Ministério da Saúde confirma primeira morte por varíola dos macacos

Vítima é um homem de 41 anos que estava internado em Belo Horizonte por conta de outras doenças, incluindo câncer

Foto: Akram Huseyn on Unsplash

O Ministério da Saúde confirmou nesta sexta-feira (29/07) a primeira morte no país relacionada à varíola dos macacos.

A vítima era um homem de 41 anos, que se encontrava hospitalizado em Belo Horizonte por conta do tratamento de outras doenças, incluindo um câncer.

Segundo o Ministério da Saúde, “a causa do óbito foi um choque séptico”, e a varíola dos macacos acabou por agravar o quadro.

Jornal GGN produzirá documentário sobre esquemas da ultradireita mundial e ameaça eleitoral. Saiba aqui como apoiar

A Secretaria de Saúde de Minas Gerais confirmou o óbito e ressaltou que, além dos casos já confirmados, existem outros 130 em investigação – sendo que foi registrado um caso por transmissão comunitária em Belo Horizonte.

A varíola dos macacos foi declarada emergência de saúde pública de interesse internacional no último final de semana pela Organização Mundial de Saúde (OMS), por conta do aumento de casos em vários países.

O Brasil contabilizava 978 casos registrados da varíola dos macacos até a tarde desta quinta-feira (28/07).

A maioria dos casos estava concentrada em São Paulo (744), mas também existem registros no Rio de Janeiro (117), Minas Gerais (44), Paraná (19), Goiás (13), Bahia (5), Ceará (4), Rio Grande do Sul (3), Rio Grande do Norte (2), Espírito Santo (2), Pernambuco (3), Tocantins (1), Mato Grosso (1), Acre (1), Santa Catarina (4) e no Distrito Federal (15).

Com informações da Agência Brasil

Leia Também

Avanço da varíola do macaco vira caso de emergência internacional

OMS pede ação urgente contra varíola dos macacos na Europa

Varíola dos Macacos não deve virar pandemia como a Covid-19, diz OMS

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador