Equipamentos de Israel não são efetivos para buscas

Lourdes Nassif
Redatora-chefe no GGN
[email protected]

Jornal GGN – Os equipamentos que os israelenses trouxeram para Brumadinho não resolvem nas buscas com esse tipo de desastre. Esta foi a declaração dada pelo comandante das operações de resgate, tenente-coronel Eduardo Ângelo à Folha, em matéria de Rubens Valente.

Segundo ele, nenhum equipamento disponibilizado por Israel serve para esse tipo de desastre. O próprio ministro de Israel se pronunciou quanto às dificuldades que eles tiveram na região. “O imagiador que eles têm pegam corpos quentes, e todos os corpos [na região] são frios. Então esse já é um equipamento ineficiente”, disse Valente.

Ele reconheceu que o detector de imagens poderia ser útil na localização de sobreviventes, pois capta calor humano. Mas nas últimas 48 horas nenhum sobrevivente foi localizado nas buscas. Se o equipamento capta a temperatura do corpo, quando a temperatura está homogênea é como se não houvesse nada no solo, explicou o militar.

Ele disse, no entanto, que o apoio dos israelenses é importante e funciona como ‘mão-de-obra’. Afirmou que são pequenas as chances de localização de sobreviventes. ‘O que a literatura fala é que depois de 48 horas, a chance é quase nula. Mas existem registro de pessoas que foram encontradas vivas dias depois, mas é um ponto fora da curva. A experiência mostra que a cada dia que passa, a chance é menor’, concluiu.

9 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Quem está pagando por esses milicos de israel?

    Espero que esses gastos inúteis com militares de outros países, quando temos eficientes PM e exército, não estejam sendo pagos com nossos impostos. Se é para mão-de-obra, acho que poderiam chamar nossos reservistas, servidores públicos e voluntários brasileiros. Mania de ser colonizado e achar que tudo lá fora é melhor. Manda esses israelenses embora, para não gastarem nossos impostos com alimentação etc.

  2. dizem que iriam separar o estado de ideologias e se abraçam

    a mais atrasada das ideologias religiosas. Uma coisa o Bolsonaro está fazendo “certo”: aproximando mais rápido o apocalipse

  3. Desastre II

    Calma gente. Com a privatização do petróleo, logo criaremos milhares de empregos de … limpadores de areia nas praias negras.

    Em compensação teremos milhares de horas de reportagens mostrando a destruição, e poderemos discutir novamente quais foram os motivos do desastre, pois os gringos e capitalistas são pessoas que abrem mão do lucro para investir em segurança.

  4. A ideologia de Bolsonaro já

    A ideologia de Bolsonaro já está tornando inefetivo  o Estado brasileiro. Em algum momento os militares terão que dar baixa desse vagabundo num presídio ou no  cemitério. Para mim tanto faz.

  5. Uma jogada política perigosa

    Netanyahu,de olho em Jerusalém deve ter ligado para Bolsonaro declarando sua solidariedade e oferecendo ajuda. Bolsonaro sen nehum tirocínio e sem, ao menos,  perceber o grau de conflito como seus próprios aliados, ou  talvez querendo marcar posição e  dar mais um passo rumo a Jerusalém,  ao invés de agradecer e dizer que no momento não precisamos de ajuda, a aceitou e com isto se comprometeu mais um pouco .

    Este ato de Bolsonaro vai ainda ter consequências.

  6. Na Cara Dura

    Nassif: na verdade esses militares israelenses têm qualidade comprovada em assistência de abalo sismico. Bibi avisou ao daBala que seu pessoal era especialistas noutro tipo de socorro. E como a lama mineira secaria rápido a aparelhagem não daria nem pro cheiro. Mas daBalinha avisou que se não mandassem um avião lotadinho de bugigangas a Embaixada não viria para Jerusalem. Judeu nem é burro, nem é bobo. Pimba um asadura com videosgames e pessoal treinado para socorrem em terremoto de grande magnitude. Na verdade, iam mesmo entregar espelhinhos e miçangas. Talvez, alguns apitos (que estamos perto do Carnaval).

    Dizem que o governo do Rio está pensando em convidá-los para desfilar na Sapucaí. Uma ala extra na EstaçãoPrimeira.

    Com as trilionárias multas aplicadas à Vale vai ter dinheiro prá dar e vender. Não fosse agora Segredo de Estado, seria interessante o COAF seguir o destino dos depósitos. O que vai pipocar depósitos de dois mil vai ser uma gracinha.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador