Comandante militar do Reino Unido insinua que 3ª guerra mundial está a caminho e prepara tropas britânicas

Militar insinua que outra guerra mundial acontecerá e que as tropas britânicas precisam estar preparadas para "lutar pela Europa novamente"

General Patrick Sanders. Foto: Divulgação
General Patrick Sanders. Foto: Divulgação

Na última segunda-feira (12), o general Patrick Sanders foi nomeado novo chefe do Exército do Reino Unido. O cargo é semelhante ao de Ministro da Defesa, no Brasil. Ele substituiu o general Mark Carleton. Logo ao assumir o posto, o militar enviou uma carta a seus comandados, com preocupações acerca da guerra entre Rússia e Ucrânia.

“A invasão russa à Ucrânia traz consigo nosso principal objetivo de proteger o Reino Unido ao estarmos preparados para lutar e vencer guerras em terra firme”, dizia o documento. As informações são do portal Sky News.

Na mensagem, Sanders dá a entender que outra guerra mundial acontecerá novamente e que as tropas britânicas precisam estar preparadas para “lutar pela Europa novamente”.

“Lutar pela Europa novamente”

Segundo o novo chefe dos quartéis ingleses, ele é o primeiro líder desde 1941 a assumir o controle “sob o temor de uma guerra terrestre envolvendo uma potência continental”.

As declarações de Patrick Sanders vem na mesma linha do discurso adotado pelo primeiro ministro britânico, Boris Johnson, e do secretário geral da OTAN, Jens Stoltenberg.

Para eles, o ocidente precisa se preparar para defender a Ucrânia a longo-prazo.

LEIA: A guerra na Ucrânia e o cinismo ocidental, por Jacques Baud

Russos permanecem na Ucrânia

As preocupações dos líderes europeus vêm após Putin mostrar que está longe de retirar suas tropas e informações darem conta de que a guerra no território não deve acabar tão cedo.

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anderson Pereira de Carvalho

- 2022-06-22 08:07:05

O general deve ter faltado as aulas de História porque deixou de aprender que por pouco muito pouco a Inglaterra não foi invadida pelos NAZIFASCISTAS e não foi devido a árdua campanha das forças russas contra Hitler lhe impondo sérias perdas as suas forças armadas! Deveria ser mais grato a Rússia pela ajuda!

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador