Militares na reforma da Previdência. Cadê os outros?, por André Araujo

Militares na reforma da Previdência. Cadê os outros?

por André Araujo

Porque esse contínuo foco naquilo que seria um problema, os militares na Previdência? Porque NÃO SE FALA de gente muito, mas muito mais cara para as folhas de pagamento do Tesouro, MILITARES GANHAM POUCO no Brasil, o soldo de um General no fim da carreira é menor do que de um Juiz do Trabalho iniciando a carreira. As categorias CARÍSSIMAS não são mencionadas no tema REFORMA DA PREVIDÊNCIA, os militares são os POBRES DO FUNCIONALISMO, não batem no teto. As corporações jurídicas começam no teto e vão ao infinito.

Qual a razão de só se falar em militares? Onde estão os milionários do funcionalismo? Existem agências de turismo de luxo especializadas em FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS, os melhores clientes dos cruzeiros caros no Caribe e no Mar Baltico, porque eles têm algo que empresários bem sucedidos não tem, FÉRIAS TRANQUILASa E LONGAS, algumas de dois meses e muito dinheiro para gastar. Empresarios, no geral, não podem tirar férias longas, precisam cuidar da empresa que tem problemas todo dia. Uma querida tia, viúva de Procurador do Estado, deu volta ao mundo oito vezes com a pensão do marido, ficou viúva 22 anos, caso real na minha familia, não é uma situação rara. A Reforma da Previdência só enquadra militares que já ganham pouco? Cadê os outros?

Há FOLHAS MONUMENTAIS de aposentadorias e pensões em outros poderes e muito longe dos militares. Vão ser enquadrados ou nem se fala nisso nos debates sobre reforma da Previdência? Que tal ver a folha de aposentadoria e pensões da ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO RIO DE JANEIRO? Ou da CÂMARA DE VEREADORES DO RIO DE JANEIRO. Nesta segunda, soube que há 400 aposentadorias acima do teto, que é hoje 39 mil Reais, inclusive de um chefe de garagem.O mesmo se repete em TODAS as ASSEMBLEIAS LEGISLAIVAS e nas CÂMARAS DE VEREADORES das capitais, especialmente nos estados mais pobres, nos 30 TRIBUNAIS DE CONTAS. E isso sem falar do CONGRESSO NACIONAL e seu orçamento de 12 BILHÕES DE REAIS, maior do que o Congresso dos Estados Unidos (3,3 bilhões de dólares) que é todavia suportado por uma economia 11 vezes maior. As aposentadorias e pensões nos EUA pagas pelo Estado são MISERÁVEIS perto das nossas, nunca integrais, aposenta-se com muito menos que o salário e as pensões são menores ainda, uma viúva gasta menos que um casal.

E aqui deixo de falar de uma Justiça cujo Conselho Nacional, que deveria ser uma sala no Supremo, só o CNJ tem orçameno de 260 milhões de Reais em 2018, um simples conselho de controle custa essa fábula. Já o Supremo custa muito mais, com quase 4.000 servidores.

Onde estão os relatórios do TESOURO NACIONAL sobre auditoria em ACÚMULO DE APOSENTADORIAS E PENSÕES em certos CPFs?  Será que o corte do teto está funcionando REALMENTE? Que tal o caso de um magistrado aposentado, que também deu aulas em universidade estadual, casado com outra magistrada (algo comum) que faleceu e deixou pensão, a acumulação foi detectada ou não? Rendas de mais de 100 mil por mês pagas pelo Estado, é caso de Revolução Francesa, um Paíis pobre não pode sustentar essa nobreza, perto disso os militares são frades franciscanos.

Porque se fala somente na PENSÃO DA FILHA SOLTEIRA dos militares, se a rica atriz Maitê Proença, que mora em um predio símbolo de milionários, foi casada na vida mas não de papel passado, recebe até hoje pensão de filha solteira do pai Promotor, um caso público conhecido?  Ai não tem militar, mas a PENSÃO DE FILHA SOLTEIRA vale para muito mais categorias do que de militares MAS SÓ SE FALA DE MILITAR, que repito, ganham MUITO MENOS do que outras categorias pagas pelo Tesouro e que também carregam suas filhas solteiras no enxoval da folha de pagamentos.

Se fizerem uma comparação simples, quanto ganha um General de 4 estrelas nos EUA e no Brasil, o brasileiro ganha muito menos. MAS se fizerem a mesma comparação com outras categorias de vencimentos de funcionário público entre Brasil, EUA e Alemanha, o Brasil ganha disparado. Nós, país pobre, pagamos MUITO MAIS para o ALTO FUNCIONALISMO do que países riquíssimos. Tenho amigos que trabalham e trabalharam no Departamento de Estado, ganham uma miséria e a aposentadoria é de 2% por ano trabalhado, se trabalhou 30 anos se aposenta com 60% do salário, que já era baixo.

Essa REFORMA DA PREVIDÊNCIA não será séria se NEM SE FALAR nas categorias do ALTO FUNCIONALISMO que não usa farda e ganha muito mais que generais e almirantes. Parece que a ideia é desviar a atenção focando nos militares para tirar a lupa dos outros poderes. É o que a midia está fazendo.

17 comentários

  1. O André tem razão total em

    O André tem razão total em relação ao judiciário e legislativos. Raros são os que tocam no assunto, mesmo nos blogs alternativos de esquerda. Mas os militares tem privilégios, se comparados à maioria dos trabalhadores brasileiros. Se aprovada a proposta da reforma da previdência, nos termos divulgados hoje, a massa dos trabalahdores irá morrer antes de se aposentar.

    • Privilégios?
      Eu só não entendi os privilégios que os militares têm, nós não podemos fazer greve, não recebemos adicional noturno, não recebemos horas extras, não recebemos remuneração por periculosidade, não recebemos FGTS, não dispomos de folgas, uma vez que estamos sempre de sobreaviso, em Pernambuco somos descontados em 13,5% de FUNAFIN, me diz aí qual é o nosso privilégio mesmo?

  2. Quantos generais há na reserva?

    Concordo plenamente. Trabalho desde os 14 anos, faltam 7 para me aposentar. Com certeza essa dívida, se é que existe, não é minha. Basta somar os meus pagamentos que constam do Banco de Dados do INSS para constatar. Se eu me aposentasse hoje, o INSS ainda estaria no lucro.

    Juizes, Procuradores, Generais, já não sei. Quantos generais de pijama nós temos, quantas viúvas pensionistas e quantas filhas amasiadas? Aqui eu quero ser pejorativo mesmo, pois não casam e não declaram sua união estável para não perderem a boquinha. E não venha me dizer que isso acabou. Acabou mas tem filha que ainda vai receber até 2.100.

    Então, se considerar todos os custos dos generais, viúvas e filhas, e dividir pelo número deles na ativa, quanto custa?

  3. André vc tem certa razão.
    So
    André vc tem certa razão.

    So que quando se fala em militares se esta incluindo tambem as policias e bombeiros de todo o país.

    A proposta que vazou é ruim por este e outros motivos.

  4. E agora?uem p

    Mas e agora? É certo tudo o que se disse sobre Judiciário e juízes e talvez seja mesmo com relação ao Legislativo. Não obstante, o preparo de nossos oficiais das Forças Amadas é ridículo. Pouco ou nada sabem de técnicas de combate modernas e passam o tempo todo “jogando dominó” nos quartéis e planejando golpes de Estado, e pessoalmente se servem de  cerca de uma dúzia de ajudante de ordem, que levam ffilhos à escola e esposas ao dentista e à manicure, sem contar serviçais na vila militar com casa fornecida pela Instituição!!. O salário deles é pouco em relação ao acintoso rendimente de juízes e outros que tais.No entanto, é maior que dos oficiais americanos por exemplo, que passam a carreira toda com a possibilidade de entrar em combate e morrer, em razão das constantes invasões provocadas!!!. Quem prestou serviço militar, e portanto é de origem humilde- e eis aqui outro “probleminha”,a saber: por que coxinha passa bem longe dos quartéis?, quem prestou esse serviço sabe disso. Fora do tema, mas algo relacionado, queria saber por que motivo ninguém toca na possibilidade de PRIVATIZAR O Judiciário e acabar com essa festa. É preciso lembrar que tabelionatos são todos privatizados e no mais das vezes, tratam de temas muito mais complexos e delicados que a maioria das ações  ações judiciais, quase sempre ridículas, mormente as do plano civel!!! É só entar no site do STJ para ver lá: ” decisões padronizadas”!!!! Outro tema: se a Amazônia não pode ser admoinistrado por brasileiros, se a base de Alcântara será cedida aos americanos e todo o norte do país será patrulhado por tropas americanas, e sem posssibilidade de brasileiros cirularem livremente, (e já não circulam, mas por outro motivo), e se o petróleo todo será “concedido” a empresas estrangeiras, qual a mais forte razão, o melhor motivo para a manitenção das Forças ARmadas tal como a conhecemos, com despesas anuai s de mais de 80 bilhões? Por oportuno, um ministtro disse que nós- todos nós-, somos ladrões e canibais, outro Ministro, parece que fazenda, disse que empresários brasileiros, são imcompetentes, safados, parasitas e salafrários. Então, diante de tudo, que fazer deste país? Há algo a se esperar além de “poeiras em alto mar”/

    • Mas um coronel da PM não pode
      Mas um coronel da PM não pode JAMAIS ser comparado com um Oficial qualquer das FORÇAS ARMADAS porque aquele trabalhou na ruas em uma guerra real e sangrenta em defesa da sociedade Paulista!! E o oficial das FORÇAS ARMADAS? Lutou de verdade quando, por quanto tempo na carreira? É militar de escritório…

  5. MARAJÁS

    Boa noite

    Sempre aprendendo com os textos do André.

    Não é possível nem chamar de marajás as pessoas que acabam com o país. São mais que marajás. Os membros do judiciário ,com seus salários monstruosos, são talvez os piores de todos. O auxílio moradia, que vigorou de 2014 até 2018, custava cerca de 1,3 bilhão ao ano. Já o MP sequer se dispôs a informar quanto custou somente esse “auxílio”.

    Como bem escreveu o André, por menos ocorreu a Revolução Francesa. Por falar nisso, somente uma revolução poderia acabar com esse tipo de crime legalizado. Uma régua devera ser passada e todos, todos os privilégios tinham que ser cortados. O judiciário deveria ser completamente reformado, inclusive com o fim da vitaliciedade.

    Não viverei para ver isso, mas quem sabe …

    Um abraço e vamos à luta.

  6. MAITÊ PROENÇA….

    Já que o sr. citou o caso, revela excepcionalmente a nossa tal Elite Esquerdopata que não se diz, nem quer se enxergar Elite. Elite Cultural e Intelectual que vive a criminalizar o tal “Capitalismo” dos outros. E fez isto por uma vida inteira, como tantos outros ricos e milionários da nossa Intelectualidade Tupiniquim. Vale ainda lembrar que até os anos de 1990, no Governo FHC, nosso Poder Judiciário se dizia incapacitado, vagaroso, burocrático, ineficiente devido à falta de Verbas. Computadores eram exceções nas Varas e Fóruns, geralmente trazidos por Funcionários ou doados por Empresas. Então foi direcionado parte do Orçamento Obrigatório diretamente, exclusivamente e independentemente ao Poder Judiciário. Criamos um novo Feudo dentro do Estado Brasileiro. Capitanias Hereditárias dentro do ‘Reino de Oz’ do Judiciário Nacional. Todos defeitos continuaram lá por estas décadas todas. Mas agora Vossas Majestades convivem no ciberespaço do luxo que só Verbas, Salários, Pensões, Aposentadorias e Orçamentos Exclusivos pode propiciar. País de muito fácil explicação. Progressista, Redemocrático, Igualitário, Socializante, Republicano diziam. Lá nos anos 90.   

  7. #

    É inegável que precisa haver uma reforma na Previdência. Mas é inaceitável que alguns setores privilegiados fiquem de fora. Até porque sabemos que os que mais serão atingidos serão as classes baixa e média dos trabalhadores da iniciativa privada.

    Concordo com o Andre.

     

  8. Perder para ganhar

         Que o sistema previdenciario dos militares será reformado é ponto já certo, mas concomitante ao aumento do tempo de serviço, restrições sobre pensões, alterações em outros subsidios, ocorrerá uma elevação dos salarios/subsidios ao pessoal da ativa, principalmente os relativos a “especializações” dos “de carreira”, e diminuindo o dispendio salarial e previdenciario futuro, ao agregar nas FFAA oficiais subalternos com contratos temporarios ( até 8/10 anos – em estudo ), contribuintes exclusivamente ao regime geral.

  9. Quem vigia o vigia?
    Veja André: pq eles, os políticos, se colocariam, e as suas futuras gerações, em perigo fazendo uma reforma que impactaria seus ganhos financeiros, e indiretamente, poder? Eles querem é isso mesmo: botar no *u dos militares para “mostrar para a população” que “fizeram reformas” e ainda pagarem de bons políticos. Canalhas até o último fio de cabelo.
    Nós TB, como população e pelo tipo de sistema político (já falado aqui: o pior do parlamentarismo + o pior do presidencialismo) não conseguimos ter nem comitês de bairro, para tomar decisões que impactam o nosso dia-a-dia, imagine controle sobre os milhares de órgãos federais, estaduais e municipais que temos espalhados por este Brasilzao nosso…

    Gostaria muito de conversar mais sobre esse assunto também… Quem controla os controladores: quem faz as contas do TCU? Quem pune os políticos? O judiciário? E os militares?
    Deveriamos ser nós, o povo, organizado… Mas quem disse que esses acima vão deixar acontecer isso. Depois do que fizeram com Lula, Dilma, e agora vão se vingar com bozonazi, só abriu a portinha do inferno sem limites confirmando: podemos fazer tudo pois o povo não fará nada!
    Nuvens negras no céu nos próximos 4 anos…

  10. Quem diz uma série de barbaridades como os que disseram acima sobre os militares nao tem ideia do que é ser militar. Tomam por base uma minoria que, talvez, façam realmente o que está escrito pelos autores (não vou me dar ao trabalho de cita-los, pois não merecem). Que tal se conhecessem o sistema de controle de tráfego aéreo?? E responsabilidade da FAB. Sabem pq Srs?? Controladores de tráfego aéreo , por exemplo e so para ficar nesta categoeia, não fazem greve, prestam um serviço de excelente qualidade, são mal remunerados e invariavelmente não reclamam. Por isso o sistema está na mão dos militares. Com o que recebem, se o serviço estivesse na mão dos lamboes já teria tido um sem número de greves e o país estaria parado. Vao conhecer o trabalho das FFAA antes de emitirem juízo de valor.

    • Não duvide, mas pelo jeito que a “Dimensão 22 ” da reestruturação da FAB, no tópico “controlar” , a passagem/privatização do controle de trafego aereo civil é ponto de chegada

    • Não adianta a direita pegou ao da esquerda das filhas dos militares e a idade e boi de piranha ! A grande casta do judiciario e legislativo ! Setor privado tem que levar o social e rural nas costa !

  11. Equipe ggn e Nassif: Clico no “comentários mais antigos” e ele volta pro primeiro da página que estou vendo… Gosto muito de ler os comentários pq geralmente aprendemos com os vários pontos de vista e conhecimento dos que comentam… Abraço!

  12. 10 Propostas sobre previdência dos trabalhadores:

    1°- Ninguém poderá mais fazer greves, manifestações, se associar a sindicatos e a partidos políticos;

    2°- É proibido falar do governo. Entrevista só se for autorizado;

    3°- Não há mais FGTS para ninguém;

    4°- Não será mais pago hora-extra, em hipótese alguma;

    5°- Não existe adicional noturno à ninguém;

    6°- Não será pago periculosidade à ninguém;

    7°- Insalubridade não será mais paga;

    8°- Caso o empregador necessite, o empregado estará disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana, sem custo algum para o empregador;

    9°- Férias será a critério do patrão. Podendo ser interrompidas por necessidade do serviço;

    10°- O trabalhador pode ser transferido à qualquer lugar, com ou sem família. Com ou sem tempo determinado. Tudo a critério do patrão e a qualquer momento.

    Com estas 10 medidas o trabalhador poderá se aposentar com 30 anos de contribuição, porém, seguirá contribuindo para a previdência até o seu falecimento, nem que viva mais de 100 anos.

    ACHOU ABSURDO???
    Pois é assim o sistema previdenciário dos militares. E mesmo assim as missões constitucionais e os interesses da nação continuam sendo cumpridos desde o Império.
    E ainda falam em cortar privilégios.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome