Raio X da balança comercial Brasil-Argentina, por Luís Nassif

Uma análise das exportações brasileiras para a Argentina mostra que quase dobraram em 4 anos, indo de US$ 8,4 bi para US$ 17 bilhões.

No acumulado de 12 meses, o saldo comercial brasileiro é crescente. Saiu de um déficit de US$ 498 milhões nos 12 meses acumulados até outubro de 2019, para um superávit de US$ 4,7 bilhões em outubro passado. O que ainda salva a Argentina são as exportações de automóveis, que acumularam um saldo (para a Argentina) de US$ 2,7 bilhões nos últimos 12 meses.

Uma análise das exportações brasileiras para a Argentina mostra que quase dobraram em 4 anos, indo de US$ 8,4 bi para US$ 17 bilhões.

Os maiores crescimentos foram em cultivo de cereais e fabricação de ferro e aço básicos, setores em que a Argentina já foi forte.

Também houve crescimento de quase 50% das exportações argentinas para o Brasil.

Os maiores crescimentos foram na exportações de automóveis, petróleo bruto e produtoiis lácteos.

Uma eventual crise na balança comercial entre os dois países afetaria a indústria automobilística. Nos 12 meses acumulados até outubro de 2023, a Argentina respondeu por 39,5% das exportações brasileiras de carros. Mas, pelo gráfico, percebe-se que essa participação vem caindo mês a mês.

Luis Nassif

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. O crescimento das importações de leite e lacteos nesses níveis trouxe tremendo prejuizo à produção brasileira, onde mais de 90% são pequenos produtores. Somam-se a isso o dumping e importações de outros paises fora do Mercosul, incentivadas por medidas do governo anteriorcomo a Resolução 353 de maio de 2022 e outras. Incautos culpam o governo atual do fato da vaca, que foi pro brejo há tempos, ter agora atolado de vez e levado os produtores que tentaram salva-la puxando-a pelo rabo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador