Contra religião afro, diversidade sexual e feminismo: eis a nova ministra dos Direitos Humanos

“Não existe outro lugar no Brasil mais seguro para as crianças que a igreja”, prega Damares Alves, confirmada no Ministério dos Direitos Humanos de Bolsonaro

Jornal GGN –  Jair Bolsonaro entregou a Damares Alves o Ministério dos Direitos Humanos turbinado com a Funai e a Secretaria Nacional dos Direitos da Criança e Adolescente. A ironia – para dizer o mínimo – está no fato de a pastora e assessora de Magno Malta ter passado os últimos anos batendo cartão em templos, especialmente no Nordeste, pregando sobre o papel “missionário” da Igreja Evangélica na “restauração da Nação” e na evangelização das crianças, que “começa na barriga”. Missão divina e decorrente da “falência das instituições”. 

Damares também é pessoalmente contra feministas, contra qualquer referência a religiões de matriz afro em sala de aula e contra a diversidade sexual. Hoje, confirmada no cargo, ela diz que “se preciso for” estará nas ruas com “as travestis” e nas portas das escolas pelas “crianças que são discriminadas por sua orientação sexual”. Mas o discurso nem sempre foi este. 

No vídeo abaixo, ela diz que crianças não devem pensar que é “legal” nem natural o relacionamento entre duas pessoas do mesmo sexo, e afirma expressamente que “a homossexualidade é aprendida no berço, na forma que se lida com a criança, mas ninguém nasce gay.” Torna-se, portanto, evita-se.

Nomeada nesta quinta (6), ela já antecipou à imprensa as duas prioridades de sua gestão: as mulheres “invisíveis” – “a indígena, a ribeirinha, a catadora de siri, quebradora de côco”, etc – e a “questão da infância”. “O objetivo é propôr à Nação um pacto de verdade pela infância. Conversando com os demais ministros, a infância vai ser priodade neste governo. É a intenção do presidente e o presidente está motivado.”

https://www.youtube.com/watch?v=MvIsrZTbycI]
 
Não é preciso muito esforço para descobrir as motivações da Damares, ao menos enquanto pastora.
 
A meta, visível na repetição do que apresenta nos cultos, é plantar e cultivar nos fiéis a sementinha do interesse em pautas que curiosamente os parlamentares da Frente Parlamentar Evangélica escolheram trabalhar nos últimos anos.
 
INDÍGENAS
 
Ela costuma fazer referência, por exemplo, a Magno Malta e uma lei aprovada na Câmara dos Deputados, sob a presidência de Eduardo Cunha, que obriga o governo federal a retirar crianças indígenas das aldeias. O motivo? Há povos que sacrificam quem nasce com deficiência. 
 
Quando não está falando da evangelização de indígenas – ela sonha em ver Jeová louvado em 300 linguas nativas – Damares dá atenção especial aos assuntos que circundam a Escola Sem Partido, sob o pretexto de que crianças estão sendo sexualizadas e abusadas com “essa história de ideologia de gênero”.
 
“O único lugar seguro para as crianças no Brasil é o templo. Não existe outro lugar no Brasil mais seguro para as crianças que a igreja”, afirma.
 
“Todas as instituições que defendem crianças faliram e falharam na proteção da infância no Brasil. A escola falhou, não é mais um lugar seguro para as crianças. Os clubes não são seguros. Nem os consultórios médicos são mais seguros. Não existe lugar seguro. Todos falharam. Só há um lugar seguro: a igreja, o templo”, insiste.
 
Na comunicação com mulheres evangélicas, Damares costuma dizer que “acabou a brincadeira na igreja”. O tempo de se preocupar com casamento, filhos e trivialidades cedeu lugar ao tempo de guerra. A igreja tem uma missão, a de restaurar a Nação, e precisa formar soldados com urgência.
 
“A sua missão é treinar crianças para governar sobre esta terra. Estão nas suas mãos os princípes e princesas que vão herdar e governar esta terra porque todas as instituições faliram. É hora de treinar as crianças para governar essa Nação. (…) O Brasil vai se curvar diante do deus das nossas crianças.”
 
[video:https://www.youtube.com/watch?v=XAMnViFNcus&t=33s
 
ABORTO
 
O fim do aborto é o outro tema de discussão obrigatória, mas não é tratado como questão de saúde pública e tampouco relacionado aos direitos sexuais e reprodutivos das mulheres. Quando o assunto é interrupção da gravidez, não há que se falar em qualquer direito da mulher.
 
“‘Mas pastora, é direito da mulher abortar’. É Mentira! ‘Mas pastora, as feministas estão falando ‘meu corpo, minhas regras’. Olha aqui, ministério infantil, fale para elas: ‘o seu corpo é seu, faça o que você quiser com seu corpo, venda para quem quiser, dê a quem quiser. Mas o que está dentro da sua barriga não é seu corpo, é outro corpo, é vida, e você não pode decidir por outra vida.”
 
ENSINO AFRO
 
Por volta da 1 hora de vídeo, Damares, em tom alarmante, entra na discussão sobre as leis federais que obrigam o ensino da cultura afro e indígena nas escolas. 
 
“Estou preocupada, irmãos, com a questão do satanismo e do ensino afro em sala de escolas.”
 
“Eu sou a favor, a lei é perfeita, e tem que ensinar a cultura afro para acabar com o preconceito, e a cultura indigena, para as crianças entenderam a formação do nosso povo. (…) Mas sabe o que estão ensinando para nossas crianças? A religião afro. Há diferença entre cultura afro e religião afro. Não se pode falar da Biblia e de Jesus, mas eles falam de orixás.”
 
“Estão confundindo nossas crianças na sexualidade e na religiosidade.”

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Justiça barra decreto de Bolsonaro de exoneração de peritos ligados ao combate à tortura

25 comentários

  1. Prexisamos mostrar a
    Prexisamos mostrar a ignorância brasileira, com salva de palmas dos analfabetos ideológicos da esquerda e da direita.

  2. “Apologia ao sexo com animais”.

    Diz a pastora manipuladora no primeiro vídeo, depois do vigésimo sexto minuto, ela acrescenta ainda a existência em nosso país de “motel fazenda”, dedicados ao sexo com animais. Foi então que me lembrei, as crianças brasileiras estão muito expostas a esses apologistas de sexo com galinhas, a começar com exemplo vindo mais de cima:

    [video:https://youtu.be/6EIn0EO7NBQ%5D

    Não é que o cão saiu igual ao dono?

    [video:https://youtu.be/Kq6sf1aGa6c%5D

  3. Enquanto isso, lá no galinheiro
    O Motorista do Bolsa Anário Filho prestou os esclarecimentos do seu motorista, que disse nada saber sobre o assunto, sobre a movimemtacao suspeita, por seu braco direito, bem debaixo do seu nariz.
    O pobrema dos Otas é achar que todo miundo eh besta Tché

  4. Uma reflexão, para subir o nível

    Acredito que, em parte, perdemos a eleição por conta de assuntos como este, com debate abaixo da linha da cintura, embora Bolsonaro não fizesse questão de discutir temas diferentes nem participado de debates com conteúdo. Mas, acho que para retomar estas conversas devemos tomar o cuidado de não apresentarmos apenas como o outro lado da mesma moeda em que eles nos querem obrigar a jogar; de sermos o Corinthians contra o Palmeiras, mas sim apenas em favor do esporte. Devemos acreditar numa sociedade plural onde todos cabem; inclusive a nova ministra com o seu direito de pensar como quiser. O que não devemos é aceitar este tipo de bandeiras como se fossem a expressão política fundamental do nosso lado.

    • economia x cultura

      Concordo com sua colocação, essa eleição foi perdida pelo constume mais uma crise econômica que a “midia” colocou nas costas do PT. A Ralé brasileira se viu diante de defender a “familia” e os “costumes”, e contra tudo isso estava os comunistas representados pelo PT e os progressistas. 

      Para a Ralé e os da classe média pouco importa as minorias ou a Constituição e os direitos. Assim sofrerão os indios, os gays, os pobres, os pretos, os comunistas, etc.

      AINDA NÃO SABEMOS COMO REAGIR!!

      • Grato George

        Concordo também com as suas colocações. A forma de reagir tem duas vertentes:

        Da cintura para baixo: Agir em forma plural, não como “o outro lado”. Defendemos o direito de todos e deixaremos que a própria sociedade, através das suas representações, igrejas, sindicatos, deputados e etc., discutam e escolham gradativamente os caminhos adequados para o nosso povo. Isso não é função do Governo eleito, mas da sociedade.

        Da cintura para cima: Até agora o novo governo só apresenta opiniões que são desmentidas a cada instante. Esperemos Bolsonaro governar e “falar” algo sério e responsável (se conseguir) e vai cair pela sua própria boca e ignorância.

    • Não se questiona o direito

      Não se questiona o direito dessa senhora pensar como pensa. O que se questiona é aplicar suas crenças no trato da coisa pública. As pessoas que adotam religiões afro-originárias não são criminosas, não devem ser tratadas assim. Crime é usar da fé das pessoas para constituir empresas privadas, crime é a interferência de motivos privados na decisão sobre a coisa publica, exatamente o que essa senhora diz que fará.

      Creio que toda pressão para que ela caia na real antes de começar a atuar é pouca.

  5. Raciocínio lógico…..

    Muito interessante o primeiro video, no + ou – 10min30s, quando a gaja fala de “masturbação” de bebe e de cientistas holandeses…….um verdadeiro papo de maluco…claro que tinha que ter o PT no meio…Voltando ao assunto do titulo do post, pergunto:

    1-O que realmente é perigoso para qualquer socidade humana, a “punheta” ou uma visão religiosa fundamentalista?

    2-Quantas guerras, revoluções ou massacres, foram cometidos em nome da “siririca” ?Se for pra “olhar pelo retrovisor” e contar os milhões de mortos(dezenas, centenas,bilhões?), durante seculos, em nome dos fundamentalismos religiosos que matam até hoje, não tem nem como comparar….

    3-Alguem conhece algum grupo de LGBT radical, que tem como projeto,impingir goela a baixo, a sua visão de mundo a toda a socidade?

    4-Quem o estado deve vigiar e controlar de perto, grupos religiosos com projeto de poder ou onanistas solitarios?Quem é a real ameaça à uma sociedade moderna,tolerante e plural?

    PS:Não quero “fazer critica” ao PT, mas realmente nesse quisito, o partido quando estava no poder, em nome de um republicanismo excessivo, deixou “o bicho correr solto”…..o video fala da Marta na prefeitura de SP…….2001—–>2005………..ja naquela epoca….

    • A rigor isso tudo é assunto

      A rigor isso tudo é assunto da sociedade – se e quando tratado, deve sê-lo feito pelo Congresso associado a diversas instituições, incluso igrejas, ciência etc –  mas não é tema nem alçada de GOVERNO EXECUTIVO, de presidente da república que aqui, tem outras prioridades MUITO mais graves pra se preocupar

      O maior erro pra mim foi deixar estes grupos moralistas confundirem a sociedade e se apossarem dos temas falando, torcendo e distorcendo solitariamente sobre eles, ou discutindo com MINORIAS que não falavam em nome duma diretriz, dum partido  ..FALTA DE ASSUNTO

      Claro que eu tb devo reconhecer que algumas iniciativas pontuais foram dadas, e que acabaram por atear fogo em situações que estavam pacificadas

      por exemplo – lembro dum BRASIL de Clodovil, Clovis Bornai, Armando Marques, Dener, Evandro de Castro, Rogeria, Madame Satã, Roberta Close etc  ..uma sociedade que, embora pontualmente jocosa, tratava a realidade com mais naturalidade  ..AÌ vem por exemplo Marta e IMITA o primeiro mundo trazendo SEM DEBATE, pra SP, a parada GAY  ..pornto, tacou fogo no circo  ..logo nos 1os episódios via-se sim, exibições de taras em público, o que deu direito de reclamação a quem se sentia incomodado com o ESPAÇO PÚBLICO sendo tomado de assalto por poucos destrambelhados

      ..pra contrabalançar, na onda, confundindo tudo, entrou o tema UNIÃO CIVIL, logo sendo adotado como “casamento gay em templos”  ..ou seja, jogando tudo no ventilador, incluso adoção  ..tudo sem o menor tato, nem esclarecimento

      SInceramente, esse papo é que nem o de disco voador, JÀ DEU, só que fica sendo remoido aos novos como se novidade fosse. Pra lembrar, FRANÇA reconheceu os OVNIS na década de 60, mexico, chile, brasil, Russia e tantos outros nas décadas de 70-80, e até hoje os canais pagos mostram como se novidade fosse o que todos já sabem e já admitiram (menso EUA), só pra manterem as “conspirações” acesas, OK ?!

      tem que mudar isso ái, pô !!! 

      • Os mores
         

        É verdade quando você diz que o PT deixou correr solto.

        Os costumes têm mais poder que as leis e leis não mudam costumes de uma hora pra outra.

        Cá, em terra brasilis de repente tudo descambou.

        Os conservadores foram brutalmente surpreendidos, e mesmo os não conservadores não tiveram tempo suficiente para assimilar as liberdades às minorias ruidosas e por tanto tempo contidas.

        O casamento gay, conquanto necessário, poderia ter recebido um tratamento de sociedade civil da constiutição   e divisão de bens comuns entre conviventes, e não casamento, mantendo o respeito aos mores da constituição das famílias tradicionais. Assim, tanto o novo direito de comunhão de bens entre pessoas sem o intuito básico de reprodução  quanto a constituição da família comum seriam preservados.

        As demonstrações de abuso dos costumes de forma agressiva, em público, e com grande estardalhaço, ultrapassaram o limite da galhofa e, realmente trouxeram ao cidadão comum a impressão de decadência dos costumes.

        Um país que responde mais às influências externas que à realidade interna, tem que ser governado com prudência, complacência e respeito.

        Agora, que o satanás foi expulso da igreja e foi para o governo, coloquemos as nossas barbas de molho antes que elas se queimem

         

  6. Não gostei do TEXTO  …a

    Não gostei do TEXTO  …a autora, pra mim, tb esta munida de má vontade

    e sem pretender esgotar os diversos assuntos ..Aqui é assim, opinião é que nem ____, cada um tem o seu, e as vêzes mais de um (tipo BOZO)

    Por exemplo 

    sobre religião – disse o ARTIGO que a pastora prega o cristianismo mas se opõe a religiões afro. A propósito, qual cristianismo ? o que evangélicos pregam e que fala do POVO JUDEU – o escolhido, o the best ? – o do velho testamento, ele que até Cristo se mostrou contrário a ponto de trazer as BOAS NOVAS ? 

    Então, o que ela pensa sobre as religiões orientais como budismo, xintoismo e islamismo, por exemplo ? PQ todas estas seriam melhor ou pior que as dela ? Evidente que EU acho que NENHUMA religão deve ser PREGADA em qq escola (o que é diferente, se acharem oportuno, de expor todas e as compará-las historicamente em erros e acertos frente a realidade do século XXI por exemplo)

    sobre educação sexual – parece que a pastora MENTIU sobre educação sexual nas escolas, defendida por Marta ..segundo ela o método deveria provocar meninos e meninas com menos de um ano em suas genitalias ..dito essa barbaridade, então há que se cobrar dela as PROVAS  ..e eventuais desculpas ..fora reparo na JUSTIÇA por eventuais personalidades afetadas

    sobre aborto – aqui eu tb tenho minha opinião, discordo concordando com as duas, pastora e autora  ..pra mim o que a lei já protege faz sentido (estupro, risco e má formação incapacitante)   ..doutra feita a pastora esta certa qdo diz que o que esta no ventre é OUTRA VIDA  ..mais, de qq forma EU penso que há que se descriminalizar aquilo que é impossível de se apenar, ou punir, mas não necessariamente o Estado financiar quem quer praticar um ato em que a maioria da sociedade se mostra contrária  ..qual seja, a melhor saída é EDUCAR

    sobre gays e afins / SEXO – EVIDENTE que homosexualismo é obra da natureza,  de DEUS – pros que tem ou não fé – portanto, deve ser respeitado por TODA SOCIEDADE – e FIM DE PAPO –

    ..agora, a pastora tem razão qdo diz que ao invés de se EDUCAR (inclusive na escola), a industria do entretenimento passou a expor o ato sexual homosexual ou grupal como algo trivial, como sinônimo, SIMBOLO de status, HEDONISMO PURO (assim como o consumismo) ..dito isso ..pra mim, se feito de livre arbítrio, por “maiores de idade”, com SEGURANÇA pra se evitar gravidez indesejada e DST, com discrição e comedimento em respeito aos demais ..ninguém tem nada a ver com isso

    sobre “nações indígenas” e BOZOSAURO – em verdade ESTES POVOS foram roubados e massacrados por nossos ancestrais  ..saíram com uma mão na frente outra atrás (..até USUCAPIÃO, na essencia, a eles é negado, ou eles teriam direito a tudo) ..portanto, há que buscarmos uma forma de protegê-los e compensá-los (inclusive oferecendo reserva e assistências pros que ali desejam permanecer) 

    ..fora isso, se eles fazem parte da sociedade brasileira (que congrega vários povos) evidente que eles tb tem que cumprir com um mínimo de obrigações previstas dentro dum direito maior (afinal, a ninguém é dado o direito de fazer o que bem entender  ..menos BOZO – oh presidente – que pode falar qualquer MERDA ofensiva que o Judiciário, a décadas, permite)

     

    • Ô Romanellii
       

      Tú não conhece cabeça de crente.

      Quem nasce nas pentecostais tem uma doutrinação tipo islâmica, especialmente as meninas.

      E não há cultura que mude isso.

      As pessoas subsumem qualquer verdade à biblia.

      Todos os crentes, sem exceção sofrem de dissonância cognitiva.

      Por isso, crentes.

  7. Contagem Regressiva 04

    FALTAM APENAS 23 (vinte e três) DIAS PARA SE INSTALAR A DESGRAÇA NACIONAL!

    Nassif: em todo esse blábláblá a patota esquece que a MinistraPastora apenas reflete o ideário do daBala.

    É sabido dos tratos do “Messias” com o ApóstoMaldito (mentor espiritual do Carcamano da Moóca) e com dono do Templo (aquele que pegou graninha dos bandos colombianos e comprou redes de TV e montou Igrejas pra lavar dindim). Não dá outra, em favor dos vangélicos da patota. Os outros (históricos etc) se fú. Serão acusados por EliotNesse dos Pinhais (aquele que encanou o SapoBarbudo só pra ser ministro) de haver jogado pedras na cruz. A MinistraPastora há de exorcizá-los — “chô, Satanás!”.

    Também essa dos “coloreds”, tudo nos conformes. A palavra de ordem do ungido é que todo negro que pese mais de 3 arrobas sigam pro abate, nas terras de Goiás, feudo dos Caiados há mais de 100 anos. Lógico, os que votaram a favor estes serão elevados a Capitão do Mato. Alguns serão até guardacostas. Outras, com aparência arianatupiniquim, serão remanejadas para servir de mucamas, na CasaGrande (atual Palácio do Jaburu) e no Palácio do Entadecer, antigo Alvorada. Os verdeolivas bolaram tudo. a CIA só entrou com a grana.

    Assim, a MinistraPastora não estaria inventando nada. Apenas cumprindo as instruções vindas dos AltosCéus. 

    • Colorações
       

      Vô contá!

      Vou ter que contar, porque é surreal.

      Fomos a um inesperado jantar de confraternização, minha colega advogada, um colega da faculdade que deixou de ser delegado corregedor em 2 anos de profissão  por ameaça de morte, e eu.

      A colega, filha de italianos, olhos claros, o coleguinha, nigérrimo, mineiro, filho de sitiantes que tudo e mais um pouco fizeram para manter o filho em sampa estudando e eu.

      E o coleguinha, todo esperançoso falava que agora o brasil ia mudar porque o candidato dele ia mudar “isso que taí”.

      Olhamos para ele com incredulidade e eu, pessoa educada como podem conferir por aqui respondi-lhe:

      “Mas fulano, seu presidente falou que gente como você se pesa por arroba”

      “Quêésisso, – disse ele- “isso é intriga”

      Oi?

      Ele falou em campanha, dentro de contexto, por mais de uma hora e para um público qualificado.

      “Não, não acredito. Além disso ele pediu perdão”.

      A incredulidade crescia à medida que conversávamos com o colega.

      Ele repetia tudo o que a globo propagou sobre Lula, a política e a situação do país.

      Quando falamos sobre as presepadas que o candidato dele tem feito já, antes de sua posse, ele se mostrou esperançoso e disse que tudo vai melhorar.

      Deu vontade de beliscar o sujeito, se ele ficasse roxo.

      Mas, é um grande colega, fomos colegas de classe e ao final ele, que dissse que tinha até feito campanha para  o PT,  compreendeu a extensão da ingratidão do povo para com o partido e com o Lula.

      Só não perdeu a esperança no “messias”

      Prometi as bençãos do Dória para ele, já que ele agora é servidor da justiça estadual e jantamos sossegados.

       

  8. Discussão interessante se as

    Discussão interessante se as crianças nascem gays, ou se tornam com o passar dos anos.

    Interessante e perigosa.

    Se é o ambiente, seu aprendizado e experiencia de vida as tornam gays, então seria correto a escola não incentivar tal comportamento  e até implantar políticas a fim de evitar  que crianças se tornam gays.

    Agora se isso foi pré-definido desde o nascimento, é de se perguntar se uma pessoa se torna assassina, impiedosa por uma  característica desde o nascimento ou se ela torna uma  criminosa pelo aprendizado e experiencia de  vida.

    Como conciliar essas 2 situações? Criminosos se tornam criminosos pelo ambiente que os cercas, mas os gays se tornam gay por uma pré-definição no nascimento.

    • Raimundo Nonato
       

      Houve um tempo que pessoa canhota era considerada como doente e filha de satanás.

      Era costume antigo, europeu, da época da inquisição, trazido pela igreja, que chegou ao brasil trazida pelos colonizadores.

      Então, as pessoas canhotas, malditas por natureza, não aprendiam a escrever porque não conseguim faze-lo com a mão direita.

      Meu pai era baiano, canhoto, e mal sabia assinar o nome, e muito mal, porque era canhoto.

      A irmã dele, idem, porque ser sinistro é genético.

      Dos filhos de meu pai, um canhoto e outro destro , o destro constituiu família já em idade madura.

      O segundo de seus filhos nasceu delicado,  brincando de boneca e correndo como uma menininha.

      O que você acha que ele deveria ter feito?

      Ele que é crente, bispo de igreja pentecostal, casado com mulher crente, devia ter jogado o filho fora?

      Ele pode dizer que não tem efeminados na familia mas o irmão da esposa dele é igualmente delicado.

      Então, seu nonato, vamos deixar as pessoas viverem em paz com as suas idiossincrasias (ou particularidades, como preferir), e vamos cuidar de nossas vidas, procurando ser pessoas melhores.

      Abraços

        

      • Mas é isso que eu estou

        Mas é isso que eu estou dizendo.

        Ao que parece existe uma certa predisposição.

        Os canhotos ja está pacificado a pré-disposição.

        O comportamento homossexual esta apontando para uma pre disposição genética.

        Mas admitir isso é perigoso por conta de comportamento sociopata.

        Cientistas tem medo de pesquisar a fundo, porque se se descobrir que existe um fundo genético, como é que vamos lidar com essas crianças?

         

  9. Igreja lugar seguro para
    Igreja lugar seguro para crianças? Procurem saber do caso Lucas Terra em Salvador. Dentro da IURD.

  10. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome