Os indicadores de serviços confirmam debilidade da recuperação da economia, por Luis Nassif

Por esses dados, o setor de serviços - o de maior peso na economia - vai levar tempo para se recuperar, antes da pandemia ser dominada. Ainda não há prazo visível para o controle da pandemia.

Os indicadores do mercado de serviços mostra a fraqueza da economia e a dificuldade da recuperação, após a pandemia.

Confira os gráficos preparados pelo GGN.

Aqui, um gráfico mostrando o desempenho do setor em maio, em relação a abril.

 

Nessa comparação, a queda em maio de 0,7%, com alta em dois setores, a de Serviços Prestados à Família  (+5,8%) e Transporte, Serviços Auxiliares e Correio (+4,4%).

Quando se compara com março, no entanto, se percebe que a recuperação de abril foi insuficiente para compensar as perdas anteriores.

 

 

Repare, então, que a queda foi disseminada. Em mario, o setor de serviços estava em um nível 13,7% abaixo do nível de março. No caso de serviços prestados às famílias, o nível é 40,6% inferior. Em Transportes, queda de 14,8%.

Outro setor profundamente afetado é o de Turismo, conforme pode-se avaliar na tabela abaixo, mostrando a queda na atividade por estado.

Por esses dados, o setor de serviços – o de maior peso na economia – vai levar tempo para se recuperar, antes da pandemia ser dominada. Ainda não há prazo visível para o controle da pandemia. E as ferramentas de apoio do governo federal são claramente insuficientes. O capital de giro continua sem chegar às pequenas empresas, assim como o apoio à manutenção do emprego. O Ministro da Economia Paulo Guedes continua preso a preconceitos ideológicos. E mídia e mercado insistem no terrorismo fiscal, uma prática tão nefasta e primária quanto as lendas urbanas de Damares e Weintraub.Ainda falta mais sacrifício do país para cair a ficha dos governantes, ou para cair os governantes cuja ficha não caiu.

 

Leia também:  Total de congressistas eleitos em eleições municipais é 60% menor

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

2 comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome