Luta pelo piso salarial da enfermagem atinge nova fase

Trabalhadores se articulam com parlamentares para derrubar veto de Bolsonaro ao reajuste anual do piso pelo INPC

Foto: Paulo Sérgio/Câmara dos Deputados

Apoie o lançamento do novo documentário da TVGGN sobre a ameaça eleitoral bolsonarista e os esquemas da ultradireita mundial. Saiba mais aqui!

Os representantes da enfermagem retomaram as articulações com parlamentares para derrubar o veto do presidente Jair Bolsonaro ao reajuste anual do piso pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Embora a lei que estabelece o piso salarial dos enfermeiros tenha sido aprovada na última quinta-feira (04/08), Bolsonaro acabou por congelar os reajustes anuais.

Segundo a presidenta da Federação Nacional dos Enfermeiros e do Sindicato dos Enfermeiros de Sergipe, Shirley Morales, o veto presidencial “foi uma surpresa e representa um prejuízo imenso” para a categoria, uma vez que “alguns colegas podem ficar com salários abaixo da média”.

Além disso, Shirley afirmou que o texto final da lei já é prejudicial para os trabalhadores, uma vez que a proposta inicial previa piso para os enfermeiros de cerca de R$ 7 mil e jornada de 30 horas.

Por causa do lobby patronal e de prefeitos, o valor foi reduzido para R$ 4.750 para enfermeiros e enfermeiras, R$ 3.325 para técnicos e técnicas de enfermagem, e  R$ 2.375 para auxiliares de enfermagem e parteiras, independentemente da jornada ser de 30 ou 42 horas.

“Essas perdas, no entanto, foram produto de uma luta política para conseguir aprovar o PL da Enfermagem que, apesar da redução dos valores se comparado com a proposta inicial, ainda beneficia vários profissionais, em especial os de nível médio”, disse a dirigente.

Com informações da Central Única dos Trabalhadores (CUT)

Leia Também

Enfermagem comemora aprovação do piso salarial

Técnicos e auxiliares de enfermagem foram os mais afetados pela Covid-19

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador