmatamento na Amazônia.

“Temos sérias dúvidas de que o acordo possa ser aplicado conforme planejado, quando vemos a situação na Amazônia”, afirmou o porta-voz da chanceler, Stephan Seibert, segundo o jornal Folha de São Paulo. A Alemanha era um dos países mais favoráveis ao acordo.

Embora tenha sido assinado no ano passado, o acordo de livre comércio ainda não foi validado por conta da necessidade de ratificação pelos parlamentos nacionais, mas os parlamentos da Áustria e da Holanda rejeitaram o acordo no formato atual, enquanto países como Bélgica, França e Luxemburgo expressaram dúvidas.

A ombudsman da União Europeia, Emily O’Reilly, abriu uma investigação sobre o acordo na última semana, a pedido de cinco ONGs sobre o estudo de seu impacto ambiental.

 

 

Leia Também
A escalada fascista em Portugal, ou ceci n’est pas du racisme, por Sylvia Moretzsohn
Após China detectar coronavírus em frango brasileiro, OMS diz que não há risco
Trump, Biden e uma eleição decisiva na terra da democracia, por Rafael R. Ioris

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora