Moro e Lava Jato tentaram desprezar lista tríplice e se deram mal, por Kennedy Alencar

Mesmo negando, Moro correu por fora, pelos bastidores, em favor de Deltan. E ouviu o não. Foi ele quem deu corda para que a tradição de indicar um nome da lista fosse rompida.

Jornal GGN – Para Sergio Moro, o ministro, Deltan Dallagnol era aposta certa na Procuradoria-Geral da República. E isso estaria correndo por fora da listra tríplice. Se deram mal, diz Kennedy Alencar em sua coluna de hoje. E ficou de fora por Bolsonaro o considerar um xiita ambiental.

Mesmo negando, Moro correu por fora, pelos bastidores, em favor de Deltan. E ouviu o não. Foi ele quem deu corda para que a tradição de indicar um nome da lista fosse rompida. Quando Bolsonaro descartou Deltan, Moro tentou recuar e apoiar alguém da lista tríplice, mas Dodge e Aras já haviam avançado no campo de batalha.

Raquel Dodge obteve apoio de Toffoli, Maia e Alcolumbre, presidentes em suas respectivas casas. E Bolsonaro não quis Dodge por ser mulher e ter denunciado o filhão, Eduardo, por suposta ameaça a uma jornalista que namorara.

Aras, por seu turno, recebeu o apoio do presidente ao ceder às suas bandeiras. Conservadores do Parlamento também apoiaram Aras, por baixo do pano. E Kennedy já havia noticiado que ele recuperara o favoritismo. E assim foi.

Agora as estrelas da Lava Jato e procuradores da República choram em praça pública o desprezo de Bolsonaro pela lista tríplice da ANPR. Tudo porque acharam que poderiam controlar o presidente da República. E Bolsonaro exerceu seu direito constitucional e quebrou tradição que vem desde o governo Lula, em 2003.

“A Lava Jato, Moro, Dodge, ANPR e Dallagnol perderam com indicação de Aras para PGR. Bolsonaro ganhou ao indicar um nome de sua confiança para o cargo que pode investigar e denunciar o primeiro mandatário do país. Esses são os fatos.”, conclui Kennedy.

Leia o artigo na íntegra aqui.

O GGN prepara uma série de vídeos sobre a interferência dos EUA na Lava Jato. Quer se aliar a nós nesse projeto? Acesse www.catarse.me/LavaJatoLadoB

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora