Caiado rebate Demóstenes… e estapeia de volta

Nota oficial: Apenas mais um bandido que enfrento

por Ronaldo Caiado

O comportamento do ex-senador Demóstenes Torres é típico de um psicopata. Cassado pelos seus pares, em seus momentos de alucinação, por não suportar a sua derrocada política e moral, ele tenta lançar mentiras contra mim. Pela fama que tem de montar dossiês, de perseguir e ameaçar as pessoas, até como fonte de manutenção de seus gastos faraônicos, acha que esse expediente vai funcionar comigo. Nessa moita que Demóstenes está escondido, não tem nenhum leão, apenas ratos.

Todos me aconselharam a não polemizar com um corrupto, mau-caráter, sem credibilidade, cheio de mágoas por ter sido flagrado num esquema que envergonhou Goiás e o Brasil. Mas minha formação é diferente. Sou preparado e acostumado a enfrentar bandidos. Até com mais determinação que o debate das teses políticas. Enfrentar o canalha Demóstenes será mais um capítulo de minha vida.

Nunca fui sustentado por Carlinhos Cachoeira nem fui de seu círculo de amizades. Sou um homem desencabrestado. Como médico, atendi um filho dele a pedido de Demóstenes. A criança, que possuía uma displasia, foi a meu encontro acompanhada apenas de sua mãe, ex-mulher de Cachoeira. Encaminhei o paciente para o professor Carlos Giesta, especialista nesse assunto.

Se tem um papel a que nunca me prestei foi de intermediário. Essas mentiras de que intermediei contatos para o senador José Agripino são descabidas e sem sentido. Até porque de Detran quem entende é Demóstenes e sua turma. Sobre não dar direito à dúvida no caso de Demóstenes, vou relembrar alguns fatos ao senador cassado. Quando estourou o seu escândalo, fiz todos os contatos com Demóstenes buscando explicações. Me lembro bem de uma passagem, ocorrida numa quarta-feira à tarde, quando foi dado conhecimento que as gravações viriam à tona. Na quinta-feira pela manhã, na reunião da Executiva do partido, chamei Demóstenes para conversar. E ele me pediu para irmos ao seu gabinete. Lá, com as lágrimas escorrendo, falou que, por ter brigado com o ex-procurador-geral da República Roberto Gurgel, ele estava sendo colocado nesse escândalo. Ao enxugar o rosto, Demóstenes disse para me afastar, para não defendê-lo, “para não me meter nisso”, porque, com as gravações, ele e Marconi Perillo não poderiam ser salvos. Depois disso, estive em seu apartamento funcional e em sua casa em Goiânia. Foi quando veio à tona a publicação pela imprensa das gravações, não dando a ele a menor condição de permanecer no partido, sendo obrigado a se desfiliar.

Leia também:  Vacina: Butantan espera receber insumos da China para mais 8 milhões de doses até 10 de fevereiro

Em relação às minhas campanhas, que Demóstenes torne público onde Carlos Cachoeira teria participação. Os dados estão divulgados para quem quiser conferir. Ameaça, Demóstenes, é coisa de bandido. Torne público o que você diz ter contra mim. O relator da CPI do Cachoeira, Odair Cunha (PT-MG), fez questão de, publicamente, no Restaurante da Câmara, na presença de vários colegas, dizer que ele e sua equipe ouviram atentamente 250 mil horas de gravação e que não tinha nada que me desabonasse. E completou dizendo que, dada a minha ligação com o Demóstenes, achava que eu estaria envolvido.

Eurípedes Barsanulfo, amigo de meu pai, tem o hábito de jogar, mas eu jamais soube da participação dele em esquema de caça-níqueis. Não acredito que ele tenha envolvimento com isso. Demóstenes mente porque sabe que eu jamais poderia ter interferido num assunto que eu sempre enfrentei com coragem. Já que ele toca no assunto, Barsanulfo me disse recentemente duas histórias que eu até então não sabia. Uma que o delegado Marcos Martins, armado, entrou na sala de Demóstenes, então secretário de Segurança Pública, para surrá-lo. Foi Barsanulfo que o tirou da sala impedindo uma tragédia. Assim como o seu suplente, José Eduardo Fleury, ameaçava denunciar Demóstenes, foi Eurípedes, a pedido do então senador, que contornou os problemas e não deixou que levasse a denúncia adiante.

Há vários anos passo o Réveillon na companhia de Carlos Suarez, meu amigo e padrinho de minha filha caçula, que há anos não faz mais parte da OAS. Nossas esposas são amigas fraternas, desde a infância na Bahia. Sempre vivi com meu trabalho de médico e produtor rural. Na minha casa, meus gastos são pagos por mim. Os vinhos que sirvo estão de acordo com o poder aquisitivo que tenho para comprá-los. Não sou financiado e nem sustentado por terceiros. Não mudei meu estilo de vida porque me elegi deputado e depois senador da República.

Leia também:  Governo de SP deve receber insumo chinês na próxima semana

No corredor do Jerivá, não existiu qualquer encontro. Simplesmente nos cruzamos casualmente naquele restaurante.

Além de psicopata, Demóstenes é mal-agradecido. Estive em toda a sua campanha de 2006, até quando ele abandonou uma carreata em Cristalina, porque as pesquisas indicavam que não teria mais chances vencer. Demóstenes me disse para continuar a campanha porque ele já estava derrotado. Bateu em retirada. Em 2010, Demóstenes fez chantagem emocional para se aliar a Marconi e avalizou o nome de José Eliton para a vice. Um grande negócio para eles, conforme a operação Monte Carlo revelou.

Tenho 65 anos de idade e posso andar de cabeça erguida em todos os lugares do País, com coragem de enfrentar meus opositores. Nas manifestações do dia 15 de março, estava em São Paulo me recuperando de uma cirurgia. No dia 12 de abril, estarei em Goiânia, em praça pública. E você, Demóstenes? Estará trancafiado.

Em relação ao dossiê da Carta Capital, Demóstenes não precisa criar essas ilações. Não sou homem de fazer esse jogo, sempre joguei limpo. Tenho essa característica. Na minha vida, as cicatrizes são no peito por enfrentar os adversários de frente. Não sou como Demóstenes, fugitivo e subserviente a seus patrões. Quanto ao final do artigo de Demóstenes, dizendo que eu me calasse e que ele não se furtará a continuar essa briga, me alegra em saber que nesse momento ele está tomado dessa “coragem”. Uma pena que não tenha durado uma manhã. Hoje já disparou ligações a políticos, entre eles, o deputado José Nelto, pedindo para que eles não entrassem nessa briga. Fique tranquilo, bicheiro. Essa briga é entre nós dois.

Leia também:  Aumentarão as pressões pela saída de Bolsonaro e Guedes, por Luis Nassif. Comentário de Vera Venturini

*Ronaldo Caiado, senador pelo Democratas de Goiás

Leia aqui a nota de Demóstenes Torres.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

101 comentários

  1. UFC para politicos da “oposição”

    Carlinhos já providenciou um mercado de apostas (obviamente todas fajutas como os políticos).

    Zé Simão tem toda a razão.

    Não sei por que ele não é chamado na SECOM…

  2. Caiado X Demo Demóstenes

    Esses dois são o sujo, o mal-lavado, o imundo, o enlameado, o sujismundo, o consupurcado, o emporcalhado, o encardido, o poluído o sebento, o enodoado olhando o espelho e se achando limpo; enfim, não passam de sacos de esterco cheios vomitando seu conteúdo…

  3. “O relator da CPI do

    “O relator da CPI do Cachoeira, Odair Cunha (PT-MG), fez questão de, publicamente, no Restaurante da Câmara, na presença de vários colegas, dizer que ele e sua equipe ouviram atentamente 250 mil horas de gravação e que não tinha nada que me desabonasse”

    Que coincidencia incrivel, Caiado!!!!  Eu tambem ouvi esses mesmissimos 28 anos e meio anos de gravacoes e tambem nao achei nada que te desabonasse exceto seu conhecimento basico de aritmetica.

    Ainda sabe somar 2 e 2?

    E dois e dois?

    • O Diabo mora nos detalhes

      Boa, Ivan!

      Minha calculadora confere com a sua: 250.000 horas; ou 10.416,66 dias; ou  28. 53 anos de gravações e escutas.

      Impressionante, o tamanho da inocência!

  4. Tem que investigar a denúncia

    Tem que investigar a denúncia do ex-senador Demóstenes, esse Caiado tem um imenso telhado de vidro mas gosta de posar de moralista. 

  5. UFC no Legislativo

    Isso não é nota, é baixaria oficial. Depois desse vale-tudo, sabemos até o diagnóstico médico do filho do Cachoeira. A comissão de ética da Câmara dos Deputados vai esperar o quê para instaurar processo de cassação de Dr. Caiado por quebra do decoro parlamentar?

  6. Dois fumos goianos

    Existe um adágio popular que diz-

    Ladrao que rouba de ladrao tem mil anos de perdao!

    Agora temos que criar um para – Canalha que fala de canalha….

    É o caso dessa farsa desses dois fumos goianos.

     

    José Emílio Gudes Lages- Belo Horizonte

  7. Cachoeira solto.

    Cachoeira, grande sócio oculto de negócios em GO, foi condenado, mas está solto. Seria Cachoeira um Youssef de Goiás?

    Demóstenes tenta inutilizar as provas contra ele no processo por serem ilegais as escutas telefônicas, e mandar ver pra cima do Caiado, e de quebra sobre Perillo e Iris. Aí, por sua vez, Caiado vem querendo briga.

    E num aparece um Promotor – colega do Demóstenes – interessado em “oferecer” uma delação premiada pro “ex-corretor zoológico” de Goiás ou pro ex-Mosqueteiro da “Zóia”?

    Incrível isso.

    • “Cachoeira, grande sócio

      “Cachoeira, grande sócio oculto de negócios em GO, foi condenado, mas está solto.”

      Com grande apoio deste blog, onde o cumprimento de pena após a condenação em primeira instância é tida como inconstitucional.

  8. Se gritar pega

    Se gritar pega ladrão…..

    Cara essa do Detran fiquei encafifada….Hum… deve ser esquema de caixa 2 dos demotucanos.São Paulo já rolou, até secretário de transportes está envolvido,Santa Catarina,Yeda cruzis que o diga….

  9. CADÊ OS HOLOFOTES???

    Ex-correligionários e ex-amigos, se degladiam.

    Nada melhor que um RICHA,(ops), uma rixa, pra botar os podres pra fora.

    Tanto no Paraná como em Goias.

    Briga de hienas grandes, gordas e PALADINAS.

    DÁ-LHE CAIADO!!!

    TACA-LE PAU!!!

    DÁ-LHE DEMÓSTENES!!!!

    TACA-LE PAU!!!

    Cadê os holofotes???

    Melhor que BABILÔNIA.

    ALÔ ALÔ JN!!!

    Imperdível!!!

  10. verdade paralela

    Interessante confrontar o PIG com a “verdade” oculta que aflora na discussão entre dois protegidos da grande mídia.

    Quem tem razão? O PIG, que nada fala deles, ou eles estão mentindo entre sim?

    Enquanto políticos do PT lutam pela sua Inocência, o PIG teima em culpar. Neste caso, o PIG inocenta exatamente quem afirma que é um canalha.

    • “Quem tem

      “Quem tem razão?”:

      Demostenes.  E digo o sem sombra de duvidas porque ele se colocou na posicao de oferecer provas juridicas.  Sabendo que nem o DEM nem Caiado jamais vao requerer a presenca do judiciario pra isso.

      Ele os revelou a altissimo preco.

      Valeu, Demostenes!

  11. Ladrão que rouba de ladrão

    Ladrão que rouba de ladrão tem mil anos de perdão?

    Precisamos condena-los a mais de mil anos!!!!!

  12. Em casa que falta pão, todo

    Em casa que falta pão, todo mundo grita e ninguem tem razão….. definitivamente o dem acabou. E já foi tarde ! Agora faltam os outros….

  13. Uma voz aa procura de um

    Uma voz aa procura de um cerebro versus Mais um bandido que enfrento

    Demostenes ganha.

    Todos me aconselharam a não polemizar com um corrupto, mau-caráter, sem credibilidade, cheio de mágoas por ter sido flagrado num esquema que envergonhou Goiás e o Brasil versus Todos me aconselharam a não polemizar com um corrupto, mau-caráter, sem credibilidade, cheio de mágoas por ter sido flagrado num esquema que envergonhou Goiás e o Brasil

    Demostenes ganha.

    Sou preparado e acostumado a enfrentar bandidos. Até com mais determinação que o debate das teses políticas. Enfrentar o canalha Demóstenes será mais um capítulo de minha vida versus sexto paragrafo de Demostenes

    Demostenes ganha embora esteja mentindo sobre “o PT” e embelezando varios pontos (vamos e  venhamos, quem sabe escrever sabe mesmo, nao da pra esconder.  E Demostenes sabe.

    Jamais fui acusado de desviar qualquer centavo público versus Nunca fui sustentado por Carlinhos Cachoeira nem fui de seu círculo de amizades

    Demostenes ganha.

    Se tem um papel a que nunca me prestei foi de intermediário. Essas mentiras de que intermediei contatos para o senador José Agripino são descabidas e sem sentido versus Caiado volta à tribuna e pede arreglo à Garotinho. Os dois últimos vídeos desapareceram das redes sociais

    Demostenes perde embora ambos estejam mentindo.  Nao existe isso de videos “desaparecerem das redes sociais” e era problema deDemostenes documentar isso.

    Ronaldo, fazia sim, parte da rede de amigos de Carlos Cachoeira, era , inclusive, médico de seu filho versus Como médico, atendi um filho dele a pedido de Demóstenes. A criança, que possuía uma displasia, foi a meu encontro acompanhada apenas de sua mãe, ex-mulher de Cachoeira. Encaminhei o paciente para o professor Carlos Giesta, especialista

    Demostenes perde vergonhosamente em ambas afirmacoes.  E a segunda eh particularmente sordida, se o que Caiado diz a respeito de ser “pedido de Demostenes” eh verdade. Ta com cara que eh.  Ja a primeira eh sordida porque Demostenes nao pode simultaneamente declarar seu “fui e sou” amigo de Cachoeira e ACUSAR OUTRA pessoa de fazer parte desse mesmissimo circulo DELE PROPRIO.  Ou um ou outro, os dois nao.  Tambem faltou um “2+2” a Demostenes ai…

    Em talento literario, Caiado nao sabe somar dois e dois, claramente -e olhe que eu tou soletrando “dois” bem devagar pois sei que ele nao consegue ler muito rapido.

    Mas nao entramos nos factuais, e ambos entram pesadamente em fofocas que nao me interessam.  Entao o UNICO factual que temos ate agora eh o que mesmo?

    O “esquema goiano” de Demostenes.  Nao existe sombra de chance dele mencionar isso sem ter consultado Cachoeira -talvez tenha sido ideia do proprio Cachoeira, alias, ja que ele realmente teria “o que oferecer” sobre Caiado e talvez tenha sido movido aas lagrimas pela careca de Demostenes.

    So que…  o “esquema goiano” nada tinha nada a ver com Cachoeira, cujo esquema era bem outro… Portanto, Cachoeira nao “tinha” qualquer coisa pra oferecer sobre o “esquema goiano.  Mas Demostenes tem.  E Cachoeira sabe disso.

    Vamos supor por uma fracao de segundo aqui:  a mencao sobre o “esquema goiano” –que incrimina (esclarecendo:  acusa conhecimento previo de) Demostenes mas nao Cachoeira– SOMENTE veio a ocorrer a Demostenes porque foi uma sugestao de OUTRA PESSOA.

    A esse ponto, ta com cara que foi sugestao de Cachoeira mesmo.  O camarada eh advogado e DA por um zilhao de anos e se sai com uma auto incriminacao dessas?!

    Isso faz sentido pra alguem?

    Melhor mentira:  Caiado ganha disparado com suas 250 mil horas de gravacoes…  Entao ta, Caiado.  Da proxima vez, caie por dentro tambem e nao so fique caiado de fora, pois Demostenes foi muitissimo mais visceral e ao ponto que sua serie de insultos e fofocas.  Que Demostenes se auto incriminou eh so um detalhe.  Por enquanto.

      • O que é mais grave que meia

        O que é mais grave que meia tonelada de cocaína, o Procurador e o Delegado correrem para inocentar os donos do veículo que transportava e o Juiz não querer ouvir o Piloto que carregava a droga? Nada, absolutamente nada!

        Esqueça qualquer punição ou investigação, esses tipos e a nossas Procuradorias, salvo raras exceções, são uma coisa só. Nunca esqueça que Gilmar, amigo do peito de Demostenes e Joaquim Barbosa são ervas daninhas saídas daquele antro.

        99% dos políticos que saem desse meio são de dá engulho. A nossa Justiça é a Barbárie.

  14. Por favor
    Por favor não apartem, deixem as loucas se digladiarem e que puxem uma o cabelo da outra, mesmo inexistindo tal foliculo…..
    Abriu-se a gaiola das loucas.

  15. Barraco na casa de Noca

    Que beleza de exemplo.

    Já estou vendo os cartazes das próximas manifestações.

    AI 6 JÁ- fechamento do Congresso JÁ -deposição da Presidenta- JÁ,

    Quem  ganha perde.

    Quem perde ganha..

  16. DR. JUÍZ

    Ainda que mal lhes pergunte….o nome do tal juíz que livrou da cadeia o cachoeira, não aparece emnenhuma gravação? Bezzerinho, boizinho…tourinho..nem me alembro mais, porém sei que é do rebanho!

  17. PANELAS PARECE FORÇAR QUE É DE GENTE DA COZINHA !!!

    A grande maioria de quem foi protestar nas ruas é mesmo pra forçar a barra. Ou seja 99,9999 por cento de quem foi protestar nas grandes cidades é eleitor de Aé sim e provavelmente não tem nada com panelas já que o referido senhor,  que estimulou a urbe raivosa, é proprietário de aeroporto, helicóptero, sucrusal de jornal, de emissora de rádio e só anda em voos de primeira classe.

  18. Um é um dos eleitos

    Um é um dos eleitos “mosqueteiros” da VEJA. O outro, um “impoluto” senador que não se cansa de insultar e injuriar o ex-presidente Lula escudando-se, claro, nas prerrogativas parlamentares. 

    São farinha do mesmo saco. Que se explodam para o bem da política brasileira. 

    PS: daí se afere o nível dessa oposição protegida pela mídia. 

    • E pelo judiciario…
      So que o

      E pelo judiciario…

      So que o Brasil nao tem MP e nao vai dar em nada.  Se eu fosse DA eu ja estaria seguindo as pistas de Demostenes antes de ontem…

  19. He,he, he. Essa é broga

    He,he, he. Essa é broga boa. Crápula contra crápula, como já disseram, quem ganha é o país e o cidadõo brasileiro. Mas a corrupta, propineira imprensa, aliada desses velhos malandros, não vai mostrar seus corruptos de páginas amarelas acusando um ao outro. Logo, logo esses crápulas estão de beijos e abraços e unidos contra o BRASIL.

  20. Segundos fora!

    Vão ficar só xingando, é? Tá ha hora de se engalfinhar! Falta puxão de cabelo, falta arranhar com as dez unhas pra tirar sangue no pescoço! Falta mordida nas costas! Falta rasgar o sutiã uma da outra! Falta escarrada na cara (com catarro), falta xingar o marido dela de corno manso, brocha e boiola!

    Vamos lá, meninas, chega de moleza, ao combate! 

  21. Debóchenes: “Não adianta grunhir!”

    Demóstenes Torres diz que, para Caiado, lealdade é doença de cachorro

    “Não adianta grunhir porque se gritaria resultasse em algo, os porcos não morreriam daquela forma”

    ARTHUR DA PAZ and DEMÓSTENES TORRES @arthurdapaz

    Diretor de Redação no Diário da Manhã | 31/03/2015

    Ronaldo Caiado, à míngua de qualquer argumento, partiu para a adjetivação. Deu uma sapituca, reconheceu quase todos os fatos que apresentei, tentando lhes dar um ar de normalidade. Traz apenas três pontos novos e inverídicos: que eu tenha chorado perante ele e dispensado sua lealdade; que tenha Eurípedes Barsanulfo contido o então diretor-Geral da Polícia CivilMarcos Martins, em uma suposta invasão do meu gabinete na Secretaria de Segurança Pública; e que o meu suplente de senador José Eduardo Fleury tenha tentado me chantagear. Quanto ao primeiro, ninguém jamais me verá nessas condições.  Além do quê, Caiado acredita que o sentimento de lealdade é apenas uma doença de cachorro. No segundo, ainda que fosse verdade, o que nego, nunca pedi para que  comprassem minhas brigas. Sempre fui homem o suficiente para enfrentar os meus próprios desafios. O terceiro é apenas mais uma da safra caiadista de invencionices. José Eduardo Fleury foi um suplente honesto e dedicado, a quem sempre respeitei.

    O senador comete um ato falho. Eu jamais disse que  Agripino Maiateve qualquer esquema com o Detran. Ou teve, Caiado? Sua mitomania  atravessa todas as frases e se consubstancia na afirmação de que os integrantes da CPI ouviram 250 mil horas de gravações e o inocentaram. Isso seria o equivalente a passar mais de 28 anos ouvindo, 24 horas por dia, todos os grampos da Operação Monte Carlo. É apenas mais uma fantasia construída para dar ar de veracidade à personagem que o senador canastrão representa.

    Essa madrugada fez Ronaldo perder a voz, mas o decorrer dos dias próximos o fará  perder o mandato. Não adianta grunhir porque se gritaria resultasse em algo, os porcos não morreriam daquela forma. E repito: comigo é nos termos que já propus, exceto em uma disputa intelectual, porque cérebro Caiado não possui. Aguarde. Quem viver, verá.

    A partir de agora a Justiça vai resolver a minha situação e a dele. Reafirmo tudo o que disse. A minha agonia está no fim e a de Ronaldo Caiado apenas  se iniciando. Tenho dito.

    Demóstenes Torres é procurador de Justiça e ex-senador.

    http://www.dm.com.br/opiniao/2015/03/em-nota-imprensa-demostenes-torres-diz-que-para-caiado-lealdade-e-doenca-de-cachorro.html

  22. Credo ! Virgem Maria, mãe de

    Credo ! Virgem Maria, mãe de Deus ! Os Senadores da república do  partido ligado ao PSDB, os únicos SANTOS brasileiros.

    E ainda tem gente que os defenda, como os coxinhas e a mídia ! Está duro de saber quem ou quais os piores ! Eu não me arrisco, pois ainda deve ter muita coisa escondida.

    Mas, no fundo, gostei. Agora é só NÃO esperar nada da imprensa e do MPF, PGR, etc, etc.

  23. Concordo plenamento com o que

    Concordo plenamento com o que ambos disseram. Espero que continuem pois só teremos a ganhar com esta lavagem de roupa suja, muito suja.

  24.  
    Frequentei por muitos anos

     

    Frequentei por muitos anos de minha juventude, os puteiros de Salvador. Especialmente, os da Rua: Ladeira 28 de Setembro no Centro Histórico de Salvador. Quase todas as noites, visitava  a Casa das meninas onde havia festa todo o santo dia(à noite). A de número 18ª a, primeiro andar, minha preferida, era dirigida pela madame  D. Dina. Estava localizada na metade da ladeira, ao lado direito, de quem desce. Na parte oeste lado alto é o Centro da Cidade. Ali, ficava um terminal de ônibus. No lado oposto, parte baixa da ladeira, tinha a Escola de Arquitetura, depois, Escola de Belas Artes. Ai, a ladeira se conecta com a célebre Baixa dos Sapateiros. Local onde o grande cantante e poeta baiano Dorival Caymmi, dizia-se, gostava de encontrar a  morena mais frajola da Bahia.

    Pois bem, para encurtar a conversa mole, vamos ao principal. Devo dizer que, nestas andanças pelo “submundo” presenciei muita porrada, brigas e desavença entre vagabundos, capitães de areia, punguistas, putas, proxenetas e gigolôs. Mas, posso vos assegurar; nunca dantes, havia testemunhado desentendimento tão rasteiro como o desses senhores desassuntados. Realmente; o Caiado, o Demóstenes Torres, esse Agripino Maia, e o Dr. Carlinhos Cachoeira, et caterva. São impagáveis rebotalhos do Brasil mais hipócrita. Certamente são inatingíveis em termos de safadeza, pouca vergonha e desonestidade. Ou seja:

    Diria se tratar de peçonhento um bando de safados de lascar.

     Orlando

  25. Como dizia meu velho pai :

    Como dizia meu velho pai : “Grosso que nem tôco de açougue” Pelo destempêro acho que o demóstenes acertou em cheio…..Lá em Goias é comum contratar assassino de aluguel…..abra o olho demóstenes…..peça ajuda ao amigo de vcs; o cachoeirakkkkkkkkk

  26. Carlinhos chora lágrimas de

    Carlinhos chora lágrimas de cachoeira rindo dos dois.

    Livre, leve  e solto, como é usual neste Brasil tão judiado.

     

     

     

     

  27. 250.000 horas? 28 anos? de gravações?

    Caiado pensa que somos o quê?

    Idiotas?

    Por favor senhor Caiado, poupe-me de suas lorotas porque é mais fácil acreditar que pegou um lambari de 20 quilos no riacho no fundo de sua fazenda.

  28. Que senador ingênuo! Só agora

    Que senador ingênuo! Só agora ele foi descobrir as “qualidades” do mosqueteiro de Goiás? Seria bom que ele contasse outras estórinhas dessas.Quem sabe quebraria o feitiço sobre os paneleiros.

  29. Os Dems são escrotos, mas são

    Os Dems são escrotos, mas são escancarados. Os tucanos ficam mandandando recadinhos através de seus jornais, são dissimulados, muito mais perigosos. Se eu tivesse que escolher entre um Dem e um tucano (com uma arma apontada na cabeça, claro), votaria no primeiro sem pestanejar.

  30. A extrema direita começa a falar a verdade

    Quando a extrema direita – antinacional e golpista – fala a verdade? Apenas quando seus expoentes acusam-se mútuamente. Nestas situações, descrevem seus pares com absoluta franqueza e incomparável conhecimento de causa.

    • Isso não tem perigo de

      Isso não tem perigo de acontecer, eles não são do PT, não há procurador nesta terra que procure algo que não seja para incriminar o PT. Por isso eles podem se estapear tranquilamente.

      • E se alguém investigar alguma

        E se alguém investigar alguma coisa ninguém vai ficar sabendo mesmo. O que a Globo não deu não aconteceu – para a opinião pública (sic).

  31. Deixem brigar, ninguém aparta !

    Pode ser que saibamos alguma coisa sobre o “Poli” ou ” caneta” ; sobre  Eurípedes ; sobre caronas em viagens de avião Europa/Brasil ; sobre a invasão do quarto do Dirceu no  Hotel Nahum . As operações Monte Carlos e Las Vegas têm muitas lacunas a serem preenchidas e esses dois podem ajudar.

  32. Brigas

    Lendo este post e os comentários é necessário urgentemente fazer uma releitura da “Revolução dos Bichos”  e “Lutando na Espanha”, de George Orwell.

  33. Em briga de bandidos, é

    Em briga de bandidos, é ninguém se meter, pois pode sobrar balas perdidas pra tudo que é lado.

  34. Caiado rebate Demóstenes… e estapeia de volta

    Eu tenho INFINITAS RAZÕES para ACREDITAR MUITO MAIS no ex-senador DEMÓSTENES TORRES que no senador, RONALDO CAIADO DEMO-GO, pelo simples fato de os dois SEREM IGUAIZINHOS, ambos ORIUNDOS da mesma LATA de LIXO que se chama DEM fabricante de VENDE-PÁTRIA.

  35. A respeito desse imbróglio eu

    A respeito desse imbróglio eu gostaria de ouvir a opinião  detalhada de duas pessoas:  o Aócio e o Ciro Gomes. Diversão garantida. 

  36. Caiado rebate Demóstenes… e estapeia de volta

    Tem sido assim MOSTRA a HISTÓRIA, quando a CASA CAI os MEMBROS das QUADRILHAS BRIGAM.

  37. Partiram pro vale-tudo!

    Realle Palazzo-Martini, do Goiás247 – O ex-senador Demóstenes Torres treplicou em nota que a agonia do ex-aliado Ronaldo Caiado, líder do DEM no Senado, apenas começou e que ele perderá o mandato nos próximos dias. Demóstenes sugere em nota, divulgada no final da tarde desta terça-feira (31), que apresentará provas das acusações de que o ruralista teria sido financiado pelo contraventor Carlinhos Cachoeira nas eleições de 2002, 2006 e 2010. As alegações de Demóstenes estão contidas em artigo publicado no jornal Diário da Manhã (leia mais aqui). Caiado, por sua vez, refutou as acusações e classificou Demóstenes de “psicótico” (leia mais aqui).

    No texto vespertino, Demóstenes diz que Caiado “deu uma sapituca” e que reconheceu quase todos os fatos apresentados pelo procurador de Justiça. Também refuta três acusações que Caiado lhe faz.  Disse ainda que o senador comete um ato falho: “Eu jamais disse que Agripino Maia teve qualquer esquema com o Detran.”E questiona: “Ou teve, Caiado?”

    Um interlocutor privilegiado do Goiás247 revelou, na condição de anonimato, que a suposta “operação goiana” envolveria o financiamento ilegal das campanhas de Agripino e da então senadora Rosalba Ciarlini (que venceu as eleições ao governo do Rio Grande Norte em 2010) pela indústria farmacêutica. E que o esquema envolveria a aprovação de nomes para a Diretoria da Agência Nacional de Vigilancia Sanitária (Anvisa) pela Comissão de Assuntos Sociais (CAE) do Senado. Disse, ainda, que as evidências devem surgir nos próximos dias.

    Leia a íntegra da nota de Demóstenes

    Ronaldo Caiado, à míngua de qualquer argumento, partiu para a adjetivação. Deu uma sapituca, reconheceu quase todos os fatos que apresentei, tentando lhes dar um ar de normalidade. Traz apenas três pontos novos e inverídicos: que eu tenha chorado perante ele e dispensado sua lealdade; que tenha Eurípedes Barsanulfo contido o então diretor-geral da Polícia Civil, Marcos Martins, em uma suposta invasão do meu gabinete na Secretaria de Segurança Pública; e que o meu suplente de senador José Eduardo Fleury tenha tentado me chantagear.

    Quanto ao primeiro, ninguém jamais me verá nessas condições.  Além do quê, Caiado acredita que o sentimento de lealdade é apenas uma doença de cachorro. No segundo, ainda que fosse verdade, o que nego, nunca pedi para que comprassem minhas brigas. Sempre fui homem o suficiente para enfrentar os meus próprios desafios. O terceiro é apenas mais uma da safra caiadista de invencionices. José Eduardo Fleury foi um suplente honesto e dedicado, a quem sempre respeitei.

    O senador comete um ato falho. Eu jamais disse que Agripino Maia teve qualquer esquema com o Detran. Ou teve, Caiado? Sua mitomania atravessa todas as frases e se consubstancia na afirmação de que os integrantes da CPI ouviram 250 mil horas de gravações e o inocentaram. Isso seria o equivalente a passar mais de 28 anos ouvindo, 24 horas por dia, todos os grampos da Operação Monte Carlo. É apenas mais uma fantasia construída para dar ar de veracidade à personagem que o senador canastrão representa.

    Essa madrugada fez Ronaldo perder a voz, mas o decorrer dos dias próximos o fará perder o mandato. Não adianta grunhir porque se gritaria resultasse em algo, os porcos não morreriam daquela forma. E repito: comigo é nos termos que já propus, exceto em uma disputa intelectual, porque cérebro Caiado não possui. Aguarde. Quem viver, verá.

     A partir de agora a Justiça vai resolver a minha situação e a dele. Reafirmo tudo o que disse. A minha agonia está no fim e a de Ronaldo Caiado apenas se iniciando. Tenho dito.

    Demóstenes Torres

  38. Já teve tréplica:

    Realle Palazzo-Martini, do Goiás247 – O ex-senador Demóstenes Torres treplicou em nota que a agonia do ex-aliado Ronaldo Caiado, líder do DEM no Senado, apenas começou e que ele perderá o mandato nos próximos dias. Demóstenes sugere em nota, divulgada no final da tarde desta terça-feira (31), que apresentará provas das acusações de que o ruralista teria sido financiado pelo contraventor Carlinhos Cachoeira nas eleições de 2002, 2006 e 2010. As alegações de Demóstenes estão contidas em artigo publicado no jornal Diário da Manhã (leia mais aqui). Caiado, por sua vez, refutou as acusações e classificou Demóstenes de “psicótico” (leia mais aqui).

    No texto vespertino, Demóstenes diz que Caiado “deu uma sapituca” e que reconheceu quase todos os fatos apresentados pelo procurador de Justiça. Também refuta três acusações que Caiado lhe faz.  Disse ainda que o senador comete um ato falho: “Eu jamais disse que Agripino Maia teve qualquer esquema com o Detran.”E questiona: “Ou teve, Caiado?”

    Um interlocutor privilegiado do Goiás247 revelou, na condição de anonimato, que a suposta “operação goiana” envolveria o financiamento ilegal das campanhas de Agripino e da então senadora Rosalba Ciarlini (que venceu as eleições ao governo do Rio Grande Norte em 2010) pela indústria farmacêutica. E que o esquema envolveria a aprovação de nomes para a Diretoria da Agência Nacional de Vigilancia Sanitária (Anvisa) pela Comissão de Assuntos Sociais (CAE) do Senado. Disse, ainda, que as evidências devem surgir nos próximos dias.

    Leia a íntegra da nota de Demóstenes

    Ronaldo Caiado, à míngua de qualquer argumento, partiu para a adjetivação. Deu uma sapituca, reconheceu quase todos os fatos que apresentei, tentando lhes dar um ar de normalidade. Traz apenas três pontos novos e inverídicos: que eu tenha chorado perante ele e dispensado sua lealdade; que tenha Eurípedes Barsanulfo contido o então diretor-geral da Polícia Civil, Marcos Martins, em uma suposta invasão do meu gabinete na Secretaria de Segurança Pública; e que o meu suplente de senador José Eduardo Fleury tenha tentado me chantagear.

    Quanto ao primeiro, ninguém jamais me verá nessas condições.  Além do quê, Caiado acredita que o sentimento de lealdade é apenas uma doença de cachorro. No segundo, ainda que fosse verdade, o que nego, nunca pedi para que comprassem minhas brigas. Sempre fui homem o suficiente para enfrentar os meus próprios desafios. O terceiro é apenas mais uma da safra caiadista de invencionices. José Eduardo Fleury foi um suplente honesto e dedicado, a quem sempre respeitei.

    O senador comete um ato falho. Eu jamais disse que Agripino Maia teve qualquer esquema com o Detran. Ou teve, Caiado? Sua mitomania atravessa todas as frases e se consubstancia na afirmação de que os integrantes da CPI ouviram 250 mil horas de gravações e o inocentaram. Isso seria o equivalente a passar mais de 28 anos ouvindo, 24 horas por dia, todos os grampos da Operação Monte Carlo. É apenas mais uma fantasia construída para dar ar de veracidade à personagem que o senador canastrão representa.

    Essa madrugada fez Ronaldo perder a voz, mas o decorrer dos dias próximos o fará perder o mandato. Não adianta grunhir porque se gritaria resultasse em algo, os porcos não morreriam daquela forma. E repito: comigo é nos termos que já propus, exceto em uma disputa intelectual, porque cérebro Caiado não possui. Aguarde. Quem viver, verá.

     A partir de agora a Justiça vai resolver a minha situação e a dele. Reafirmo tudo o que disse. A minha agonia está no fim e a de Ronaldo Caiado apenas se iniciando. Tenho dito.

    Demóstenes Torres

    fonte:http://www.brasil247.com/pt/247/goias247/175356/Mais-Dem%C3%B3stenes-Caiado-cair%C3%A1-em-quest%C3%A3o-de-dias.htm

  39. Neste caldeirão de bruxa

    Neste caldeirão de bruxa, fervilhante, será que não daria para jogar o Aócio e o Çerra e mexer mais pouco?

    Ia feder mais do que pum do Schreck!!!!

    Beleza pura! Briga de escorpiões na garrafa, um tentando aniquilar o outro!

    Ôba! pega, xevra, usca, vai totó, morde nele, vai! Aparta não, deixa correr frouxo, vai!

    Cuidado PGR, levante as pernas, pois os briguentos foram para debaixo da sua mesa e podem morder sua canela!

    Numa briga destas nunca se sabe o que pode acontecer!

  40. Crimes

    Eduardo Azeredo, ex governador de minas, Tio Anastasia outro ex governador de Minas, deixem de ser cordeirinhos dos seus partidos, não aceitem irem para o sacrificio para poder salvar os lobos.

    Abrem a boca, contem tudo que sabem, começem a fazer o mesmo que esses dois estão fazendo, começem a falar tudo que sabem a respeito dessa turma de voces,  do PSDB.

    Eduardo Azeredo, quem mora em Minas e tem memoria sabe muito bem de quem voce é filho, voce é filho de um dos maiores e melhores politicos que Minas ja teve, o saudoso Renato Azeredo, tenha um pingo de vergonha na cara e honre seu pai e faça um bem enorme para Minas.

    Tio Anastasia, voce esta sozinho nesta, voce vai ser fritado e sozinho e abandonado, seja homem pelo menos uma vez na vida, entregue seu chefe, fale tudo que voce sabe.

    Nós Mineiros sabemos muito bem o nome do seu chefe, tanto que ele perdeu as eleiçoes em Minas no primeiro e no segundo turno.

     

    Isso nao vai ser publicado…… mais pelo menos eu desabafei.

     

     

  41.  
    Ele nao envergonhou Goias e

     

    Ele nao envergonhou Goias e o Brasil nao, pode muito sim ter envergonhado Goias e as madames do movimento “cansei” mais o Brasil estava de olho nele e sabia que ele nao passava de um despachante de luxo do bicheiro e ele não tem medo de falar que foi, era e ainda é amigo do contraventor.

  42. *

     

    Aconselho a que todos utilizem esse equipamento para tapar as narinas; a ocasião é mais do que urgente. Para a proteção dos respingos, as capas ficam a cargo de cada um.

     

  43. O circo da Direita pegou

    O circo da Direita pegou fogo. Que exemplares homens públicos! O nível do debate é altíssimo. Só podia ser da turma do FHC.

  44. “Vipinho” do facebook

    O mais engraçado é que esse picareta do Ronaldo Caiado virou sub-celebridade do facebook, ocupando o vácuo deixado pelo Fernando “Meu nome é coragem” Francischini.

  45. Essas duas bestas se merecem …

    E esse rapaz ainda é promotor de Justiça em Goiás?? Com esse nivel de acusação? Imaginem que queriam colocar essa criatura no STF. Ufa. Fomos salvos a tempo. 

  46. Eu daria um doce

    para quem conseguir identificar o motivo, o pivô do inicio dessa briga. Será que eles estão “disputando” o Cachoeira? É por causa de mulher? de terras? da divisão dos lucros que foram mal feitas? Um passou a rasteira no outro? Alguém descumpriu algum “acordo”? o problema é o Agripino?

    Aqui na terra teve uma briga em que os dois trocaram porradas, chutes na canela, dedo no olho, mas nenhum falava o motivo da briga. Vinte anos depois estive com um “amigo” comum dos dois brigões e o fato ficou esclarecido: “Eles trocavam semana, só que um aproveitou a dele e não deu a mercadoria ao outro na semana seguinte. Isso quase deu morte. O que estiver mais “raivoso” é o que estará cobrando o direito a semana dele…

  47. Caiaram o Demo

    Caro Nassif,

     

    é realmente espantoso ver o desenrolar do fio da meada. Se estivessem às boas poderiam um ter estrupado a mãe do outro que nada sairia em lugar nenhum.

    Agora é o chamado “pega pra capar” e no meio desse tiroteio todo estou ansioso por ver o posicionamento dos Mervais, Catanhedes, Reinaldos, FHC’s, Aécio (esse não deve saber nem os caminhos de Goiás pois só voa no helicóptero da massa cheirosa), Nunes e daquela patota toda da paulista. E porque tambémnão do sujeito da strafor?

    E o Bonner e o Strack (como diz PHA) não vão dar enredo a samba dos matutos doidos?

    E a Folha o Estadão, o Globo a Espia, quantas linhas vão dedicar ao entrevero?

    Nada como um dia após o outro para que se exija das pessoas e entidades sua verdadeira posição.

    Rataria preparai-vos, pois do fundo do chiqueiro, emergindo da lama preta está surgindo um novelão do cerrado. E a Globo reprisando o rei do gado, pra que?

  48. O PT ALIVIOU TODO MUNDO NESSA CPI DO CACHOEIRA?

    O PT aliviou tudo e todos nessa CPI do CACHOIRA. No popular “GALINHOU”. Não sei porque, mas esse CAÍADO tava enrrolado e o PT salvou, será porque? Agora todos ferram o PT, será porque?  Será que o PT ainda existe como partido? Ou sáo bá..blá…blá…

  49. Caiado bandido asqueroso

    Se tem alguém que sabe dos podres do Caiado essa pessoa e Demostenes. O PIG ignorou a denúncia como era de se esperar, se fosse contra um petista viraria manchete de capa, mas o pior e ver aquele babaca do Odair Cumha que amarelou na CPI do Cachoeira dar atestado de idoneidade para Caiado. Esse bom mocismo do PT e que irrita, esses ditos democratas são os que mais atiram no governo e basta uma denúncia qualquer para eles transformarem o acusado em réu e agora vem esse odarelou passar recibo para o canalha do Caiado fica no seu canto seu babaca ou vai pro partido dele.

  50. Alguém viu a

    Pessoal, só uma questão: alguém viu a Oneide por aqui? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  51. Emocionante disputa do MMA

    Emocionante disputa do MMA (Muita Mutreta Armada) – UFC (Unidos na Festa da Corrupção)…

    À esquerda (no sentido meramente topográfico do termo), o ex-senador Óstenes Torres, ex-Dem, amigo íntimo de Cachoeira e catão de cuecas, além de vice-campeão de Vitimismo Cínico…

    À direita (em todos os sentidos do termo), o futuro ex-senador Ronaldo “Sepulcro” Caiado, campeão mundial de Sorriso Sarcástico, finalista de Ódio com Patrão, hors-concour na categoria Relincho Livre, justamente homenageado na canção de Geraldo Vandré (dono de gado e gente)…

    … passa a pipoca.

  52. Caiado acusou o golpe

    Demóstenes venceu os três primeiros rounds. Na minha contagem: 10-7 (abertura de contagem, após knockdown), 10-8  e 10-7 (nova abertura de contagem, após Caiado ser castigado e ser salvo pela intervenção do árbitro). Demóstenes domina a luta, jabeando, encaixando ótimos diretos, cruzados efetivos na linha do fígado, com boas esquivas, excelente trabalho de pernas. Caiado está sendo castigado por Demóstenes e, por ora, mal pode esperar pelo soar do gongo. Terá que reagir, sob pena de ser nocauteado. Demóstenes venceu com folga os três primeiros rounds.

  53. Nossa senhora bom pra cacete hein? — Risos, muitos risos.

    Em uma conversa entre o senador Demóstenes Torres e o bicheiro Carlinhos Cachoeira, gravada pela Polícia Federal durante a Operação Monte Carlo, o parlamentar afirma a Cachoeira que ter trabalhado junto com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes para levar à máxima corte do país uma ação bilionária envolvendo a Companhia Energética de Goiás (Celg). No diálogo, que durou pouco menos de quatro minutos e ocorreu no dia 16 de agosto de 2011, Demóstenes demonstra intimidade com o ministro ao tratá-lo apenas como “Gilmar”.

    “Conseguimos puxar para o Supremo uma ação da Celg aí, viu? O Gilmar mandou buscar. Deu repercussão geral pro trem aí”, contou o senador, referindo-se a um instrumento processual que permite aos ministros escolherem os recursos que vão julgar de acordo com a relevância jurídica, política, econômica ou social.

    Considerada por muitos políticos goianos má “caixa preta” do governo do Estado, a Celg estava imersa em dívidas que somavam cerca de R$ 6 bilhões. Demóstenes avaliou a Cachoeira que Gilmar Mendes conseguiria abater cerca de metade do valor com uma decisão judicial. “Dependendo da decisão dele, pode ser que essa Celg… essa Celg se salva (sic), viu?”, disse. “Eu acho que esse trem pode dar certo, viu?ele que consegue tirar uns dois… três bilhões das costas da Celg. Aí dá uma levantada, viu?”
    Ao que Cachoeira responde: “Nossa senhora! Bom pra caceta, hein?”

  54. 250 mil horas de gravações?

    “(…) ele e sua equipe ouviram atentamente 250 mil horas de gravação e que não tinha nada que me desabonasse.”

    Uma equipe de dez pessoas, ouvido gravações 24 horas por dia, sete dias por semana, levaria 2 anos e 10 meses pra ouvir 250 mil horas de gravação.

    Caiado exagerou ou mentiu?

  55. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome