Após escândalo, Temer suspende R$ 200 milhões em publicidade

Foto: Agência Brasil
 
 
Jornal GGN – Após o jornal O Globo revelar que Michel Temer foi gravado dando aval à compra de silêncio de Eduardo Cunha em março passado, a Secretaria de Comunicação do governo decidiu suspender, nesta quinta (18), cerca de R$ 200 milhões em publicidade.
 
Segundo informações da colunista Sonia Racy, no Estadão, toda a programação do governo para comemorar um ano de Temer na presidência e a “retomada da economia” foi cancelada. “Os ministérios já receberal os avisos pela manhã desta quinta.”
 
As revelações foram feitas pelo jornalista Lauro Jardim, de O Globo, que disse em entrevista a GloboNews que estava apurando a notícia da delação da JBS contra Temer há três semanas. 
 
A emissora vem defendendo, através de seus analistas, que Temer seja demitido com a preservação da equipe econômica.
 
Assine

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Embate interno entre Lava Jato e PGR guarda possíveis desvios de investigações

5 comentários

  1. Temer está apenas se vingando

    Temer está apenas se vingando da imprensa que não censurou as denúncias contra ele como foi combinado no golpe de estado.

  2. Perdas e ganhos

    Entregar os golpistas e ficar sem a grana federal? porque?

    A rede GOLPE de SONEGAÇÃO preferiu ficar com os anúncios do JBS do que as propagandas enganosas do governo.

    Um simples cálculo para ter o menor prejuízo possível.

    Simples.

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome