Barroso suspende afastamento e Fux tira ação sobre Chico Rodrigues da pauta do STF

Barroso entendeu que a discussão ficou prejudicada agora que Rodrigues está afastado do Senado, voluntariamente, por 120 dias

Jornal GGN – O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Luiz Fux, retirou da pauta da corte, desta terça (20), a ação que discute o afastamento do senador Chico Rodrigues, que foi flagrado pelo Polícia Federal com R$ 33 mil nas vestes íntimas.

Fux atendeu a um pedido do relator do caso, o ministro Luís Roberto Barroso, que suspendeu também o efeito da liminar que sustentava o afastamento do senador, por entender que a discussão ficou prejudicada agora que Rodrigues está licenciado do Senado por 120 dias.

Rodrigues é parte de um inquérito que investiga desvio de verbas para o enfrentamento da pandemia de coronavírus por meio de emendas parlamentares. Amigo de Jair Bolsonaro há 20 anos, o senador de Roraima era vice-líder do governo no Congresso. Agora é substituído pelo suplente, Pedro Arthur Rodrigues, que é seu filho.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Brasil quebra tradição diplomática e se vira contra fim de direitos de patente na pandemia

1 comentário

  1. Tem um erro na matéria: o senador não pode ser amigo de Bolsonaro “ha mais de 20 décadas”. Vinte décadas são 200 anos.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome