Complô da Lava Jato está provado e Lula deveria ser solto, diz defesa

"Ninguém pode ter dúvida de que os processos contra Lula estão corrompidos pelo que há de mais grave em termos de violações a garantias fundamentais e à negativa de direitos"

Imagem: Youtube/Tutameia

Jornal GGN – A defesa do ex-presidente Lula publicou na noite de domingo (9) uma nota oficial afirmando que a perseguição e atuação arquitetada da Lava Jato contra o petista está provada pelas reportagens do portal The Intercept, que revelou conversas privadas de Deltan Dallagnol, Sergio Moro e outros procuradores de Curitiba. O material prova que Moro forneceu dicas, estratégias e também cobrou ações do Ministério Público, extrapolando suas funções legais.

Leia aqui: Intercept revela conversas privadas entre Moro e Dallagnol

Na visão da defesa de Lula, as mensagens atestam o que já foi denunciado no Brasil e à ONU: que a Lava Jato montou um processo frágil contra o petista, para atender a seus anseios políticos. O ex-presidente deveria ser inocentado e solto imediatamente, defendem os advogados Cristiano Zanin e Valeska Martins.

Leia, abaixo, a nota completa:

Em diversos recursos e em comunicado formalizado perante o Comitê de Direitos Humanos da ONU em julho de 2016 demonstramos, com inúmeras provas, que na Operação Lava Jato houve uma atuação combinada entre os procuradores e o ex-juiz Sérgio Moro com o objetivo pré-estabelecido e com clara motivação política, de processar, condenar e retirar a liberdade do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A reportagem publicada hoje (09/06/2019) pelo portal “The Intercept” revela detalhes dessa trama que foi afirmada em todas as peças que subscrevemos na condição de advogados de Lula a partir dos elementos que coletamos nos inquéritos, nos processos e na conduta extraprocessual dos procuradores da Lava Jato e do ex-juiz Sergio Moro.

A atuação ajustada dos procuradores e do ex-juiz da causa, com objetivos políticos, sujeitou Lula e sua família às mais diversas arbitrariedades. A esse cenário devem ser somadas diversas outras grosseiras ilegalidades, como a interceptação do principal ramal do nosso escritório de advocacia para que fosse acompanhada em tempo real a estratégia da defesa de Lula, além da prática de outros atos de intimidação e com o claro objetivo de inviabilizar a defesa do ex-Presidente.

Ninguém pode ter dúvida de que os processos contra o ex-Presidente Lula estão corrompidos pelo que há de mais grave em termos de violações a garantias fundamentais e à negativa de direitos. O restabelecimento da liberdade plena de Lula é urgente, assim como o reconhecimento mais pleno e cabal de que ele não praticou qualquer crime e que é vítima de “lawfare”, que é a manipulação das leis e dos procedimentos jurídicos para fins de perseguição política.

Cristiano Zanin Martins e Valeska Teixeira Martins

5 comentários

  1. Lula é preso político sem dúvida disso….. acredito que que essa corja de ladrões e milicianos que estão em Brasília logo perderam a mamata….. Lula livre e sinônimo de justiça e liberdade, a quem esses ladrões favorecem??? Somente a eles, esse presidente do dice Bozo favorável apenas aos empresários e tem pobre apoiando uma coisa que não sabe o significado, 90% dessas pessoas mudaram de vida com o Lula e agora contam vantagens de algo que não tem entendimento, o Brasil é assim, país pobre de educação sem cultura. Outra coisa falam que o Lula investiu na Venezuela e Cuba, mas na verdade o país que mais foi investido dinheiro do BNDES foi o próprio Estados Unidos se informem antes de falar olhem o portal do BNDES tem uma página que falam dos investimentos do próprio BNDES, não sejam tão burros e deixem de ser gado desses mentirosos e acordem pra realidade, se o Lula roubou tudo isso ue falam e o filho dele porque não mostraram é melhor porque não provaram tudo isso se é verdade???? Porquê????? O sítio foi vendido pelo verdadeiro dono e agora o que vcs tem a dizer???? O povo é muito burro em cair em qualquer conversa fiada, esse Bolsonaro é igual ou pior que o Collor só gritou o que o povo queria ouvir entrou lá e já esqueceu do povo, o que ele faz pra agradar uns e outros no momento parece bom mas no futuro breve não será tão bom assim. Queria que o povo acordasse e deixasse de lado esse papo de direita e esquerda pois o Brasil é um só. Eles querem divisão do povo, para justificar qualquer bandeira que alguns covardes e insensatos levantarem, então espero que pensem se levantar bandeira de a ou b pois só assim seremos um país e seremos um povo, pois sem perceberem estão parecendo milícias defendendo ladrões políticos sujos e mentirosos.

  2. AVISO DO DJ.O GGN precisa acordar mais um pouco sobre esse Tsunami do Intercept.Essa cautela do Blog,me parece, de que o vazamento teria ocorrido de forma não republicana,eu vou receber como piada.Ou a midia suja,porca ou mal lavada,faz a sua parte,ou fica tudo dantes no Quartel de Abrantes,até por que,esses vazamentos tomarão conta até do Consórcio Mafimídiatico nos próximos dias.Lembro de bom grado da ex Presidenta Dilma:”Quando a barragem romper,não ficará pedra sobre pedra”.Parece que rompeu.

  3. Houve, ou não direcionamento?

    “Plano A: tentar recurso no próprio STF, possibilidade Zero. Plano B: abrir para todos fazerem a entrevista no mesmo dia. Vai ser uma zona mas diminui a chance da entrevista ser DIRECIONADA”. – Procurador Federal Januário Paludo

    “Quanto ao conteúdo das mensagens que me citam, não se vislumbra qualquer anormalidade ou DIRECIONAMENTO da atuação enquanto magistrado, apesar de terem sido retiradas de contexto e do sensacionalismo das matérias, que ignoram o gigantesco esquema de corrupção revelado pela Operação Lava Jato” – $érgio Moro

    Como os eventuais criminosos do judiciário e do MP afirmam que suas mensagens foram descontextualizadas, em gostaria de ver o Procurador Januário Gojoba contextualizar a mensagem de sua autoria acima reproduzida.

  4. O juiz Moro não foi imparcial em suas atitudes, agiu de forma a reforçar as provas contra Lula facilitando a imputação de uma pena severa contra os crimes praticados, o que se deu até no julgamento em segunda instância.
    Mas isso não invalida os depoimentos de mais de 40 pessoas (dentre eles, Palocci, Léo Pinheiro, José Afonso Pinheiro, o zelador do edifício Solaris e tantos outros), todas no mesmo sentido, mostrando que Lula fazia parte de uma quadrilha instalada no coração dos poderes maiores do país. Isso não causou prejuízos apenas restritos ao valor do triplex do Guarujá ou do sítio de Atibaia.
    Cada centavo desviado causou rombos gigantescos nas contas públicas, porque o dinheiro da corrupção não fica restrito ao pagamento ao corrupto, mas paga-se pelas infinitamente maiores vantagens obtidas em detrimento das pessoas justas e bem intencionadas. Tudo isso causou desemprego, mortes nas filas de hospitais, aumento da violência e assim por diante. A sociedade pagou e continua pagando caro por tudo isso.
    A revelação de uma conversa no celular vai mudar tudo isso? Vai converter um culpado em inocente?
    Acorda, Brasil!!!

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome