Moro é “desde já” pré-candidato à Presidência e se filiará ao Podemos

Moro não quer mais depender do humor e boa vontade de Bolsonaro. Informação circula em site restrito e respeitado na cena política brasiliense

Foto: Agência Brasil

Jornal GGN – Texto assinado pelas jornalistas Helena Chagas e Lydia Medeiros, em um site restrito e com credibilidade na cena brasiliense, afirma o ministro Sergio Moro é “desde já” pré-candidato à Presidência da República em 2022, e no “tempo certo” se filiará ao Podemos.

A equipe do Tag Report ouviu de uma fonte ligada a Moro que o ex-juiz da Lava Jato “perdeu a ingenuidade” e não quer mais entusiasmado com a possibilidade de obter uma cadeira no Supremo Tribunal Federal ou ser candidato a vice-presidente na tentativa de reeleição de Jair Bolsonaro.

Nos dois casos, Moro dependeria “do humor instável” de Bolsonaro, o que ele não quer.

O problema para Moro é Bolsonaro. O ministro não pode sair do governo antes do tempo, sob risco de cair no limbo político. E usa o pacote anticorrupção para ficar em evidência e se aproximar de deputados e senadores. Ao mesmo tempo, não sabe como o atual presidente de ultradireita irá reagir às notícias de seu projeto político pessoal.

Em Os Divergentes desta segunda (9), Helena Chagas complementou que a movimentação de Moro em Brasília “não deixa dúvidas de que é uma opção à direita para 2022.”

“O que se indaga agora é o que fará Bolsonaro, que tem mais três anos de provável desgaste pela frente, com um pré-candidato em sua cozinha. Vai desistir e abrir para Moro? Confirmar os rumores de que o convidará para ser vice em sua chapa? O ex-juiz vai aceitar, tendo condições para fazer um vôo próprio? É o que a República se pergunta neste finalzinho de ano.”

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora