Consórcio do Nordeste articula plano nacional de vacinação contra Covid-19 [TVGGN]

Frente a postura vacilante do Ministério da Saúde, Consórcio discute plano de vacinação nacional. Assista à entrevista com o governador Wellington Dias no canal do GGN no Youtube

Foto: Divulgação

Jornal GGN – O governador do Piauí e presidente do Consórcio do Nordeste, Wellington Dias, concedeu uma entrevista exclusiva ao jornalista Luís Nassif, na TV GGN, na sexta-feira (9). Dias falou sobre o modelo de gestão do Consórcio, seus planos para a região, e adiantou que a instituição articula um plano nacional de vacinação contra o novo coronavírus, frente a postura vacilante do Ministério da Saúde.

De acordo com Dias, os governadores do Nordeste entendem que a vacinação é uma etapa emergencial da crise sanitária e demanda um plano nacional para organizar o serviço nos postos de saúde.

“Estamos defendendo no Nordeste e dialogando com o Fórum dos Governadores do Brasil, com a Confederação Nacional dos Municípios e as entidades de capitais e cidades maiores, no Congresso Nacional, para que tenhamos, no Brasil, um plano nacional em que, como aconteceu com outras vacinas, o governo nacional posso comprar as vacinas, candidatar o Brasil para todas as vacinas pesquisadas e aprovadas pelo comitê de ética em Saúde, a Anvisa, e seguindo a ciência, que a gente tenha um plano. Como vamos trabalhar em todos os municípios para não ter tumultuo e evitar essa coisa policialesca que virou a compra de respiradores, equipamentos por município e estado? Tem que ter uma coisa nacional, garantir um ordenamento”, disse.

“Estamos defendendo um cadastro prévio, ou seja, que as pessoas saibam com antecedência o dia e o local em que será sua vacina. Assim a gente viabiliza a prioridade para as pessoas que ainda não pegaram o coronavírus, os que tem comorbidades, as grávidas, os idosos, o pessoal da Saúde e da segurança que trabalha no dia a dia dessa operação. É preciso ter um plano.”

Leia também:  PDT recorre ao Supremo para garantir autonomia a estados na compra de vacinas

Segundo Dias, “através de uma Medida Provisória, já há uma fonte de recursos para isso. Queremos agora dialogar com o Ministério da Saúde para garantir esse caminho.”

 

Dias também falou do plano regional para promover o turismo no Nordeste, entre outros projetos do Consórcio que envolvem educação, saúde, segurança, infraestrutura, etc.

Assista:

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome