O principal representante da Lava Jato no STJ está prestes a se aposentar

A vaga será preenchida por alguém indicado pela Ordem dos Advogados do Brasil, através de lista submetida ao presidente da República.

????????????????????????????????????

Paranaense, o Ministro Felix Fischer, do superior Tribunal de Justiça (STJ) foi o elo final da corrente paranaense no Judiciário, que começava com Sérgio Moro na 1a Instância, passava pelo Tribunal Regional Federal da 4a Região e terminava em Fischer.

Durante toda a Lava Jato a corrente paranaense atuou em sintonia, atuando politicamente e não permitindo uma exceção sequer no reconhecimento dos direitos dos réus.

Há 6 meses Fischer está de licença médica e próximo à aposentadoria. A vaga será preenchida por alguém indicado pela Ordem dos Advogados do Brasil, através de lista submetida ao presidente da República.

É evidente que Bolsonaro não endossará nome apoiado pela OAB. Mas dificilmente indicará alguém alinhado com a Lava Jato.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

6 comentários

  1. Fischer, Moro, Laus, Gebran não é coincidência os sobrenomes italiano e alemão. São descendentes de imigrantes nazistas e fascistas que vieram para o Brasil no período pré e pós a segunda guerra.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome