XP aposta na alta da Bolsa; e seu sistema sai no ar no dia de queda das cotações

O ponto central é que nos últimos meses a XP, com seu formidável poder de indução a parte expressiva de investidores pessoas físicas, vinha fazendo um enorme esforço altista na Bolsa. 

Segundo a Folha, no primeiro dia de saídas maciças da Bolsa, o site da XP Investimentos saiu do ar.

Diz a matéria

Na primeira grande turbulência do mercado financeiro após a massiva entrada de investidores na Bolsa, a plataforma de negociação de ações da XP Investimentos —maior corretora do país— apresenta instabilidade e chegou a ficar fora do ar durante parte do início do pregão desta quarta (26), relatam investidores pelas redes sociais.

O home broker da Clear Corretora, outra empresa da XP Inc., também teve problemas, segundo relatos de clientes.

Alguns investidores afirmaram em redes sociais que não conseguiram acessar a plataforma em nenhuma dessas duas corretoras. Outros, que conseguiram acesso, enfrentaram atrasos nas ordens de compra e venda de ações.

Tempos atrás, correu a notícia de que a economista-chefe da XP, Zeina Latif, tinha sido demitida por colocar dúvidas sobre o processo de recuperação da economia, e críticas aos gastos excessivos da XP para promover a imagem de Luciano Huck em seus comerciais. Posteriormente, Zeina alegou outros motivos para a saída.

O ponto central é que nos últimos meses a XP, com seu formidável poder de indução a parte expressiva de investidores pessoas físicas, vinha fazendo um enorme esforço altista na Bolsa.

De repente, coronavirus, desgaste de Paulo Guedes, acirramento da crise política provocam uma queda nos índices.

É nesse momento que os problemas técnicos da XP atrasam as ordens de compra de seus clientes.

Obviamente, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) vai investigar o ocorrido. Nos EUA, a comprovação de manipulação pela SEC daria prisão. Mas a XP é contratante habitual de palestras de procuradores e Ministros do STF.

9 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Evandro Condé

- 2020-02-27 15:45:04

Manchete do Valor em março de 2019. XP: dólar pode chegar a R$ 4,20 se a reforma da Previdência não passar Por Álvaro Campos, Valor — São Paulo

Olyrio

- 2020-02-27 12:11:06

Bolsa não é pra leigos (principiantes). As cobras criadas deram o bote e estão fartos da rapina que acaba de acontecer.

altamiro souza

- 2020-02-27 00:14:50

aí apareceu o diabo no meio do redemoinho pra estragar a festa da jagunçada bursátil

altamiro souza

- 2020-02-27 00:14:08

aí apareceu o diabo no meio do redemoinho pra estragar a festa da jagunçada bursátil

Maria Thereza

- 2020-02-26 21:28:47

seria interessante se tivéssemos algum tipo de comissão de valores mobilários. Essa XP já teria sido extinta. Infelizmente o que temos por aqui não funciona.

Rafael

- 2020-02-26 18:45:22

"os problemas técnicos da XP atrasam as ordens de COMPRA (sic) de seus clientes". Nassif, não seria ordem de venda dos clientes?

André Oliveira

- 2020-02-26 17:08:58

A canalha.

Edivaldo Dias de Oliveira

- 2020-02-26 16:42:45

Classe média alta golpista que investe em papeis na XP, num dia ruim correu para vender encontrou problemas para acessar a corretora. Ela que apoiou o golpe pode ter sido vítima de um por parte da XP/Itaú. eles são bons nisso.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador