Grampo da PF revela que aeroporto de Cláudio era de Aécio

De acordo com os grampos de uma conversa com o seu primo Fred, o aeroporto de Cláudio, em Minas Gerais, construído com dinheiro público durante a gestão de Aécio, servia para atender a família do tucano e a chave ficava com seu segurança.

Gravações da Polícia Federal demonstram mais um embaraço para o senador Aécio Neves (PSDB-MG). De acordo com os grampos de uma operação deflagrada na semana passada, o aeroporto de Cláudio, em Minas Gerais, construído com dinheiro público durante a gestão de Aécio, servia para atender a família do tucano e a chave ficava com seu segurança.

A conversa interceptada é com Frederico Pacheco de Medeiros, primo de Aécio, o mesmo indicado pelo tucano para receber R$ 2 milhões solicitados pelo senador ao empresário Joesley Batista, da JBS, segundo ele para pagar despesas do advogado no âmbito da Lava Jato.

O aeroporto de Cláudio foi construído em uma área que pertencia a um tio-avô de Aécio. A obra teve início durante sua gestão e foi concluída em 2010, a um custo de R$ 13,9 milhões. A pista fica próxima a uma fazenda da família Neves.

Em uma ligação de 13 de abril, interceptada pela PF, Fred diz a um interlocutor não identificado que a chave do aeroporto estaria com o segurança de Aécio.

“Se o Duda tá descendo no avião alguém vai abrir o portão pra ele ou não?”, pergunta o interlocutor não identificado. “Sim, já deve ter aberto… ele já deve ter saído e já deve ter fechado”, responde Fred. “E quem que é essa bênção de pessoa?, continua o interlocutor. “Deve ser o segurança do Aécio”, diz Fred. “Ah, ele tem a chave?”, insiste o interlocutor. “Deve ter.. tô imaginando na condição de alguém for lá abri-lo…Eu não sei nem se vai, mas deve…Passa lá na porta”, conclui Fred.

Leia também:  Polícia do Rio crê em envolvimento de Carlos Bolsonaro no caso Marielle, diz Kennedy Alencar

O diálogo consta de um relatório da Diretoria de Investigação e Combate ao Crime Organizado da PF que foi anexado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) ao pedido de abertura de inquérito contra Aécio no Supremo Tribunal Federal (STF) no âmbito da Operação Patmos, a partir da delação premiada feito pelo grupo JBS.

O primo de Aécio foi preso na quinta-feira passada, 18, após ser filmado buscando uma mala com R$ 500 mil em propina da JBS, supostamente a pedido do senador.

Quando o caso do aeroporto de Cláudio foi revelado, em 2014, Aécio admitiu usar as pistas do local quando visitava a fazenda da família na região, mas disse desconhecer o fato de que a chave do portão ficava com sua família. O local é administrado pela prefeitura de Cláudio.

À época, o aeroporto ainda não tinha homologação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o que só ocorreu em 2016. Um ano antes, o Ministério Público de Minas Gerais já havia decidido arquivar a investigação sobre a construção do aeroporto alegando que não havia irregularidades nem desvio de finalidade na obra.

*Com informações da reportagem de Fábio Leite, do Estadão

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

13 comentários

  1. “Gravações da Polícia Federal

    “Gravações da Polícia Federal demonstram mais um embaraço para o senador Aécio Neves”:

    Provam, eles querem dizer.  E todo mundo ja sabia disso, agora TEM PROVA.

    Mas “embarasso”???

    Eu tou na fila de ter um “embarasso” de 12 milhoes de reais tambem, porque nao acontece comigo?

  2.   Sugiro mudar o título do

      Sugiro mudar o título do post para “Grampo da PF revela que aeroporto de Aécio era de Aécio”.

  3. É  só pagar mais R$ 70 mil

    É  só pagar mais R$ 70 mil pro ex-ministro Ayres Brito que ele produz outro parecer provando que o aeroporto é do boto!

  4. e o i&%$#@ do menino moro estacionado no triplex

    O mentecapto juizeco da primeira instancia e seus beatos bíblia no sovaco brincando de tríplex e pedalinhos!!

    E eu pago o salario desta organização criminosa mais conhecida como judiciário?

  5. Se investigarem mais…

    Vão descobrir relações desse aeroporto com o Helicoca, aquele helicóptero cheio de cocaína, que não carrega combustível suficiente para transportar 450 kg de carga sem fazer paradas pelo caminho, no percurso que o helicóptero fez naquele dia.

    Parou onde?

    Adivinhem….

    • Além do laboratório de refino em Cláudio…

      Na mesma Operação que apreenderam o helicoca, também descobriram um laboratório de refino em Cláudio.

      Apura mais que acha!

  6. Não há motivo

    Não há motivo de gáudio:

    decretarão que o aeroporto é de Cláudio

    e invalidarão de Temer o áudio:

    – “Se é do Brasil, defraude-o!”

     

  7. Aécio pagou 9 milhoes ao tio pela “desapropriação

    o cara valoriza a fazenda do tio e ainda faz doação de dinheiro público .

    deve ser ´porisso que os mineiro não querem nem ver a cara do aécio.

    quem dera se os paulistas seguissem os mineiros.

    pra enganar a galera o tio achou pouco os 9 milhoes e pediu na justiça 30 de indenização

    achou pouco o furto de 9 milhoes

  8. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome