OCDE revê para baixo perspectivas de crescimento das economias mais avançadas

A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) reviu hoje (15) para baixo as perspectivas de crescimento das suas economias mais avançadas, destacando que a zona do euro continua a ser “a ovelha negra” da recuperação.

De acordo com a avaliação econômica da OCDE, a zona do euro apresenta risco de deflação que poderá perpetuar a sua situação e até mesmo agravar a crise da dívida. A organização estima que o Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro aumente este ano 0,8%, menos quatro décimos ante as estimativas de maio, e 1,1% em 2015.

A OCDE também incluiu previsões para as grandes economias emergentes. A China deve crescer 7,4% este ano e 7, 3% em 2015.

Para o Brasil, a OCDE espera que o PIB seja 0,3% em 2014 e 1,4% em 2015. A organização lembra que sobre a economia brasileira pesam as incertezas políticas e também a necessidade de introdução de medidas monetárias e fiscais.
A OCDE também corrigiu para baixo as estimativas para os Estados Unidos, ainda que considere que a sua expansão está no bom caminho, depois dos efeitos negativos de um inverno particularmente duro no início de 2014, com expansão de 2,1% este ano (2,6% em maio) e 3,1% em 2015 (3,5% na estimativa anterior).

Para o Reino Unido, a organização estima crescimento de 3,1% em 2014 e 2,8% em 2015. No Japão, a atividade econômica deverá aumentar 0,9% em 2014 e 1,1% em 2015.

Na zona do euro, a OCDE apenas divulgou dados relativos aos três maiores países, entre eles a Alemanha, que em 2014 e 2015 deverá crescer 1,5%, a França, que deverá melhorar a sua atividade econômica em 0,4% este ano e 1% em 2015, e a Itália, que manterá este ano uma recessão de 0,4% e apenas recuperará 0,1% em 2015.

 

4 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Orlando Soares Varêda

- 2014-09-15 16:12:21

  A candidata Maria Osmarina

 

A candidata Maria Osmarina Chorando, deve ser convocada pelo tucanato paulista para tentar recuperar com seu chororô o nível do sistema Cantareira.

Orlando

Flávio Prieto

- 2014-09-15 15:42:53

Agora temos mais um ator no

Agora temos mais um ator no mundo das previsões globalizadas: OCDE. De uma organização que agregava países que aceitavam o sistema de representação e a economia de mercado, agora viraram gurus econômicos .... tsc-tsc-tsc (ironia).

altamiro souza

- 2014-09-15 13:39:59

os analistas economicos nunc

os analistas economicos nunc compraram o nosso crescimento com o da europa.

que cresce 0,8. lá, onde vigora o neonliberalismo

mais tacanho e regressivo , com desemprego exacerbado.

metade dos jovens espanhóis não onseguem emprego,

tenho parentes jovens que estão voltaram para o brasil e estão bem empregados.

o que quero dizer é que essa política

economica proposta pela candidata

marina silva retomará essa política equivocada europeia.

importará crises e outra virulencias.  

o nosso modelo é decantado como um dos raros que suportou toda essa crise internacional.

trocá-lo por outro que deu errado lá e aqui na era fhc, é suicídio.

ou burrice travestida de sofismas neonliberalizantes?

 

Ricardo Cesar

- 2014-09-15 13:11:45

Já pensou a traira sendo

Já pensou a traira sendo xingada como foi a Dilma na abertura da copa? Qual foi mesmo o comentário da blablarina para aquele "incidente"?

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador