Havan: entre Orwell e a distopia, por Rodrigo Botelho

Havan: entre Orwell e a distopia

por Rodrigo Botelho

EU NÃO CONSIGO PARAR DE OLHAR PRA ESSA FOTO.

O dono das lojas Havan, declaradamente apoiador do Bolsonaro, resolveu realizar um evento com os funcionários que chamou de “movimento cívico”. Ele fez um discurso, mencionou que foi feita uma pesquisa entre os funcionários e muitos ainda não haviam decidido o seu voto e que se a esquerda ganhar no dia 7 de Outubro, ele vai jogar a toalha e mudar a forma como a empresa funciona. Ou seja, DEMISSÕES.

Você que vai votar no Bolsonaro, é isso que tu apoia. Uma sociedade onde o pobre não é nada além de mão de obra. E até mesmo o direito a individualidade, a diferença, diversidade, é consumida pela uniformidade conservadora e selvagemente capitalista. 
OLHA ESSA IMAGEM. Poderia ser a capa de 1984 de George Orwell, podia ser um poster de algum desses filmes sobre distopias futurísticas, sobre uma sociedade opressora que obriga todo mundo a se submeter a vontade das elites burguesas. MAS É BRASIL, 2018. Se essa foto não te choca, ou você tá distraído, ou é muito rico e egoísta e sonha um dia escravizar pessoas assim.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Os inimigos ocultos, os dois minutos de ódio e a paranoia coletiva, por Sebastião Nunes

15 comentários

  1. A imagem é de filme de terror.

    Como alguém pode achar que isso é propaganda positiva.

    Ditadura da pior espécie.

    Me lembrou os regimes que esses empresários gostam tanto de criticar.

    Aliás, esses empresários apoiadores da extrema direita adoram ditatura, desde que eles sejam os ditadores

  2. Espetáculo realmente deprimente

    Espetáculo mesmo deprimente esse proporcionado pelo luciano hang, execrável nazi-fascista dono das lojas havan.

    Mais deprimente, ainda, é constatar que se algumas dessas vítmas do pulha tiverem coragem de entrar com reclamação na nossa justiça corrupta, elas irão perder a causa, arcar com os custos processuais e pagar indenização ao nazi-empresário. 

    Nem o George Orwell, se estivesse vivo, teria sido capaz de conceber tal realidade dantesca, com STF, com tudo.

    No futuro, não muito distante, os brasileiros talvez sejam doutrinados por um robô empacado no bordão: 

    AS INSTITUIÇÕES FUNCIONAM NORMALMENTE

    AS INSTITUIÇÕES FUNCIONAM NORMALMENTE

    AS INSTITUIÇÕES FUNCIONAM NORMALMENTE

     

  3. O curioso é que na reunião

    O curioso é que na reunião ele manda ver no proselitismo anti-comunista, em especial a falta de liberdade e a tirania. 
    E isso aí que ele faz é o que?

  4. Olhem as faces das pessoas da foto!

    Nenhum sorriso, nenhuma expressão que não seja de obrigação, raiva, desprezo pelo cafageste fascista que os ameaçou de demissão, se o Boçal não vencer.

    Luciano Hang, se este é nome do pulha, meus queridos trabalhadores desta empresa, não deixem de votar contra ele, só para ele sofrer!

  5. Gado marcado e tangido

    Olha a cara de felicidades dos coitados. Tratados como gado, uniformizados à força, marcados, explorados e tangidos como animais. Votem nos nazi-fascitas, votem, para ver o que será bom……   Viva o Boçalnazi e os seus apoiadores…..

  6. Acho que esse empresário deu
    Acho que esse empresário deu um tiro no pé.
    Acredito que muitos dessas pessoas que estavam um dúvida em quem votar, vão votar no Haddad só de sacanagem.

    Seria bom se tivesse uma urna eletrônica dentro da empresa só para ter uma ideia da traição.

    Isso é o famoso voto de cabresto dos tempos modernos. O Coroné manda,a peõzada obedece.

  7. Havan

    Proponho um boicote completo à Havan bem como a toda empresa apoiadora do “coiso”!

    #ELENUNCA

    #BOICOTEAHAVAN

  8. Havan

    Proponho um boicote à Havan bem como a todas empresas financiadoras do “coiso”!

    #elenunca

    #boicoteahavan

  9. A maioria dirá o que o patrão quiser, mas na urna…

    Este é um estranho mundo onde funcionários dirão o que o Patrão quiser, e até defenderão entusiasticamente o candidato do chefe…

    Mas secretamente, na urna, ninguém sabe o que poderá acontecer…

  10. Riachuelo, Madero, Havan

    Lembrem-se deles na hora de comprar uma roupa, de fazer uma refeição fora de casa, de comprar algum artigo de casa. Compre algo deles e seja cúmplice da situação atual.

  11. Monstrumento

    Aquelas estatuas da “liberdade” da Havan são um chamariz para raios.

    As prefeituras devem ser alertadas e proibir esse perigo.

  12. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome