“Ele se convidou”, diz americano sobre a viagem de Bolsonaro a Dallas

Segundo o Dallas Voice, o prefeito Mike Rawlings não compareceu ao almoço ou a qualquer outro evento envolvendo Bolsonaro

Foto: Divulgação/PR

Jornal GGN – No site Dallas Voice, nesta quarta (15), o presidente do Conselho de Assuntos Mundiais de Dallas e Fort Worth, Jorge Baldor, afirmou que não convidou o “presidente brasileiro homofóbico e misógino Jair Bolsonaro” para receber uma homenagem. “Ele se convidou”, disse Baldor.

“O Conselho de Assuntos Mundiais não fez um convite”, disse Baldor. “Eu pessoalmente não fiz um convite. Eu não o quero aqui.”

Segundo Baldor, o Conselho de Assuntos Mundiais tem um contrato com a cidade de Dallas para receber dignitários estrangeiros. A equipe de Bolsonaro não só se convidou como espalhou mentira ao dizer que ele “participará de um almoço privado com particulares” e que iria receber um prêmio.

“Ele não está recebendo um prêmio”, disse Baldor, contrariando a versão de que Bolsonaro foi a Dallas receber “um prêmio da Câmara Americana de Comércio depois que os locais em Nova York se recusaram a sediar a cerimônia de premiação e o Prefeito de Nova York, Bill de Blasio, se recusou a participar de qualquer evento com Bolsonaro.”

Segundo o Dallas Voice, o prefeito democrata Mike Rawlings não compareceu ao almoço ou a qualquer outro evento envolvendo Bolsonaro.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Nassif: Moro será cozido a fogo brando; permanência no governo é masoquismo

22 comentários

  1. C-O-V-A-R-D-E – é uma vergonha para si, para família, para o país.
    Montou na base do MINTO (rei das fake news) um falso MITO. Agora TOME.

  2. Sem nenhuma provocação partidária, mas apenas um ponto de vista. A Elite deu um tiro no pé. Quando está no ar o cheiro evidente de caos econômico, os primeiros a abandonar o País são os ricos e classe média alta. Isto foi visto na Venezuela. Esse mar de pessoas que atravessam a fronteira agora, são as pessoas da classe média baixa e pobres! Os abastados, muito antes, ficaram líquidos e “dolarizaram” o patrimônio, para desertar do País ….E saíram logo! Ocorre que só os mais rápidos têm sucesso, pois a compra das moedas fortes (US, EURO, GBP-libra) é tão intensa que as cotações vão pra nuvem …..No período PT a cotação média do US era $2,20 (até 08/2014). Iniciou-se o golpe do impeachment e o dólar chegou a $4,25 (09/2015). No mês do impeachment (agosto/2016) o dólar fechou $3,22. O PT está quase 03 anos fora do governo e o dólar voltou para a casa dos $4,00 (oficial, $4,26 paralelo). Agora, nestas cotações, fica difícil e arriscado se dolarizar para deixar o país, saíndo com menos de 50%, em dólar, do que seria possível levar, antes do golpe. Agora, quem apoiou o golpe, não consegue mais fugir ……caiu na armadilha que ajudou a criar ……Enquanto isso, Bolsonaro e milicos seguem assombrados por fantasmas ……Na história recente, nenhuma terra fora confiscada, as contas bancárias não foram bloqueadas e os Bancos e empresas privadas que quebraram foram por incompetência de seus gestores …..Fato é que, agora, estamos todos no mesmo barco, com o Capitão combatendo “moinhos-de-vento” e a água está entrando. Espero que tenham lembrado do colete salva-vidas …..

  3. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!!!!!!!!!!!
    “Bolsonaro não pode ver uma vergonha, que já quer passar!😄😄😄
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    O resistência foi cirúrgico.
    👨‍👨‍👦‍👦🙈

  4. Os americanos dizem que equipe de Bolsonaro usou de mentiras, kkkkkkkk, nosso presidente homofóbico já é conhecido mundialmente por mentiroso, kkkkkkkkkkkkkkk. Uma vergonha universal talvez. kkkkkkkkk, Mas que é triste é.

  5. O Congresso Brasileiro deveria tomar alguma providência para que a dignidade do povo brasileiro não fosse ridicularizada como está sendo através deste desgoverno que se mete onde não é convidado !

  6. A comunidade brasileira em Dallas está muito contente com a chegada do Presidente Jair Bolsonaro ao margem da política dos democratas americanos que tem uma linha contrária ao povo brasileiro e que não representa a amizade com Brasil do povo americano

  7. Mais uma para a série Vergonha Nossa. O Bolsonaro é mesmo um sem vergonha. Se ele não se respeita e não respeita o cargo que ocupa….

  8. Nassif: essa de “se convidar” é prática velha pro daBala. Fazia assim, no Vale da Ribeira, quando sorrateiramente comparecia nas festas patrocinadas pela familia Paiva, da qual sentia inveja, à época, e passou a odiar tão logo vestiu a FardaVerde. Sem contar que furtava laranjas do pomar do milionário, só pra sacaneá-lo.

    Portanto, furto, laranja e, na cara dura, aparecer nas festas em que não fora convidado são práticas conhecidas pelo mandatário de Pindorama, desde pequeno.

    É como diz na Bíblia, “ensina o caminho à criança e até quando for velho não se desviará dele”. Então, apenas cumpriu-se a profecia…

  9. Prezado Nassif;
    Quem pagará a conta desta viagem desnecessária e absurda? Será o povo brasileiro?
    Este imbecil cria um motivo mentiro para esta aventura e nós pagaremos a conta?
    O MP, e o Legislativo deve entrar com ações para que esta ameba ressarça aos cofres públicos estas insanidades.
    Ou nós povo devemos entrar com uma ação popular.
    Basta de imbecilidade
    Genaro

  10. Diante de mais uma mentira, a oposição não pode se calar. Tem que entrar com uma denuncia formal, para que o enganador faça o devido ressarcimento aos cofres públicos de toda a despesa da viagem.

  11. Fake news. O que ocorreu foi que o jornal LGBT de Dallas (Dallas Voice) publicou na seção de entretenimento uma suposta história (não confirmada) onde um representante homosexual do conselho (apenas um dos representantes do referido conselho) diz que ele não convidou o Bolsonaro, que seria “homofóbico e misógino” . Na mídia nacional isso é retratado como se o Bolsonaro tivesse chegado lá de surpresa hahahaha é muito FAKE NEWS. Quanto ao Bush, realmente a iniciativa não partiu dele de convidar o Bolsonaro, mas ele aceitou PREVIAMENTE um convite para uma reunião. Tudo isso está na mídia americana, é só buscar no Google

  12. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome