Ex-HSBC, André Brandão, assume oficialmente a presidência do Banco do Brasil

Nomeação, sugerida por Paulo Guedes, para ocupar lugar de Rubem Novaes foi publicada do DOU desta terça-feira, 22 de setembro

Andre Brandão. | Foto: Agência Senado

Jornal GGN – André Brandão deixou o HSBC para assumir oficialmente a presidência do Banco do Brasil. A nomeação sugerida pelo Ministro da Economia de Jair Bolsonaro (sem partido), Paulo Guedes, foi publicada nesta terça-feira, 22 de setembro, em edição extra do Diário Oficial da União (DOU). 

Em agosto, o nome de Brandão já tinha sido comunicado informalmente a dirigentes do banco pelo Palácio do Planalto. Ele assume o cargo de Rubem Novaes, que anunciou sua saída da instituição em 24 de julho, mas deixou oficialmente o posto também nesta terça-feira. 

Nesta manhã, Bolsonaro, Brandão, Novaes e Guedes, estiveram reunidos, em Brasília, para uma “posse simbólica” do novo presidente do BB, de acordo com informações do jornal Estado de S. Paulo. 

Para assumir o novo cargo, Brandão deixou o cargo de head de Global Banking e Markets para as Américas do HSBC. 

Novaes, que defendia a privatização do Banco do Brasil, deixou a presidência da instituição financeira uma vez que a desestatização não estava nos planos de Bolsonaro.

No entanto, o ex-presidente, tinha apoio de Guedes, que em reunião ministerial de 22 de abril, chegou a dizer: “Tem que vender essa porra logo”.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora