Cada general no seu quadrado no quartel de Bolsonaro

Quarto andar do Palácio do Planalto é totalmente ocupado por militares; e todos eles só obedecem ao capitão presidente da República

Quarto andar do Palácio do Planalto passa a ser totalmente ocupado por militares. Foto: Reprodução

Jornal GGN – O general Walter Braga Netto assumiu a chefia da Casa Civil nesta terça-feira com a missão de fazer o governo andar. Contudo, assim como os outros militares do chamado núcleo duro do governo, ele não terá voz de comando sobre seus pares.

Com a nomeação de Braga Netto, o quarto andar do Palácio do Planalto passa a ser ocupado apenas por ministros militares e, do lado de fora do gabinete presidencial, nenhum general se subordina a outro: Braga Netto vai chefiar a Casa Civil; Augusto Heleno Ribeiro seguirá dando as ordens no Gabinete de Segurança Institucional (GSI) e Luiz Eduardo Ramos, na Secretaria de Governo.

Segundo informações do jornal O Estado de São Paulo, os generais estão hierarquicamente no mesmo nível dentro da nova configuração do Planalto, e só obedecem o comandante em chefe: o presidente Jair Bolsonaro, que, por sinal, é capitão. Ninguém manda em ninguém. Só Bolsonaro manda em todos.

Bolsonaro se queixa de estar sobrecarregado e reclama de que todos os problemas da Esplanada são levados diretamente a ele por absoluta falta de coordenação da gestão. Além da escolha de Braga Netto, o presidente nomeou o vice-almirante Flávio Rocha na Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE). Com isso, ele pretende ter mais tempo para dar atenção a projetos que favoreçam sua reeleição.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Coronavírus: Brasil ganha quase 1 mil casos por dia, e chega a 12.056

2 comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome