Coronavírus: Itália registra maior número de mortes desde maio

O número de pessoas hospitalizadas com Covid-19 em todo o país aumentou em 958, indo para 13.955, das quais 1.411 estão em tratamento intensivo.

Agência Brasil

Jornal GGN – A Itália registrou 221 mortes por coronavírus nesta terça-feira, 27. Esta foi a maior taxa diária desde 15 de maio. Foram registradas 21.944 infecções.

As regiões mais afetadas são Lombardia (onde mais de 5.000 novos casos foram confirmados), Campânia, no sul, e Piemonte.

O número de pessoas hospitalizadas com Covid-19 em todo o país aumentou em 958, indo para 13.955, das quais 1.411 estão em tratamento intensivo.

As novas restrições do governo, que incluem o fechamento de bares e restaurantes às 18h, foram recebidas com protestos, embora Walter Ricciardi, o cientista que assessora o Ministério da Saúde, tenha alertado que as medidas podem não ser suficientes para conter o vírus.

Ele pediu bloqueios nas cidades de Milão e Nápoles, onde disse que é possível pegar o vírus simplesmente entrando em um bar.

Com informações do The Guardian.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  França desaconselha uso de máscaras caseiras menos eficazes contra variantes da Covid-19

3 comentários

  1. Quantas pessoas mais terão de ser imoladas no altar dos interesses economicos que elegeram a Hidroxicloroquina como inimigo nº 1 da saúde Mundial.

    % estudos seguidos mais 1 meta análise comprovou a eficácia para pacientes em tratamento precoce em tratamento ambulatorial.

    Itajaí saiu de 2 mortes por dia em julho para 1 óbito a cada 4 dias em outubro. Mesmo com o aumento de casos em Santa Catarina a mortalidade continua em queda em Itajaí.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome