Isa Penna denuncia em plenário o assédio de Fernando Cury

A deputada estadual Isa Penna fez a denúncia do assédio sexual sofrido na Assembleia Legislativa de São Paulo. A deputada relata o crime e clama pelo direito de ser respeitada como mulher e como política.

Jornal GGN – A deputada estadual Isa Penna (Psol-SP) foi vítima de assédio sexual pelo deputado Fernando Cury (Cidadania). O ataque de Cury foi gravado e os vídeos inundaram as redes sociais. O assédio é claro, e provado em vários ângulos.

A deputada estadual Isa Penna fez a denúncia do assédio sexual sofrido na Assembleia Legislativa de São Paulo. A deputada relata o crime e clama pelo direito de ser respeitada como mulher e como política. Pede, várias vezes, que o presidente da Casa permita a veiculação do vídeo que prova que houve assédio sexual por parte de Fernando Cury. Está visivelmente abalada com o ocorrido e diz que vai fazer exatamente o que a luta feminista aconselha às mulheres vítimas.

Cury fez seu pedido de desculpas, jogando a culpa na vítima quando diz que foi um abraço, como sempre faz com todos os seus pares e que se ela se sentiu ofendida, ele se desculpava. Este tipo de discurso é clássico, trata a vítima como algoz, que o predador é bonzinho. Seu argumento não condiz com as imagens.

Outro ponto é gritante. Quando um caso de violência é denunciado, as redes sociais entram em ebulição. E os detratores da vítima tomam forma. No próprio vídeo disponibilizado abaixo, no Youtube, onde é possível ler os comentários, a culpabilização da vítima também ganha espaço.

Um abaixo-assinado foi criado para cassação de Fernando Cury. O documento pode ser acessado aqui.

Veja o discurso de Isa Penna a seguir.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora